aki

cadastre-se aqui
aki
Política
30-06-2015, 9h23

Dilma desrespeita lei, História e quem enfrentou ditadura

É erro comparar delação premiada, que está na lei, a torturas da ditadura
76

Postado por: Daniela Martins

Foi inadequada a declaração da presidente Dilma Rousseff sobre a delação premiada de Ricardo Pessoa, presidente da UTC. Uma presidente da República tem de ser a primeira autoridade a demonstrar respeito à lei.

Dilma não é Tiradentes nem os acusados pela operação Lava Jato são inconfidentes. Muito menos Pessoa, Paulo Roberto Costa, Alberto Youssef e outros delatores investigados pela Operação Lava Jato podem ser comparados aos presos torturados na ditadura. É um desrespeito à História e à memória dos que, como Dilma, lutaram contra a ditadura militar de 1964. Se é essa a estratégia de defesa da presidente, parece que não produzirá bom resultado.

A delação premiada é um mecanismo que está no ordenamento jurídico do país. É um instrumento legítimo de investigação. Relacionar a delação premiada às confissões obtidas sob tortura na ditadura é uma comparação absurda. Deixa mal politicamente a presidente, porque evidencia uma pobreza de argumentos para se defender.

No fundo, a presidente fez um ataque aos investigadores da Lava Jato. Seria melhor ter apresentado argumentos mais consistentes.

Dilma tem o direito de criticar as revelações de Ricardo Pessoa. Tem o direito de rebater a delação e pedir a sua anulação se provar que foi mentirosa. Seria conveniente esperar o acesso à delação premiada que cita ministros e a campanha dela para saber exatamente ao que deve responder. Por ora, a presidente comentou trechos divulgados pela imprensa. Mas é direito dela, inclusive, criticar o que se sabe até agora da delação de Pessoa e a forma como foi obtida.

Há advogados que têm acusado o juiz federal Sérgio Moro de estender as prisões preventivas de modo a forçar delações. O ministro Teori Zavascki (STF), ao mandar para prisão domiciliar executivos que estavam presos em Curitiba, disse que essas prisões não podem se converter em práticas medievais.

O problema não é a delação premiada, mas pode ser a forma como ela está sendo usada pelos investigadores da Lava Jato. Isso tudo faz parte do debate numa democracia. É bom que seja debatido.

Dilma sempre fica indignada quando sua honestidade sofre questionamento. Mas um presidente precisa medir o peso da suas palavras. Ela deveria reagir com argumentos mais consistentes, não com o fígado. 

Ouça o comentário no “Jornal da CBN”:

Comentários
76
  1. Joaquim disse:

    Kennedy, gostaria de fazer uma comparação no ambiente do “se”, só para que tenhamos a ideia da incompetência desta turma.
    “Se” a Petrobras tivesse sido deixada em paz, sem as aventuras megalomaníacas desta turma, vejamos em 2003:
    – Produção Petrobras 1.540 mil barris dia.
    – Valor médio do barril US$28.
    O novo ( 2003 ) governo decidi, não mais investir na empresa e abrir o mercado a iniciativa privada. Por tanto a empresa continua a produzir a mesma quantidade.
    Como o preço do petróleo chegou a US$110,00/barril em 2011, a empresa/Brasil teria um grande aumento de lucros, sem nenhuma necessidade de investimento, para calcular este aumento vamos considerar:
    – Aumento médio = preço atual – preço em 2003= 65 – 28 = US$ 37,00 ( porém houve momento em que esta diferença foi de US$83,00, como houve momentos que foi menor )
    – Produção – consideraremos apenas 1.200 mil barris dias ( problemas na produção )

    Então adicional de caixa = 1.200.000 X 37 x 365 = US$16,2 bilhões/ano. Em 13 anos US$210,7 bilhoes ou R$ 653 bilhões.
    Pasmem este é o tamanho da incompetência destes governos e ainda tem gente que defende.

    • renato uchoa disse:

      Parabéns! Pra você
      Parabéns! A camada dominante da sociedade brasileira, que oprime as camadas subalternas, faz cinco séculos de exploração e miséria, com competência e com a conivência da Justiça. E a tem (a justiça) em rédeas curtas. Selada no curral. Pronta pra impedir a organização das camadas subalternas. A qualquer tentativa mais concreta no desvendamento dos mecanismos de dominação da hegemonia das frações dominantes e no avanço da veiculação dos seus interesses de classe. O ferro e fogo, dos fuzis e tanques, com o tempero do gás lacrimogêneo é a receita aviada. Parabéns! Aos juízes, promotores e desembargadores, com penas de aposentadorias, quando praticam crimes. Parabéns! Aos banqueiros, Daniel Dantas, solto em menos de 48h pelo STF, Salvatore Cacciola, provas substanciais dos crimes. Parabéns aos industriais sonegadores, grandes latifundiários que impõem a escravidão no campo, proprietários das empresas de ônibus no Brasil inteiro, que cobram passagens exorbitantes, multinacionais, enfim, aos estupradores, principalmente Roger Abdelmassih, condenado a 278 por estuprar 37 mulheres. Solto pelo ministro do Supremo Gilmar Mendes. Assassinos, com destaque para Reginaldo Pereira Galvão, matador sanguinário da missionária Dorothy Stang (solto pelo STF). Parabéns! Para todos os banqueiros e outros criminosos que passeiam nas ruas e avenidas do Brasil. Parabéns! Ao STF por ter jogado na lata de lixo a Constituição Brasileira e 4 auditorias (que inocentariam vários acusados). Parabéns! Ministro Barbosa, pelo duplo julgamento; o transmitido em cadeia nacional e o dos porões escuro do Supremo (que escondeu as provas da inocência). Parabéns!A qualquer juiz de beira de rodagem. Vai escolher o crime, condenar qualquer um sem provas. Lotar ainda mais as cadeias, os presídios com a clientela cativa: os pobres, as prostitutas, os negros, e agora os petistas. É fato: independente dos crimes, o STF mostrou a sua dependência e relação perniciosa com os barões da mídia e dos interesses da camada dominante, no julgamento de exceção mais macabro da história brasileira, AP 470. Por fim, o nosso respeito a todos aqueles que denunciaram os desvios, as artimanhas, as condenações sem provas, a truculência contra a Constituição, a exclusão de provas pelo Supremo, mesmo não sendo do PT. E a todos os ex-militantes do PT que foram contra a ilegalidade do julgamento e tiveram coragem de lutar. Ao contrário do PT. Em se mantendo de cócoras, acovardado, assiste passivamente a instalação da Ditadura do Supremo, e a maior e mais bem orquestrada investida da camada dominante contra os trabalhadores do campo e da cidade. Parabéns! Também pra você Mané, que bate palmas ao comando da mídia. A festa é sua, de quem quiser. Por Renato Uchôa(Educador)

      • Amaral dos santos disse:

        É incrível quem defende bandidos, esses quadrilheiros estão milionários, onde eles são do povo? Onde eles defendem a classe operária reprimida? Esses canalhas são classe AA, ladrões de dinheiro público, roubaram, saquearam, estão milionários, andam de jatinho, carros blindados, triplex na praia e ainda tem gente que acha que esses canalhas fizeram alguma coisa pelo povo, meu Deus!!!!! Só o que foi roubado da Petrobrás teríamos escolas e hospitais padrão Finlãndia, mas o que temos hoje? Tudo abandonado, falta tudo, pessoa morrendo, e ainda tem gente que defende, inacreditável!

      • Joaquim disse:

        Parabéns Renato, quando não há razão sobra a agressão. Porém tenho que concordar com só sou mané pois votei no Lula em 2003. Achando ou melhor acreditando em um discurso de moralidade e ética e afim de acabar com 500 anos de dominação no Brasil, como você mesmo falou. Uma vez que para min que nasci em família pobre, que tive e trabalhar para pagar parte de meus, o resto o credito educativo pagou, torci para os Malufs, Sarneys, Collors fossem banidos de nosso convívio. QUANTA ENGANAÇÃO. ara min seta foi um experiência ruim e chegou ao seu fim.

      • Mauro Mendes disse:

        Meu caro, seu texto é puro delírio! Enxergue a realidade enquanto é tempo.

    • walter disse:

      Caro Joaquim, vc tem total razão, só esqueceu de um fato; eles não sabe e não querem fazer contas; somos abundantes o suficiente…
      O Kennedy em sua abordagem, demonstra os atropelos da dilma; como presa política, deveria respeitar mais as instituições…
      Um dado impressionante, temos um deficit de negativo, na balança comercial, de $ 7 BI; em 2002, ainda no governo FHC, tínhamos um volume de exportações, só para os EUA, de U$7 BI, mas a dilma e seus asseclas, abandonaram a ideia de EXP. para lá, por serem bastante exigentes e chatos; além do que, falam Inglês; muito bem, privilegiaram a venezuela, argentina e finalmente “China”; que de fato não fazem nada para sem contra partida; moral da história, nossas exportações para os EUA, não chegam a U$3.5 BI por ano; isto explica com clareza, que a arrogância CEGA DA DILMA; vamos ver agora, se pelo menos desta vez, ela faz a lição de casa…

  2. rubens pontes disse:

    Kennedy,

    não descarte a possibilidade de que ela sabe o que pode aparecer nas denúncias – e por isso reagiu tão rudemente; a pobreza de argumentos é recorrente

    (alguém poderia dizer à Presidente para não falar de improviso?)

  3. Marco Túlio Castro disse:

    A Dilma deve estar com algum problema mental. Os discursos são constrangedores para ela e o governo e já estão virando piada, dentro e fora do Brasil.
    Será que ela não tem assessoria ? Talvez esteja na hora dela procurar um psicólogo ou um psiquiatra. Elá não envergonha somente a si própria envergonha todos os brasileiros. Primeiro mandioca e bola de bananeira agora comparando o momento atual com o período de excessão. Não foi ela mesma que assinou a lei da delação premiada ? Se bem que acho que ela não lê nada que assina.

    • Daniel disse:

      “Eu saudo a mandioca” ; “Nos tornamos homosapiens ou mulheressapiens” ; “Toda a criança tem a figura de um cachorro atras”
      Eu que não votei nela tenho vergonha. Imagina quem votou?

  4. maria das graças marques evangelista disse:

    Se o colunista não entendeu o quê Dilma disse, eu entendi. Ela criticou exatamente o processo da delação. Delator é alguém que também é criminoso. Pior, muitas vezes acusa para se livrar dos próprios crimes. E, efetivamente, comparou à situação à que viveu na ditadura, no sentido de que, quem é torturado diz até mentiras para parar de sofrer. Portanto, sua delação é comprometida com o próprio desejo de se proteger. é fato. Mas, sua |ênfase maior não foi divulgada. Ela afirma que jamais encontrarão provas porque tudo o que fez foi legal, legítimo. A imprensa pega uma frase e omite o contexto. Ela disse: A polícia federal tem que investigar tudo o que ele disse. Tem que investigar. Tem que ter provas. E se ele mente,vou processar. Por quê nenhum jornalista divulga o texto inteiro? Esse “julgamento” que a mídia faz de Dilma não é compatível com o tratamento dado à mesma informação sobre Aécio, isto é incontestável.

    • PAULO disse:

      Éra melhor ela ter ficado em silêncio…se defender atacando é coisa de quem tem culpa no cartório, e pega mau pacas…

    • Roberto disse:

      E olha que o Governo do PT já “investiu” 6 bilhoes de reais somente na TV GLOBO.
      Imagina se não tivesse pago…

    • Allan disse:

      É impressionante como as pessoas entendem apenas aquilo que querem entender ou são muito cinicas e tentam inverter o que alguem disse. A Dilma em nenhum momento disse que não respeita o instituto de delação premiada, pelo contrário, disse que tudo, TUDO MESMO, o que o delator falou deve ser investigado. Quem ela não respeita é a pessoa delatora, pois é um corruptor. Ou o SR. Joaquim Barbosa passaria a respeitar um Fernandinho Beira-Mar se ele se tornasse um delator?

    • Velhodapraia disse:

      Falar a verdade não é delação …é redenção!
      A verdade, quando é oculta por interesses escusos, deve ser continuamente procurada, mesmo com estes argumentos idiotas.

    • Nelsinho disse:

      Cara Maria quanto mais ela fala mais se agrava a situação se agrava para o pt acontece que dinheiro sujo sei partido legalizou acorda criança pt e roubada essa semana o sr lula acabou de adquirir uma mançao no valor de 7.000.000,00 r$ eolevo que mais… Cumolo do absurdo.

      .

    • Izaias Santos disse:

      Cara, neste caso quem não entendeu foi você. O que o Kennedy quis foi que comparar os “delatores” da ditadura com os atuais é um erro ou, no seu entendimento, os delatores da ditadura também eram criminosos? O comentário da Dilma colocou todos no mesmo saco. Além disso, a delação premiada está no Código Penal e cabe ao presidente da República respeitar as Leis e ser o maior exemplo disso. Este comentário mostra que a Dilma não respeita Leis e tampouco a ordem jurídica. Quem não tem argumentos para se defender em geral ataca os outros. O comentário dela até poderia ser feito numa mesa de bar entre os correligionários (comparsas?) dela mas jamais em uma entrevista. Chegou a ser infantil.

      Nenhum partido é santo e provavelmente aparecerão casos que envolvam a oposição mas penso que o erro do PT foi o tamanho do roubo.

      Com bem disse o Roberto Jefferson sobre o mensalão e cabe agora no petrolão – “o PT é quem rato magro, nunca tem nada e quando tem se lambuza”

    • Maria de Fátima da Silva disse:

      Realmente um dos nossos grandes problemas em matéria de informação é a interpretação de texto. Em nenhum momento ela disse que não reapeita a lei, e sim, que não respeita o delator, pois, todos sabem que esse pode dizer qualquer coisa, acusar qualquer um no intuito de livrar-se das acusações.
      Principalmente da maneira como estão sendo consuzidas essas “delações”, com prisões “espetaculosas”, em dias expecíficos para dificultar HB, vazamentos seletivos, e para que a imprensa faça exatamente isso, distorça tudo.

      • César disse:

        Quem distorce é a imprensa ou é você? Que lê da maneira que quer entender. E que não vê ou não quer ver, a burrice do pensamento, contido na fala da Presidente.

    • Anafilófio disse:

      Caríssima, nenhum jornalista divulga mais como funciona a delação premiada – aparentemente a Sra não sabe – porque isso até cansou de ser discutido e divulgado. Desenhemos então.

      A delação premiada, instrumento legítimo e legal só tem valor se LEVAR A PROVAS DE QUE FOI COMETIDO ALGUM CRIME, ou seja, nada vale para o delator mentir, porque seu depoimento não terá benefício algum caso nada prove.

      Como a Sra pode ver, a Presidente falou bobagens novamente, e o desprezo da Presidente pelos que caíram, na ditadura, dada a comparação, acaba por demonstrar a verdadeira intenção das esquerdas à época: Poder, apenas poder pelo poder, o que afinal conseguiram democraticamente, para azar do nosso país.

      • E onde estão as provas materiais da delação? E por que a delação do sujeito que inclui o Aécio não é também considerada como propina? Se a delação é contra a Dilma, o Lula e petistas, os amestrados midiáticos se aproveitam alegremente para arrotar o falso moralismo em blogs e e perfis do facebook.
        Sobre a opinião do jornalista Kennedy, discordo veementemente de sua interpretação. Quando a Presidenta Dilma falou em delator ela se referiu ao covarde que afirma qualquer coisa para se livrar do algoz que o tortura.
        O mais vergonhoso na posição dos falsos moralistas que se aproveitam da investida proto-fascista do tal juiz -cuja esposa foi empregada de uma petroleira rival da Petrobrás- é que fingem ignorar que tudo começou no desgoverno tucano com o fim das licitações, com a negativa do STF ao governo Lula do retorno destas à Petrobrás e, finalmente, a adesão do PSDB ao financiamento empresarial de campanha ao contrário do PT. Enfim, quem mesmo que depende tanto de financiamento empresarial -ou propina, no entendimento de certos juízes hipócritas e arrogantes- a ponto de ajudar a colocar um sujeito de péssimos antecedentes na presidência da Câmara para que uma reforma sem a influência dos empresários não passasse?

    • Volnei disse:

      Pensei que estes comentários passariam ao largo da coerência e inteligência. Confesso que até me locupletei das suas ponderações para entender o que parecia, para mim, uma comparação infeliz.

      Parabéns, você foi a única que entendeu a situação, e a sua analise sobre a condição do delator foi perfeita.

      Mas no Brasil, quando é para atacar o PT a palavra do bandido vale mais que a do papa. Mas para ocultar os crimes da direita, nem o papa apresentando as provas é suficiente.

      abraço,

  5. Mauricio disse:

    A roubalheira está evidente e não é de hoje. Fernando Collor sofreu o Impeachment e depois foi “inocentado” pelo supremo. Agora voltou a delinquir.
    O Maluf então o professor da corrupção está aí livre , se sair do Brazil vai preso mas aqui ele conta com a benevolência dos juízes.
    O estranho é que mesmo o Joaquim Barbosa que foi tão célere e implacável com o julgamento do Mensalão (o que é muito bom) , não teve a mesma eficiência no caso do Maluf e do Lalau.
    Num momento que se discute a maioridade penal para os menores não ficarem sem punição quando cometem crimes , fica a pergunta.
    E os velhinhos? Então como fica ? Se eles tem uma certa idade ,não podem mais serem presos ? Não é uma situação igual à impunidade de menores? Então as quadrilhas e o crime organizado colocam um velhinho para cometer crimes pois a lei garante que não vão ser presos?
    Outra pra terminar, os caras do mensalão foram condenados e presos , mas já estão sendo soltos e não devolveram o que roubaram.
    Aí a Dilma manda o Levy fazer os ajustes , para equilibrar a economia.
    Kenedy fala pro Levy que é só parar de roubar que o Brazil dá certo.

  6. Edy disse:

    O problema é que a imprensa tem acesso a delação, e publica o trecho que lhe convém, enquanto que quem foi citado não tem acesso ao conteúdo. Enquanto isso, o estrago na imagem vai sendo disseminado.
    É verdade que a presidente precisa ter cautela com as palavras, por outro lado, está correta em atacar.
    Vejo uma falta de “profissionalismo” muito grande das pessoas. Processos que estão em andamento e sob sigilo, não tinham nada que estar “vazando seletivamente” para a imprensa. Deveria haver investigação e punição pela quebra da confidencialidade. Se é sigiloso, “é para ser” sigiloso, o contrário disso é ser contra a lei, e aí ninguém está se importando em infringir a lei. É, o Brasil é sim o país da impunidade, mas com o apoio do povo, que escolhe onde pode descumprir a lei e onde não pode.

    • Marco Túlio Castro disse:

      As pessoas envolvidas tem acesso sim e o processo pode ser público. Tem que ser. Ela é uma figura pública e suas decisões afatam milhares de pessoas. Com certeza foram apresentadas provas. Portando, sinto muito que alguém que pelos vistos você tem apreço, esteja envolvido nesta sujeira toda mas a verdade é que repetindo e adaptando o que disse o Dr. Enéias Carneiro, “Miasmas putridos exalam do Palácio do Planalto”

  7. Ruy Teixeira disse:

    Essa aí é companheira mesmo, não entrega os amigos de jeito nenhum.

  8. Maria Aparecida Ramos Tinhorão disse:

    Esse não é o único desrespeito à nação, existe muito mais. Por exemplo: Os discursos de Miguel Rosseto, Marco Aurélio Garcia e tantos outros que falam besteiras em nome do governo impunemente.

  9. paulo disse:

    Essa senhora parece estar sofrendo de alguma doença que a impede de concatenar logicamente seus pensamentos.Some-se a isso seu despreparo técnico e político.Ressalte-se também a baixíssima qualidade de seus principais assessores e ministros.O resultado é um país paralisado e regredindo em todos os avanços conquistados a duras penas.Lamentável.

  10. maria gorette paulino novo disse:

    Parabéns. Escreveu pouco mais falou tudo. A declaração da Presidente mostra que além de tudo a Presidente não conhece o ordenamento jurídico do próprio país que Governa e é muito não é assessorado, porque se fosse os seus assessores não iriam deixar ela demonstrar tanto desconhecimento jurídico.

  11. frommars disse:

    Parabéns pelo comentário. parece que finalmente vc está abrindo os olhos.

  12. A Dilma esta acuada. Todos sabemos que ela e o Lula sabiam dos desvios da Petrobrás. A campanha eleitoral de ambos foi financiada com dinheiro de propina. Nas delações isso fica bem claro. As declarações da presidente são de puro desespero, procurando desqualificar as investigações.

  13. José Valente disse:

    Discordo quando o repórter diz que a Dilma lutou contra a ditadura militar. A “ditadura militar” foi instalada no país porque a Dilma e seus comparsas queriam implantar o regime comunista no Brasil.
    Essa declaração da chefe da nação mostra o quanto ela e sua turma estão despreparados para estarem à frente das decisões do país. Suas declarações são uma afronta à lei que prevê a delação premiada. Todas as provas de falcatruas estão sendo expostas e mesmo assim ela não se vê responsável por isso… Eles acham que todos os brasileiros são ignorantes…

    • Aécio Moura disse:

      Verdade! Pouca gente tem coragem de se lembrar disso. E os mais novos só sabem daquilo que os covardes ensinaram. “Bandidos de muito tempo”. Parabéns pela lembrança.

      • Joaquim disse:

        Estes bandidos que fizeram as delações premiadas já devolveram cerca de meio bilhão de reais, quer mais provas do que isto.
        Só não enxerga quem não quer ou esta mamando.

  14. LUIZÃO disse:

    Ultimamente a coisa “tá braba”. Antes eram apenas mentiras uma atrás da outra ,agora se utiliza de ambas, em seus pronunciamentos – mentiras e asneiras (mandioca, bola de bananeira, civilização inca, maia, asteca, blá ,blá, blá ) . Está parecendo que as entrevistas fake com o Gentili viraram realidade.

  15. Rodrigo Frateschi disse:

    Não vejo nenhum desrespeito à lei nem aos presos pela ditadura. Seria como dizer que por causa dos judeus terem sofrido o holocausto, que todas as atrocidades que fazem contra os palestinos não existem.
    A delação premiada pode ser um instituto legal, mas não merece nenhum respeito, tanto não merece que se não eivada de provas não tem validade.
    As prisões são torturantes e impedir que os presos possam comer dietas de acordo com seus problemas de saúde é tratamento desumano e que põe em risco a vida dessas pessoas. Imagine um diabético comer açúcar.
    Então já se tem um fato concreto de como esse juízo tem tratado essas pessoas e como tem obtido as delações.
    Então ninguém pode falar nada? Nem uma senhora que teve 54 milhões de votos?
    E o que fizeram em seis meses os que pedem seu impeachment?
    Logo que alguém toma uma atitude de verdade contra o arbítreo vocês logo correm para calar?
    Ainda bem que elegemos a Dilma e não o Pablo Escobar né?

  16. antonio barbosa disse:

    Enquanto a “água” estava invadindo a casa do vizinho não havia porque se mexer. Agora que a “água” está chegando perto da sua porta a gritaria começa, ofendendo a tudo e a todos. A atitude da presidente só demonstra que ela, seu partido e partidos asseclas jamais desejaram a democracia como meio político. O que eles realmente desejam é um sistema idêntico da Venezuela aonde todos se calam mediante a força e a brutalidade, para que assim possam fazer o que bem entendem e acusar os outros “EUA” de interferência, de imperialismo e por ai vai, conclamando o povo para a luta pelo ideal da igualdade que jamais praticam (vide Cuba). Pois é, pois é, a máscara vai caindo pouco a pouco e mostrando quem realmente são os chefes, sub chefes e aspones do Partido dos Trabalhadores.

  17. Cleide Reis disse:

    O que ela quis dizer é que com a delação premiada e sob forte pressão, e é o que esta acontecendo, se pode dizer o que quiser para se obter o beneficio. Tem que se provar a culpa e ela esta se antecipando garantindo que quanto a ela nao é verdade. Entao delação nao tem efeito. Mentiu pra sair.

  18. Gustavo disse:

    Meus Parabéns! Pela primeira vez a presidente mostrou a verdadeira cara que tem!!!!

  19. joao bastos disse:

    As vezes me sinto envergonhado, por ter uma presidente que não lembra me o que assinou, foi essa tonha que assinou a lei complementar sobre delação premiada. Além disso na ditadura os presos eram tratados com subversivos armados, na delação premiada é espontanea claro que já estão presos.

  20. David Ferreira disse:

    Ô meu querido, D E M O R O U. A “dotora” não respeita ninguém e o “deus” dela e dos tontos também não.

  21. cesar disse:

    Parabéns kennedy!
    A PresidentA…esta acuada e como não tem conhecimento e nem noção do que fala…se enrola…aliás como já estão enrolados os mandatários do seu ParTido!!!
    Viva a mandioca…
    Se um coitado é pego roubando algo para seu sustento…ou da sua familia…Cadeia nele…
    Todos dizem que é legitimo a prisão…
    Agora quando estes Bilionários..que se enriquecem as nossas custas e estão dilapidando o nosso dinheiro…pagando políticos e funcionários corruPTos..com Bilhões são presos…acham estas prisões arbitrárias…
    Pobre país que a Democracia e o direito só estão para os poderosos.
    Cadeia Nelles…
    Ainda falta pegar o patrão… o tal cerveja…. isto sim….Cadeia nele!

  22. josé maria de souza disse:

    Como é fácil escrever bobagens! O Kennedy fingiu que não entendeu o que a Dilma quis dizer.
    josé maria

  23. Pasquale disse:

    “Nunca vi um Chefe de Estado tão mal assessorado como a nossa atual presidente”, disparou Barbosa. “A Constituição não autoriza a presidente a investir politicamente contra as leis vigentes”, acrescentou o ex-ministro. Segundo ele, o instituto da delação premiada é previsto em lei, e Dilma, ao dizer que não respeita um delator, está comentendo “crime de responsabilidade”

    • César disse:

      Obrigado pelo apoio! Pensamos muito parecido, acho que temos uma ideia de mundo, onde não cabem estes corruptos que se apossaram do nosso país. Ditadores da esquerda marxista idealizada no foro de São Paulo. Ditadura nunca mais! Imprensa livre! Bandidos na cadeia! Ordem e Progresso! A pátria livre deste pensamento retrogrado, desta seita do mal. Chega de corrupção! Não nos calemos, diante dos loucos e cegos, que defendem o crime, como forma de fazer política.

  24. Jose Alcides Porto Rossi disse:

    A Presidente Dilma, de forma “truculenta”com a aspereza moldada pelo absolutismo já perdido pela história, procura, sem sucesso, confundir a Justiça Brasileira atual, dentro dos padrões legais de um regime democrático, com tempos idos de sua época de guerrilheira, no auge regime militar. A sua comparação grotesca desrespeitou o Brasil, suas Instituições, e serviu apenas de veículo para propagar um pensamento perdido no tempo e espaço, visto que: O PT e seus políticos são sujeitos sim a lei, erraram, receberam dinheiro para campanha eleitoral, agiram como qualquer outro partido, aliás a tipificação penal é a mesma de seus opositores.A inteligência ficou ausente neste pronunciamento da Presidente, dando lugar a prepotência, e mostrando a cara de atitudes que não se enquadram no padrão do bom senso e da lógica natural.

  25. Luiz Dias disse:

    A melhor defesa, é o ataque. Se está atacando o “delator” que na verdade está confessando e não delatando, é porque está com receosa de alguma coisa e essa coisa está chegando muito perto do seu criador. Diz a presidente que todos os valores doados à sua campanha foram contabilizados. Até aí nada de anormal, tudo dentro da lei. Mas o caixa dois não conta? Ou alguém vai confessar que há caixa dois nas campanhas políticas? A presidente deveria se ocupar em acertar o seu desgoverno., que deixou o país na situação que está e pedir perdão ao povo pelas mentiras usadas em sua campanha política. Os culpados pela situação em que o país se encontra deveriam ser processados por incompetência e má fé. A começar por ela.

  26. Bruno Emílio disse:

    Entendo suas pontuações sobre as colocações da presidenta, justamente pela representatividade institucional do lugar legitimamente ocupado. Reforço o termo legitimidade porque continua, por qualquer faísca de informação – sem provas e conteúdo prático, a ideia quase doentia que Dilma ocupa um lugar quase que por invasão ou ditadura. Voltando ao tópico, já que o respeitado jornalista defende o debate democrático sobre a conduta do julgamento e da delação premiada, seria interessante expor sua opinião sobre a conduta do processo e também as consequências de factoides diariamente apresentados na mídia sobre a Lava Jato. Sobretudo, quando notícias são divulgadas sem fundamento, como o habeas corpus do ex-presidente Lula e não são retratadas, quando desmentidos, pelos divulgadores com a mesma reverência. No caso da Lava Jato, uma notícia vira sentença. O jornalista sabe bem o poder de uma (des)informação – que não é o caso aqui. Por gentileza, não me respondam com a infantilidade em achar que estou defendendo os “arautos e inauguradores da corrupção” que estão no governo, mesmo porque não tenho concordado com a conduta política e econômica até então. Porém, concordo menos ainda com o maquinismo e o oportunismo que este processo vem gerando – que prefere ver o caos pelo caos (quem ganha?), como Faustão, e abominam Jô’s e Marieta’s.

  27. VAGNER GOMES disse:

    Do ponto de vista moral eu concordo com a presidente. Delator ou alcaguete pra mim é umas das coisas mais despreziveis que um ser humano pode ser.

  28. Edinaldo Souza disse:

    Caro Kennedy, não vejo exatamente dessa forma. Vi e li a declaração da Presidente e ela disse textualmente que não respeita DELATOR e não o instituto jurídico chamado de delação premiada. Quanto à comparação dos métodos usados pela PF para obter as tais delações com os da tortura na época da ditadura, o prórprio juiz do STF, Teori Zavascki, e vários outros juristas renomados já criticaram os métodos “medievais” e os métodos de pressão psicológica com prisões arbitrárias, utilizados pelo juiz Sérgio Moro com este fim, portanto ela também não falou nada demais nesse aspecto. Sobre as analogias que ela faz entre delatores e Joaquim Silvério dos Reis e entre os delatados e Tiradentes também não vejo nenhuma aberração, primeiro porque joaquim Silvério dos Reis delatou os colegas em troca de benefícios jurídicos e econômicos(deleção premiada)e depois porque Tiradentes, apesar da representação posteriormente construida da sua imagem comparada à de Jesus Cristo, da sua representação como mártir e heroi, era um ser humano com erros e acertos, com defeitos e virtudes… Enfim, não era um santo, uma figura sagrada!!!

  29. Carlos disse:

    Não se preocupem, pois a nobre presidente Dilma, quando estiver encarcerada, com toda a certeza, estando distante do seu “personal cabeleireiro maquiador”, ira recorrer aos benefícios da delação premiada.

  30. joaquim disse:

    Toda a noticia é importante. Comente também sobre o abusivo dos pedágios em São Paulo(valor cobrado mais caro do mundo). Onde está o sindicato dos caminhoneiros, que pararam o país para protestar contra o Governo Federal(até considerei justo uma parte das propostas). O Governo do Estado(PSDB) está acima do bem e do mal. São ações políticas ou de reivnidicação. E os críticos do aumento das tarifas controladas pelo Governo Federal? Pedágio é diferente? Como disse José Serra:”pedágio é barato”. Cadê os defensores do exemplo de gestão pública? Manifestem sua indignaçã. Uma pergunta: O valor dos pedágios é abusivo, caro ou barato?

  31. Getulio disse:

    Ontem na Band em entrevistas concedida a Mitre , Boris e demais o ministro do STF Marco Aurelio disse que essa pratica de prender sem ter acusações solidas para obter respostas não é correto , podemos dizer que é uma forma de Ditadura light cometida pelo juiz!
    O assunto virou até para chamada presunção dos fatos , é o que acontece hoje no Brasil qualquer forma para condenar é valida não importando se existe ou não provas para tirar Dilma e o PT de Lula tudo é valido desde que seja contra esses.
    Se esquecem que o mundo gira!

  32. Abner disse:

    Inadequada é a atuação do Juiz Sérgio Moro e dos procuradores, nitidamente com suas ações voltadas para derrubar o governo Dilma. Em um trabalho sério não pode existir “vazamentos” e pior, seletivos como foram os de 2014 e agora novamente. É tão verdade que um dos procuradores chamou o ex-presidente Lula de “anta”, num claro desrespeito a qualquer pessoa que fosse. Nunca um procurador da justiça poderia ter dito tal frase. É preciso punir sim quem está espoliando o estado, mas todos, não somente o PT. Cadê as investigações sobre o Aécio? Cadê as investigações contra o Aluísio Nunes? Cadê as investigações sobre Furnas? Ou seja, o que querem é derrubar a Dilma e acabar com a possível candidatura de Lula para 2018. É tão cara-de-pau da imprensa que quando o PT recebe recursos é tudo ilegal, agora quando a direita, diga-se PSDB e outros não tem problema algum. Vamos deixar de demagogia barata, por favor. E além disso o Delator Mor já faltou com a verdade uma vez e no entanto o Moro continua acreditando nele?

  33. Jose Maria disse:

    Dilma não tem como defender-se, seu partido, PT 3% de pixuleco, seu criador, o Lula da Silva, todos receberam milhões de Dólares do esquema maldito de corrupção, o que tornou a Petrobras uma das menores petroleiras do mundo. CHEGA DE BABAQUICE, DE PASSAR A MÃO NA CABEÇA DE ALGUNS. OU A JUSTIÇA IMPERA, OU O MAL A SUBSTITUI.

  34. Renato disse:

    Esses discursos nonsense da Dilma devem ser uma estratégia de defesa: se a coisa ficar ruim demais pro lado dela, os advogados irão alegar insanidade, utilizando os discursos e o Guido Mantega como prova…

  35. Ricardo Lins disse:

    Meu caro Kennedy, a comunidade jurídica já se pronunciou contra as prisões do juiz Moro. Ele SIM desrespeita a Lei. Até o Reinaldo Azevedo criticou a atuação do Moro, pra você ver… Acha normal um cidadão que ainda não foi julgado ficar SETE MESES preso ??? Afinal trata-se de corrupção, não de homicídio ou coisa parecida. Moro tem a postura de ” Enquanto você não me der algo contra o PT, não sai da cana “. Ele prendeu, já julgou a pessoa culpada e está forçando uma delação. Isso é um tipo de tortura sim e o objetivo é obter a delação por esgotamento físico e psicológico.

    • Joaquim disse:

      Ricardo, estas pessoas são milionárias, tem os melhores advogados e se não houve uma prova concreta com as mesmas já teriam conseguido um habeas corpos no supremo. E olha que com todo este dinheiro e poder o que conseguiram foi prisão domiciliar.
      Quer maior prova que a devolução de quase meio bilhão de reais, não entendo como ainda esta se discutindo provas. Devíamos é ter mais prisões.

  36. Hudson disse:

    Dilma nunca lutou por democracia. Lutou pra trocar uma ditadura por outra.

  37. Antonio de Pádua disse:

    Kennedy,

    Acompanho sempre teus comentários e você me parece sempre muito sensato no que diz, mas dessa vez preciso discordar. A imprensa deveria ter um papel conciliador num momento tão difícil para o Brasil, mas vejo o contrário. Há uma sanha vingativa, de parte da imprensa, que alimenta o rancor, a intolerância, o conflito.
    Estamos passando por problemas? Sim, mas por que a mídia, os formadores de opinião não buscam um caminho? Sei que é preciso ter oposição, até para fiscalizar e cobrar, mas o que há no País hoje em dia, é ÓDIO. E isso é fatal para o desenvolvimento.

    A fala da Dilma foi retirada do contexto por que? Ela falou algo simples, só disse que quando acuado você fala qualquer coisa para se livrar da “tortura”. E por acaso o juiz Moro está fazendo o que? Ele é contestado em vários momentos da operação, até por juristas, jornalistas. Então, vamos nos unir e não brigar.

    Obrigado.

  38. Celio Jorge Lasmar disse:

    Creio que quem desrespeita a Lei neste País são os parasitas corruptos que estão sendo caçados pelo governo de Dilma, e que financiaram seu parceiro Aécio e sua turma com um caminhão de dinheiro que dizem licito e limpinho, só o do PT é sujo, para ver se conseguiam se livrar do que estava por vir contra eles com sua eleição. Não conseguiram o eleger, perderam e partiram para a tentativa de golpe o que agora tentam aliados com uma imprensa igualmente parasita e corrupta em quase sua totalidade, que vive de verbas do Estado e de publicações da iniciativa privada via decretos de obrigatoriedade produzidos por parlamentares cooptados e conivente com tudo quanto é desmando que ocorre nesta Nação denegrindo a imagem da Presidenta. Não vai dar certo o País tem que ser passado a limpo. Dilma é uma Patriota com P maiúsculo e nunca foi corrupta, ao passo que aqueles que tentam denegrir sua imagem não possuem o mesmo status.

  39. Christhian Eudes Rosa disse:

    Risos , a presidente falando mal da delação premiada e de prisões preventivas nos U.S.A ? Patética , os funcionários da FIFA foram presos preventivamente e foram por delação premiada kkkkkkkkkk .

  40. Edison disse:

    Assim como a Anistia foi para os “dois lados” a delação também vale/valeu para os dois lados,inclusive para ela, como terrorista!!!

  41. ostervaldo galdino disse:

    Me parece que esse argumento usado por ela, é de quem não tem como se defender das denúncias.
    É como todo o criminoso preso, como não tem justificativa para os seu atos, sempre que perguntado sobre os seus delitos diz que é inocente.

  42. Nilson disse:

    Para uma pessoa que saúda a mandioca, a bola de bananeira e foi guindada a um cargo para o qual não tem competência, podemos esperar o que????
    Com certeza ela será deixará um legado de ser a PIOR Presidente que o Brasil já teve, esta senhora é um descompasso total e precisa de tratamento psicológico, o poder deve ser exercido por quem tem equilíbrio.

  43. LUIZ disse:

    E pensar que essa mulher está lá , na presença do Presidente do país mais poderoso do mundo, contando vantagens, promessas a não cumprir e pedindo penico para tentar salvar o resultado das tramoias que fez provocando a queda do país no abismo. Espero ela não estar novamente fazendo a propaganda da mandioca para investidores big shots americanos.

  44. Edson disse:

    PT colheu o que plantou! o melhor preparo que a Dilma tem é mesmo para integrar a comissão da verdade, mesmo assim com restrições. É claro que também está sendo usado como boi-de-piranha, mas depois das últimas falas, o sermão da Mandioca, as “Mulheris-sapiens” (lembrei do Mussum) e agora delação premiada com ditadura (esse negócio de ditadura já está parecendo um lapso freudiano), concordo com o Joaquim Barbosa: chefe-de-estado totalmente despreparada (até Ciro Gomes alertou), sem assessoria. Acho que o PT acabou, foi implodido e jogaram gasolina no resto. Tchau Lula! Só temo o que vem pela frente…

  45. Edgian disse:

    Não defendo nenhum partido mas uma coisa posso dizer sem medo de errar: essa senhora presidenta (….) e toda a corja que a acompanha são realmente INCOMPETENTES AO EXTREMO. Delação premiada faz parte da LEI. Se alguém tem alguma dúvida que faça vestibular para o curso de direito ou então frequente as aulas para aprender. Comparar um ítem da lei com o que se sofreu na ditadura é no mínimo prova da burrice e incompetência ou no mínimo achar que o povo é idiota. Dessa forma fica difícil aceitar e respeitar a opinião de pessoas que defendem essa corja que está no governo atual. Tomara que na justiça divina, os que elegeram esse pessoal que paguem o custo todo da destruição não só estrutural mas como moral deste país.

  46. João Alberto Afonso disse:

    A Dilma vai acabar conseguindo o título “mor” da pessoa mais medíocre e incompetente que assumiu o mais alto cargo do País. Aliás, Kennedy, ela lutou contra a ditadura militar, tal como eu, com uma única diferença, queria instalar a regime cubano e eu repor a plena democracia. Que tal é um fato, nenhuma dúvida resta, sendo bastante averiguar a que facção pertencia na época.

  47. Jonathan disse:

    Discordo. Acho que ela se posicionou de maneira correta. É de se questionar uma investigação que tem uns 15 delatores, que transformam prisões temporárias, em preventivas, em permanentes. E que faz uso da prisão como tortura psicológica, para que aconteçam as delações premiadas. É de se questionar os vazamentos seletivos, é de questionar a condução dessa operação pelo Sergio Moro, é de se questionar a legalidade da operação, que faz acordo com um delator, que já se mostrou mentiroso em outro processo, o que invalida a delação atual; é de se questionar a partidarização da Lava Jato, do MPF e da PF nesta operação.
    O combate à corrupção deve ser feito, a condenação dos mal feitos também, no entanto, a sanha de punir, os holofotes da mídia, os interesses políticos, o justiçamento não devem pautar as ações do responsáveis pela investigação.

    • pedro oliveira disse:

      Na hora de pegar o dinheiro sujo da empreiteira devia ter pensado melhor, ninguem dá tanto sem querer o retorno, mas a ganancia a certeza da impunidade foi maior, agora é tarde para se arrepender, não adianta espernear nem mandar os puxa-saco tentar uma defesa.

    • Joaquim disse:

      Jonathan, o que falar dos quase meio bilhão devolvido até o momento. São todos anginhos??? Esta prova é pouco para você e a Dilma??? Por favor pare de justificar o injustificável, nós brasileiros de pagamos por toda esta roubalheira exigimos o minimo de respeito.

  48. Renato disse:

    Lula disse que elegeria um poste. Ele e seus eleitores o fizeram e legaram ao país uma crise de autoridade, de confiança e que começa a se transformar de uma crise de legitimidade.

    Meu palpite: a Lava Jato tornou-se tão grande que, para não haver ruptura, terminaremos num grande acordão, que envolveria Lula não se candidatar em 2018. Não precisa de muita coisa. Basta uma Geni (que será o PT, a Lula seria dada uma saída honrosa com o enfraquecimento da Lava Jato), um “garantidor das instituições” (o PMDB, na figura de Temer) e uma oposição com sede de voltar ao poder, mas que teme Lula nas eleições.

    Dilma? Será rifada junto com o PT – por Lula e pelo PMDB. Fim deste capítulo. Tudo muda para que tudo permaneça como antes.

  49. Alexandre disse:

    Com essa resposta fica até difícil o partido defende-la.
    Tenho que concordar com o ex-Ministro Joaquim Barbosa e acrescentar ela esta pessimamente assessorada.
    Ele devia de divulgar as coisas boas que esta fazendo no USA e ponto final.

    A resposta correta neste momento seria bem simples, exemplo:
    Vamos aguardar com serenidade o julgamento, pois eu estou trabalhando por um país melhor.

  50. Pasquale disse:

    Nos finalmente dos entretantos,como diria Odorico…e viva a mandioca.
    Aliás podemos fundar,a Mandioca Corporation e vender mandioca para o mundo inteiro.
    Uma idéia deverasmente genial.

  51. Felipe disse:

    Uma blasfêmia contra o herói do Brasil.

  52. César disse:

    É incrível ver que aquelas mesmas pessoas que antes da Operação Lava Jato, defendiam uma igualdade maior entre pobres e ricos, entre a elite e os excluídos, entre negros e brancos, que reclamavam que a polícia só prende pretos, pobres, putas e pessoas do dito “povão”, os excluídos. Agora que a Polícia Federal prendeu só gente rica, milionários, donos das maiores empresas do Brasil, estão reclamando que é injusto prende-los. São companheiros! Estavam roubando para a causa! Ah bom! Para a causa pode!

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados

Não serão liberados comentários com ofensas, afirmações levianas, preconceito e linguagem agressiva, grosseira e obscena, bem como calúnia, injúria ou difamação. Não publicaremos links para outras páginas devido à impossibilidade de checar cada um deles.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

 
2020-03-30 04:14:07