aki

Kennedy Alencar

cadastre-se aqui
aki
Política
18-10-2016, 9h08

Disputa por Câmara gerou crises para FHC, Lula e Dilma

Temer tenta evitar antecipação do debate sobre sucessão de Rodrigo Maia
9

KENNEDY ALENCAR
BRASÍLIA

Disputas pela presidência da Câmara causaram crises nos governos FHC, Lula e Dilma. O presidente Michel Temer tem motivos de sobra para evitar a antecipação das articulações sobre a próxima eleição para a presidência da Câmara, que acontecerá em fevereiro.

Nesta segunda, o ministro Geddel Vieira Lima (Secretaria de Governo) interveio numa articulação que procurava tratar aliança entre partidos do chamado centrão e o PMDB para concorrer à sucessão de Rodrigo Maia (DEM-RJ), atual presidente da Câmara.

Quando um governo tem uma base de apoio muito ampla, como aconteceu com FHC no primeiro mandato, com Lula no segundo termo e com Dilma no primeiro mandato, é fácil aprovar matérias com alto grau de consenso.

No entanto, uma base tão ampla tem partidos que pensam diferente sobre determinados temas. Isso aconteceu, por exemplo, na votação do Código Florestal no primeiro mandato de Dilma, quando ruralistas da base de apoio enfrentaram ambientalistas então alojados no governo.

As disputas pela presidência da Câmara têm histórico de criar grandes problemas para os presidentes da República. Na administração FHC, uma contenda entre Aécio Neves, do PSDB, e Inocêncio Oliveira, do então PFL, gerou um grande racha. Tempos depois, uma ala do PFL rompeu com FHC.

Na gestão Lula, houve a famosa eleição de Severino Cavalcanti, do PP, num momento em que o PT lançou um candidato menos competitivo à presidência da Casa.

Mas o maior exemplo de crise causada pela disputa da Presidência da Câmara foi a eleição de Eduardo Cunha, do PMDB, no início de 2015. Instalou-se no poder um inimigo que seria mortal para Dilma Rousseff. Se a então presidente tivesse feito um acordo efetivo com Cunha ou articulado uma alternativa com competência, a história do impeachment provavelmente teria sido outra.

Com pouco tempo efetivo de poder, porque é uma gestão com apenas mais dois anos e dois meses de duração, o governo Temer tem exemplos de sobra que recomendam evitar uma crise que nasça da disputa antecipada pela presidência da Câmara.

Assista à participação no “SBT Brasil”:

Ouça o comentário no “Jornal da CBN”:

 

Comentários
9
  1. Excelente artigo Kennedy, bem interessante.

  2. Maria Aparecida Ramos Tinhorão disse:

    A representação proporcional por demografia e o voto distrital são os únicos remédios para estabelecer uma regra confiável a esse samba do afro descendente com distúrbios psicológicos. É o modelo em que o eleitor cobra diretamente seu eleito, consagra ou pune !

    • walter disse:

      Realmente cara maria Aparecida, estão preocupados, em articular substituição do presidente da Câmara, enquanto o País, precisa de mais celeridade, para a realização e viabilização, deste governo. os abutres, que não são patriotas; enxergam uma ponte, no meio desta neblina, para alcançar de fato, uma candidatura de sucesso, a presidência de fato, em 2018…nenhum deles nem PMDB e PSDB, falam com clareza, em manter uma aliança a favor do Brasil, com este proposito; a ambição é tão grande, e desmedida, que poderão encontrar, um candidato, até então desconhecido de todos, que vai ganhara peleja…a lava jato vai fazer a diferença até lá, e sem união, não serão viáveis…

      • Maria Aparecida Ramos Tinhorão disse:

        Exatamente meu caríssimo amigo Walter.
        Foi graças à vaidade e ganância política do Geraldo Alckmin em 2002 que o partido rachou, moral da história, não se elegeu e permitiu eleger esse anátema que nos desgraçou por 14 longos e infelizes anos de ditadura sindical pelega e criminosa… A parte sindical ainda perdura.

        • walter disse:

          Olha minha querida amiga Maria Aparecida…não existe nenhum santo, quando se trata do poder político, principalmente dentro do PSDB; já que temos que convir,sempre tem “boas cabeças”, ou melhores opções que os outros, que jamais se submetem de fato.
          O grande culpado de fato, pela ascensão do Lula, chama se FHC, quando tentou o segundo mandato, onde vendeu a alma ao diabo; lembro me, que sua argumentação, eram as reformas em geral; ficou QUATRO longos anos, e NADA fez…com isso abriu o precedente…

  3. Mauro disse:

    Com essa Câmara que está ai, qualquer dos eleitos será aquele que for o menos pior, porque bom de verdade, não tem nenhum!
    De qualquer modo, como não dá para fugir da realidade, não há duvidas de que a Câmara deverá ser presidida por alguem que seja , ou do PMDB, do DEM ou do PSDB, que são os partidos que dão base de sustentação ao governo e qualquer outro será um intruso desnecessário e que só provocará caos e disso o Brasil não precisa.
    Que se exconjure qualquer tentativa de PSOL, PT e outros desse nivel baixo e podre, venham a presidir a Câmara. Cruz credo, pé de pato. Mangalô 3 vezes! Sai capeta!

  4. Korzen Nezrok disse:

    Faço aqui uma proposta de reforma política ao nosso valoroso Kennedy e aos participantes desse blog.
    Começar uma campanha para a não reeleição em todos os cargos políticos, seja Executivo ou legislativo.
    Penso que com oportunidade única de exercer apenas um mandado desestimule os candidatos rapineiros de enveredar pela política, porque menos de 10% tem boas intenções.

    Então vamos “REELEIÇÃO, TOLERÂNCIA ZERO”

  5. Wellington Alves disse:

    Presidencialismo de coalizão não dá certo. Não tem como governar com mais de 30 legendas representadas. E os golpistas só mostram para o que vieram – poder. Não tinham espaço do governo Dilma, por isso aplicaram o golpe. Os patos foram para a Paulista de trouxa que são.

  6. Pasquale disse:

    Os patos inflados foram,o pior foram os patos do PT.
    Nunca antes….

Deixe uma resposta para Korzen Nezrok Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados

Não serão liberados comentários com ofensas, afirmações levianas, preconceito e linguagem agressiva, grosseira e obscena, bem como calúnia, injúria ou difamação. Não publicaremos links para outras páginas devido à impossibilidade de checar cada um deles.

2020-12-03 13:13:37