aki

cadastre-se aqui
aki
Política
03-08-2015, 20h58

Dilma se prepara para enfrentar Cunha em agosto

10

Postado por: Daniela Martins

O governo não admite publicamente, mas está se preparando para enfrentar o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ). A agenda de votações do Congresso Nacional em agosto foi o tema principal da reunião de hoje entre a presidente Dilma Rousseff e seus principais auxiliares.

Agora, à noite, Dilma convidou presidentes e líderes de partidos aliados para jantar no Palácio da Alvorada. A intenção é reunir apoio para barrar a aprovação de projetos que aumentem gastos e evitar a reprovação das contas do governo do ano passado. Os governistas também se preparam para tirar gás de CPIs e de uma articulação a favor da abertura de um processo de impeachment da presidente.

Eduardo Cunha também marcou reunião com aliados para discutir uma estratégia contrária aos interesses do governo.

No Congresso, haverá uma luta dura neste mês.

*

Apesar de já ser esperada, a prisão do ex-ministro da Casa Civil, José Dirceu, traz um novo desgaste para o PT.

Dirceu é um símbolo importante do partido. Foi condenado no mensalão e volta agora ao centro de outro escândalo, sendo acusado de criar um esquema de corrupção na Petrobras.

A oposição ganha munição para criticar o PT e o governo numa hora em que o Palácio do Planalto vai enfrentar uma dura agenda de votação no Congresso neste mês de agosto.

*

Confira os temas do “SBT Brasil” desta segunda:

Comentários
10
  1. César disse:

    Não será só o Presidente da Câmara dos Deputados, que ela terá que enfrentar. Também terá que enfrentar o povo brasileiro. Que já está cansado das mentiras que ela contou durante as eleições e de pagar a conta da corrupção dos governos petistas. Panelaço no dia 06 de Agosto e passeatas por todo o país no dia 16 deste mesmo mês. Ela vai entender o significado de estar com a popularidade abaixo do volume morto.

    • Gregorio Bezerra disse:

      Que povo brasileiro????? Os insatisfeitos que votaram no Aécio?????? Lugar de chorar é na cama.

      • César disse:

        Os insatisfeitos que votaram no Aécio + Os que perderam os seus empregos + Os que tiveram as suas contas de energia elétrica absurdamente aumentadas + Os que tiveram os seus impostos roubados pela corrupção na Petrobrás + Os que acreditaram no FIES e engoliram o FIASCO + Os que viram a vaca tossir e perderam os seus direitos trabalhistas + Os que estão sem aulas nas universidades federais + Os que não queriam Copa do mundo FIFA e Olimpíadas e sim saúde e educação, transporte e segurança + Os que vivem nos estados e municípios que faliram por acreditarem no pre sal + Os que estão vendo o dinheiro do BNDES ir para as mãos dos mais ricos, enquanto o pequeno e o micro empreendedor não consegue financiamento + Os que sentiram no bolso o aumento no preço dos transportes + Os que vão as feiras livres e supermercados e voltam cada vez com menos produtos e pagam cada vez mais por eles + Os que estão vendo a estabilidade econômica ir pelo ralo enquanto a inflação esta nas alturas + Os que trabalharam por toda a vida e se aposentaram e agora vem os seus vencimentos encolhendo ano após ano + Os que estão vendo o enriquecimento ilícito, daqueles que diziam ser honestos + Os que estão vendo que vamos perder o grau de investimento por conta do desgoverno do país + Os verdadeiros brasileiros, que pensam no país em primeiro lugar e não apenas no partido político de sua preferencia + Os que estão pagando a conta de tanta mordomias + Os que não são cegos, surdos e mudos + Os que raciocinam logicamente + Os que não sofreram lavagem cerebral + Os que fazem manifestações espontâneas e que não se vendem por um sanduiche de mortadela e refrigerante + Os que querem deixar para os seus filhos e netos um país melhor.

      • Erenal Barbosa da silva disse:

        O PSDB, é um partido de mentirinhas de pessoas baixas q não se preocupa com o povo. Todos são farinha do mesmo saco. Lembrando q esse partido é Aécio Neves são uma bomba para os Brasileiros.

  2. César disse:

    Eduardo Cunha que se cuide! A presidente Dilma não vai ter uma meta para derrota-lo, mas quando atingir esta meta, vai dobrar a meta. Estratégia infalível! Não se deve subestimar tanta inteligência.

  3. Alberto Nery disse:

    O pior Kennedy,que a Dilma agora,não tem que se preocupar só com o Eduardo Cunha,se o Dirceu resolver falar o que sabe ela está frita. O pior que se ela estava abaixo do volume morto,agora está na mais pura das lamas.

  4. ERJ disse:

    Não é possível esse pessoal que quer um impeachment da Dilma, mesmo sem provas judiciais de nada. Inventaram que a eleição foi fraudada, inventaram que intervenção militar é constitucional, cada hora eles inventam uma mentira nova. Só tem uns 30 anos que saímos de uma ditadura, e já vai ter outro golpe de estado?

    Nem o Aécio e o FHC são a favor disso (pelo menos não abertamente). Quem está à frente disso são uns deputados do DEM, e o Movimento Brasil Livre. Brasil livre de quê, exatamente?

    Eu também quero um Brasil Livre: livre de golpistas!

  5. Coronel Padilha disse:

    Na verdade não haverá enfrentamento. O PT não tem com o que enfrentar o legislativo. Seu maior trunfo, que sempre foi distribuir cargos através dos quais o agraciado poderia receber propina, está comprometido pelas ações investigatórias.

    O mensalão, que garantia apoio nas votações dos parlamentares também, aparentemente, deixou de ser praticado.

    Além disso, o caixa federal está vazio. E tendendo ao saldo negativo. Então não há dinheiro para gastar. Talvez para prometer, mas quem confia em mentirosos?

    Do ponto de vista político, as ações de Dilma são um desastre. Convoca, em toda a extensão do termo convocar, governadores e chefes de partido como se pudesse posar de poderosa dama da república, quando se sabe que está completamente acuada e impotente pela situação atual.

    E os convocados respondem, comparecem. Fazem isto apenas porque ainda não há envolvimento do nome dela nas questões ligadas às investigações. Porém, isto não quer dizer de forma alguma que estejam seduzidos pelo seu “poder de convencimento”. Diria que o fazem por elegância, e também para não afrontar sua imagem, mas todos estão com as barbas de molho para ver em que resultará as delações que agora devem migrar para as salas do poder executivo.

    Cerrar fileiras mesmo, para valer, presumo que não acontecerá. Está muito claro para todos a incompetência nos assuntos de política e de governo. E há ainda a arrogância que ela utiliza como defesa, o que diminui ainda mais sua popularidade.

    Com as dificuldades de caixa que se avizinham o assistencialismo será afetado. E assim a base de apoio do governo populista deve despedaçar-se. Decepção será a palavra mais utilizada, derrubando os índices de popularidade.

    Não tenho dúvida de que a solução apenas se apresenta caso se decida ejetá-la do planalto. O problema é que o PSDB não quer o PMDB no poder. Para isto, chegam a declarar até que a consideram honrada, não sei com que base e nem com que princípios. Mas o PSDB não é maioria nesta questão e acredito que irá mudar o discurso velozmente, se isto se fizer necessário frente à opinião pública. Em outras palavras, não agitam, mas apoio de fato nem pensar.

    A saída de Dilma seria propícia para a economia. Acalmaria as investigações e traria normalidade jurídica para o país. Tranquilizaria os parlamentares e os executivos dos partidos, a maior parte deles, senão todos, envolvidos de certa forma.

    Corrupção sempre teremos. Todos os países tem, até os que não são democráticos. O importante é manter isso sob controle, minimizando os participantes de esquemas. E é justamente o que o PT não consegue fazer. Por isso deve ser alijado da vida nacional. Tanto o partido quanto os seus simpatizantes. E isto deve ser feito sem demora, antes que tentem se organizar para permanecer no poder por outros caminhos, digamos, mais radicais…

  6. César disse:

    Gregorio Bezerra, para alguns, lugar de chorar é na cela da carceragem da Policia Federal.

  7. Alberto disse:

    Haja visão estrábica!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados

Não serão liberados comentários com ofensas, afirmações levianas, preconceito e linguagem agressiva, grosseira e obscena, bem como calúnia, injúria ou difamação. Não publicaremos links para outras páginas devido à impossibilidade de checar cada um deles.

2020-09-28 14:34:07