aki

cadastre-se aqui
aki
Política
05-03-2015, 9h22

Ao excluir Dilma e Aécio, Janot age como bombeiro na crise

42

Postado por: Daniela Martins

Ao descartar investigações no Supremo Tribunal Federal sobre a presidente Dilma Rousseff e o senador Aécio Neves, o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, age como um bombeiro na crise. Tira gás dos radicais de parte a parte.

A exclusão de Dilma e Aécio da “lista de Janot” ajuda a acalmar um pouco a crise política. O procurador-geral atua com responsabilidade institucional numa hora em que muita gente importante da República age com amadorismo, chantagens e irresponsabilidade.

No meio de tantas notícias ruins na política e na economia, Dilma ganha um argumento forte contra quem vinha falando da possibilidade de impeachment, como os organizadores do protesto marcado para 15 de março. Não significa que os problemas de governabilidade da presidente estejam resolvidos. Ela precisará arrumar um jeito de conviver bem politicamente com os presidentes do Senado, Renan Calheiros, e da Câmara, Eduardo Cunha.

Já Aécio se fortalece como o principal líder da oposição hoje no Brasil, mantendo vigorosa a possibilidade de voltar a ser candidato a presidente. Uma investigação no Supremo poderia dar ao governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, vantagem na disputa interna do PSDB para concorrer à Presidência em 2018.

A “lista de Janot”, assim como as justificativas para pedir investigações e as razões para recomendar arquivamentos ainda estão em segredo no STF. Será importante analisá-las quando se tornarem públicas, o que pode acontecer amanhã por decisão do ministro Teori Zavascki. Mas é possível dizer que, ao pedir mais investigações, Janot quer mais substância do que a fornecida pelas delações premiadas feitas em Curitiba. Isso é bom. Mostra responsabilidade institucional.

Como Janot foi cuidadoso e solicitou abertura de inquéritos, Renan e Cunha terão um tempo jurídico para se defender bem maior do que a duração de seus mandatos como presidentes da Câmara e do Senado. Foram eleitos por dois anos.

Será importante ver o teor das acusações contra os dois para saber se conseguirão se sustentar nos postos. Mas parece que sim, porque não foram denunciados. Logo, têm poder de fogo para complicar a vida de Dilma, como já mostraram fartamente nas últimas semanas e dias. Portanto, a presidente não tem outra saída que não seja abraçar o PMDB para atravessar a crise.

*

PEC da Bengala é casuísmo

A Câmara dos Deputados aprovou ontem, em primeiro turno, a chamada “PEC da Bengala”, proposta de emenda constitucional que estende de 70 para 75 anos a idade de aposentadoria dos ministros de tribunais superiores. Falta votar em segundo turno na Câmara. Essa é uma discussão que está sendo feita de forma irresponsável e casuística.

A discussão é salutar. Um dos argumentos a favor é que as pessoas vivem mais e estão produtivas aos 70 anos. Um ministro, portanto, deixaria a corte superior no momento em que poderia ainda produzir bastante.

O argumento contrário é que a nova regra dificultaria a renovação num poder conservador, mais fechado do que o Executivo e o Legislativo e no qual a ascensão profissional é lenta. Ou seja, poderia desestimular o ingresso de pessoas na carreira de magistrado e reforçaria o conservadorismo inato ao Judiciário.

Mas o pior é fazer uma mudança de regra tão importante apenas por casuísmo político, a fim de evitar que a presidente Dilma possa indicar 5 ministros para o Supremo até o final de 2018. Seria resultado do oportunismo político com a fraqueza do atual governo.

É uma pena tratar um assunto tão sério de maneira tão ligeira.

Ouça o comentário no “Jornal da CBN”:

Comentários
42
  1. Juliano Roberto disse:

    Meu caro Kennedy, não se trata de “responsabilidade institucional” e sim de subserviência. Dilma era Ministra das Minas e Energia e presidente do conselho de administração da Petrobras na época da máxima roubalheira. Uma lista de delação, mesmo que com 1000 nomes, que não inclua Lula, Dilma ou Gabrielli tem tanto valor para o povo quanto a lista de convocados de Dunga para os amistosos da seleção brasileira.

    • clauido disse:

      Por favor sr JUliano, não me inclua entre “seu povo” pois me enoja. Fique com ele e esquece a maioria que deu vitória a Dilma ok?

      • Juliano Roberto disse:

        Você está certo, amigo. Nas eleições, a maioria do povo considerou a Dilma honestíssima e competente, e tudo isso que ocorre com o país hoje é uma ilusão da elite branca do sul. Não há crise moral nem econômica no Brasil, está tudo ótimo. Retifico meu texto: onde se lê “o povo”, leia-se “a justiça e a moral”.

      • Magda disse:

        Esse tal de janot e igual lula, dilma só fala isso pq. já deve ter tido algum beneficiou na não incluir o nome desta senhora…o povo não é bobo sr. janot

    • Ricardo Borges Lourenço disse:

      Juliano Roberto, você usou as palavras que eu usaria para descrever esse episódio. Parabéns pela brilhante interpretação de subserviência!

      • Daniel disse:

        Ótimo comentário Juliano.
        Por isso que não se pode misturar política com poder judiciário.
        Infelizmente, caro Kennedy, do jeito que você fala parece que o Janot “manipulou” a lista para minimizar repercuções políticas dos presidenciaveis.
        Esse seu comentário descredita o trabalho do Janot.
        O que é ainda pior, é que a Dilma era a ministra de Minas e energia e presidente do conselho da Petrobras e não está na lista…
        To sentindo o cheiro de pizza.

    • P/Juliano Roberto: "LULA, DILMA, AÉCIO, RENAN CALHEIROS, EDUARDO CUNHA, CORRUPTOS NO CONGRESSO: MÃOS AO ALTO" disse:

      Eu concordo com você, Juliano Roberto. Veja parte do texto acima:
      “Ao descartar investigações no Supremo Tribunal Federal sobre a presidente Dilma Rousseff e o senador Aécio Neves, o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, age como um bombeiro na crise. Tira gás dos radicais de parte a parte.
      OBS: ( “bombeiro”… “radicais”…)
      A exclusão de Dilma e Aécio da ‘lista de Janot’ ajuda a acalmar um pouco a crise política. O procurador-geral atua com responsabilidade institucional numa hora em que muita gente importante da República age com amadorismo, chantagens e irresponsabilidade”.
      OBS: (“responsabilidade institucional”… “amadorismo, chantagens e irresponsabilidade”).
      Eu pergunto: será função do Procurador Geral da República agir como “bombeiro”, avaliar como “radicais” os pagadores de impostos, indignados com tamanha roubalheira aos cofres públicos? Ou fazer “juízo de valor”, considerando “amadorismo, chantagens e irresponsabilidade” a indignação daqueles que clamam para que se faça justiça, levando aos tribunais aqueles que assaltam os cofres públicos?
      Muito mais grave que a crise “política” é a situação dos que mais sentem os efeitos da roubalheira aos cofres públicos: os hospitais estão cheios de cidadãos sem atendimento médico decente, em macas pelos corredores porque não há leitos, não há médicos, não há medicamentos, tudo porque não há recursos suficientes do poder público.
      E ao mesmo tempo descobre-se que bilhões e mais bilhões têm sido roubados por funcionários públicos, políticos e empresários.
      O PROBLEMA NÃO É POLÍTICO, O PROBLEMA É DE POLÍCIA, JUDICIÁRIO, CADEIA!
      Não há que se tapar o sol com a peneira: se o Lula tem que ir para a cadeia, que vá! Se a Dilma, o Aécio, seja lá quem for, se roubou, tem que ir para a cadeia.
      O país não para porque um político, um governante morreu, foi preso¸ renunciou ou sofreu impeachment.
      Getúlio Vargas morreu, e o país continua aí.
      João Goulart foi deposto, os militares passaram, e o país está aí.
      Collor foi cassado, e o país está aí!
      Ninguém é insubstituível.
      O que não pode haver é uma justiça para um, outra justiça para outro.
      É preciso que se acabe o “dois pesos e duas medidas”.
      É preciso que se aprenda que “É PROIBIDO ROUBAR”!
      E que quem roubar, vai para a cadeia, seja Lula, seja Dilma, seja Aécio!
      É uma vergonha vermos o “ex-presidente” Lula, a Presidente Dilma, o presidente do Congresso Nacional Renan Calheiros, o presidente da Câmara Federal Eduardo Cunha, senadores e deputados federais líderes e de expressão nacional, altos funcionários da Petrobras, altos empresários nacionais, todos de “MÃOS AO ALTO”, GRITANDO E ESPERNEANDO, DESESPERADAMENTE: “ EU NÃO SABIA DE NADA, EU NÃO RECEBI PROPINA NENHUMA, EU SOU INOCENTE”!
      Diante de tudo isso, além dos processos criminais rigorosos para que sejam apuradas as responsabilidades individuais, já é mais do que necessário que haja imediatamente o “IMPEACHMENT”!
      Que me desculpem, mas não é função da Polícia Federal, Ministério Público Federal, Judiciário e, muito menos, o Procurador Geral da República, fazerem política!

  2. Marco Valverde disse:

    Tirar ambos da lista só mostra o quanto os dois são parecidos, trouxas aqueles que idolatram cada um deles.

  3. Aldori Luiz Zulian disse:

    É Justo e oportuno que seja aprovado.

  4. Mercides Junior disse:

    Pelo que vejo o Sr. colocou Dilma e Aécio no mesmo balaio, dá a entender que Dilma e Aécio estão de fora da lista por prevaricação do Sr. Procurador Geral da República, então o Sr. deve saber de algo que nós simples mortais não sabemos, poderia então compartilhar conosco. O comentário feito pelo Sr. é mais prejudicial a Aécio pois Dilma já está na lama, temperada pelo PT.

  5. João disse:

    Conclusões prematuras. A confirmar-se as notícias de hoje de que Dilma foi excluída da lista por razões técnicas o argumento POLÍTICO pelo impeachment se fortalece.

  6. gilberto martins guimaraes disse:

    JÁ FALEI EM OUTRO COMENTÁRIO QUE O PAÍS ATRAVESSA UMA CRISE MORAL SEM PRECEDENTES. ATUALMENTE NÃO PODE EXISTIR COMENTÁRIOS “COMO QUEM GANHA OU NÃO VANTAGENS COM ISSO OU AQUILO”. O POVO BRASILEIRO É O ALVO. CABE A JUSTIÇA AGIR COM COERÊNCIA, LÓGICO DENTRO DA LEI E QUE AS DISPUTAS ELEITOREIRAS FUTURAS NÃO SERÃO SOLUÇÕES DEFINITIVAS.NO MOMENTO AS EVIDÊNCIAS MOSTRAM QUE O PAÍS ESTA SUBMERSO EM UM MAR DE LAMA.COM ODOR DE INGOVERNABILIDADE. O MOMENTO É MUITO SÉRIO, ACREDITO QUE A TRANSPARÊNCIA TÃO ESPERADA POR TODOS POSSA ACALMAR OS ÃNIMOS EXALTADOS DE TODOS AFIM, DE COMUNGARMOS DIA A DIA COM AS DIFICULDADES DA SOBREVIVÊNCIA. GANHAR DINHEIRO FÁCIL DESTA FORMA,JOGAR FORA O SUOR DO SEU POVO EM BENEFÍCIOS PRÓPRIOS E ILÍCITOS, NA MANUTENÇÃO DE ESQUEMAS É AGREDIR DEMAIS E QUERER CONVENCER QUE SOMOS OTÁRIOS. O PAÍS PRECISA DE MUDAR RADICALMENTE ESTA VISÃO DE POLÍTICA.

    GILBERTO M GUIMARAES

  7. Santos disse:

    Eu discordo totalmente do argumento acima. Para mim, agindo desta maneira o país estará perdendo uma oportunidade única de mostrar a população em geral, acostumada ao “levar vantagem”, que os tempos mudaram e que TODOS podem e devem ser punidos por atos criminosos. Poupar Dilma, Aécio, ou qualquer outro de uma investigação séria e imparcial é mostrar ao povo que NADA vai mudar no “país do faz de conta”, ou seja aos não políticos, os rigores da lei e aos políticos a impunidade eterna. Realmente é um país de ME#DA.

  8. Marianne disse:

    A carreira na magistratura é uma das mais cobiçadas no Brasil. Dizer que a não aprovação (ou aprovação, tanto faz) da PEC da bengala vai desestimular as pessoas de ingressarem nessa carreira só pode ser piada. Mesmo porque nem todos os Ministros são oriundos dessa carreira.

  9. gesiel disse:

    “”Quem tem medo de investigação?”” NEM O GOVERNO LULA E NEM O GOVERNO DILMA do PT, NUNCA PRECISARAM DE procurador da Republica, ENGAVETADOR DE PROCESSOS como ficou conhecido o Geraldo Brindeiro no governo FHC do PSDB. O MINEIRO procurador da republica Rodrigo Janot, DEVERIA SE ATER A FAZER O SEU SERVIÇO, pois “”CLARO QUE NÃO É FUNÇÃO DELE PEDIR PARA QUE O STF ALIVIE A INVESTIGAÇÃO OU PUNIÇÃO PRA QUEM QUER QUE SEJA””, como também não era FUNÇÃO do mesmo MINEIRO procurador da Republica Rdorigo Janot, que DEU SUA INTERPRETAÇÃO PESSOAL sobre o AECIOPORTO, e INDISCUTIVELMENTE favoreceu o Aecio Neves do PSDB ao devolver o processo para ser RECOMEÇADO NA JUSTIÇA DE MINAS; “aconselhar” EM PUBLICO a presidente da Republica à demitir funcionarios da Petrobras, visto que OS FUNCIONARIOS ENVOLVIDOS COM A CORRUPÇÃO NA PETROBRAS, ja TINHAM SIDO DEMITIDOS PELA PRESIDENTE DILMA. Na campanha TODOS OUVIMOS A DILMA do PT FALANDO “QUE A CORRUPÇÃO TINHA QUE SER APURADA DOESSE A QUEM DOESSE”. Se o Aecio Neves do PSDB, NEM NAQUELA EPOCA falou a mesma coisa que a Dilma do PT, ISSO NÃO É PROBLEMA DA DILMA, “”como TAMBÉM NÃO DEVERIA SER PROBLEMA DO PROCURADOR RODRIGO JANOT””, que aparentemente NÃO TEM PREFERENCIA PARTIDARIA.

    • Orlando Cardoso disse:

      Gesiel, poupe os brasileiros com tasnta sandice e mentiras. O governo do PT jamais incentivou as investigações, e todas as cpis não foram adiante porque todas as solicitações sérias de quebra de sigilos e depoimentos de denunciados eram abafados pela base de governo, capitaneada peto partido do condenado josé Dirceu.
      Na cpi da Petrobrás de 2008 as manobras do PT e da base encerraram a comissão sem apuração séria, sepultando as iniciativas da oposição.
      Nas Cpis anteriores(2013-2014), a oposição teve de recorrer ao STF para instalar a CPI. Na semana passada o SR. Luciano Coutinho do BNDES perambulava pelo congresso com a missão de sepultar a CPI do BNDES. No Mensalão se não fosse Roberto Jeferson denunciar, tudo estaria escondido.
      O Ministério público e a Polícia Federal agem de forma independentes, e asim apareceu a roubalheira do Petrolão. Na semana passada, durante encontro na ABI, o chefe da organização criminosa, conforme dito no mensalão, atacou de todas as formas o Ministério Público, a PF e a Imprensa. E mesmo assim você vem dizer que esta própria organização criminosa é que está investigando. Poupe-nos. O governo do PT assaltou os cogres públicos e arruinou a situação econômica e financeira do país.

  10. joão mario disse:

    Será que se tivesse acontecido, esse fato gravíssimo, em outro país considerado sério, haveria algum envolvido fora, como acontece por aqui? Quem estiver envolvido que responda por isso, aconteça o que acontecer. E se o povão exigir nas ruas, não é ele quem paga esses senhores? O BRASIL ESPERA QUE CADA UM CUMPRA SEU DEVER.

  11. gesiel disse:

    KENNEDY, “””ENQUANTO NENHUM POLITICO OPOSITOR À DILMA DO PT, TÊM CORAGEM OU MORAL PARA PEDIR PUBLICAMENTE O IMPEACHMENT DELA”””; aqui em São Paulo, O MEDESTO deputado Estadual Carlos Giannazzi do PSOL, protocolou no ano passado, em outubro de 2014, UM PEDIDO DE IMPEACHMENT DO GOVERNADOR GERALDO ALCKMIN do PSDB. Claro que a ALESP, onde o governador Alkcmin do PSDB tem A MAIORIA DOS DEPUTADOS NA SUA BASE, não vai por o REQUERIMENTO DO DEPUTADO GIANNAZZI DO PSOL em votação, como NUNCA PUSERAM NENHUM PROJETO DE INVESTIÇÃO DOS GOVERNOS DO PSDB do ALCKMIN E DO SERRA. Por isso acho que o CAMINHO PARA O DEPUTADO GIANNAZZI DO PSOL, conseguir por em pratica o SEU PROJETO DE CASSAÇÃO DO ALCKMIN, seria recorrer AO STF; sob a alegação de: IMPROBIDADE ADMINISTRATIVA porque o Alckmin VAI MAL EM TODAS AS AREAS; e CONIVENCIA COM A CORRUPÇÃO, visto que o ALKICMIN NÃO DEMITE NEM SECREATIOS ACUSADOS DE CORRUPÇÃO E NEM DIRETORES DAS ESTATAIS PAULISTAS IGUALMENTE ACUSADOS DE CORRUPÇÃO (como fez a Dilma com os minitros denunciados por corrupção e os diretores da Petrobras envolvidos igualmente com corrupção). -HA MUITO MAIS MOTIVO PRA SE CASSAR O ALCKMIN do QUE A DILMA. Por que os JURISTAS FAMOSOS não DEBATEM sobre isso?

  12. luiz rondinelli disse:

    Porque Dilma seria investigada se não foi citada por ninguem, ja que obvio não tem nenhum envolvimento (não digo o PT que acredito que deva ter algo). Ao contrario Aecio tem ficha corrida ate o pescoço. Nesta investigação poderia pegar desde Lista de Furnas até a obras da CEMIG, passando pelas licitaçoes da petrobras em Minas. Fora é claro a relação com Sergio Guerra. Alem disso sua ficha poderia ser ampliada desde os 3 aecioportos (um nao construido, mas o investimento sumiu), helicoca dos Parrelas, radio arcoiris , privataria, etc etc

  13. Marcio Spinelli disse:

    É evidente que a Dilma esta enfiada até o pescoço no meio dessa sujeira da Petrobrás mas, se ninguém teve coragem de denuncia-la, não cabe ao procurador geral, inventar acusações só para ganhar os aplausos da opinião publica, não é essa a função dele. Se o Estado, não tem ferramentas capazes de investigar e punir todos os responsáveis, temos que nos virar para quem tem o poder de mudar as leis e o funcionamento da justiça no pais.

    Em relação a aposentadoria dos magistrados, não é realmente saudável que uma unica presidente indique tantos ministros, mas, o povo (escolhendo certo ou não) deu a ela esse poder através do voto e não adianta agora o congresso ficar fazendo manobras para tirar dela, o poder que o voto do povo lhe concedeu.

    Não teremos uma democracia realmente consolidada enquanto se fizer oposição na base do tapa.

    • Ricardo Oliveira disse:

      Pela mesma razão, então, deveriam chamar o FHC, segundo a sua lógica.
      Aliás, no caso da Petrobrás, poderiam chamar todos os ex-presidentes, começando pelos militares, pois as primeiras denúncias de corrupção remontam ao Sr Sigeaki Ueki.
      E a pergunta que não quer calar: Como alguem compra um apartamento em Paris com salário de presidente??

  14. MARIA FERNANDA MONZO LUPORINI disse:

    O motivo de não apresentar denúncia contra Dilma Roussef está escrito na Constituição Federal, que reza que “o Presidente de República não pode responder por atos não relacionados ao exercício da presidência”. Já o motivo de ele não ter denunciado Aécio Neves é que está obscuro e com cara de blindagem sim, pois não existe nenhum argumento jurídico. Sempre lembrando que as informações foram dadas por um criminoso que usou a delação premiada para diminuir a sua pena, ou seja, são necessárias provas e não apenas blá,blá,blá. Então, o sr. Procurador Geral não abafou incêndio no caso da Presidente. Já no caso de Aécio Neves, fica pendente a justificativa!!!

  15. luiz carlos disse:

    Acho seu comentário muito correto e responsável. Já que não existem provas concretas contra Dilma e nem contra Aécio, era o que o procurado tinha que fazer. Dizer isso ou dizer aquilo não e prova concreta.

  16. Nelson Machado disse:

    É UMA VERGONHA BRASIL, CADA VEZ MAIS VEJO QUE O MAIOR PROBLEMA NO BRASIL É SUA JUSTIÇA.

    LEI QUE BENEFICIA VAGABUNDOS QUE MATAM VARIAS DE UMA VEZ SÓ.

    EU COMO BRASILEIRO, MI SINTO ENVERGONHADO DE TER NASCIDO EM UM PAÍS ONDE PREVALECE É O JEITINHO.

    MUDA BRASIL.

    SOU A FAVOR DE INTERVENÇÃO MILITAR JÁ.

    ESTAMOS EM CRISE DE CARÁTER SEM PRECEDENTE.

  17. Jose elias disse:

    Engraçado falar que Janot atua como bombeiro, me desculpe, bombeiro apaga fogo e socorre a população, Janot esta sendo conivente com as falcatruas e roubalheiras neste pais (ditado: dime com quem andas e direi quem eres). A obrigação do Procurador GERAL da Republica e acusar quem quer que for, doa a quem doer. Engraçado, tem um monte de brasileiros, pais de familia, roubaram uma “galinha” para alimentar a familia, e estão presos. Esses politicos fazem o que vem entendem, tudo a favor deles, e temos que ficar calados. Precisamos de uma Reforma politica, mas não do jeito deles. O Governo quer usar as massas e se perpetuar no poder. A oposição esta acomodada, tão ganhando (e muito) e se der merda (que ja deu), não foram eles. Simples, não.
    A Reforma politica que precissamos e simples, extinção de todos os partidos, so pode 02 (governo e oposição, um governa e o outro controla (TCU). STJ, STF, STE… não podem ser nomeados, mas sim CONCURSADOS. Politicos, sómente candidatos com nivel superior. Ministros, so podem ser nomeados se forem doutores na area que irão atuar. Engraçado, nós, meros mortais, para se candidatar a um cargo publico, tudo isso e exigido. A reciproca devera ser a mesma. E por favor, diminuir o numero de politicos neste pais. ALI BABA, so tinha 40.

  18. Duaret disse:

    Ate ontem era so o nome do Aecio que aparecia na imprensa, hoje se ventila o nome da Dilma, sera para comtrapor? esconder o nome se Aecio?

  19. GBastos disse:

    Só mesmo no Brasil! Que vergonha! Por isso passam-se décadas, o país quase se tornando uma potência e não se consegue acabar com a corrupção – a maior do mundo, vergonha nacional. Uma autoridade que deveria agir implacavelmente na perseguição de crimes toma uma atitude política para ‘não agravar a crise’ e ainda é elogiado! A justiça aqui é sempre diferente dependendo do poder do acusado. Como a crise de decência, integridade, honestidade, transparência, punibilidade e verdade em que estamos pode ser ainda maior? Chegamos ao fundo do poço!

  20. César disse:

    Infelizmente para o nosso país e para todos os brasileiros honestos, trabalhadores, pagadores de impostos, cumpridores de suas obrigações, que tem uma vida traçada na retidão sem desvios de conduta, que presam pelo moral e ética elevados, digo novamente, “INFELIZMENTE”, para a categoria “HONESTOS”, alguns poucos vem a esta pagina comentar como “ADVOGADOS DO DIABO”, somente para provocar, para plantar a discórdia, para ser do contra, para que tudo continue como está, por que são pessoas que não querem enxergar, e não vão mudar de opinião mesmo que mostrem para eles as impressões digitais, o teste de dna, a calcinha cheia de dólares, que todos os outros envolvidos no esquema apontem para onde foi o dinheiro, todas as testemunhas digam os nomes, ainda assim estas pobres criaturas não vão mudar de ideia, por que são como trens em cima dos trilhos, mesmo que se mostre que tem outro caminho melhor, mais curto, mais rápido, eles ainda assim só sabem ir por aquele caminho pré-determinado, não conseguem mudar de rota, mesmo que se mostre que os trilhos estão partidos e que aquele caminho vai terminar em um grande precipício, os cegos e teimosos insistirão em continuar. “RESPEITO O DIREITO QUE ELES TEM DE IREM PARA O BURACO, SÓ NÂO ACHO CERTO QUE ELES QUEIRAM LEVAR TODOS NÓS JUNTOS”

  21. Rock Stone disse:

    Caro Kennedy,

    é importante para o povo brasileiro saber que isso
    será diferente dos outros casos, o mensalão por exemplo
    até agora o PT partido favorecido com os valores desviados
    não devolveu nada aos cofres publicos, será que com este
    caso da Petrobras será diferente? os partidos devolverá
    os valores que receberam de forma inadequadas?

    Abraço

  22. Anafilófio disse:

    Depois de tantas reuniões estranhas não se poderia esperar outra coisa. Já ligaram o forno e logo teremos uma enorme pizza prontinha para nos envergonhar novamente. Desta vez com o apoio da auto intitulada imprensa “livre e independente”! Quem diria…

  23. naldo disse:

    Tratando do meio politico brasileiro, é óbvio que Dilma (ligação direto com o lamaçal da Petrobrax) e Aécio estão com o rabo preso com relação a verbas recebidas da corrupção da Estatal e as empreiteiras. Neste meio, caixa 2 é usual e corriqueiro desde SEMPRE!!

  24. Jose Maria disse:

    Encobrir Lula, Dilma e Aécio, que foram citados nesse imbróglio, é passar atestado de IMORALIDADE NACIONAL. Somos isso mesmo, amorais?

  25. Carlos R. Corio disse:

    Só se ele apagou o fogo que o consumia. Entendendo claramente o recado deixado por ocasião do arrombamento de sua residência, acatou implicitamente as “vibrações” do judiciário tucano que, ao coro do próprio MP, ou engaveta as denúncias contra o PSDB ou permite que se prescreva caso vá ao tribunal. Para ou ter se borrado, ou aderido à malta azul, tudo indica a dificuldade de livrar Aécio na segunda opção ficaria mesmo muito difícil.

  26. Clesio disse:

    Todos os principais candidados à presidência na última eleição tiveram suas campanhas financiadas por empresas envolvidas na lava-jato, assim como a maioria dos partidos. Não dá para separar o que foi dinheiro limpo e dinheiro de esquemas neste balaio. Assim, não dá para tentar culpar apenas o PT e excluir os demais.

    obs.: as palavras acima, por incrível que pareça, foram do ex presidente Fernando Henrique Cardoso em entrevista à GloboNews no início do ano.

  27. César disse:

    Precisamos mais de bombeiros do que de incendiários, assim como precisamos mais de pessoas dispostas a defender o Brasil do que à partidos, ou que, desejem mais defender a democracia do que à políticos. Corrupção não foi inventada agora é obvio. Já existia há muito tempo. Hoje em dia tem se mostrado um problema mundial. Visto casos recentes na Inglaterra, Portugal, Japão, etc. O problema não está em um único partido, como não está em um único país. Só que a solução do problema, não está no passado e nem no futuro, os problemas de agora devem ser resolvidos no presente. Surge com a, operação lava jato a oportunidade de passarmos o país a limpo. De melhorarmos a nossa democracia. De fortalecermos as instituições e aprimorarmos sistemas de controle. Em uma democracia jovem como é a brasileira, que passou pelo trauma da ditadura militar é normal que tenhamos que fazer ajustes. O problema são os radicais que insistem em polarizar aos extremos, tanto à direita como à esquerda. Os que estão mais maduros, os que já tem mais experiências na vida, os que querem deixar para os seus filhos , netos, bisnetos, um país melhor, não querem mais serem governados por ditaduras, nem por ditadores, não importa se eles são de direita ou de esquerda. Ditadura nunca mais! Todas as democracias necessitam de partidos políticos. Não será nos destruindo uns aos outros que nos fará construirmos um país melhor e mais justo com todos. Esta História de pobre contra rico, brancos versos negros, Sul e Sudeste X Norte e Nordeste, direita x esquerda, só pode partir da cabeça de desequilibrados, de pessoas com problemas mentais graves, que em sua loucura tornam-se pessoas destrutivas , violentas, exteriorizando todo um ódio reprimido de suas próprias frustrações pessoais, pois isto não pode ser classificado como patriótico , nacionalista ou ideolôgico e sim de Radicalismo Insano. Precisamos de pessoas Honestas na política, mas precisamos de pessoas honestas em suas análises e Honestas com elas mesmas e que se perguntem com sinceridade: A pessoa na qual eu votei, está agindo corretamente? Pense nisto antes de defender o seu partido político. Defenda antes de tudo o Brasil, a democracia, e a liberdade. NÃO SÓ OS POLÍTICOS DEVEM SER HONESTOS, OS ELEITORES TABÉM DEVEM SER HONESTOS!

  28. antonio barbosa disse:

    Bem, o fato é o seguinte: “Vamos prender os contratados pagos, mas vamos poupar os chefes”. Ridículo. É a mesma coisa que dizer que as máfias somente podem sobreviver se os seus líderes continuarem soltos. Governabilidade? Que palavrinha tosca não!!! Qual é a governabilidade de hoje meu caro? Lula insuflando a luta armada? Coibir as manifestações contra o governo, muito semelhante a Venezuela? Inflação em alta? Dólar nem se fala? Notas despencando? Juros na estratosfera? Impostos e mais impostos? Do que você esta falando meu caro? Governar o quê? Um trem sem freios a 200 KM por hora? Tenha dó. Essa turma do “panos quente” me perdoe, mas já deu… Agora vamos salvar a empreiteiras pelo emprego. Ok, mas e as empresas honestas, dane-se? Aquelas que foram sempre jogadas para escanteio por não participar do conluio macabro do propinoduto petroleiro? Dane-se? AH, mas é muita cara de pau. Quer dizer que eu que sempre fui honesto tenho de pagar a conta dos desonestos? Me poupa. É rir da cara da gente como se tudo fosse um filme de ficção. Tipo, pronto acabou. “Entre mortos e feridos todos estão vivos”, ou livres como os mensaleiros. MEU DEUS… Quando será que este país vai ser tornar sério??? Até quando temos de assistir o mal seduzir o bem em nome da “governabilidade”? Quanto a PEC da bengala, é muito bem vinda, ou nos transformaremos numa Venezuela rapidinho.

  29. diego disse:

    e por isso que sempre voto no psol
    PT,PSDB,PSB,PP,PPS,DEM,PTB,PT DO B SÃO TUDO FARIA DO MESMO SACO

  30. Pasquale disse:

    Um problema com o dólar a 3,00,a dívida da Petrobras é de dar inveja.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados

Não serão liberados comentários com ofensas, afirmações levianas, preconceito e linguagem agressiva, grosseira e obscena, bem como calúnia, injúria ou difamação. Não publicaremos links para outras páginas devido à impossibilidade de checar cada um deles.

2020-09-27 17:25:31