aki

cadastre-se aqui
aki
Economia
13-08-2019, 7h50

Economia ruim é responsabilidade do atual governo

Imaginem se Congresso resolvesse atrapalhar
7

Kennedy Alencar
BRASÍLIA

O Banco Central previu queda de 0,13% do PIB no segundo trimestre. É uma antecipação que geralmente acerta o que dará o índice do Produto Interno Bruto. Há indicação de provável recessão técnica.

Imaginem se a Câmara não tivesse votado a reforma da Previdência. Imaginem se o Senado não estivesse dando prioridade ao tema.

Bolsonaro só atrapalhou. Desprezou a articulação política, cedeu ao ao fisiologismo que negou na campanha na última hora, tentou desmoralizar congressistas e falou absurdos quase todos os dias, alguns recentes escatológicos como o famoso “Golden Shower”.

Essa de ontem de tentar se intrometer nas eleições argentinas é de lascar. O Brasil é o principal parceiro comercial do nosso vizinho. A Argentina é a terceira maior parceira dos brasileiros.

Não adianta ficar culpando antecessores. Michel Temer deixou a economia em melhor estado do que está hoje. Bolsonaro piorou as expectativas e derrubou as previsões de crescimento. Ele, alguns aliados e familiares só criam confusão, o que é péssimo para o ambiente de negócios.

Ouça esse comentário a partir dos 8 minutos e 20 segundos no áudio abaixo:

Comentários
7
  1. Wellington Alves disse:

    Quem diria que alguém conseguiria ser pior que o Temer. Meirelles conseguiu estabilizar a economia. O atual governo não apresentou nada. O tal posto Ipiranga só presta para dilapidar o patrimônio público.

  2. walter nobre disse:

    Quanto a Economia do País, mais uma vez caro Kennedy, é humanamente impossível, depois dos destroços encontrados, em tão pouco tempo, sem negociações espúrias, qualquer cristão resolver alguma coisa; vale aguardarmos, agora que tudo indica, a reforma sairá, mais a tributária, quem sabe; estará o governo tendo condições e recursos, para de fato criar alternativas, para alavancar empregos com desenvolvimento de fato; o Povo esta ciente disto, por mais que tente imputar desabono ao presidente…

    • Elena disse:

      Caro, estamos tecnicamente em recessão. E esse governo só quer ferrar com os trabalhadores tirando mais direitos trabalhistas, como vimos com a aprovação da MP 881/19. Está na hora desse governo entender que não é tirando direitos trabalhistas é que teremos melhora na economia.

  3. Lucas disse:

    Adorei o “é de lascar” hahahahaha E é exatamente isso. Sem tirar nem pôr. Esse “governo” é de lascar, na verdade.

  4. A economia não está ruim apenas por conta dos modos políticos fascistas de Bolsonaro, caro Kennedy, que atrapalha, mas não é a causa principal da recessão.
    A questão é que Guedes e sua equipe são neoliberais toscos, sem publicações, sem experiência administrativa e sem contato com a economia real. Seu único projeto é privatizar tudo, retirar o estado de todas as áreas (até da saúde, educação e infra=estrutura) e fazer reformas que aumentam a desigualdade e a exploração do trabalho (previdência, trabalhista e tributária). Tudo em nome de um suposto equilíbrio orçamentário, que virá apenas com crescimento econômico.
    Guedes e equipe, assim como Meirelles e Levy antes dele, são incapazes de um plano emergencial para criar empregos, que todo governo faz quando está em recessão ou depressão: um investimento pesado em infraestutura e moradia, por exemplo.
    Com a receita neoliberal radical do Guedes, mesmo se Bolsonaro ajudar, nunca sairemos da depressão em que nos encontramos. Ao contrário.

  5. Andre disse:

    A fala do presidente Bolsonaro foi um total desrespeito a autodeterminação e soberania do povo argentino. Alias na cabeça dele, o Brasil relaciona-se com ideologias e não com as instituições de governo. Acho que na história deste país nunca houve um presidente tão despreparado, e tentar alguma comparação é um acinte a qualquer um que tenha sentado naquela cadeira.

  6. Elaine disse:

    Parabéns pela análise, uma coisa que percebi neste blog é a total ausência de comentários. Será que caiu a ficha para alguns leitores e não querem mais apresentar suas ideias?

Deixe uma resposta para Lucas Cancel reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados

Não serão liberados comentários com ofensas, afirmações levianas, preconceito e linguagem agressiva, grosseira e obscena, bem como calúnia, injúria ou difamação. Não publicaremos links para outras páginas devido à impossibilidade de checar cada um deles.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

 
2019-12-14 17:06:02