aki

cadastre-se aqui
aki
Política
27-05-2016, 9h12

Ao tramar contra Lava Jato, políticos reforçam investigação

Usina de ideias insensatas de ministros ameaça estabilidade de Temer
29

KENNEDY ALENCAR
BRASÍLIA

Novas revelações sobre as gravações do ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado reforçam a Lava Jato, criando um clima de maior proteção às investigações.

As conversas com Machado deixaram evidente que, além do senador Romero Jucá, o presidente do Senado, Renan Calheiros, e o ex-presidente José Sarney também pensavam em fazer algum tipo de interferência na Lava Jato. No entanto, os três fracassaram redondamente.

É impossível frear as investigações da operação por ação política. Os freios da Lava Jato estão na lei. As gravações causam dano político a Sarney, Renan e Jucá, porque tonificam as suspeitas de que tanto empenho para abafar a Lava Jato resultaria do medo de culpa no cartório.

*

Efeitos políticos

Renan Calheiros foi um aliado importante para aprovar a nova meta fiscal nesta semana. É figura fundamental nas articulações no Senado.

Se a situação política e jurídica de Renan se complicar, poderá haver dano à estratégia de Michel Temer para a votação em definitivo do impeachment da presidente Dilma Rousseff e também sobre a agenda congressual do novo governo. Temer pretende aprovar projetos no Congresso para dar respostas à crise econômica.

A respeito da estratégia de defesa de Dilma, há um alento à tese de golpe. O PT faz o discurso de que a queda de Dilma era desejada para que houvesse uma tentativa de frear a Lava Jato. Não foi o que Temer fez e não foi o que aconteceu. Mas o PT tem o direito de usar a estratégia de defesa que julgar melhor para Dilma.

O partido busca convencer alguns senadores que votaram pelo afastamento da presidente a não repetir o voto no julgamento definitivo do impeachment. O PT defende que Dilma, reinstalada no Palácio do Planalto, apoiaria a antecipação de eleições. Essa tese teria mais força se tivesse sido apresentada antes das votações do impeachment na Câmara e no Senado. Agora, dificilmente as gravações de Machado impulsionarão essa ideia.

*

Violência contra a mulher

Não é prudente subestimar o impacto político das gravações de Machado sobre o governo Temer e o PMDB, até porque há muito a ser revelado ainda a respeito da delação premiada negociada pelo ex-presidente da Transpetro. No entanto, erros do novo governo cometidos por ministros conservadores são perigosos para Michel Temer e deveriam preocupar o presidente interino.

O último equívoco da série foi a audiência na quarta-feira do ministro da Educação, Mendonça Filho, com o ator Alexandre Frota para ouvir uma proposta absurda de escola sem partido _uma ideia estapafúrdia para limitar opiniões políticas e filosóficas de professores, tese rejeitada por todos os especialistas em educação. Debates políticos fazem parte do aprendizado.

É fraca a justificativa do ministro, que disse que apenas ouviu uma proposta. Ora, a primeira coisa que um ministro da Educação precisa saber é filtrar quais propostas deve ouvir e com quem deve se reunir. Diversos ministros de Temer estão se mostrando despreparados para os cargos que ocupam. Há uma usina de ideias insensatas e conservadoras que ameaça a estabilidade política de Temer.

O novo governo faria melhor ao se manifestar sobre o estupro coletivo de uma adolescente no Rio de Janeiro. É um caso gravíssimo de violência contra a mulher. Não é só questão de polícia. É exemplo da barbárie num país extremamente machista e no qual a violência contra a mulher é um dado do cotidiano.

Um governo que tem um ministério sem a diversidade que existe na sociedade, sem mulheres e negros, deve ser mais cobrado a dar atenção a esse tipo de caso. O ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, precisa se manifestar e tomar alguma providência sobre esse episódio, que envolve clara violação de direitos humanos.

Ouça o comentário de hoje no “Jornal da CBN”:

Comentários
29
  1. Edi Rocha disse:

    Acrescentando ao comentário do blog.
    .
    Estamos com um estilo de governo que “não foi eleito” pela sociedade.
    Temer foi eleito junto com Dilma, mas isso ocorreu baseado em um tipo de governo Centro-esquerda (pelo menos). É completamente ilegal o vice agora ficar aplicando um programa de direita tão conservador (não foi isso que o povo elegeu nas últimas eleições).

    • Romanelli disse:

      lamento informal ..nem tudo que é certo é legal ..e nem tudo que é legal é justo
      .
      Sobre o governo Temer não vemos propriamente uma ilegalidade ..mas sim uma IMORALIDADE, uma FALTA DE ÉTICA descomunal fundamenta que esta no Derretimento das nossas já tão combalidas Instituições que navegam ao sabor de interesses normalmente inconfessáveis
      .
      Politicamente o que tivemos foi um GOLPE branco, o beiço, o Passa Moleque, a fraude contra a boa fé pública, o se farinha pouca meu pirão primeiro
      .
      Pergunte-se quem não concorda :
      .
      Deus do céu, o que faz um José Serra – o homem bolinha – com sua agenda demo-Tucana lá ??!!

      • Edi Rocha disse:

        Quero dizer que independentemente de ser golpe ou não ser, Michel Temer foi eleito (junto com Dilma) para seguir um caminho aprovado pela maioria da população, e esse caminho não foi o “conservadorismo”.
        .
        Tá tudo errado. O país não está com o tipo de governo aprovado pela maioria nas urnas, o vice não deveria poder mudar totalmente o rumo do governo e ficar por isso mesmo. Aí sim, entendo que há um “estelionato eleitoral”, o governo está totalmente ao modo “direita” de governar.

        • p/EDI ROCHA. disse:

          ESSA “MAIORIA” QUE VOCÊ FALA, NAS URNAS, REPRESENTA 3% A 4% A MAIS DE VOTOS, MEU CARO – E SÓ CONSEGUIU ISSO APÓS UMA CAMPANHA DE MENTIRAS ONDE ESCONDERAM A VERDADEIRA SITUAÇÃO ECONÔMICA DO PAÍS ETC ETC ETC.
          HOJE A PRESIDENTE NÃO TEM 10% DE APROVAÇÃO – TEM O MAIOR ÍNDICE DE REJEIÇÃO QUE UM PRESIDENTE DA REPÚBLICA JÁ TEVE!
          SE ESSA QUADRILHA NÃO FOSSE LOGO TIRADA DO PODER, COM CERTEZA CONTINUARÍAMOS NO CAMINHO DA VENEZUELA, CUBA E OUTROS PAÍSES BOLIVARIANISTAS POR AÍ!
          SE VOCÊ NÃO SABE, NA VENEZUELA ESTÁ FALTANDO ATÉ “PAPEL HIGIÊNICO”, MEU CARO!

          • Edi Rocha disse:

            Vale o resultado das eleições e, pela regra do jogo, por 04 anos.
            Se ficar se arranjando “jeitinho brasileiro” só para se chegar aonde quer, então não existe regra.
            .
            É igual ao recurso para cassação da chapa Dilma-Temer no TSE. É evidente que as contas não podem ser separadas e os dois devem ser julgados juntos nesse processo, mas estão empenhados em separar o processo para condenar somente Dilma. Esse jeito brasileiro de fazer as coisas conforme a conveniência é que impede o país de ser respeitado. Quem tem o poder não o exerce conforme deveria, com imparcialidade.

        • fernando alberto brandao disse:

          concordo com vc o Temer deveria sair junto com Dilma pois foram eleitos na mesma chapa!

      • p/Romanelli. disse:

        O impeachment é constitucional e está sendo tutelado pelo STF quanto ao cumprimento legal.
        Temer, mesmo não sendo o ideal, visto que até há pouco tempo pertencia e apoiava a quadrilha no poder, era a opção mais rápida para impedir que continuasse o tenebroso projeto criminoso de poder – foi-lhe dado um voto de confiança e é necessário dar-lhe um tempo para que ele tente pelo menos amenizar o mar de lama em que a quadrilha colocou o país.
        Para que tudo possa dar certo é necessário, além das medidas econômicas, que a Lava Jato continue colocando a ladrãozada na cadeia (de todos os partidos políticos, pois a ladrãozada não está somente no PT não). O povo precisa entender que tanto lula, aécio, renan, cunha, jucá ou qualquer outro, se comprovado pela justiça, tem que ir para a cadeia, pois a lei é para todos: é preciso acabar com a impunidade dos políticos, governantes, religiosos, ricos etc – se for ladrão, cadeia nele!
        A lei tem que ser para todos!

      • Romanelli, você tem razão quanto a imoralidade e a falta de ética na política atual. Só que não é apenas neste governo que falta moral e ética. É em toda a classe política, em todos os partidos.
        Qual foi o partido e qual foram os políticos que votaram contra o aumento na verba do fundo partidário?
        A ex-Presidente Dilma sancionou o aumento. Por que não vetou?
        Diga o nome dos políticos que foram contra o aumento dos próprios salários?
        Pesquise quantos Ministros afastados querem ganhar mais 6 meses de salário sem trabalhar, entrando com pedidos de quarentena.
        A ex-presidente assinou decreto liberando verba de $ 100 milhões para a publicidade nos últimos dias antes de ser afastada, sabendo que já havia um rombo no orçamento.
        O Deputado Waldir Maranhão foi contemplado com outros $ 100 milhões em emendas parlamentares e mudou o voto na última hora e votou contra o impeachment.
        A Falta de ética e a imoralidade está na forma de se fazer política, e não neste ou naquele governo.

    • Gustavo disse:

      Caro Sr. Edi Rocha,
      ilegal é enganar uma nação inteira com um discurso que socialismo é a solução do país e depois tirar os $MILHÕES$ da pobreza, dos quais muitos passaram a fazer parte, por causa da ganância de se manterem no poder, tomando como referência ainda ‘potencias’ saocialistas como Bolívia, Venezuela etc. potencias essas que estão absolutamente em franco progresso e estabilidade econômica… O socialismo ou esquerda como preferir falar, só serve para uma coisa: PARA PROVAR QUE NÃO SERVE PRA NADA

      • Edi Rocha disse:

        Fala sério? Como se enquanto o PT estava no governo o país da água pro vinho vira “socialista”, e quando o PT sai, da água pro vinho vira capitalista.
        Não, o país continua capitalista como sempre.
        .
        O que ocorre aqui é que medidas totalmente à direita não é o que foi aprovado nas eleições.

    • Dilma não fez o que prometeu, e fez tudo o que prometeu que não faria.
      A vaca tossiu e foi pro brejo!
      Que zika! Corrupção Mata mais que mosquita!

    • Leonardo Gama disse:

      concordo. a adoção de um programa de governo q vem sendo derrotado fragorosamente nas urnas há décadas e que, mesmo hoje, as pesquisas mostram que o brasileiro não quer (Aécio aparece em 3º nas pesquisas), é um tapa na cara dos eleitores e na democracia.

      em suma: um governo interino toma o poder e de cara se junta a politicos que o povo brasileiro não aprovou, não aprova e não aprovará e adota medidas que o povo não concordou, não concorda, e nem concordará . . . se não se pode chamar isso de golpe, retire-se a palavra do dicionário; aliás, “licenciem” a palavra golpe do vocabulário pátrio.

  2. cada vez fica mais absurdo a situação política deste país

    • walter disse:

      Cara Renata,e fato; não temos parlamentares isentos, isso é fato, é inconcebível estes petistas sem pátria, esquecerem que o TEMER, É FILHOTE DELES, falarem em ilegalidade como; se o Temer foi eleito com a “maga patalógica”; governo transitório, normalmente é melhor, que governo eleito, caiam na real, o País agradece…
      Caro Kennedy, estas gravações, “equivalem ao estupro no Rio”; este sujeito que gravou todos os “colegas”, sempre teve más intenções.
      Precisamos dar credito ao governo provisório, ou não teremos nada; excluir envolvidos na lava jato faz parte; mas a nossas chances,estão reduzidas; enquanto discutimos quem nasceu primeiro; os juros e prejuízos, são imensos; isso só interessa aos especuladores de plantão; acorda Brasil…

  3. Luiz Siqueira disse:

    Toda essa balbúrdia a respeito da saída da Presidente, foi nada menos que um abafo para as falcatruas dos picaretas ladrões do Dinheiro da Petrobrás e de outras instituições. Só isso…

    • Não foi não! Foi a retirada de parte atuante da quadrilha que comandou o assalto.
      Ainda restam outras quadrilhas atuando no Congresso Nacional mas, isto não exime de culpa aqueles que já foram retirados do poder e que participaram de forma ativa ou passiva nos crimes que foram cometidos contra o patrimônio público.
      O trabalho continua!
      Eu digo novamente aqui que o Juiz Sérgio Moro tem todo o meu apoio. Assim como os Promotores e membros do Ministério Público e da Polícia Federal. Vocês me representam!
      Obrigado pelo trabalho exemplar até aqui realizado!

  4. VIVA A LAVA JATO, SERGIO MORO, MPF, PF, RF, TCU... PATRIMÔNIOS DO PAÍS! disse:

    Dizer que não se sabia que toda a ladrãozada da política, governo e empresariado estaria articulando “parar” a Lava Jato, é hipocrisia do mais alto grau.
    Todo o país sabia que a Lava Jato não atingiria apenas a quadrilha refestelada no poder, mas também a “oposição” – tão corrupta quanto a quadrilha retirada do poder – com algumas poucas exceções.
    O povo então sabia tanto disso que não aceitou participação de partidos políticos nas manifestações nas ruas – o povo estava cansado de saber que a ladrãozada está enraizada em “todos” os partidos políticos – com raríssimas exceções pessoais em alguns poucos partidos.
    As conversas não republicanas gravadas, apenas deram nomes a alguns bois mais rapidamente, talvez revelando alguns nomes que pudessem ser blindados pelos “colaboradores premiados”, visto que, o fato de estarem colaborando com a justiça, não lhes elimina o DNA próprio de bandido.

  5. APESAR DE TUDO, LAVA JATO GERAL: É PRECISO PASSAR O PAÍS A LIMPO! disse:

    É drástico ver o país com o Presidente da República sob processo de impeachment;
    Presidente do Congresso Nacional com o recorde de número de processos na justiça, mais preocupado em se defender para não ser cassado e preso do que com os interesses maiores do país;
    Presidente da Câmara Federal afastado por corrupção, deixando em seu lugar alguém sem as mínimas condições de exercer a função;
    Ex-Presidente da República na iminência de ser preso por corrupção;
    Gravações telefônicas desnudando os bastidores criminosos de políticos, governantes e empresários corruptos, deixando claro que o país está nas mãos do que de pior há em matéria de probidade administrativa, moral e ética;
    Executivo e Legislativo tão contaminados pela corrupção que não vislumbram outra saída do que tentar corromper o Poder Judiciário, o último reduto de esperança de uma nação perplexa, desesperada, indignada com tudo isso!
    MAS A ESPERANÇA NÃO MORRE: É PRECISO PASSAR O PAÍS A LIMPO!

  6. Alex Cardoso disse:

    Uma reflexão sobre a “Não foi o que Temer fez e não foi o que aconteceu”. Com que garantia podemos afirmar “Não foi o que Temer fez”, se sabemos que Temer colocou aliados de Cunha em postos chaves do governo, que beneficiam diretamente Cunha, para fugir da cassação? Quem garante que “não foi o que aconteceu”, se vemos apoio político de Gilmar Mendes ao impeachment, e omissão de seus colegas de toga, mantendo, por exemplo, Cunha na presidência da Câmara, até o impeachment passar na Câmara? Quem garante que “Não foi o que Temer fez”, se o novo ministro da justiça com seu truculento histórico, acena para a criminalização das manifestações anti-Temer. Quem garante que “não foi o que aconteceu”, se não sabemos o quanto o apoio dos militares serviu para políticos votarem sim. E o mais sério? Quem garante que não esteja em processo um grande “acordão”, uma grande “anistia”, para salvar na fase dos julgamentos, políticos e empresários alinhados de Temer?

  7. A pergunta que fica no ar é; “A Quem interessa novas eleições já?”
    Será que é para aqueles que não tem foro privilegiado, e querem arrumar um para fugir da justiça?
    Teria que mudar a Constituição para antecipar as eleições de 2018. Isto teria um custo, e dinheiro é um produto escasso neste momento(O rombo já está em $170 bi). Pelo menos para alguns partidos que não desviaram para os seus cofres dinheiro público roubado e não poderão contar com doações de empresas(Doações de empresas estão proibidas por Lei). O Financiamento da campanha será todo público( dinheiro que está faltando na saúde e na educação, segurança e transporte), ou de caixa dois(que é ilegal).
    Os Deputados e Senadores vão concordar em renunciar aos seus mandatos?
    Aqueles que estão citados nas investigações vão renunciar e perder o foro privilegiado?
    Proposta absurda para este momento, só paralisaria o país e geraria incertezas, o que faria o desemprego aumentar mais rapidamente, aprofundando a crise.

  8. Aguardem as revelações das próximas delações!
    Estão na fila, Monica Moura, Marcelo Odebrecht, Léo Pinheiro, Delcídio do Amaral( que diz ter muita coisa para entregar).
    Que zika! Corrupção Mata mais que mosquita!

  9. Não foi um estupro coletivo contra uma menina.
    Foi um estupro coletivo contra toda a sociedade.
    Não foi um estupro coletivo contra a Pátria Mãe.
    Foi um estupro coletivo contra um país.
    Estupradores covardes!
    Não é um órgão sexual que faz um homem.
    Não é um terno e uma gravata que faz um homem.
    Covardes!

  10. Carlos Augusto de Souza disse:

    Independente do Político ou do partido todos estão enrolados neste sistema de corrupção, não existe um deste políticos ai que não sejam corruptos. Não é Dilma com o PT ou Michel Temer com o PMDB ou mesmo o PSDB que vão mudar alguma coisa neste país. O povo precisa apoiar a Lava Jato, se manisfestar a favor do Ministério público Federal, da policia federal e do Juiz Sérgio Moro.
    Vejam as medidas que foram propostas pelo Ministério Público Federal contra a corrupção conseguiram mais de 5 milhões de assinaturas, mas estão engavetadas na câmara, porque não existem interesses em levar em frente. Se o povo se manisfestar fortemente, talvez a corrupção no Brasil não acabe de vez, mas muitos Governantes, empresários e Políticos corruptos vão para a cadeia.

  11. Carlos Augusto de Souza disse:

    Os brasileiros não podem continuar discutindo políticos e partidos, porque todos estão contaminados pela corrupção. De todos esses políticos que ai estão, não tem um que sirva para governar o Brasil, porque todos estão filiados a suas quadrilhas e todos irão defender os interesses destas organizações criminosas. Vamos ter que demonstrar que somos inteligentes e todos o povo unir se e encontrar outra saída para o Brasil, talvez a saída até por ser através da politica mais através de outras pessoas.

  12. Antonio de Pádua disse:

    Kennedy,

    Sou leitor assíduo de seu blog, respeito tuas opiniões, mesmo quando não concordo e hoje preciso discordar, pelo menos do trecho que diz sobre o impeachment: “A respeito da estratégia de defesa de Dilma, há um alento à tese de golpe. O PT faz o discurso de que a queda de Dilma era desejada para que houvesse uma tentativa de frear a Lava Jato. Não foi o que Temer fez e não foi o que aconteceu. Mas o PT tem o direito de usar a estratégia de defesa que julgar melhor para Dilma”. O senhor conhece os meandros da política, tem um acesso que nós leitores não temos, mas preciso discordar, até porque as gravações mostram isso claramente. Houve um movimento para derrubar a Presidenta por um motivo torpe e irresponsável, com financiamento público de protestos “patrocinados” por MBL, Revoltados On Line, entre outros. Todos fatos comprovados e confirmados. Esses ditos movimentos apartidários e espontâneos são frutos da corrupção, do dinheiro público, do fundo partidário. Enganaram todos.

  13. Carrinho de Bombeiro disse:

    Creio que já podemos perder a esperança de uma solução pacífica para as questões política e econômica. O cinismo de petistas, seus aliados e financiados é um fator que vem se tornando um obstáculo maior para o país do que eventual perda temporária de direitos individuais. É preciso costurar a boca de críticos, militantes, alinhados e beneficiados para que se possa evoluir para uma solução. Esses malditos palhaços insistem em colocar fogo no circo. Assim, décadas passarão e ainda vai ter gente defendendo práticas petistas que afundaram o país. Ou se parte definitivamente para a ignorância, ou esse sacrifício todo não vai construir nada.

  14. Falta fazer o levantamento dos rombos de Furnas Centrais Elétricas, dos fundos de pecúlios Real grandeza, da Petrobras e do fundos Correios e telégrafos.

  15. Temos que reforçar mesmo a lava jato contra esses corruptos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados

Não serão liberados comentários com ofensas, afirmações levianas, preconceito e linguagem agressiva, grosseira e obscena, bem como calúnia, injúria ou difamação. Não publicaremos links para outras páginas devido à impossibilidade de checar cada um deles.

2020-05-29 13:40:38