aki

cadastre-se aqui
aki
Política
20-12-2013, 13h00

Câmara não pode errar de novo em direitos humanos

PT, PMDB e PSDB têm obrigação de evitar repetição de episódio Feliciano
27

Deve ser celebrada a saída do deputado federal Pastor Marco Feliciano (PSC-SP) da presidência da Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara. Há esperança de que o triste episódio tenha servido de lição aos principais partidos políticos, sejam governistas ou de oposição.

O PT e o PMDB, os maiores partidos na Câmara, devem ter responsabilidade para evitar um novo erro. O PSDB também precisa ajudar.

Há boa chance de o deputado federal Domingos Dutra, que deixou o PT para entrar no Solidariedade, ser indicado para substituir Feliciano. Seria mudar da água para o vinho.

Dutra, deputado pelo Maranhão, tem histórico de participação na comissão em defesa dos direitos humanos e das minorias. Seriam bem-vindo um acordo entre os principais partidos para levar Dutra ou alguém que conhece e respeita a área ao comando da comissão.

A gestão Feliciano foi um retrocesso. Permitiu tentativas canhestras de desqualificação das minorias. As manifestações de junho e julho ajudaram a frear o ânimo atrasado e oportunista do deputado federal do PSC paulista. Os evangélicos merecem melhor representante no debate público.

Feliciano é um inimigo das minorias. Usou a comissão para se promover. Fez mal aos temas da área. Não merece mais palco. Tomara que a Câmara tenha em 2014 a responsabilidade que lhe faltou em 2013.

Foto: AE

Foto: AE

Comentários
27
  1. Cesar-DF disse:

    Certamente, pior do que esteve este ano não poderá ficar. Já chega o que foi feito com o PLC 122/2006-que criminalizava a homofobia- projeto esse que os nazi-neo-cristãos combateram ferrenhamente. Segundo essas pessoas, se for em nome da religião (tão cristã), pregada por eles, qualquer coisa vale. Como na Inquisição da Idade Média. E o Brasil,s egue impávido, ocupando o primeiuro lugar em assassinato de gays e transgeneros no mundo.
    Cesar-DF

    • Cardoso disse:

      Cesar procure se informar primeiro sobre o que pensa os Evangélicos e depois o que se trata a PL 122 antes de fazer algum comentário tipo “maria vai com as outras” e os Deputados foram eleitos pela ampla maioria da população cristã e os GAYS não podem determinar a sua vontade e os seu desejos carnais para a maioria do povo brasileiro e lembre-se DEMOCRACIA é a vontade da maioria e o Deputado Feliciano defendeu muito bem isso na Comissão de Direitos Humanos. Por que essa minoria não propõem um plebiscito nacional para saber o que realmente o povo brasileiro quer e não usar a mídia para se fazer de vitima e tirar dinheiro público para as suas ONGs Picaretas.

      • Maico Paixão disse:

        Irmão Cardoso, o senhor acusou o querido Cesar de “maria vai com as outras”, contudo, não vi no seu comentário nada diferente do que esbraveja o irmão Feliciano e a maioridade dos irmãos que comentam o assunto abordado. Vamos esclarecer algumas coisas, ok? Nada muito brilhante, mas você está certo quanto à concepção sucinta de Democracia. Porém, lembre-se que o nome da comissão é: Comissão dos Direitos Humanos e Minorias. As minorias precisam de representação. Essa comissão deve representar minorias. Entendeu? Sobre a utilização da mídia, quero deixar duas perguntas pro senhor pensar um pouco (antes ou depois da oração): Quantos canais e programas gays temos na TV brasileira? Quantos canais e programas religiosos de ordem cristã nos temos na TV brasileira? Paz irmão!

        • Gilbeto disse:

          Louvado seja o nome do Senhor na vida do Deputado Marcos Feliciano. Homem de Deus exemplo para todo o povo Brasileiro e de politico corajoso e impavido combatente em defesa da maioria e das minorias manipuladas por aproveitadores sodomitas.

        • Cesar Temas disse:

          Não sou religioso, mas entendo que quem quer ser gay, que seja… agora querer que as crianças aprendam na escola a serem gays ,querer impedir que eu não queira isso para minha família, me chamar de preconceituoso e outra história, é só observar os comentários favoráveis e ver a discriminação contra os religiosos, fala sério bando!

          • Fernando disse:

            Andam querendo que as crianças aprendam a ser gays na escola??? Que escolas são essas? Que povo doente é esse?? E, discriminação contra religiosos?? Ô dó hein… o que mais se vê por aí, HÁ SÉCULOS, é Religião e o pensamento religioso permeando todos os recantos do mundo, inclusive MATANDO muita gente. Viva a ciência! Vocês são EXCELENTES na arte de manipular pela emoção e raciocínios baratos! Infelizmente grande parte adere AINDA!! Mas isso já tá mudando muito… ainda BEM!!

  2. Marcio Tavares disse:

    Simplesmente perfeito o artigo.

  3. Valmir disse:

    Também espero melhor representatividade, este, com certeza só deixou a desejar!!!

  4. Mauro Henriqu disse:

    Parece que você não sabe o tamanho da aprovação que ele teve em seu mandato, ele defendeu a família brasileira as igrejas e por isso fez seu papel e acredito que poderá de tão aprovado se tornar senador.

    • Edsel Neumann disse:

      concordo! Precisamos de lideres que defendem suas convicções e não lideres maquiados por marqueteiros que só visam ficar bem com a opinião publica de uma certa minoria!

      • Sergio disse:

        Precisamos de líderes democráticos em um país laico. O Brasil não é uma teocracia evangélica. Um sujeito que não é capaz de respeitar origem, cultura religiosa, orientação sexual das pessoas, não pode ter voz na política. Eu sinto pena e um profundo desprezo por quem compartilha do retrocesso que esse sujeito defendeu enquanto esteve sob os holofotes. Tomara que não volte.

    • Fala sério oh meu. Você acha que esse cara redículo um bom representante da sua igreja?
      Para ai meu, ele devia colocar uma melancia pendurada no pescoço ou uma salsichão pois assim ficaria melhor com seu objetivo.
      Que família é essa que ele quer defender?

  5. Fernando disse:

    O segredo é parar de falar dele. Fosse um ilustre desconhecido não conseguiria nada. Que o diabo o carregue.

  6. carlos disse:

    Podia ter sido bem pior. Ele poderia ter sido também um maldito mensaleiro governista.

  7. pedro ferraz neto disse:

    poucos politicos merecem respeito os politicos como Tancrendo, Teotonio Vilela, Marcos Freire, Paulo Brossard, E o Sr. Diretas Já o grande ULISSES GUIMARAES deixaram a moral politica sem referencia apesar de existir ainda um Jarbs Vasceoncelos e Pedro Simon, e em relação ao PT nada existe de moral pra se falar

  8. Daniel disse:

    E incrível como tem muita gente que não sabe conviver com a oposição não tem democracia não respeita o direito dos outro

  9. José Soares disse:

    Olá boa tarde, acho que só um povo desqualificado e que não sabe votar, como o brasileiro para votar em gente do calibre de Feliciano e vamos ser honestos, em grande parte das pessoas que estão no Congresso.
    É preciso parar de votar em promessas, em propagandas. Digo que precisamos votar em gente honesta, coisa rara na política, votar em gente com formação e histórico de feitos e realizações compatíveis com o cargo pretendido.
    Obrigado.

  10. augusto disse:

    Tempos difíceis estamos vivenciando!
    Apregoa-se o direito de livre expressão do pensamento, mas não se aceita o contraditório.
    Criou-se o “politicamente correto” para frear qualquer opinião contrária.
    Gibbs (?) fez isso no regime nazista e Fidel em Cuba.
    Pede-se a punição de torturadores do regime militar e se esquecem dos sequestradores de Charles Elbrick, sequestro também é tortura. ou dos assassinos de Henning Boilessen.

  11. carlos marinho disse:

    O Feliciano é um oportunista que se aproveitou da imprensa à cata de alardes, para se promover. Por último, falou até de Mandela, se esquecendo de fazer antes, uma limpeza na língua com HCl.Comentaristas confundem contraditório, com argumentos fajutos de oportunismos, mensalão com religião, não entendem o texto do Kennedy e saem atirando a esmo engolindo elefante e se engasgando com mosquito.

  12. Cláudia Lemes disse:

    Apesar de não ser religiosa, tenho o maior respeito pela fé alheia. Tenho convicção de que cada um tem a sua forma de crer ou não em Deus e é pouquíssimo provável que uma outra pessoa modifique isto.

    Mas, é com muita preocupação que vejo alguns políticos, que se dizem evangélicos, crescerem dentro da política. Alguns, como o Marcos Feliciano, têm ideias tão antiquadas que em nada combinam com o Evangelho. Jesus foi um ser tolerante, agregador e à frente do seu tempo e do nosso tempo também.

    A minha preocupação é que estes “pastores” estejam crescendo dentro do Congresso e na política em geral e que queiram carregar-nos para o atraso e o retrocesso.

    Temos que estar atentos a isto!

  13. João Cláudio disse:

    Francamente, comparado com o que os governos de Dilma e Lula fizeram, Feliciano é um mal menor. O PT sempre preteriu os direitos humanos em troca do “apoio” evangélico no congresso e nas eleições, a ponto do Planalto boicotar a criminalização da homofobia para garantir o apoio de fundamentalistas a reeleição de Dilma em 2014. Com aliados assim para que inimigo.

  14. Ednilson disse:

    É pra glorificar de pé igreja!!! Só mesmo num País de terceiro mundo que coloca um cara que não representa a minoria no comando dos direitos humanos! Tem muita gente idiota sem noção neste País. Só os vermes reféns das lavagens cerebrais PSC etc é que gostam e aprovam o seu ídolo Marcos Infelizcianus!!!! Ele vai embora é tarde!!! Feliciano Never!!!!! Glorifica igreja, amém!!!

  15. Gil SP disse:

    Em 2014 ele vai ser um dos Deputados Federais mais votados do Brasil! Isso se não se candidatar para o SENADO FEDERAL! Não só católicos e evangélicos votaram nele, mas sim, qualquer homem ou mulher de bem, que defenda a família e a moral cristã que é um traço cultural do povo brasileiro votará em Feliciano!

    Sou Católico e o Deputado Marco Feliciano me representa!

    Até 2014! ( E sem essa de nazista, fascista, fundamentalista religioso, todos esse adjetivos são apenas para desqualificar e desmoralizar os cristãos, feitos por hipócritas que não aceitam o contraditório).

    • Vinicius disse:

      Errado, só o povo intolerante que não sabe conviver com as diferenças votaram e vão votar nesse crápula ! mantenha tua “moral cristã” longe de nossa constituição e principalmente longe de minha família. Que o brasil continue a ser um país de todos, e não confunda preconceitos, e outras sandices com contraditório.

      Até.

  16. Vinicius disse:

    Em 2014 vamos ter um representante que represente TODOS, e não uma parcela de fanáticos que propaga ódio em nome de seu credo religioso, perseguem os que não rezam a sua cartilha sob a máscara de “a favor da família”. Precisamos construir uma sociedade livre justa e solidária como está na nossa constituição. E que fique de fora aqueles que fomenta a desordem e propagam enxames de intolerância. Ate 2014 ! que os direito humanos voltem a ser direitos humanos, que TODOS os cidadãos sejam livres e iguais em direitos e dignidade.

    Brasil; uma país de todos, país formado pelo seu povo e sua diversidade

  17. Rodrigo disse:

    Feliciano foi um câncer na política brasileira em 2013. Me sinto envergonhado de ter tido tal pessoa representando uma nação. Que os próximos a escolherem o novo representante não reativem mais um câncer na nossa política. #FORABOLSONARO

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados

Não serão liberados comentários com ofensas, afirmações levianas, preconceito e linguagem agressiva, grosseira e obscena, bem como calúnia, injúria ou difamação. Não publicaremos links para outras páginas devido à impossibilidade de checar cada um deles.

2020-09-26 11:29:03