aki

cadastre-se aqui
aki
Política
22-11-2017, 8h13

Temer busca mais 50 votos para reforma da Previdência

Em Jantar hoje, deputados discutirão proposta enxuta
2

KENNEDY ALENCAR
BRASÍLIA

Nas contas feitas até ontem no Palácio do Planalto, estimava-se que o governo teria garantido o apoio de 270 deputados a favor de uma proposta enxuta de reforma da Previdência. Portanto, precisaria garimpar cerca de 50 votos para ter uma margem de segurança mínima. Ou seja, contabilizar 320 deputados para obter o apoio de 308 em dois turnos de votação.

O presidente Michel Temer marcou jantar hoje com deputados federais para debater a reforma da Previdência. O relator da reforma, Arthur Maia (PPS-BA), vai apresentar o novo texto nesse jantar, que será fundamental para Temer buscar essa margem de segurança.

Se der certo, haverá votação na terça ou quarta da semana que vem. O presidente da República só pretende bancar a votação se tiver votos suficientes. Do contrário, vai recuar e deixar para fazer nova tentativa em 2018.

Mas há ceticismo quanto ao êxito de uma votação de reforma da Previdência na Câmara em 2018, porque será ano eleitoral. A janela de oportunidade é agora.

O jantar de hoje e as articulações nos próximos tendem a selar o destino dessa reforma da Previdência. Ainda que desidratada, ela é desejada pelo mercado financeiro e pela equipe econômica.

Ouça o comentário no “Jornal da CBN”, que também tratou da reforma ministerial e da crise no Rio entre o TRF e a Assembleia Legislativa:

Comentários
2
  1. "PÃO COM MARGARINA E CHÁ DE SIMANCOL .... Ô PRESIDENTE DA RES PUBLICA”! disse:

    Eu gostaria de saber: quem será que banca tanto café da manhã, almoço, jantar, quase todo dia, para reunir políticos para combinarem seus acertos? Será que há tanta “bala na agulha” assim com os políticos? Ou será que são “balas nas agulhas” dos cofres públicos? Falo isso porque há tanta notícia, todos os dias na televisão, de hospitais Brasil afora, faltando medicamentos, médicos, leitos, gente morrendo por falta de atendimento médico! Se tais festinhas estiverem sendo patrocinadas pelos cofres públicos com o dinheirinho suado dos impostos, poderiam pelo menos servir apenas uns “lanchinhos de pão com margarina com chá de simancol” e deixar um pouquinho de dinheiro para os hospitais… Ô PRESIDENTE DA “RES PUBLICA”!

  2. walter disse:

    Como havia dito lá atrás caro Kennedy, a reforma vai sair a fórceps, mas vai…esperemos que as alterações não sejam danosas a causa…o dilema do temer, é tentar agradar a todos os seus pares, principalmente no PMDB, da velha guarda…ao mesmo tempo, tenta construir uma base, para quem sabe concorrer a presidência; falta lhe sanidade, esta sendo muito otimista; suas medidas tem sido indigestas; por incrível que pareça, o fato de ter esta ambição ao planalto, na forma legitima; evitará que cause estragos irreparáveis no país ano que vem…

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados

Não serão liberados comentários com ofensas, afirmações levianas, preconceito e linguagem agressiva, grosseira e obscena, bem como calúnia, injúria ou difamação. Não publicaremos links para outras páginas devido à impossibilidade de checar cada um deles.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

 
2017-12-17 23:03:35