aki

cadastre-se aqui
aki
Política
19-03-2014, 8h00

CBN e Livraria da Travessa debatem ditadura militar

Haverá ciclo de debates sobre 50 anos do golpe que fez mal ao país
4

A rádio CBN e a Livraria da Travessa começam nesta semana um ciclo de palestras chamado “50 Anos do Golpe de 64, o Impacto do Regime Militar na Sociedade Brasileira”. Serão nove debates. O primeiro começa nesta quarta, dia 19. O último acontecerá no dia 31, aniversário dos 50 anos do início de um dos piores períodos da nossa história.

Vou mediar o primeiro debate: “O caso Vladimir Herzog”. Os dois expositores, que responderão a perguntas da plateia, serão Zuenir Ventura, escritor e jornalista, e Ivo Herzog, diretor-executivo do Instituto Vladimir Herzog e filho do jornalista assassinado pela ditadura em 25 de outubro de 1975.

Os debates acontecerão no Centro Cultural Banco do Brasil, na rua 1º de Março, Centro do no Rio de Janeiro, sempre a partir das 18h30.

*

Veja a programação:

Dia 19: O caso Vladimir Herzog – com Zuenir Ventura e  Ivo Herzog. Mediação de Kennedy Alencar, comentarista da CBN

Dia 20: A imprensa e a ditadura – com Aluízio Maranhão e Ricardo Balthazar

Dia 21: No centro da engrenagem: tortura na ditadura – com Mariana Joffily e Cid Benjamin

Dia 24: MPB e a ditadura – com Jorge Mautner e Jards Macalé

Dia 26: Futebol e ditadura: que jogada foi essa? – com Afonsinho e João Máximo

Dia 27: As universidades e o regime militar – com Rodrigo Patto Sá Motta e Maria Celina D’Araújo

Dia 28: Arte e pop em 1964 – com Ana Maria Bahiana e Arthur Dapieve

Dia 29: O governo Jango e o golpe de 64 – com Jorge Ferreira e Carlos Chagas

Dia 31: Por que a esquerda faltou ao combate no dia 31? – com Vladimir Palmeira e Daniel Aarão Reis

cbn17inter

Comentários
4
  1. Pascoal disse:

    A dita foi dura, aliás duríssima DOPS etc.Porem não sobemos diferenciar as coisas e hoje parece que não escolhemos os representantes,que o País merecia.Parce mentira hoje a guerilheira,dando demonstração que ficou parada nos anos 60,70,forma de governar e idéias ultrapassadas.Acabou o comunismo Dilma.

  2. Entendo que esses debates são de profunda utilidade, porque precisamos trazer vivas na nossa memória esses acontecimentos para que calem fundo em nossa alma e para que as novas gerações que não viveram esses dias turbulentos, possam incorporar esse sentimento de forma a nunca mais permitir que essas sombras negras possam de novo ressurgir. Sugiro que esses debates sejam filmados, para que em futuro possam ser assistidos quem sabe no YOUTUBE ou outros mecanismos.

  3. Alexandre Tadeu Raposo disse:

    A que me consta militantes entraram em “guerra” contra um sistema que pretendia deixar o Brasil nas mãos de um país! Hoje o que estão fazendo?! Fatiando entre diversos!!!

  4. Margareth Mello disse:

    Apesar de triste adoro esse tipo de matéria que nos remete a um passado tão presente em nossas vidas, os debatedores são pessoas sensatas e coesas que apesar do sofrimento querem o fim dessa podridão que está o Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados

Não serão liberados comentários com ofensas, afirmações levianas, preconceito e linguagem agressiva, grosseira e obscena, bem como calúnia, injúria ou difamação. Não publicaremos links para outras páginas devido à impossibilidade de checar cada um deles.

2020-10-28 09:15:25