aki

Kennedy Alencar

cadastre-se aqui
aki
Política
26-03-2015, 22h49

Crescem problemas na economia e na política

4

Postado por: ISABELA HORTA

Os problemas de Dilma Rousseff estão crescendo na economia e na política. Depois de o presidente da Câmara, Eduardo Cunha, ter atacado o governo, o PMDB voltou a entrar em atrito com a petista.

Nesta quinta, foi a vez de o presidente do Senado, Renan Calheiros, dizer que o Palácio do Planalto apoia a criação de uma nova legenda, o PL (Partido Liberal), a fim de tentar reduzir o tamanho e o poder do PMDB. O ministro das Cidades, Gilberto Kassab (PSD), é o principal articulador do PL.

A presidente Dilma está cutucando onça com vara curta, dificultando ainda mais a negociação para aprovar o ajuste fiscal no Congresso. Também está inviabilizando a relação de seus ministros com o PMDB.

Na economia, o Palácio do Planalto vê com preocupação a onda de notícias negativas. O BC (Banco Central) divulgou um relatório que prevê que, neste ano, a inflação ficará em quase 8%, ou seja, vai estourar o teto da meta, que é de 6,5%. Segundo previsões do BC, a economia brasileira também sofrerá uma recessão.

Inflação alta e crescimento baixo terão reflexos cada vez maiores sobre a taxa de desemprego. Em cinco meses, as empresas da construção civil fecharam 250 mil postos de trabalho por causa do efeito econômico da operação Lava Jato.

Na sexta será divulgado o dado sobre o crescimento da economia brasileira em 2014. A aposta é que a taxa será negativa. Ou seja, o problema econômico do governo Dilma também está aumentando.

Confira o comentário:

Comentários
4
  1. César disse:

    A repetição da mesmice! Ela não é política, pensa como administradora, acha que o Brasil é uma empresa privada que pertence ao PT. E que ela como Presidente da ordem a todos. Esquece-se de que em uma democracia há um equilíbrio entre vários poderes que devem se respeitar mas um deve fiscalizar o outro para conter abusos de poder. Quer governar como Monarca soberana em seu palácio deslumbrada com o cargo que exerce. por não ter uma carreira na política parece não compreender a composição da base e de governança. Se distância do povo, se afasta do seu partido, briga com os seus aliados, e está cada vez mais isolada e solitária. É fruto da criação do ex-Presidente Lula e do marqueteiro do PT João Santana que a travestiram de estadista, que a maquiaram para o eleitor pensar, que ela entendia de política. O resultado é um fiasco, um erro fatal para a esquerda, que perde a credibilidade na mesma velocidade que ela perde popularidade. E agora? Vai culpar a herança maldita? Vai culpar o seu antecessor? Vai culpar o seu maior aliado, o PMDB que a ajudou no primeiro mandato e foi o seu fiel escudeiro por vários anos? Entrou na cova dos leões com o chicote em mãos e os alimentou com a carne do estado brasileiro, só que agora, está só com o chicote sem ter o que oferecer par alimentar as feras da política sedentas de poder, e será devorada muito rapidamente se não pensar rápido em uma solução. Tic, tac, tic, tac…o relógio está correndo contra ela.

  2. josias disse:

    Espero que a Dilma continue catucando a onça com vara curta.
    Ou seja, nada para o PMDB.
    Como sempre aconteceu, no final todos nós pagaremos.
    Em 2019 teremos o Eduardo Cunha na presidência e o Renan Calheiros como Vice, ambos do PMDB.
    O Eduardo Cunha ainda não sabe quem ele indicará do PMDB para
    a presidência da câmara e do senado.
    ACORDA BRASIL………………

  3. Djalma Camacam Bomfim disse:

    O Brasil e os compatriotas não estão girando no mesmo sentido, a economia doméstica e os economistas deste país se apresentam como que cercados por furacão que gira no sentido anti-horário, a política republicana e os seus poderes vivem uma onda de desencontros jamais vistos.
    Fala-se em descontrole da inflação e, isto preocupa, mas não se parou para analisar que medidas fiscais de ajustes têm que ser aprovadas em regime de urgência urgentíssima e, pra falar a verdade o congresso emperrou legal no “roer do osso”.
    O resultado é que o aumento dos produtos básicos estão descontrolados mas, se paga um preço relativamente alto por um automóvel, sem nos darmos conta de qual o preço da “engenhoca”, seria aquele socialmente justo, uma vez que, trabalhadores da indústria estão sendo demitidos, quando deveria-se preservar os seus empregos.
    Estou profundamente preocupado com estes desencontros. Algo precisa ser repensado.

  4. Marcelo disse:

    Engraçado ver o mercado falar em preocupação com a inflação, se é ele o causador direto do aumento. A ganância dos empresários é que causa tudo isso, e a hipocrisia é grande.

    A incompetência da Dilma é patente, e envia o país ao buraco a passos largos. Seja como presidente, seja como articuladora (?) política.

    Duro é que, se ela sai, fica na mão do PMDB. É duro ter que escolher o que é menos pior, (de qual dos lados do traseiro tomaremos a injeção?), mas entre PT e PMDB, acho pior o primeiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados

Não serão liberados comentários com ofensas, afirmações levianas, preconceito e linguagem agressiva, grosseira e obscena, bem como calúnia, injúria ou difamação. Não publicaremos links para outras páginas devido à impossibilidade de checar cada um deles.

2020-11-24 15:21:12