aki

cadastre-se aqui
aki
Economia
09-02-2018, 8h23

Alta da gasolina reforça baixa popularidade do governo

Esse preço pesa mais no bolso dos mais pobres
10

KENNEDY ALENCAR
BRASÍLIA

O Palácio do Planalto avalia que os reajustes dos preços da gasolina e do botijão de gás, muito acima da inflação oficial ao longo de 2017, são vilões da impopularidade do governo ao lado da imagem de corrupção.

A gasolina subiu mais de 10% no passado. O botijão de gás de cozinha ultrapassou 16%. Isso em valores médios, porque, em algumas regiões do país, a alta dos produtos foi maior. Como são dois itens que pesam muito no orçamento dos mais pobres, há uma sensação de dificuldade econômica que contrasta com a pregação de que a inflação oficial ficou abaixo do piso da meta _apenas 2,95% no ano passado.

Aliadas à imagem de corrupção que grudou mais fortemente no governo após a delação da JBS, os preços da gasolina e do botijão de gás são os maiores obstáculos a uma melhora na imagem do governo que será tentada por meio de campanha publicitária.

Numa série recente de entrevistas, o presidente Michel Temer adotou um tom mais agressivo para se defender das acusações de corrupção, atribuindo-as a uma conspiração do ex-procurador-geral da República Rodrigo Janot e de personagens hoje presos, como Joesley Batista e Ricardo Saud, do grupo JBS.

Em relação ao preço da gasolina, a ala política do governo gostaria que o presidente da Petrobras, Pedro Parente, fizesse novas mudanças na política de reajustes, criando intervalos maiores de reajuste como ocorreu no caso do botijão de gás.

Mas o presidente Michel Temer descartou a ideia. Depois de vender a gestão de Parente como de recuperação da Petrobras, o presidente considera que seria um risco fazer qualquer interferência no modelo de fixação do preço da gasolina. Já houve mudanças internas na forma de divulgar e ordenar tais reajustes.

É aquele caso em que o problema é ruim, mas pode piorar se o governo fizer uma interferência na Petrobras. Portanto, a ordem é aguentar o tranco.

Ouça o comentário no “Jornal da CBN”:

Comentários
10
  1. Georges Christian Costaridis disse:

    O que não entendemos é como se consegue controlar preço de um produto que sobe e desce todo dia. Se virou commodity tira dos postos e coloca na Bolsa.Além do que praticam o preço diário internacional mas oferecem um coquetel batizado com quase 30% de álcool (e sabe-se lá mais o quê), o que torna essa prática maquiagem de produto e deveriam ser responsabilizados por esse crime.Mas fique sossegado Sr. Temer porque a antipatia do povo para com sua figura se extende muito além desse fato.

  2. Will disse:

    Pois é caros leitores….Infelizmente, com estes preços absurdos da gasolina, e ainda por cima misturada com etanol, estamos pagando os prejuízos (roubos) feitos na Petrobrás ! Como sempre o Brasileiro escravo oprimido pela classe Política Currúpta !

  3. Edélcio Walmir Salvador disse:

    Se o preço baixar o Temer sabe o que vai acontecer!!
    Desculpa de perdedor,nazista não só Ele como toda a corja da cúpula.

  4. eduardo b disse:

    Ou A Petrobras vai mal e o povo vai bem, ou vice-versa. A gasolina subiu mais de 20% e o gas 30-40% dependendo da região.Houve falha da Dilma em segurar o preço dos combustiveis, e falha do atual em liberar os preços.Pontos de vista divergentes, se vc é um economista frio ou se vc é um sociologo com visão humana.

  5. Direto ao assunto! disse:

    Gostaria que alguém explicasse o porquê a gasolina é vendida, num posto da Petrobras, no Paraguai, a 2,50 reais o litro. Há um vídeo correndo na internet, onde uma frentista, com uniforme da Petrobras, num posto de gasolina com placa da Petrobras, vendendo lá no Paraguai a gasolina que vai daqui, a 2,50 reais o litro! Por que isso é possível?

  6. walter disse:

    O setor de combustível é mafioso Kennedy; estamos identificando traços de vícios, manipulações mesmo; isso acontece e não é de hoje…a maior prova disso..jamais repassam para baixo os descontos da Petrobras, sempre tem um “probleminha”…só não vê quem fiscaliza, chega a ser triste por ser tão óbvio…não vamos falar em cartel, vícios em bombas…etc…A Petrobras esta fazendo a lição de casa, esta mais transparente; vamos acreditar…

  7. Analista Alpha disse:

    Governo incompetente nunca terá boa aprovação. Governo burro também. Esse governo consegue ser os 2, incompetente e burro, não tem como ter boa aprovação.
    Veja as açoes do governo: Aprovou teto de gasto. Quem afetou? Os pobres, desfavorecidos, com menores gastos em educação e saúde. Não se ouviu falar em diminuir gastos publicitários (ao contrário), mordomias, excentricidades.
    Aprovou reforma trabalhista. Quem afetou? De novo os mais pobres, trabalhadores em geral. Com a reforma, houve melhora no emprego? Melhoraram os salários? Nível de renda?
    Quer reformar a previdência? Quem afetará? De novo: Os trabalhadores, privados e públicos.
    O que fez o governo que afeta os profissionais liberais? Empresários? As classe A e B?
    Entende porque tem baixa aprovação? Não é só gasolina e gás !!!!

  8. BRAGA BH disse:

    Esta reportagem me fez lembrar do longínquo 2014. A Petrobras anuncia um aumento nos combustíveis, $xx para gasolina, $yy para o alcool, $zz para o gas de cozinha e 2,06% (este eu me lembro bem!) para o diesel!! As federações e confederações dos transportes de todo o país, comandadas por Clesio Andrade, fez um barulho enorme, com greves por todos os cantos do país, desabastecimento de combustíveis e de comida em muitos locais conseguindo então um retrocesso por parte do governo Dilma. Hoje o diesel já subiu mais de 12% e as buzinas dos caminhões assim como as panelas das varandas chiques estão mudas…

  9. Marcio disse:

    Essa avaliação do Planalto serve como pano de fundo para ocultar a verdadeira realidade que acercam eles, provavelmente nenhum desses que estão sob a mira da Lava jato conseguiram a reeleição, com isso perderão o seu precioso foro privilegiado, e advinha o acontecerá cairão nas mão do Juiz Sergio Moro. O temor é grande nos corredores de Brasilia, e não adianta inventar propaganda para tentar melhorar a imagem do Temer, e foi aliado da Dilma/Lula durante 6 anos, poque será que o PT concordou em te-lo como vice nas sua chapa em dois mandatos, porque são todos do mesmo “time”.

  10. joao disse:

    Qdo os preços sobem, as bombas são automáticas no reajuste mas qdo o preço cai é muito raro chegar nas bombas, é a lei do espertalhão..

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados

Não serão liberados comentários com ofensas, afirmações levianas, preconceito e linguagem agressiva, grosseira e obscena, bem como calúnia, injúria ou difamação. Não publicaremos links para outras páginas devido à impossibilidade de checar cada um deles.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

 
2018-02-22 15:43:23