aki

cadastre-se aqui
aki
Política
04-12-2019, 15h19

Em respeito ao jornalismo e à democracia

Resposta aos ataques de Marco Feliciano e milícia digital
15

Kennedy Alencar
BRASÍLIA

Em respeito aos leitores do blog, aos internautas que me seguem nas redes sociais, aos ouvintes da rádio CBN e aos jornalistas e amigos que enviaram mensagens, volto a um assunto que foi abordado neste espaço em janeiro de 2018.

Também me manifesto em respeito ao jornalismo e à democracia. Não tratei desse caso antes por estar resolvendo problemas de ordem familiar e pessoal. Mas trato agora.

Sob o escudo da imunidade parlamentar, o deputado federal Marco Feliciano (PSC-SP) foi à CPI das Fake News desferir ataques contra a minha honra. Como é típico de quem espalha fake news, ele recorreu a uma meia-verdade.

A verdade é que sou irmão do Beck e do Muller, mas é mentira que eu tenha ligação com as atividades profissionais de ambos. A partir do meu laço de sangue, Feliciano voltou a beber na fonte de supostos jornalistas e difamadores profissionais que fizeram o primeiro ataque covarde contra mim.

Como não existe deslize ético e financeiro na minha carreira jornalística de 30 anos, a brecha foi dizer que meus irmãos receberam R$ 16 milhões da campanha de Dilma e tentar estabelecer alguma ligação indevida minha com isso. Ora, cabem aos meus irmãos cuidar e dar explicações sobre as suas atividades profissionais para o PT e diversos outros partidos. Eles estão fazendo isso.

Cabe a mim responder a quem tenta macular uma trajetória profissional construída com honestidade e seriedade. Meu patrimônio, que está devidamente declarado à Receita Federal, é fruto de um trabalho árduo de 35 anos. Recorri à Justiça contra os supostos jornalistas, mas o entendimento até agora tem sido o de que a meia-verdade, a desinformação e o jornalismo de insinuação podem prevalecer. Estou recorrendo às instâncias superiores e levarei esses processos até o fim.

Cabe a mim recolher as plumas lançadas ao vento por esses difamadores profissionais e amadores. Faço com gosto. Não é a primeira vez que enfrento desafios na minha vida. Não será a última. Cobri duas guerras e sete governos, incluindo o de Jair Bolsonaro. Não me assustam.

Desde a notícia que dei sobre a investigação da Polícia Civil do Rio sobre o suposto envolvimento de Carlos Bolsonaro no caso Marielle, os ataques a mim voltaram a ganhar corpo nas redes sociais. Gostaria que o deputado Feliciano tratasse os fatos com o mesmo zelo com que cuida de sua chapinha japonesa. Mas aí é pedir demais para um sabujo do autoritarismo de extrema-direita.

A milícia digital e seus líderes que usam a mentira como arma política não vão me intimidar. Continuarei a fazer o meu trabalho de modo firme, equilibrado e com a tenacidade profissional de sempre. Não vou normalizar absurdos desses senhores e senhoras que não sabem conviver com a democracia.

A estratégia deles é clara: minar a credibilidade dos jornalistas para que possam adotar com mais facilidade medidas de exceção, avançando sobre as instituições do país com sua barbárie e autoritarismo. Nossa democracia não merece. Vou cumprir o pequeno papel que me cabe neste momento da História do Brasil.

Comentários
15
  1. Roberto Gervitz disse:

    Vá em frente, Kennedy, muitos sabe do seu valor e sua integridade profissional. Somos governados por um governo que prega e pratica a barbárie. Democracia neles!! Que a verdade prevaleça e esses que hoje estão no poder sejam defenestrados devido à sua contínua atuação antidemocrática.

    • walter nobre disse:

      Kennedy, tem a máxima: “quem não deve não teme”, você não deve responder por seus irmãos; muitas vezes são desferidos golpes contra a honra, como recentemente o ex presidente lula, afirmou sem provas, que o “bolsonaro é miliciano”, este tipo de prática tem sido cometidos pela oposição, como tem sido caso Marielle, tentando criar fatos, pela imprensa, que o fato do suspeito morar no condomínio do presidente, logo tenha a ver com o caso, mesmo sendo claramente uma calúnia; o governador do Rio fez questão de fomentar esta hipótese. A democracia deve ser praticada plenamente, principalmente por jornalistas ligados ao lula; não pode haver dois pesos e duas medidas…vsa postura tem sido ilibada ao longo do tempo; parabéns pela transparência. Espero que seus irmãos se manifestem…

  2. Claudio Freire disse:

    Muito bem, Kennedy.
    Nenhum democrata pode titubear num contexto como o atual, em que a democracia vem sendo machucada diariamente, e o fascismo bate às nossas portas.
    Fique firme, sim. Tem todo o apoio dos democratas deste pobre país.

  3. José Ricci disse:

    Siga nessa luta , não será em vão e juro que se tivéssemos mais jornalistas como você para barrar essa turba eu creio que não estaríamos onde estamos , mas é com luta e com verdade que eles serão derrotados , precisamos de você

  4. Siga em frente Kennedy. Não aguento mais esse governo tratar a tudo e todos com ideologia. Não convive com a critica e ao que me parece trata todos como inimigo aos que discordam de suas ‘seitas’. Talvez se o presidente e seus filhos tivessem um pouco de vivência com a iniciativa privada, conduziram esse país de forma diferente.
    Enquanto isso eu aqui lutando com a minha empresa, matando um leão por dia para fechar as contas mensais. Mas diz a esposa de Eduardo Bolsonaro: ‘Passando perrengue com 33 mil mês’… E eu passando perrengue para fechar as contas do mês.
    Siga em frente !

  5. Caro Kennedy,

    Quem te conhece não tem dúvidas sobre sua integridade moral, política e profissional.
    O fato de a extrema direita ter assaltado o poder na base da mentira, das Fake News e especialmente com a ajuda de mercadores do Evangelho do naipe de Marcos Feliciano, que negociaram seus rebanhos de porteira fechada, confere a eles o direito “divino” de darem segmento a sua farsa. Ora, se deu certo na eleição, deverá continuar dando certo enquanto nós quisermos. É assim que eles pensam.
    Porém, eles não são maioria.
    Nada contra a religião. Nossa indignação deve ser contra a prática daqueles que a usam com arma espalhar o terror.
    Não era para existir pobres de direita no Brasil.
    Então porque existem pobres de direita no Brasil?
    É simples. Pregadores do naipe de Marcos Feliciano, se apresentam como representantes de Deus na Terra, assim como Caifás na época de Jesus e, usam da mesma tática para espalhar o terror contra qualquer um que ameaçar seus interesses.

  6. Erickson Diotalevi disse:

    Continue a luta. Estamos torcendo pelo seu jornalismo independente e imparcial.

  7. Alberto Augusto disse:

    Parabéns, Kennedy. Quem conhece sua trajetória sabe o profissional correto que tu és. Não deixe esse deputado cretino, explorador da fé alheia e que conserta os dentes com dinheiro público, querer manchar sua reputação. Viva, Kennedy! Abaixo deputados que não honram nem as calças..

  8. Romanelli disse:

    força cara ..pense sempre que vc não esta sozinho

  9. Carlos Frederico Moura disse:

    Kennedy, você tem a solidariedade dos leitores atentos aos atentados contra a democracia, cometidos diuturnamente por este (des)governo que tanto infelicita este país atualmente.
    Mais do que nunca, precisamos do trabalho de jornalistas profissionais comprometidos com a democracia brasileira, como você é um exemplo.
    Estes tempos sombrios passarão, e figuras menores, sem nenhum destaque, como a triste figura deste deputado, desaparecerão da história.
    Coragem, altivez e determinação ! Conte com seus leitores !

  10. MARCELOS DE CARVALHO CALDEIRA disse:

    Prezado Kennedy!
    Você representa uma das poucas e corajosas trincheiras contra o obscurantismo e a barbárie. Todos nós que acompanhamos seu trabalho temos a obrigação de, no mínimo, prestar solidariedade a você. Parabéns pela coragem e independência.

  11. MARIANO RIBEIRO RODRIGUES disse:

    Siga firme, Kennedy! Precisamos de mais jornalistas como você!

  12. Caro Kennedy, o Brasil e os brasileiros que buscam informação sabem quem é você e o jornalismo que faz ao longo dos anos. Apenas os incautos, papa mentiras é que caem em algo plantado. Mas, quem construiu uma carreira sólida como a sua e atua em diversas frentes não será desmoralizado por quem não tem moral. Ontem a deputada Joyce, que já foi do ninho e hoje se arrepende explicou em detalhes o que está acontecendo. Ficaremos no aguardo de mais um grande furo, afinal esse é seu mister. Abraço e siga de cabeça sempre erguida!

  13. Gabriel disse:

    Força Kennedy! Precisamos das suas palavras objetivas e imparciais para nos situarmos nesses mares de lama e óleo, nesse país em chamas! Não esqueça de acompanhar de perto as políticas ambientais (ou a ausência das mesmas). Obrigado pelo belo trabalho!

  14. ANDRE disse:

    Meu caro Kennedy, o que faz a pessoa é a sua história e conduta, a sua foi construída com seriedade, trabalho e respeito. Quem acompanha o seu trabalho sabe de sua seriedade, o que não podemos dizer da pessoa nefasta que lhe difama.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados

Não serão liberados comentários com ofensas, afirmações levianas, preconceito e linguagem agressiva, grosseira e obscena, bem como calúnia, injúria ou difamação. Não publicaremos links para outras páginas devido à impossibilidade de checar cada um deles.

2020-09-21 13:22:56