aki

cadastre-se aqui
aki
Política
14-07-2017, 21h36

É arriscado para Temer não barrar denúncia no início de agosto

Governistas falam em engavetar acusação, mas poderia ser tiro no pé
8

KENNEDY ALENCAR
BRASÍLIA

É muito arriscado para o presidente Michel Temer adiar a votação e deixar engavetado, mas aberto, um tema tão delicado. Por isso, o governo deve mobilizar sua tropa para tentar barrar em 2 de agosto na Câmara a autorização para que o Supremo Tribunal Federal analise a denúncia do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, contra o presidente da República.

Para Temer, seria péssimo não ter derrubado a autorização para o Supremo analisar a primeira denúncia de Janot e surgir uma segunda acusação para a Câmara analisar.

Hoje, a tendência seria uma vitória do governo. Mas um fato novo, como uma delação do doleiro Lúcio Funaro ou do ex-presidente da Câmara, pode trazer complicações.

*

Guilhotina à vista

Para sobreviver politicamente, Temer decidiu contar com uma base menor, formada por partidos conservadores do chamado Centrão. Assim, imagina ter assegurados 220 aliados fiéis para enfrentar as acusações de Janot.

Integrantes desses partidos demandam mais espaço no governo justamente em cima de cargos hoje em poder de tucanos. Como o PSDB está cada vez mais distante de Temer e liberou os deputados a votar como quiserem em relação à denúncia de Janot, o presidente pode acionar a guilhotina e demitir ministros tucanos.

Assista aos temas do “SBT Brasil”:

Comentários
8
  1. walter disse:

    Caro Kennedy o Temer tem segurança com o Centrão, como tinha o cunha, são “adestrados”; tudo por uma liberação de emenda, e não dá para dizer que estão errados, com o déficit que a dilma deixou, é a maior deixa do temer, se aumentar para se manter no poder, a cobra engraxada e preparada, para empurrar dificuldades… as acusações do Lucio Funaro, sem provas, depois da JBS é café pequeno…quem pode surpreender é o cunha, mas até isso pode mudar, já que seus aliados estão com o temer…pode até dizer mas não apresentará provas contra o temer…se o governo for esperto, e já esta sendo, vai carregar este governo com muito custo até o fim…se fizer a reforma da previdência então, passa pelo crivo do mercado…o PSDB perdeu sua deixa, com a indecisão, mas o Aécio esta se aproveitando no paralelo…ou morre na praia…

  2. Elsonio disse:

    Esse governo não é mais nada. Ou melhor, nunca foi. Ele primeiro, deu o golpe na presidenta eleita pelo povo. Esta envolvido até opescoço em corrupçao. Usam o dinheiro nosso pra comprar deputados que se vendem até por um prato de comida. Eu pergunto que pais é êsse.

  3. Aga Menon disse:

    Tem o negócio do prazo de validade dele previamente estabelecido…quanto as guilhotinas, são várias, cada uma com sua especificação, contida nos e ‘manualzinhos’. É só abrir e tem tudo lá, bonitinho e fácil de entender. Essa daí de cima, segundo ‘Manéu Caixa’, é mais apropriada para os bichos de pena…afiada!

  4. mano disse:

    prezados: O Temer não precisa se preocupar. Ele compra os deputados e sabe que a classe média brasileira prefere um corrupto descendente da aristocracia (mau ladrão) do que um corrupto descendente da pobreza (bom ladrão).

  5. Carlos disse:

    É o fim dos políticos que são deputados federais e estão obedecendo seus partidos a ir contra a vontade do eleitor. Será que não veem que esses deputados que estão fazendo por pressão a vontade de seus partidos e votando para que o presidente não vá responder ao supremo nenh8um deles vãose reeleger? O povo tá de olho! Se o presidente não deve nada, por que está gastando tantos bilhões com emendas e os deputados que tem os olhos grandes indo atrás?

  6. Emenda criada pelo deputado Vicente Cândido (PT) visa impedir prisão de candidatos em ano de eleição! disse:

    Pode existir maior cara de pau, visível apoio a corruptos, falta de respeito com a opinião pública, com o eleitor que colocou os deputados como “representantes do povo” e não como “afrontadores do povo”, do que um deputado propor uma emenda dessa natureza: Vicente Cândido (PT-SP), relator da reforma política, incluiu em parecer dispositivo que aumenta de 15 dias para 8 meses período em que candidato não pode ser preso, exceto em flagrante.
    Num momento em que são escancaradas as roubalheiras aos cofres públicos envolvendo bandidos travestidos de “representantes do povo” (DE TODOS OS PARTIDOS – PARA QUE OS PETISTAS NÃO DIGAM QUE SÓ ELES ESTÃO SENDO INVESTIGADOS, DENUNCIADOS E PRESOS). Isso é mais uma afronta ao eleitor, ao povo indignado com tanta roubalheira aos cofres públicos. O nome desse deputado tem que ser lembrado em primeiríssimo lugar, na lista dos que não devem ser votados em 2018: VICENTE CÂNDIDO (DO PT) É O NOME!

  7. A LAVA JATO TIRA O FRUTO RUIM - O VOTO EM 2018 TRARÁ FRUTO BOM! disse:

    É visível o elo e o aumento do grau da “INSENSIBILIDADE” dos mais periculosos criminosos: os corruptos e os latrocidas. Os corruptos com casuísmos mudando leis e prazos, comprando votos, distribuindo cargos e verbas, etc, num total desdém à opinião pública, à justiça, à lei, à vida do semelhante – e do nível de “Mensalão” chegou-se ao nível de “Lava Jato”.
    Os latrocidas antes matavam “para roubar”, agora matam após terem despojado as vítimas de seus bens sem qualquer reação: “matam após roubar”, num total desdém pela vida humana.
    Os dois fatos se relacionam entre si. É grande a influência das camadas “superiores” sobre as “inferiores”. Mas é preciso reconhecer que o excessivo contingente de analfabetos funcionais, fruto de uma educação deficiente, onde a ausência do ensino do espírito de cidadania, amor à pátria, respeito pelo semelhante e zelo pela coisa pública são fatos indiscutíveis. Se uma árvore é boa, dá fruto bom; se é má, dá mau fruto. O voto é um fruto.

  8. Wellington Alves disse:

    O mesmo Centrão que foi decisivo no impeachment. São traidores da pátria, tal qual os patos que saíram nas ruas.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados

Não serão liberados comentários com ofensas, afirmações levianas, preconceito e linguagem agressiva, grosseira e obscena, bem como calúnia, injúria ou difamação. Não publicaremos links para outras páginas devido à impossibilidade de checar cada um deles.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

 
2017-12-17 23:19:47