aki

cadastre-se aqui
aki
Política
10-01-2018, 9h20

Acusação reforça lobby tucano contra Serra candidato em SP

Delator da Odebrecht diz que pagou propina a senador
10

KENNEDY ALENCAR
SÃO PAULO

O jornal “Valor Econômico” revelou nesta terça que o ex-presidente da Odebrecht Pedro Novis afirmou em delação que a empresa pagou propina de R$ 52,4 milhões ao senador José Serra (PSDB-SP). Essa revelação complica bastante os planos de Serra para disputar o governo paulista, vaga para a qual é cotado no partido.

Há uma ala do PSDB paulista que tem desaconselhado Serra a concorrer ao governo paulista. Esse grupo defende que ele continue a manter um comportamento político discreto do ponto de vista público. Uma campanha ao governo paulista atrairá holofotes que darão eco às acusações contra Serra no âmbito da Lava Jato.

O senador, que afirma que nunca recebeu dinheiro de caixa 2 ou de propina, tem apostado na estratégia jurídica de contar com a idade superior a 70 anos para que os prazos de prescrição de eventuais crimes sejam contados pela metade. Serra tem 75 anos. Tucanos esperam que os inquéritos não tenham a mesma agilidade das investigações contra o ex-presidente Lula e se arrastem, apostando na prescrição para livrar o senador de eventuais condenações.

Na delação de Novis, o maior complicador é um suposto pagamento de R$ 23,3 milhões a Serra em 2010, numa contrapartida à liberação de R$ 170 milhões em créditos devidos pelo governo paulista à Odebrecht. Novis fez essas revelações à Polícia Federal em junho, em depoimento num inquérito que tramita no Supremo, apresentando documentos da empreiteira.

Em 2010, Serra deixou o governo paulista e foi derrotado por Dilma Rousseff na disputa presidencial. Como ficou claro na Lava Jato, a Odebrecht apostava alto em todos os cavalos com chance de vencer as eleições.

Outro complicador é a informação de que o lobista José Amaro Ramos, suspeito de ter ligações antigas com o PSDB para agir na sombra como arrecadador de recursos, teria indicado uma conta no exterior para receber dinheiro da Odebrecht que seria direcionado a Serra.

Como os tucanos têm conseguido escapar de conduções coercitivas e prisões temporárias e preventivas na Lava Jato, uma ala do PSDB paulista quer que Serra não faça marola política e esqueça a possibilidade de concorrer a governador, já que ele possui mais quatro anos de mandato no Senado.

A dificuldade de Serra viabilizar sua candidatura estadual fortalece a possibilidade de o prefeito de São Paulo, João Doria, concorrer ao Palácio dos Bandeirantes.

Comentários
10
  1. Edi Rocha disse:

    Disse-se que na lava-jato os partidos cobravam de 1 a 3% de propina.
    .
    Temos aqui, pelo mencionado acima, José Serra (PSDB) recebendo 23,3 milhões de uma contrapartida de 170 milhões, ou seja, quase 14% de propina. Fora a suspeita conta no exterior e fora outras a se comprovarem.
    .
    Como são protegidos os pessedebistas, viu. E confiando na prescrição (que vai acontecer).

  2. Sebastiao Augusto Canabrava disse:

    Ai, Sr Walter! Tudo caminhando como o Sr gosta. Como tucano, o Sr vai gostar do caminho aberto para seu idolo Doria. Mas, alerto: quando vier a tona quem realmente e’ o Doria, que o Sr nao venha a mudar o discurso (como ja’ o fez em relacao a Aecio, Temmer e outros).

  3. Ricardo disse:

    Imaginem se estas acusações fossem feitas contra o Lula ou o PT. Veja, MBL, PSDB, DEM entre outros estariam estéricos. Mas como sempre quando é contra o PSDB as coisas tem destaque pequeno e a justiça é mais lenta ainda, e lembrando tem o Gilmar Mendes para ajudar. Só não enxerga quem não quer ver.

  4. Ainda bem que o juiz Sergio Moro esta espremendo de acordo essa rataiada e com isso vai deixar muita gente de fora, abrindo vagas para gente nova, com outras ideias, mais honestos, capaz de reverter essa balburdia politica e economica que se instalou no País, na minha infância e adolescência, o numero de janeiros na idade de um homem, era sinônimo de seriedade; honestidade; e retidão, hoje fico chocado quando vejo a policia Federal meter algemas nos pulsos de um idoso como Maluf e tantos outros, figuras que deveriam ser exemplo para a gerações mais nova, fico imaginando como eles tem coragem de encarar a esposa, filhos, netos bisnetos, o que dizer aos seus descendentes, que até agora os viam como heróis bem sucedidos e de uma hora para outra, descobre os canalhas que são, mostrando claramente as causas que levaram a economias deste País a essa derrocada.

    • FG disse:

      Concordo com o sr. imagina se esse tal Judge Morow tiver filhos e eles tiverem senso crítico e descubrirem tudo que o pai fez em favor do poder econômico daqui e de outros lugares para vender o Brasil.

  5. walter disse:

    Não há como evitar Kennedy, o Serra deve sim, e não é pouco; não defendo serra ou Aécio, deveriam ter saído da sigla, não são dignos , pelo conjunto da obra; não precisamos aguardar julgamento, esta claro, são muitas acusações…ser candidato a governo de SP o serra; não havia condições antes, quanto mais agora..aliás, desta vez SP até aqui não tem nomes de peso…precisaremos de um governo sério, que não venda…SP é a ultima fronteira do Brasil…devemos ter muito cuidado em 2018.

  6. Fabio disse:

    Os tucanos podem ficar tranquilos, nesse Brasil a Justiça jamais se lembra deles e eles estão livres para fazerem o que quiserem.
    Obs: nao voto jamais em ninguem do PSDB e nem PMDB

    • p/Fabio. disse:

      Você se esqueceu de acrescentar PT, PTB, PDT, DEM e a maioria das quadrilhas travestidas de partidos políticos, meu caro. Infelizmente é tudo farinha do mesmo saco. É preciso uma faxina geral nos políticos do país! Com “raríssimas” exceções, seria o ideal que fosse renovado todo o quadro político do país, nas áreas federal, estadual, municipal. É difícil, mas não impossível. Seria como extirpar um câncer maligno: arrancar fora! Seria necessário começar tudo de novo, como se o país estivesse começando de novo. Sem a ladrãozada que promoveu o maior escândalo de corrupção do mundo: lula, temer, aécio, serra, alkmin, renan, jucá, padilha, moreira franco, marun, perondi, gleisi, paulo bernardo e todos seus asseclas!

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados

Não serão liberados comentários com ofensas, afirmações levianas, preconceito e linguagem agressiva, grosseira e obscena, bem como calúnia, injúria ou difamação. Não publicaremos links para outras páginas devido à impossibilidade de checar cada um deles.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

 
2018-04-27 03:53:39