aki

cadastre-se aqui
aki
Geral
11-12-2013, 17h05

Alegria de Obama combina com Mandela

Encontro com Raúl Castro é histórico; sorriso em foto não ofende
12

Barack Obama foi muito bem na cerimônia desta terça em homenagem a Nelson Mandela.

É histórico, sim, ele ter tomado a iniciativa de ir cumprimentar Raúl Castro. Mandela deve tê-lo inspirado.

A forma mais rápida de acabar com a ditadura cubana é encerrar o embargo econômico americano contra a ilha. Mais mercado traria mais liberdade a Cuba. E Obama agiu certo.

Os sorrisos e as fotografias com o premiê britânico, David Cameron, e a primeira-ministra dinamarquesa, Helle Thorning-Schmidt, não tiveram nada de ofensivo a Mandela e ao clima do evento.

Nos últimos dias, temos visto nas ruas da África do Sul um país inteiro cantando e dançando. A alegria do presidente dos Estados Unidos combina com o legado de Mandela. Parem de pegar no pé do Obama.

Foto: AE

Foto: AE

Comentários
12
  1. Gustavo disse:

    A alegria de Obama combina com Mandela? Que Alegria? A de matar inocentes no oriente médio?

  2. Cristiane Prado disse:

    Discordo.
    Acho falta de respeito sim. Ele é uma pessoa muito importante e que sabe que estará sendo fotografada pelo mundo todo.
    Existe algo chamado decoro, ou pode-se dizer também, etiqueta.
    Mandela era muito feliz e um exemplo a ser seguido, mas não creio que ele ficaria rindo durante o funeral do Obama, por exemplo.

  3. Maria Lúcia Inocêncio Camargo disse:

    Acho o Obama muito gentil!Concordo!Parem de pegar no pé dele.

  4. Póka disse:

    Olha a cara do negão de quepe atrás do ditadorzinho…num pois uma fé…hehehehe…fico di cara…mas foi bem loco mesmo…”Obina”,hehehe,surpreendendo mais uma vez…tem que dar uma chance pra Cuba,aliás,para o povo Cubano e banir do poder esses Castro…acho isso…valeu….

  5. Daniel disse:

    Governo + sindicatos + Anfavea = Povo ferrado.
    Isso é uma vergonha sem tamanho! Priorizar economia em vez da vida humana. São tão safados que deixam para avisar que vão mudar de decisão no apagar do ano, faltando 20 dias. Não sei nem como nominar essa atitude.

  6. wilson jorge disse:

    Cumprimentar Raul Castro é uma coisa. Acabar com o embargo econômico à Cuba é outra!!!

  7. Jorge Luiz disse:

    Alegria demasiada do Obama em contraste com a infelicidade da maioria da população sul-africana. O Obama deveria ter ficado mais na dele.

  8. Marta Agustoni disse:

    Cuba não é uma ditadura.

  9. Luiz Rezende disse:

    Em primeiro lugar Kennedy, dizer que Cuba é uma ditadura é de um simplismo sem tamanho, decepciona-me este tipo de abordagem no blog. É preciso contextualizar, há meio século vive-se um bloqueio econômico que os Estados Unidos à Cuba, com conivência do resto do mundo. Em segundo lugar, o aperto de mãos não me parece tão significativo como colocado na reportagem. É preciso voltar aos fatos: mantém-se o bloqueio econômico covarde, mantido pelo nobel da paz que, de efetivo, não tem feito nada além do aperto de mão. Comparar, mesmo que de longe, Obama ao Mandela é um insulto ao Mandela.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados

Não serão liberados comentários com ofensas, afirmações levianas, preconceito e linguagem agressiva, grosseira e obscena, bem como calúnia, injúria ou difamação. Não publicaremos links para outras páginas devido à impossibilidade de checar cada um deles.

2020-09-24 19:19:02