aki

cadastre-se aqui
aki
Economia
31-10-2013, 9h29

Planalto pretende fortalecer Petrobras para pré-sal

Previsibilidade financeira para dar conta do recado
1

No “Jornal da CBN”, comentário aborda os motivos da presidente Dilma Rousseff para acertar com a presidente da Petrobras, Maria das Graças Foster, nova política de preços da estatal. Dilma decidiu priorizar o fortalecimento da empresa para explorar o pré-sal, encerrando fase de controle político forte sobre reajuste dos combustíveis. Para a presidente da República, é importante dar mais armas à Petrobras diante do tamanho da empreitada que há pela frente.

Comentários
1
  1. Paulo Nanô disse:

    Óbvio que o tal aval é muito mais pelo lado econômico. “Acerto direto” é a realidade IMPOSIÇÃO do mercado como vc disse. Graça Foster não tem poder para fazer o que vc disse! Ela não fez isso sozinha! Trazer outras empresas foi um acerto de muita costura feita diretamente pelo Planalto! A vaca quase foi para o brejo, foi por um tris! E a realidade se imporá daqui para a frente: o pré-sal não vai acontecer no prazo que estão prevendo e a Petrobras também NUNCA TERÁ CAIXA para estar em todos os campos de exploração do pré-sal. A REALIDADE SE IMPORÁ EM NO MÁXIMO TRÊS ANOS! E o modelo de partilha precisará ser alterado novamente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados

Não serão liberados comentários com ofensas, afirmações levianas, preconceito e linguagem agressiva, grosseira e obscena, bem como calúnia, injúria ou difamação. Não publicaremos links para outras páginas devido à impossibilidade de checar cada um deles.

2020-09-22 10:31:01