aki

cadastre-se aqui
aki
Economia
18-02-2015, 22h14

Com recado duro, Levy busca confiança dos EUA

2

Postado por: Daniela Martins

O ministro Joaquim Levy (Fazenda) está tentando resgatar a confiança na economia brasileira, perdida no primeiro mandato da presidente Dilma Rousseff. Ele transmitiu hoje, em Nova York, uma mensagem dura, mas sincera. Admitiu que o Brasil deve ter PIB negativo neste ano, mas diz que são tomadas medidas para que o país volte a crescer no futuro.

Levy quer acalmar os investidores e atrair dólares, para que haja mais investimentos no país. Também quer evitar que o real perca valor em relação à moeda americana, pois isso gera inflação e preocupação para a equipe econômica.

*

De volta da Bahia, onde passou o Carnaval, a presidente Dilma Rousseff teve reunião com ministros em Brasília para analisar uma estratégia legislativa. Parece que o governo acordou. Tentará fazer um esforço forte no Congresso para aprovar o pacote de medidas do ajuste fiscal e para a correção da tabela do Imposto de Renda das Pessoas Físicas.

A presidente está preocupada com a derrubada de um veto. Ela quer corrigir a tabela do Imposto de Renda em 4,5% neste ano. A oposição quer 6,5%. Dilma vai tentar obter o apoio do presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), para que o veto dela não seja derrubado. Mas pode ser que tenha que ceder em algum ponto.

Confira os temas do “SBT Brasil”:

Comentários
2
  1. Fabrício disse:

    Não acho que o recado tenha sido duro. Foi sincero.

  2. Jorge disse:

    Eles sabem do que disse certa vez Charles d’ Gaulle e nunca este tão real embora tantos depois ” O BRASIL NÃO É UM PAÍS SÉRIO”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados

Não serão liberados comentários com ofensas, afirmações levianas, preconceito e linguagem agressiva, grosseira e obscena, bem como calúnia, injúria ou difamação. Não publicaremos links para outras páginas devido à impossibilidade de checar cada um deles.

2020-09-26 12:06:20