aki

cadastre-se aqui
aki
Geral
12-02-2019, 9h34

Boechat fará falta num momento em que o Brasil precisa de vozes como a dele

Jornalista teve carreira completa em jornal, rádio e TV
2

KENNEDY ALENCAR
BRASÍLIA

Ricardo Boechat fará falta num momento em que é tão importante que o jornalismo brasileiro tenha vozes como a dele para ajudar o país a se desenvolver e evitar retrocessos. O jornalista morreu ontem aos 66 anos num acidente de helicóptero. O piloto, Ronaldo Quattrucci, 56 anos, também faleceu.

Boechat teve carreira completa, como disse o jornalista Ancelmo Gois em entrevista ontem ao “Jornal da CBN – 2ª Edição”. As palavras de Ancelmo merecem ser ouvidas no áudio que está no fim deste texto.

Grande jornalista, Boechat teve leitores, ouvintes e telespectadores. Fui um deles ao longo de mais de 30 anos. Ele fez reportagens investigativas de fôlego, coluna de notas e foi um âncora no rádio e na TV na acepção mais ampla dessa palavra. Apresentava, opinava, analisava e informava.

Tudo isso foi feito com coragem de assumir claramente posições, sempre com aquele bom humor carioca, a risada marcante e a preocupação com o furo (notícia exclusiva).

Aqueles que conviveram de perto com o jornalista só têm boas lembranças e relatos de generosidade. Pena que não tive a oportunidade de conhecê-lo melhor, mas fica aqui o registro de quem foi um leitor, ouvinte e telespectador de Ricardo Boechat. Desejo que seus familiares e amigos encontrem forças para enfrentar hora tão dura.

Ouça abaixo o meu comentário no início do áudio e a entrevista de Ancelmo Gois a partir dos 10 minutos e 38 segundos:

Comentários
2
  1. walter disse:

    Kennedy, a vida é assim, de repente, tudo passa como o Vento; uma senhora relatou, a agonia, por não poder ajudar o Ricardo, chegou a vê lo em desespero, no meio das chamas; excelente profissional, questionador, nem sempre contundente, em certas questões, humor aprimorado, quando brincava no Ar, com o José Simão, chegava a acrescentar, nas piadas trazidas, pelo mesmo…tinha um temperamento muito forte, semelhante ao Datena, equilibravam questões na casa…terrível perda, num País muito injusto, onde os poderosos, continuam a Mostrar suas caras, com grandes advogados, que os deixam em benefícios sempre…precisamos acordar de certos pesadelo, como o de Brumadinho e Mariana, Flamengo Boate Kiss, e outras atrocidades, sem punição infelizmente…

  2. Maria Aparecida Ramos Tinhorão disse:

    Boechat era isento e justo ! Nunca levou verbas de nenhum partido ou instituição, por isso era contundente sem perder o senso de humor… jamais !

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados

Não serão liberados comentários com ofensas, afirmações levianas, preconceito e linguagem agressiva, grosseira e obscena, bem como calúnia, injúria ou difamação. Não publicaremos links para outras páginas devido à impossibilidade de checar cada um deles.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

 
2019-04-24 00:51:32