aki

cadastre-se aqui
aki
Política
04-07-2017, 20h56

Temer recorre a corpo-a-corpo contra denúncia de Janot

Presidente busca firmar acordos individuais com parlamentares
6

KENNEDY ALENCAR
BRASÍLIA

O presidente Michel Temer acha que não é suficiente falar apenas com líderes partidários para barrar a denúncia do procurador-geral da República, Rodrigo Janot. Por isso, dedicou a sua agenda hoje a encontrar mais de 20 parlamentares e pretende repetir a tática do corpo-a-corpo.

Temer avalia que precisa firmar compromissos individuais com deputados, muitos dos quais conhece pessoalmente do tempo em que presidiu a Câmara e foi líder do PMDB na Casa. O governo quer o voto ou a ausência dos deputados na análise da denúncia no plenário da Câmara.

O presidente tem evitado tratar de cargos e verbas nesses encontros, mas as reuniões funcionam como um sinal para os deputados e senadores de que o ele honrará acordos feitos por seus articuladores no Congresso.

*

Pegando leve

O senador Aécio Neves (PSDB-MG) aceitou o conselho para continuar licenciado a fim de evitar um racha público no partido a respeito da sua eventual saída definitiva do comando da sigla. O tucano discursou hoje no Senado ao reassumir as funções de senador, conforme decisão do ministro Marco Aurélio Mello na última sexta-feira.

Se Aécio insistisse em voltar à presidência agora, causaria um racha e sofreria boicote de deputados e de caciques tucanos como o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, e o prefeito de São Paulo, João Doria.

Nos bastidores, Aécio voltou a defender a permanência tucana no governo e o voto do PSDB contra a denúncia de Janot. A sobrevivência do tucano depende da sobrevivência de Temer. Foi uma entrada discreta e na qual se preocupou mais com a própria defesa, dizendo-se, como Temer, vítima do empresário Joesley Batista.

Assista aos temas do “SBT Brasil”:

Comentários
6
  1. renata vieira disse:

    O Brasil nunca muda mesmo

  2. Apenas cumprimentá-lo pelas matérias bem elaboradas, equilibradas
    e imparciaIs. PARABÉNS!

  3. Jonas disse:

    Pelo visto no Brasil a imprensa acha normal que um presidente saia no “corpo-a-corpo” tentando comprar deputados com benesses para evitar ser denunciado e processado. Já num país civilizado isso seria um escândalo.
    Enquanto isso o senador bandido Aécio Neves e seu partido de ladrões hipócritas tenta salvar o presidente corrupto e seu governo golpista. E esses são os hipócritas que gritavam “contra a corrupção”, apoiados pelos patos alienados da Paulista, que urravam contra a Dilma mas agora vão ficar quietinhos em casa só para mostrar que também são hipócritas.

  4. NUM MAR DE LAMA, COVIS DE BANDIDOS QUE SE DIZEM "VÍTIMAS"! disse:

    Presidentes e ex- presidentes, governadores, senadores, deputados federais, ministros, empresários poderosos etc, todos investigados pela justiça, muitos presos! E 13 milhões de desempregados. País parado e o presidente da república usando dinheiro público para comprar apoio de deputados e senadores para se manter no poder.
    O porquê das “MALAS DE DINHEIRO e GRAVAÇÕES DE ÁUDIO E VÍDEO FEITAS NA CALADA DA NOITE, ESCANCARANDO A CORRUPÇÃO” substituindo as legais transferências bancárias e as conversas em reuniões agendadas oficialmente, não são explicadas pelos corruptos flagrados em seus delitos. Preferem simplesmente mentir, dizendo que são “vítimas”, enquanto seus advogados procuram anular as provas claras, divulgadas pela mídia nacional e internacional. A conclusão a que se chega é que país está mergulhado num mar de lama, onde nada se respeita mais. E, o pior, a nação começa a descrer do Judiciário. E isso agrava muito o caos do mar de lama em que o país está atolado!

  5. Stanislaw. disse:

    Vemos hoje o PT se movimentando contra a permanência de Temer no poder, sendo Temer parte do lixo deixado pelo PT em seus 15 anos de roubalheiras, de institucionalização da corrupção no país. A conclusão a que chegamos é que o país está, realmente, na mão de bandidos, pois, com raras exceções, todos os partidos políticos estão envolvidos na corrupção. O PSDB, oposição aos governos do PT/PMDB, vê seu líder maior, Aécio Neves, desesperadamente mentindo para se defender, alegando ser “vítima”, quando claramente foi flagrado cometendo crime. É uma vergonha geral. E algumas coisas incomodam muito: “grande parte da mídia” relatando tudo sem demonstrar indignação; o judiciário tomando posições de complacência com os bandidos do colarinho branco, quando não os protegendo; o povo estupefato, indignado porém inerte; as Forças Armadas insensíveis, na base do “quem cala consente”.

  6. walter disse:

    Vamos combinar caro Kennedy, já estão no corpo a corpo a muito tempo temer e janot; “esta situação é clara, como dizia o Arnaldo arbitro”; foi pego em fragrante delito, com uma mala carregada por um de seus assessores…a gravação prova, que de fato recebeu o joesley para tratar de detalhes, de suas tratativas com o meliante, mas não há clareza ali…fica a falta de decoro e de postura de um presidente…A Mala vai condena lo por certo, no futuro…No caso Aécio, se manter apenas afastado do PSDB não é uma solução; se tem considerações a favor do partido, deveria permitir o Tasso, assumir a presidência enquanto pode, ficará de bom tamanho entre seus pares…no futuro será uma eminência parda, uma sombra se o partido aceitar; falar baixo é preciso..deve muitooo!!!

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados

Não serão liberados comentários com ofensas, afirmações levianas, preconceito e linguagem agressiva, grosseira e obscena, bem como calúnia, injúria ou difamação. Não publicaremos links para outras páginas devido à impossibilidade de checar cada um deles.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

 
2017-11-22 21:56:39