aki

cadastre-se aqui
aki
Política
05-12-2014, 9h45

Dilma já decidiu, pelo menos, 15 dos 39 ministros

Levy deve tomar posse semana que vem para buscar agenda positiva
17

Postado por: Daniela Martins

A presidente Dilma Rousseff já tem definidos, ou praticamente confirmados, os nomes de 15 ministros que irão compor o seu segundo mandato. Não há previsão concreta de enxugamento no número de ministérios. Faltariam ainda 24 pastas, entre ministérios e secretarias em que o ocupante tem status de ministro.

Há muita articulação para ser feita nas próximas semanas, mas a intenção da presidente é definir todo o novo ministério para tomar posse com ela em 1º de janeiro.

Apesar do bombardeio de setores do agronegócio contra a senadora Kátia Abreu, do PMDB de Tocantins, Dilma pretende confirmá-la na Agricultura. No desenho atual para o Palácio do Planalto, Aloizio Mercadante ficará na Casa Civil, Ricardo Berzoini nas Relações Institucionais e Miguel Rosseto vai para a Secretaria Geral da Presidência.

A presidente já conversou com o ministro da Saúde, Arthur Chioro, e pediu que ele ficasse no cargo. Teresa Campelo, do Desenvolvimento Social, já recebeu o mesmo pedido. Vai continuar. Guilherme Afif Domingos também foi convidado a permanecer na Secretaria da Micro e Pequena Empresa.

A tendência é que José Eduardo Cardoso fique na pasta da Justiça, Luiz Inácio Adams na Advocacia Geral da União e Jorge Hage na Controladoria Geral da União. Moreira Franco, do PMDB, deverá continuar a Secretaria de Aviação Civil. Alexandre Tombin já foi confirmado na presidência do Banco Central.

Está sendo discutido o destino do governador da Bahia, Jaques Wagner (PT), que terá um ministério importante. É alta a possibilidade de a presidente Dilma convidar o governador do Ceará, Cid Gomes (Pros) para a Educação. Wagner e Cid foram governadores vitoriosos nas eleições e fundamentais para dar votos a Dilma na Bahia e no Ceará.

O PMDB reivindica, além da Agricultura, mais cinco pastas. O PSD de Gilberto Kassab deverá receber um segundo ministério. O Ministério das Cidades é cobiçado por quatro partidos: PT, PSD, PMDB e PP. Para a pasta do Desenvolvimento Agrário, há cinco candidatos petistas.

Joaquim Levy e Nelson Barbosa devem tomar posse na Fazenda e no Planejamento já na próxima semana. Dilma estava aguardando a consumação de algumas propostas que ainda podem ser entendidas como ligadas à atual política econômica, mais expansionista em termos de gastos públicos. Aprovado o abandono da meta de controle dos gastos públicos e definido o empréstimo de mais recursos do Tesouro ao BNDES para financiamento de empresas privadas, o caminho estará livre para dar posse da nova equipe econômica.

Há ainda uma razão pragmática para essas posses acontecerem na semana que vem: Levy e Barbosa precisam começar a anunciar logo medidas concretas que mostrem a mudança da política econômica para o segundo mandato, que vai começar em menos de um mês.

Na avaliação da presidente, a apresentação dessas medidas deverá gerar repercussão positiva entre agentes do mercado financeiro e o empresariado. O governo acha que poderá influenciar o debate público com uma agenda positiva, em contraponto às notícias negativas da Operação Lava Jato para o governo e o PT.

A presidente precisa resolver problemas na economia para ganhar força a fim de enfrentar turbulência na política.

Ouça o comentário no “Jornal da CBN”:

Comentários
17
  1. guilherme disse:

    O importante é deixar de lado esta camaradagem leviana de aproveitar “cumpanheiros ” para preencher ministérios inúteis, verdadeiros “cabides de emprego”. Qualquer País sério governa muito bem com cerca de 10 até, enlouquecendo as idéias com 15 ministérios…não havendo necessidade de de dar “forum ” de ministério a secretarias, algumas sem função a não ser de apadrinhar candidatos derrotados nas últimas eleições.Senhora Presidenta…o povo brasileiro lhe deu uma “grande chance” de se recuperar.APROVEITE a oportunidade.

    • gabriel disse:

      Há setores da sociedade que nunca foram contemplados, motivo que levou Lula a atender esses setores, criou secretarias e ministérios, como o Min. da Integração Nacional, da pesca, das cidades, que atendem setores específicos que nunca foram vistos ou então se acomodavam em algum puxadinho, agregados a um Ministério maior, sem efeito prático algum. Os que se dizem contra, então apontem qual min. ou secretaria deva ser extinta. e exponham os motivos.

  2. Fabio Matarazzo disse:

    Dilma vai deixar o Eduardo Cardozo na Justiça?
    Realmente a Dilma tem paixão alucinante por traídores.
    Esse senhor Cardozo é um lixo e a Dilma se o manter passa a imagem de ser pior do que ele.

  3. João Alberto Afonso disse:

    Caro Kennedy:- Com todo esse mar de lama em que o Brasil está afundado, tendo a Dilma nele atolada para além do pescoço, além dos tenebrosos números de seu péssimo governo, somado aos nomes que irão compor o novo congresso (pior escória da sociedade), acho que Levy e qualquer outro não terão como fazer para evitar a catástrofe geral. Note, a cada dia vem a tona novos escândalos de corrupção jamais vista neste País e, se seus autores não forem punidos, inclusive a Dilma, nada há que ser feito. Por fim, claro que corrupção sempre houve, inclusive por parte do FHC que conseguiu impor a maldita reeleição as custas do erário público, mas não comparável a essa patrocinada pelo PT.

  4. Pasquale disse:

    Então guerrilheira,aproveita e fica com os 15 e acaba com o resto.

    • Roberto disse:

      Dilma deve se orgulhar por ser chamada de guerrilheira, pois ela o é. A grande maioria dos machos, na situação dela teria colocado a culpa nas costas dos outros, como os peessedebistas fazem quando são mostradas as provas dos seus governos corruptos durante os anos que enganaram o povo paulista.

  5. Antônio Cássio disse:

    Cid Gomes na educação?! Esse senhor já deu provas concretas, quando ocupou o governo de seu estado, que odeia professores. Será que ele conseguirá fazer com que a educação evolua sem a presença dos professores? Esse nome para o ministério parece confirmar o que essa senhora pretende para a educação: manter as coisas como estão, se não for possível piorar. Eh Brasil! vamos voltar, porque o futuro apresenta-se ainda pior que o tempo em que estamos.

  6. antonio luis cordeiro goes disse:

    A presidente tem tudo para montar um ministério ficha limpa e competente, nos brasileiros não suportamos mais tantas maracutaias com ministros. Esse é o momento de se consagrar ou decepcionar de uma vez por todas. Nos queremos simplesmente um governo que combata sem treguas a corrupção, nos queremos que o nível de emprego seja mantido, nos queremos a regulamentação da mídia nacional, nos queremos uma reforma política total, nos queremos acabar com o financiamento de campanhas por empresários, nos queremos uma justiça que trabalhe e tenha menos mordomias.

  7. Mario Moraes disse:

    Como ex eleitor do PT(1990/1994/1998/2002/2006/2010), afirmo que o grande fracasso do governo trabalhista, foi se aliar com a escória oligarca do PMDB, Sarney, Collor, Lobão e outros parasitas. Acredito ser melhor “dialogar” com um oposicionista sério e competente, do que ser “apoiado” por um declarado e conhecido corrupto!
    O desejo de todo “trabalhador brasileiro”, independente de ideologia e candidato, é ver o nosso governo corrigir seu rumo, controlar a inflação, gerar um crescimento sólido e proporcionar ao povo indicativos sociais verdadeiros.
    Meritocracia, funcionalismo de carreira e conduta proba, deveriam ser os requisitos obrigatórios na escolha dos futuros Ministros, Secretários e Diretores das Instituições Públicas.
    Já que o anseio dos corruptos é a direção de algumas pastas/ministérios, sugiro a criação do Ministério da Lama, do Ministério do Lodo, da Petrobosta… e com ocupação vitalícia por esses vagabundos.
    Sucesso, atenção, pé de coelho… Presidente Dilma.
    Cordialmente.

  8. renato disse:

    Realmente o povo odiaria o impchimenent de Dilma (sozinha), mas se levassem toda a quadrilha de corruptos do PT junto com ela , faria festa de alegria < FORA COMUNISTAS ) !!!!!

  9. Ely Santos disse:

    Estou muito preocupado com a economia do país, principalmente no futuro próximo ( os 2 primeiros anos ), quando não haverá alça do caixão para pegar… Vejam os absurdos: além da operação lava jato do PT (Lula e Dilma), as reservas brasileiras= 375 Bilhões cuja conta corrente é responsável por outro rombo e essa reserva, amigos, já está sendo levada, assim como a reserva de Cantareira, onde tem pouco para servir a população de São Paulo. Sim, esta comparação procede, prestem bem atenção!
    Estou muito preocupado ainda depois de uma frase que vi na Faculdade de Direito: MUDAMOS DE IDEIA, NÃO QUEREMOS + DILMA.

  10. MAURO FERRAZZA disse:

    Caro Kennedy, vc esqueceu do atual Sen. Armando Monteiro (PTB) que perdeu as eleições em Pernambuco e ganhou como presente por sua fidelidade ao governo o Ministério do Desenvolvimento MDIC.

    • Brasilino disse:

      Caro Mauro Ferrazza,
      Você tem razão isto jamais pode acontecer num Brasil onde milhares de fábricas encerraram suas atividadese e estão fechando por falta de ‘estratégia de guerra comercial’ contra
      a entrada ilegal de muitos produtos asiáticos.
      Os projetos de modernização de nossas fábricas estão esquecidos e agora passamos a ser mero ‘vendedores de produtos da Asia!!!!!!
      Os chineses desvalorizaram sua moeda ‘yen’ na base de 7×1 dollar americano e nós continuamos insistindo na contra mão 2×1 dollar!
      Vamos quebrar, o desemprego e a crise chegaram em meados deste ano!
      A violência caminha de mãos juntas…S.O.S.Brazil

  11. Antonio França disse:

    Sugiro à nossa Presidente que não deixe passar a oportunidade de reduzir consideravelmente o número de Ministérios, até porque fica mais fácil exercer um controle maior sobre cada Ministério, para não ocorrer o vem acontecendo na Petrobrás.

  12. BRASILINO disse:

    As possibilidades de problemas futuros graves na economia evidenciam a fuga de investidores do Brasil.O pior, estamos desacreditados internacionalmente! Poderemos quebrar e isto é o risco Brasil!Voltamos a reincidir nos mesmos erros com número enorme de Ministérios cujo custo é alarmante!
    A agiotagem autorizada está de volta,e este’remédio econômico’ nunca foi usado por economias do primeiro mundo …então…!!!!?????
    The Brazil wants investitors! S.O.S. Brazil

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados

Não serão liberados comentários com ofensas, afirmações levianas, preconceito e linguagem agressiva, grosseira e obscena, bem como calúnia, injúria ou difamação. Não publicaremos links para outras páginas devido à impossibilidade de checar cada um deles.

2020-09-22 10:55:03