aki

cadastre-se aqui
aki
Política
05-10-2015, 21h33

Análise de vetos é teste pós-reforma

16

Postado por: ISABELA HORTA

A votação dos vetos presidenciais nesta terça-feira será o primeiro teste do governo para avaliar se ampliou sua base de apoio no Congresso após a reforma ministerial.

A tendência, por ora, é que os parlamentares mantenham os vetos a projetos da chamada “pauta-bomba”, que podem elevar as despesas para R$ 63 bilhões nos próximos quatro anos.

Se isso se confirmar, o governo poderá medir com mais clareza o tamanho de sua base de apoio após a reforma ministerial.

Dessa forma, o resultado desta terça servirá de termômetro para mapear as forças no Congresso em um eventual processo de abertura de impeachment da presidente Dilma Rousseff.

*

O governo tem dois objetivos ao pedir o afastamento do ministro Augusto Nardes da relatoria das contas de 2014 da presidente Dilma Rousseff no TCU (Tribunal de Contas da União).

O Palácio do Planalto sabe que deve ser derrotado no tribunal e, por isso, quer carimbar essa provável decisão como parcial e injusta.

O segundo objetivo é ganhar tempo. Mas o TCU decidiu, na noite desta segunda, manter a votação prevista para quarta-feira. Antes de julgar as contas do governo do ano passado, o tribunal irá analisar, no início da sessão, se mantém Nardes na relatoria do processo.

Como a tendência é que Nardes não seja considerado impedido pelos integrantes do TCU, restará dois caminhos para o governo. Ou age rapidamente e recorre ao STF (Supremo Tribunal Federal) ou aguarda o resultado de quarta para definir uma nova estratégia.

O governo quer ganhar tempo no TCU porque avalia que o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), poderá se complicar nas investigações da Lava Jato. Isso deverá afetar a relação do peemedebista com a oposição, que tenta usar as “pedaladas fiscais” como justificativa para um eventual impedimento da presidente Dilma.

*

Confira os temas do “SBT Brasil” desta segunda-feira:

Comentários
16
  1. Alvaro Souza disse:

    O desespero tomou conta do governo federal, em especial na figura da presidenta. Está tentando abrir várias frentes para livrar-se de um possível impeachment. Teria sido bem mais fácil conquistar apoio no congresso, assumindo os erros do passado. Evidentemente seria necessário ter de administrar uma dose de desgaste. Porém, numa dimensão bem menor que toda essa quase “tormenta tropical” que atualmente enfrenta. Ao povão, só resta uma alternativa de protesto que efetivamente alcançará à classe política em geral e em especial aos partidos, que é a anulação do voto, já que muitos se sentem obrigados a comparecer à sessão eleitoral, mas, sempre é bom lembrar, o voto é secreto. Portanto lembrem-se disso na próxima eleição.

  2. Alvaro Souza disse:

    Desgoverno Federal. Brasil, pátria deseducadora!

  3. robyson andreotti disse:

    quase 60% dos parlamentares que estão na câmara hoje, vieram de mandatos passados, ou seja, foram reeleitos, quem reelegeu esses deputados, poderiam perguntar para seus parlamentares, por quê as pedaladas fiscais não foram usadas contra LULA, contra Fernando Henrique, contra Itamar Franco??.

    • josé julio o. neto disse:

      Cumpanheiro Robyson, o PT assumiu o poder COMBATENDO e CRITICANDO todas estas maracutaias, hoje, está fazendo tudo muito pior e mais prejudicial ao Brasil e aos Brasileiros, com o agravante de se justificar com o que sempre se propôs a acabar. = NUNCA ANTES NA HISTÓRIA DESTE PAÍS, TIVEMOS UM PARTIDO TÃO MENTIROSO E LADRÃO

  4. O que se pode fazer com relação e essa nossa Presidente é um só desejo, que ela deixe os Brasileiros viver , não sendo massacrado por essa corja de ladão sem respeito e sem moral ,

  5. César disse:

    O desespero está deixando o governo igual barata tonta. Correndo sem direção. Está um salve-se quem puder! Com medo do impeachmentzol.

  6. Elaine disse:

    Quanto delírio, minha nossa. Dilma fica até 2018. Sabe por que? Por uma razão óbvia, não tem ninguém no cenário político capaz de reunificar o país. A comunidade internacional já percebeu isso, bem como os empresários, banqueiros, movimentos sociais, intelectuais, etc.
    Só restou os golpistas de plantão, mas o mentor mor que articula a derrubada da presidenta está por um fio, logo, logo, ele cai, que nem fruta podre e a sua queda será grande.

    • mario machado disse:

      Sra. Elaine:

      Quer a senhora dizer então que só há uma pessoa, a esse universo de porca política, capaz de salvar o Brasil do desastre a que se vê mergulhado a apenas uma canetada mágica?
      Seria, por acaso, madame Dilma que demonstra não saber manobrar o leme dessa Nau(ção)que navega a um abismo sem volta? Vou logo dizendo, para esclarecer mentes embotadas por fanatismo, que não tenho partido como não torço por A ou B, mas, sim, pelo meu único Partido – a “Nação Brasil” e sua população aviltada por tanto “chorume” que escorre dos esgotos do planalto central nos envenenando. Raros, raríssimos, os políticos que merecem nossa total confiança. Eles são como as moedas do Real – atualmente desvalorizadas – ou como outra moeda qualquer: têm duas “caras”. Qual delas é a verdadeira se tornou um dilema a ser decifrado. O Brasil, por tantas “pedaladas” se acha coberto de luto. E então? E Agora?

      • Elaine disse:

        Uai, não foi a Dilma que 54 milhões de brasileiros escolheram? Olha que 54 milhões é gente pra caramba. Agora, faz parte da democracia aceitar a presidente quem NÃO votou nela. Simples assim. Aqui não é uma República de bananas, caro Mario.

  7. César disse:

    O teste pode ser feito com os vetos. Quando for pra valer, serão as votações da nova CPMF e do impeachment. Ai veremos se quem traiu os eleitores, não pode ser traído por seu pares.

  8. Pereira disse:

    Como todos já sabem, o é de praxe duas prioridades na gestão atual, prazo para pagar o que se deve, e jamais querem que a verdade apareça.
    Pois, com certeza com ou sem o Ministro Augusto Nardes, as contas no TCU não vão serem aprovadas, mostrando claramente mais uma vez as irregularidades cometidas por uma gestão sem controles. No que se refere a reforma feita, simplesmente na prática isso não existe, pois ficou mais uma vez claro a forma do toma lá dá cá. Vota no que eu quero que eu te dou mais uma ministério, combinado? E assim o governo vai passando e a população brasileira cada vez mais carente em tudo…
    Falta escolas de qualidades, falta estradas de qualidade, falta saúde pública de qualidade, falta políticos de qualidade, e se tem com certeza é pouco para mudar tudo de ruim que esta acontecendo. Para o brasileiro somente na certeza da esperança de quem sabe, um amanhã melhor, pois a luta é contínua e não acaba nunca.

  9. Sônia Ribeiro disse:

    VERGONHA DE SER BRASILEIRA! MUITA VERGONHA!
    Nobre jornalista, não há argumento algum na face da terra, que justifique qualquer atitude deste governo, que dá medo ao povo! Todo o grau de sujeira, podridão e falcatrua é carro chefe deste governo. O Brasil sangra a cada dia. Esta sra., que se diz presidente dá nojo em nós, brasileiros! O povo mais instruído e lúcido quer esta corja fora, bem longe! A juventude desesperançada quer ir embora para países decentes. Isto não é manobra política, mas golpe de mafiosos desprovidos de quaisquer valores, são corruptos ávidos pelo poder, dinheiro “fácil”, luxúrias e falta do mínimo de vergonha na cara. Em qualquer país sério do mundo, esta gangue já estaria presa perpetuamente, quiçá, no corredor da morte…..NOJO!!!

  10. Alvaro Souza disse:

    Não podemos permitir que transformem o Brasil numa Venezuela.

  11. Mary Rose disse:

    A maioria das pessoas não sabe sequer o que vem a ser as tais “pedaladas” e põe-se a blaterar contra o “espectro da corrupção”. Midiotas que não enxergam os barões da mídia por trás do pano criando as sombras da Caverna e todo o inferno da atual crise política. A ignorância e a desinformação fazem desse povo um alvo fácil da manipulação.
    Ninguém se dá conta da abjeta imoralidade que é a ação desses bilionários donos da mídia monopolista a investir no discurso faccioso, violento e fascista.
    Felizmente, os verdadeiros jornalistas estão se libertando das cadeias dessas corporações midiáticas fascistas, entrave maior à democratização do Brasil. Uma nova imprensa floresce na Internet, nos sites e blogs independentes como este, trazendo esperanças de um futuro melhor para este País.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados

Não serão liberados comentários com ofensas, afirmações levianas, preconceito e linguagem agressiva, grosseira e obscena, bem como calúnia, injúria ou difamação. Não publicaremos links para outras páginas devido à impossibilidade de checar cada um deles.

2020-10-25 19:24:43