aki

cadastre-se aqui
aki
Política
14-05-2019, 13h41

Entrevista reforça impressão de violência histórica contra Lula

Ex-presidente sustenta inocência com tenacidade
8

Kennedy Alencar
LONDRES

Após duas horas de entrevista com o ex-presidente Lula, fica a impressão de que se cometeu uma violência histórica com a sua prisão. Lula sustenta a inocência com tenacidade, aponta argumentos consistentes e afirma que desmontar as acusações passou a ser sua missão de vida.

A entrevista reúne uma série de pontos: visita ao governo real que ele fez entre 2003 e 2010, equívocos da sucessora, Dilma Rousseff, o provável erro político de não ter disputado a Presidência em 2014, as acusações de corrupção decorrentes da Lava Jato, atual política externa e o governo Bolsonaro e o seu modelo econômico.

Ontem, no “Jornal da CBN – 2ª Edição”, foi feito um resumo da entrevista, realizada no último dia 3 de maio e cuja íntegra está no blog.

Comentários
8
  1. João Marcos Emerenciano disse:

    Adorava seu programa pela manhã na CBN. Volta por favor!!!

  2. Romanelli disse:

    A entrevista buscar restaurar um pouco da verdade que foi perdida nestes tempos de obscurantismo que os golpistas nos meteram.

    Tenha certeza Kennedy que a tua parte vc esta fazendo.

  3. jose disse:

    Ciro Gomes é um senhor de cabelos brancos. Foi governador do Ceará alavancado por Tasso Gereissat. Depois foi ministro da fazenda de Itamar Franco, mas logo descartado por FHC. Elegeu-se deputado federal, mas não apresentou nenhum destaque que o credencie a uma qualidade superior aos demais mortais. Vive verbalizando inveja e se apresentando como Sassá Mutema. Lula não está eleitoralmente morto. Preso, sem provas, transferiu 47 milhões de votos a Fernando Haddad, desconhecido político paulistano. Inclusive tirando Ciro do segundo turno que tinha mais tempo em campanha eleitoral e tem presença constante na TV. Só não vai ao Fautão, Silvio Santos e Ratinho porque não o convidam. Lula não é difunto eleitoral, ciro sabe disso. Eu, por exemplo, voto no Lula da Silva e em quem ele indicar. Tenho 56 anos de idade com titulacao de doutorado. Ciro fala que Lula é difunto eleitoral se vendo no espelho. Lacan, certamente, riria dele, do Ciro que baba de inveja de Lula.

  4. jose disse:

    Será que a História vai se repetir? Em 1968 em Paris, começou com os estudantes que, em seguida, teve a adesão dos operários e derrubou De Gaulle. Em 1991, foi Color que experimentou a coesão dos caras pintadas. Bolsonaro é ocioso calado e, falando, incosequente. Será que depois da humilhação que impôs aos militares, ele confia em suas lealdades para conter o iminente avolunamento desse movimento? O ministro da educação agride com a mais alta deselegância em um misto de estupidez, selvageria e falta de preparo técnico, de desconhecimento e ausência de urbanidade, qualidade necessária, mas plenamente ausente na equipe desse (des) governo que não consegue começar. Tenho minhas dúvidas se os apoios nas redes sociais não são emitidos de “mulas” ou de robos. Nenhuma estupidez e irracionalidade consegue deixar de perceber a grande barca furada em que 54 milhões de eleitores levaram o Brasil para o iminente naufrágio. E tem aprticipação de outros etores, tais como parte da imprensa….

  5. Mariza disse:

    Kennedy, gostei muito da entrevista. Você foi incisivo nas perguntas que o Lula tentou enrolar. Acho que o seu trabalho seria perfeito se você conseguisse entrevistar os delatores e trazer dados relevantes da sentença. Confesso que apenas a entrevista do Lula não é suficiente para mudar o status de impressão para o status de fato. O Lula fez o papel de preso que é afirmar que é perseguido. Todos os presos se declaram inocentes.

  6. Henrique Sergio Teles Correia disse:

    Parabéns Kennedy Alencar pela forma digna como vc exerce o Jornalismo, pois isto o torna uma das maiores referências em seriedade nesta área.
    Vc tem denunciado os abusos cometidos contra o maior presidente da história do nosso país.

  7. Eduardo Santana disse:

    Parabéns pelo magnífico trabalho jornalístico, desenvolvido com seriedade e imparcialidade.

Deixe uma resposta para jose Cancel reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados

Não serão liberados comentários com ofensas, afirmações levianas, preconceito e linguagem agressiva, grosseira e obscena, bem como calúnia, injúria ou difamação. Não publicaremos links para outras páginas devido à impossibilidade de checar cada um deles.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

 
2019-10-21 09:11:47