aki

cadastre-se aqui
aki
Política
11-07-2017, 21h02

Temer já não conta mais com PSDB e Maia para sobreviver

Presidente aposta nas legendas conservadoras do centrão
5

KENNEDY ALENCAR
BRASÍLIA

Em conversas reservadas, o presidente Michel Temer tem dito que não pode mais contar com os tucanos nem com o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), para defender o seu mandato. Temer avalia que o rompimento com o PSDB é uma questão de tempo.

O presidente não vai agredir o PSDB e o DEM, mas já trabalha com o cenário de ficar com uma base de apoio menor no Congresso, mas que seria mais fiel.

O governo aposta nos partidos do chamado centrão, como PMDB, PP, PR, PTB e PRB. O presidente espera contar com essas legendas para derrubar a primeira denúncia da Procuradoria Geral da República e se preparar para enfrentar outras. Mesmo assim, será uma façanha política sobreviver no cargo.

*

Pelas beiradas

O primeiro movimento de Rodrigo Maia foi se credenciar perante o mercado financeiro, a fim de tentar se consolidar como eventual sucessor de Temer. Ele teve encontros com bancos e agências de análise de risco para defender reformas e medidas econômicas que agradam ao sistema financeiro.

Depois, o presidente da Câmara se aproximou de grandes grupos empresariais. Mais recentemente, passou a se reunir com deputados e senadores que avaliam que Temer poderá até sobreviver à primeira denúncia do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, mas que dificilmente derrubaria outras acusações.

Por último, teve uma reunião com o presidente interino do PSDB, Tasso Jereissati, a fim de vencer resistências ao nome dele. Depois desse encontro, na semana passada, o tucano passou a defender Maia como político capaz de trazer estabilidade ao país.

Ou seja, a fritura e o desgaste de Temer pavimentam o caminho do presidente da Câmara rumo ao Palácio do Planalto, porque é ele o primeiro na linha sucessória. Seria a solução natural na hipótese de queda de Temer.

Assista aos temas do “SBT Brasil”:

Comentários
5
  1. walter disse:

    Esta aí uma decisão inteligente do temer, por experiência e dominio, por tanto esta antecipando se a mesmice viciosa da Câmara…este Rodrigo Maia é uma piada, um sujeito asqueroso, sem qualquer preparo, almejar ser presidente, com tal retóricas, ACABA FAZENDO O PAPEL DE IDIOTA UTIL; não tem qualquer possibilidade de conseguir, e se chegasse lá, caí na mesma armadilha, que o temer…quanto ao PSDB, chega a ser ridículo como estão divididos, e são traíras também, querem tentar emplacar o FHC nesta transição…pior tem apoio enorme, afinal é mais um carioca tentando criar situações que não agregam…são inimigos da lava jato…tentam passar por cima de todos os obstáculos, e um deles, é o presidente que não esta preocupado, já sabe que não pode contar…a reforma trabalhista que já esta acontecendo HJ, vai agregar valores importantes ao temer…continuará até o próximo episódio, ou seja, novas delações do cunha…

  2. Claudio Aaron disse:

    Falta de caráter deveria doer, só assim pessoas sem escrúpulo tentariam evitar suas ações. Falta de caráter somado à falta de valores levam o homem a uma busca insensata pelo poder que por fim os leva a perdas irreparáveis. Bob Marley já cantava que viveríamos numa corrida de ratos, mas na época não compreendíamos a letra de sua música. Boa sorte Brasil, que em 2018 os brasileiros saibam dar resposta à altura.
    Claudio Aaron
    Brasília, DF

  3. José Marques disse:

    O problema é que Maia é o primeiro na linha sucessória de Temer e também o próximo a cair, pois basta ele assumir para começar a aparecer as sua mazelas e consequentemente pressão dos opositores.
    Não defendo Temer, Maia nem ninguém, defendo o Brasil e seu povo e empresários honestos e trabalhadores.
    Quem tiver que pagar que pague mas não ao custo de paralisar o país.
    Políticos, promotores, juízes, servidores públicos, entre outros profissionais ganham com o país em crise ou não, agora, o desempregado precisa de emprego imediato, neste momento, não dá para ficar esperando o desenrolar de uma crise que tem próximos capítulos…

  4. Elizeu Grifo Rezende disse:

    As coisas estão se reconfigurando de uma forma drástica. Mas a pergunta que que precisa vir ao ar, mesmo depois das últimas mudanças é: se o presidente “Treme” é tão inocente como quer parecer, se o Brasil está sofrendo tanto com o desgaste político, por que não deixar que as coisas caminhem naturalmente? “Quem não deve não “Temer””. Por que tanto esforço para compor uma base aliada? Por que tanto esforço econômico para comprar deputados quando o próprio Brasil passa por uma crise econômica tão crítica? Por que a crise econômica é tão grave a ponto de ter que salvar o Brasil e ficar no poder com uma crise moral pior ainda? Por que fazer tantos cortes econômicos em vários setores e o dinheiro correr solto para angariar aliados? CULPA! CULPA! CULPA! O Presidente é culpado e nós não aguentamos mais tanta gente corrupta na política brasileira. Não temos medo da crise se ela vir e o congresso e STJ forem limpos desta gentalha brasileira.

  5. mano disse:

    prezados: O PT caiu em desgraça porque tá enrolado na lava jato, perdeu apoio do Congresso e não faria as reformas que o poder econômico quer. Temer vai cair porque tá enrolado na lava jato e foi pego numa garagem tratando de assuntos relacionados a corrupção e obstrução da justiça. O vácuo político é muito grande. Que outubro de 2018 chegue logo para podermos eleger o próximo presidente da República e o novo Congresso. Os próximos 18 meses serão uma grande incógnita. Inflação estável com tendência de baixa em função de demanda baixa não recupera economia e não reduz desemprego. Não adianta ser a 7ª economia do mundo com base no setor primário. Não temos importância estratégica e a renda percapita é muito baixa porque não priorizamos a educação, então o resto é consequência. A nossa economia é de eterno vôo de galinha – a cada 5 anos uma crise e a população paga a conta. Deus nos ajude!

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados

Não serão liberados comentários com ofensas, afirmações levianas, preconceito e linguagem agressiva, grosseira e obscena, bem como calúnia, injúria ou difamação. Não publicaremos links para outras páginas devido à impossibilidade de checar cada um deles.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

 
2017-09-25 21:11:11