aki

cadastre-se aqui
aki
Política
09-10-2014, 22h05

Campanha do PT se preocupa com uso na TV de falas de Costa e Yousseff

15

Postado por: ISABELA HORTA

Afirmações do ex-diretor de Abastecimento da Petrobras Paulo Roberto Costa e do doleiro Alberto Yousseff deverão ser exploradas pelo PSDB ao longo da campanha do segundo turno. Costa e Yousseff deram depoimento à Justiça Federal do Paraná. O juiz Sérgio Moro divulgou o áudio das falas. Costa e Yousseff já fizeram acordo de delação premiada com procuradores da Operação Lava Jato, que investiga um esquema de lavagem de dinheiro e de corrupção na Petrobras.

As revelações do ex-diretor e do doleiro apontam os operadores políticos dos partidos e das empresas que teriam montado um esquema de corrupção na Petrobras. Indicam também como o dinheiro da corrupção era dividido entre as legendas. São informações fortes que dão concretude às acusações da oposição de que a Petrobras abrigou um esquema de desvio de dinheiro nos governos Lula e Dilma.

Essas revelações trouxeram preocupação ao PT, porque têm potencial para prejudicar a campanha de reeleição. Dilma deve reagir dizendo que seu governo sempre combateu à corrupção. Vai argumentar que a operação da Polícia Federal que descobriu o esquema na Petrobras foi deflagrada durante seu mandato.

Em resposta, a campanha de Dilma vai criticar o PSDB no campo econômico. O ex-presidente do Banco Central Armínio Fraga, que poderá ser Ministro da Fazenda em um eventual governo tucano, será apontado pela propaganda política do PT como um inimigo do salário mínimo. Os petistas dirão que ele tem uma receita de desemprego e recessão para a economia.

Comentários
15
  1. AILTON JOSE disse:

    O GRUPO DE AÉCIOPORTO teve e tem muito mais corrupção que deviam ser investigadas, como a privataria tucana de bilhões e bilhões! Outra coisa, os tucanos gostam de ofender os mais humildes: FHC já chamou os aposentados de vagabundo, os tucanos em São Paulo chamaram o povão de massa fedida e agora chamam os nordestinos de ignorantes! Além de terem massacrado os mais pobres vivem tentando humilhá-los. Em São Paulo venderam praticamente todas as estatais, sendo a última a NOSSA CAIXA NOSSO BANCO, que não fosse o BB comprar, aqueles trabalhadores estariam todos na rua ou se quisessem seriam recontratados com salário reduzido sem estabilidade. Hoje, as estatais representam uma vida digna para milhares de funcionários que podem construir uma vida ali. E as estatais contribuem também com muito mais cidadania para o crescimento do Brasil. Um exemplo disto é o BB, Caixa e Correios que ajudam a girar a roda da economia no país inteiro e ainda obrigaram os bancos privados a reduzirem os juros. Hoje é difícil um banco privado competir com os públicos, por isso a maioria dos “especialistas de plantão”, inclusive ex-participantes do governo FHC são prediletos para entrevistas na grande mídia. Respondendo aos que chamaram os nordestinos de ignorantes, quem é bem informado não vota em AÉCIOPORTO.

  2. willians disse:

    Para o eleitor cativo do PT (por submissão ou ideologia mesmo) mesmo se ficar provado que houve zilhões em roubos na Petrobrás (e até em todas estatais), não vai fazer diferença. Vão alegar que tudo é notícia da oposição, da “mídia golpista”, que os outros tb roubam, que o PT rouba mas faz, etc, etc…Mas pro eleitor mais criterioso, pode sim influenciar…De fato o PT tá sim com a cabeça cheia, afinal, ao contrário da folga que tinha no 1º turno, agora parece não contar com muito mais “gordura” de votos pra queimar, pelo contrário, já aparece em 2º nas pesquisas…

  3. Antonio Carlos disse:

    Sinceramente, não acho que a Dilma deva se preocupar.
    Para quem não sabe, Costa entrou na Petrobrás em 1979, quando participou da instalação das primeiras plataformas de petróleo na Bacia de Campos.
    Suas primeiras indicações políticas dentro da estatal se deram em governos tucanos.
    EM 1995, SOB A GESTÃO DE FHC, é indicado como Gerente Geral do poderoso departamento de Exploração & Produção do Sul, responsável pelas Bacias de Santos e Pelotas.
    Nos anos seguintes, sempre sob gestão tucana, Costa foi beneficiado por várias indicações políticas internas da Petrobrás. Foi DIRETOR, por exemplo, da GASPETRO DE 1997 A 2000.
    Sua indicação para diretor de abastecimento em 2004, na gestão Lula, era o caminho natural de alguém cujas funções internas lhe permitiram deter informações estratégicas da Petrobrás.
    Sob a gestão Dilma, Paulo Roberto Costa foi exonerado, primeiro, e depois preso pela Polícia Federal.
    A conclusão que se chega é que o Paulo Roberto Costa, assim como o Marcos Valério, que começou no Mensalão de MG, são heranças do PSDB.

  4. AILTON JOSE disse:

    Sobre corrupção, não dá para questionar quase nada dos dois, com exceção da diferença de que hoje não há nada indo para debaixo do tapete e de que no passado os desvios e a impunidade eram maiores. Quero dizer uma coisa: AÉCIOPORTO irá continuar com as privatizações. Por exemplo, Eu conheço pessoas que tem mais de 20 anos nos Correios, estas pessoas construíram sua vida ali: o carro, a casa, a moto adquiriram trabalhando ali – criaram seus filhos ali. Lá nunca receberam atrasado ou tiveram sob ameaça de demissão em massa. A empresa pelo porte financeiro não paga muito, mas oferece bons benefícios, como cartão alimentação de mais de um salário mínimo e um bom plano de saúde para a família toda que é essencial nos dias de hoje. No último concurso mais de um milhão se inscreveram! A estatal mantém agências em muitas cidades pequenas e o interessante é que estas agências não dão lucro, mas são mantidas pela empresa para atender a questão da universalização, prestando assim uma grande contribuição social!Pois em muitos lugares esta agência é o único banco e o único meio de enviar uma encomenda. Fica aqui duas perguntas: O AÉCIOPORTO privatizando uma empresa como esta, ela dará condições de funcionários construírem uma vida ali? Não, quem comprar demitirá e contratará pessoas com salários reduzidos sem os mesmos benefícios. Numa privatização, um grupo privado manterá agências nas mais distantes pequenas cidades e vilarejos sem lucro? Não, Em em grupo privado só se mantém portas abertas onde der lucro e não pouco para compensar a logística. O Correios foi apenas um exemplo, mas serve de reflexão para todas estatais! Outrossim, com AÉCIOPORTO os concursos serão reduzidos ao máximo e os das estatais não haverá, pois venderá elas. Então, através de um concurso a vida de muita gente mudou, como podemos mudar o que está mudando a vida das pessoas.

  5. Pedro Henrique disse:

    A presidente da República, o Congresso Nacional,a CPI da Petrobrás foram-lhe negado ao acesso ao processo, e agora este juiz paranaense divulga vídeo e não há nenhum questionamento da imprensa. Estamos diante de um escandalo gigantesco, quando um juiz vaza para imprensa atos declaratórios de dois bandidos e como sua palavra fosse suficiente para condenar alguém. Estamos diante de uma crise institucional se as declarações fossem contra o partido queridinho da mídia do PSDB. Até hoje tinhamos a imprensa declaratória agora temos a justiça declaratória. Infelizmente o PT só gasta de apanhar. No PT falta um Antônio Carlos Magalhães. Até que alguém do PT se manifesta:
    Chinaglia insinua que juiz do caso Petrobras se comportou como cabo eleitoral
    Por Anderson Passos – iG São Paulo | 09/10/2014 21:28
    Vice-presidente da Câmara disse que juiz federal Sérgio Moro teria quebrado sigilo da Justiça ao vazar depoimentos

    Arlindo Chinaglia, vice-presidente da Câmara dos Deputados, insinuou que o vazamento dos depoimentos do ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa e do doleiro Alberto Yousseff tiveram motivação eleitoral. Ambos falaram à Justiça na última quarta-feira (8).

    Chinaglia, que foi líder do governo Dilma Rousseff (PT), insinuou ainda que o juiz federal Sérgio Moro, da Justiça Federal do Paraná, que ouviu Costa, atuou como cabo eleitoral da candidatura da oposição, do presidenciável de Aécio Neves (PSDB).

    “Não sei se ele é cabo eleitoral, mas parece querer ser”, sugeriu Chinaglia, durante evento da campanha da presidente e candidata à reeleição, Dilma Rousseff (PT), em São Paulo, nesta quinta-feira (9). O evento contou com a presença do ex-presidente Lula.

    Chinaglia alega que nem a Procuradoria Geral da República e nem o Supremo Tribunal Federal permitiram que o governo tivesse acesso aos depoimentos, que forma feitos em segredo de Justiça, num acordo de delação premiada. “Quando ele [juiz Sérgio Moro] vaza intencionalmente um depoimento. Ele quebra esse sigilo”, disse ao iG o deputado, que não descartou apresentar queixa do caso no Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

    • Antonio Carlos disse:

      Prezados, o Brasil está vivendo um dos maiores golpes da sua história. A campanha que é feita contra o Governo é uma coisa assombrosa e acaba influenciando aqueles que só leem manchetes ou escutam os noticiários da TV. Os pontos negativos são noticiados de forma alarmante e o PT é vinculado a todos, independentemente de ser um BOATO, que normalmente é, ou um FATO devidamente comprovado. O Mundo é assim, vide as guerras com o objetivo de atender a indústria bélica, as “doenças” que atendem as indústrias farmacêuticas, etc. Mas aqui acontece de forma mais intensa devido a despolitização do nosso povo. Em todos os casos a Mídia, que detém o monopólio da comunicação, está presente associada ao capital, que só dá valor ao povo quando este consome.
      Eu não sou um marqueteiro estrategista, mas acho que o PT/Dilma deve partir para o confronto. Adotar uma postura tipo Luciana Genro, denunciar este complô de forma clara e com contundência até o final da propaganda política, mostrar para o povo a perseguição que está sendo imposta e da mesma forma, ao fazer as críticas devidas ao Aécio, denunciar que a Mídia não divulga e quando sim, nunca com a mesma ênfase.
      Posso estar errado, mas eu acho que é o caminho.

  6. Triste ser natural de um país composto de uma população expressivamente rancorosa, maldosa, antiética e antipatriota, principalmente os coniventes os com as mazelas do país. As retaliações já iniciaram. E vai ficar pior, a maioria dos partidários ditos da situação e proprietário da política brasileira são fanáticos, não enxergam um palmo diante do nariz, de tanto ódio que carregam dentro de si.Rancor faz mal para a saúde. Envenena o espírito, isto de quem tem. Triste ser uma reles professora universitária,que contribui para a formação destas “pessoas” e não tem respeito e percebe um salário de miséria.

    • Antonio Carlos disse:

      Olhem só, não sou eu quem diz, é o IBOPE.
      Para os Pobres – 56% Dilma, contra 25% Aécio);
      Para os Trabalhadores – 50% Dilma, contra 31% Aécio;
      Para os Aposentados – 47% Dilma, contra 30% Aécio;
      Para os Jovens – 44% Dilma, contra 35% Aécio;
      Para os Ricos – 31% Dilma, contra 48% Aécio;
      Para os Empresários – 34% Dilma, contra 47% Aécio;
      Para os Representantes dos Bancos – 37% Dilma, contra 40% Aécio.
      AGORA ESCOLHA COM QUEM VOCÊ QUER FICAR.
      QUEM VAI GOVERNAR PRA VOCÊ??????????

      • Pasquale disse:

        Copia e cola…fala outra coisa,vira o disco.Vai que ajuda mais né hehehe

      • João Bohner disse:

        Aposentado NÃO vota no PT! Os números acima, com certeza não são reais. Eu me aposentei com 8 salários mínimos (para isso contribuí uma vida inteira) e agora recebo menos de 3 salários mínimos! Isso me causa enormes problemas e o pior: Aposentado não tem como reclamar nem fazer greve! Tem que sofrer em silêncio!!! Triste entardecer de vida! Enquanto isso os bilhões correndo soltos na maior ‘cara de pau’! Aí vem o discurso da investigação ‘doa a quem doer’: Pera aí: Não tem que investigar, tem que não roubar!!!

  7. Pasquale disse:

    O que vamos assistir será um vale tudo,mentiras para assustar os brasileiros para ver se tentam minimizar os escandalos.
    O partido de sempre, com o jogo sujo de sempre. Lula e Dilma humilharam a Marina,como se pudessem…já que o PT está igual a pau de galinheiro.
    Parece areia movediça,quanto mais tentam se salvar mais afundam.

  8. Carlos Mendes disse:

    Observando os comentários acima, fica clara a dificuldade de leitura dos brasileiros sobre as questões do país, a matéria é sobre um assunto e os comentários de outro. Vai ser preciso evoluir muito nossa educação pra se ter um debate realmente relevante de idéias. Quem trabalha e não quer viver de acordo com a lei da malandragem ou da lei do menor esforço não teme as privatizações, pois quanto menos empresas o estado tiver menos lugar tem para aparelhar e corromper, basta olhar a Embraer onde está, o sistema de Telecomunicações, é melhor privatizar do que essas companhias estarem guarida de ladrões.

  9. Damião disse:

    Tá explicado porque o PT não gosta de privatização, se não fossem as estatais como roubar?

  10. gesiel disse:

    Acho que o PT não deveria se preocupar com isso, porque isso é ou são DEPOIMENTOS DE BANDIDOS QUE FORAM PEGOS, GRAÇAS AO GOVERNO DO PT, QUE APARELHOU AS INSTITUIÇÕES INVESTIGATIVAS DO BRASIL, “DANDO A ELAS MAIS CONDIÇÕES DE COMBATER A CORRUPÇÃO”, de maneira a PUNIR CORRUPTOS e “PRESTAR CONTA AO POVO SOBRE O QUE FAZ COM O DINHEIRO PUBLICO”, ao CONTRARIO DA PRATICA DE ENGAVETAR DENUNCIAS DE CORRUPÇÃO OU JOGAR PRA DEBAIXO DO TAPETE, como ERA FEITO NO GOVERNO DO FHC do PSDB, quando O AECIO NEVES, era o PRESIDENTE DA CAMARA, e o Geraldo Brindeiro era o procurador da Republica, que era chamado de “o maior engavetador de processos contra o governo federal”. Talvez o Aécio, que prega a volta do Arminio Fraga que promoveu a taxa de juros para 45%, muito acima dos 11% que é hoje no governo Dilma, também defenda a volta do FMI para DAR ORDEM NO BRASIL, e a volta do Geraldo Brindeiro para engavetar processos.

  11. douglas disse:

    Porque o julgamento do mensalão do PSDB ainda não entrou na pauta?? mas tudo contra o PT é divulgado antes da eleição, é isso que querem como justiça?? vamos condenar todos sem exceção mas respeitem a fila. é o futuro do pais que esta em jogo não time de futebol.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados

Não serão liberados comentários com ofensas, afirmações levianas, preconceito e linguagem agressiva, grosseira e obscena, bem como calúnia, injúria ou difamação. Não publicaremos links para outras páginas devido à impossibilidade de checar cada um deles.

2020-09-27 16:21:42