aki

cadastre-se aqui
aki
Política
30-03-2015, 16h53

Bom senso leva Dilma a evitar enfraquecer Levy

4

KENNEDY ALENCAR
BRASÍLIA

Depois de administrar mal no fim de semana uma declaração de Joaquim Levy e de criar uma crise de papel, a presidente Dilma Rousseff teve o bom senso nesta segunda-feira em visita ao Pará de afastar qualquer tipo de irritação com o ministro da Fazenda.

A presidente disse ter “clareza de que ele [Levy] foi mal interpretado”, ao se referir à afirmação do ministro sobre o “desejo genuíno” dela de acertar, mas nem sempre por meio da maneira mais “fácil” ou “efetiva”.

Os ares do Pará fizeram bem à presidente. Dilma agiu com sensatez e pragmatismo. Em vez de insistir em uma demonstração de autoridade desnecessária, ela decidiu reforçar o cacife do ministro da Fazenda, que terá missão dura amanhã (terça) ao lidar com questões econômicas urgentes e importantes no Senado. Tomara que a atitude de hoje dê início a uma nova fase presidencial.

Comentários
4
  1. Joaquim disse:

    Na minha tem um ditado: Roupa suja se lava em casa.
    Agora quanto a “nova fase presidencial” deve durar muito pouco, só vendo para crer.

  2. César disse:

    Se tivesse bom senso, faria aquilo que prometeu para os seus eleitores.
    Se tivesse bom senso, não teria mentido tanto na campanha política, já que não poderia cumprir as promessas.
    Se tivesse bom senso, manteria o governo e o Partido dos Trabalhadores longe da corrupção.
    Se tivesse bom senso, teria vetado o seu aumento salarial além do aumento salarial do Legislativo e do Judiciário, com tamanha desproporcionalidade com o aumento salarial do trabalhador comum.
    Se tivesse bom senso, condenaria o regime de governo da Venezuela e outras ditaduras existentes pelo mundo.
    Poderia ficar aqui escrevendo um livro sobre a falta de bom senso dela e do PT.
    Bom senso! Bom senso é tudo o que eles não tem!

  3. CesarS disse:

    Bom senso é uma coisa que a nossa presidente não mostrou desde que foi reeleita. Pelo menos.
    Como disseram , é ver para crer.

  4. César disse:

    O PT, Partido dos Trabalhadores vai para as ruas alegando estar sob forte ataque. Nós os eleitores que fomos às urnas nas últimas eleições, achamos que estamos no nosso direito de reclamar do que está sendo feito com o Estado Brasileiro, com a democracia, e com o processo político no Brasil. A maneira de se fazer política no Brasil tem que mudar! Assim como tem que mudar a maneira de se gerenciar os recursos do Estado, que são recursos de todos nós. Hoje o povo brasileiro já não se sente representado por estes senhores e senhoras, as excelências. Eles estão cada vez mais longe dos eleitores e das atitudes, que nós os eleitores esperamos deles. Governam apenas para os seus interesses pessoais e para o universo político. Esqueceram-se do povo, que passou a ser apenas um detalhe no processo político, ao qual se jogam as migalhas, as sobras, os restos, somente para nos acalmar, sempre que surgem alguma ponta de insatisfação ou descontentamento. Não nos respeitam! O PT que surgiu como o Partido que daria voz às minorias, já não fala a mesma língua do povo. Se misturou como aqueles aos quais sempre criticou e perdeu a sua identidade. Hoje é só mais um partido! As mentiras que o PT usou para chegar ao poder, já não tem podre sobre o povo, povo este que despertou do sonho e acordou em um pesadelo de corrupção e desonestidade sem precedentes na história. O PT pode se dizer atacado se quiser, o PT também pode dizer que querem aniquila-lo. Mais a verdade é que foi o PT que aniquilou o sonho de muitos! A verdade é que o PT cometeu o Holocausto com a esperança dos seus eleitores! A verdade é que o PT cometeu o genocídio de eleitores, que se desencantaram com a política e com as eleições, e se recusaram a votar nas últimas eleições, deixando os seus títulos eleitorais abandonados e esquecidos, no fundo das gavetas. Ajudou a desmoralizar o processo democrático e a democracia, se bem que isto sempre esteve em seus planos de conquista e projeto de poder. O chamado do Sr. Rui Falcão e do PT só convence, aos tolos e aos incultos, e muitos dos que estarão nas ruas com eles precisam de estímulos financeiros para fazerem coro as insanidades e mentiras do PT. O PT tem todo o direito de dizer que não é o único culpado pelo o que está acontecendo no país, disso eu não tenho dúvida, porém tem obrigação de assumir a sua parcela de culpa e parar de joga-la para os outros eximindo-se de suas responsabilidades. Responsabilidades estas que não são poucas!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados

Não serão liberados comentários com ofensas, afirmações levianas, preconceito e linguagem agressiva, grosseira e obscena, bem como calúnia, injúria ou difamação. Não publicaremos links para outras páginas devido à impossibilidade de checar cada um deles.

2020-09-30 15:46:05