aki

cadastre-se aqui
aki
Política
08-03-2017, 22h19

Temer monta estratégia para mostrar força ao mercado

Ideia é aprovar pontos de reforma trabalhista e depois previdenciária
3

KENNEDY ALENCAR
SÃO PAULO

Como o governo sabe que sofrerá desgaste com os pedidos de abertura de inquérito no Supremo Tribunal Federal a partir das delações da Odebrecht, a estratégia de defesa do governo Temer prevê mostrar que não haverá paralisia do Executivo nem contaminação da agenda congressual.

Os empresários e o mercado financeiro perguntam se o presidente Michel Temer terá força para aprovar as reformas. Em resposta, Temer traçou um plano.

Pretende aprovar na Câmara em março um projeto que regulamenta a terceirização e que já foi votado pelo Senado. Assim, entregaria um ponto importante da reforma trabalhista.

Se houver tópicos que o governo considere inadequados, Temer vetará. O mesmo deve prevalecer em relação a um projeto do Senado já votado pela Câmara. O presidente vetaria uma parte. A ideia é evitar modificar propostas para que elas não tenham de ser apreciadas pela outra Casa Legislativa. Assim, o governo agilizaria pontos da reforma trabalhista.

Já a reforma da Previdência seria votada totalmente na Câmara até o começo de maio e depois enviada ao Senado. Temer espera que isso funcione como sinal de que o governo terá força bem no meio de uma tempestade política.

*

O outro tema do “SBT Brasil” foi a decisão da Segunda Turma do STF que transformou o senador Valdir Raupp (PMDB-RO) em réu por lavagem de dinheiro e corrupção passiva. Isso enfraquece tese de anistia ao caixa 2 eleitoral.

Assista aos temas do “SBT Brasil”:

Comentários
3
  1. walter disse:

    Kennedy, tem medo sinceramente, destas iniciativas inexplicáveis do Governo…pretende de fato, ludibriar os opositores dos pacotes…misturar reformas trabalhistas com previdenciárias…daqui a pouco, vai tentar agregar, as reformas tributárias; tudo isto me parece, um salamaleque sem tamanho, e nada garante a melhor posição, ou seja…a lisura necessária, as conversas ideais com a sociedade…lembra me o Ulisses Guimarães com a aprovação da constituição, se não me engano de 88…muitas pontas ficaram soltas, e nos causam problemas até HJ…somos reféns de certos desdobramentos sem qualidade.
    Precisamos ficar atentos, a cada passo do Temer, torna se duvidosos, por ter interesses claros, de acabar com a lava jato; pelo menos de causar danos contra o caixa dois…

  2. ANDRE disse:

    O Michel Temerário governa para o mercado. Mas ainda acredito que o povo brasileiro irá às ruas, ocupará os espaços. Não podemos ficar parados, se eles percebem a crise que ajudaram a criar como a chance de nos assaltar, vamos perceber esta crise como a chance de mudarmos, de nos livrarmos deste parasitas que infestam o poder no Brasil. Peço a todos que não ouçam o que diz a cara propaganda do governo no horário nobre da globo, mas que se informem, conversem e tire suas próprias conclusões. Não sou contra totalmente as reformas, mas elas tem que ser discutidas e negociadas com a sociedade, a conta tem que ser dividida por todos e não só pelos trabalhadores e por fim, não podemos aceitar que esta reforma seja conduzida pelo atual enlameado parlamento.

  3. walter disse:

    Não vai dar certo Kennedy, reformas mistas, são suspeitas, demonstram com bastante antecedência, que estarão tentando enganar o congresso e a sociedade…por que este salamaleque todo??? Se o temer que reformar, faça uma de cada vez, não misture as situações, nada justifica esta confusão…quantos aos seus amiguinhos mal intencionados; a serviço dos grande caciques, para abonarem o caixa dois na calada da noite; estamos de olhos neles, e no Temer que apoia esta “sacanagem explicita”; lutam de fato, para rasgar a constituição em definitivo; estes caciques safados, não tem princípios…

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados

Não serão liberados comentários com ofensas, afirmações levianas, preconceito e linguagem agressiva, grosseira e obscena, bem como calúnia, injúria ou difamação. Não publicaremos links para outras páginas devido à impossibilidade de checar cada um deles.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

 
2017-06-25 17:37:43