aki

cadastre-se aqui
aki
Geral
27-01-2014, 19h02

Financiar projetos em Cuba beneficia Brasil

País caribenho é obrigado a gastar empréstimo com produtos e serviços de empresas brasileiras
75

O “Recado do Blog” é sobre a importância de o Brasil financiar projetos em Cuba. O fiinanciamento tem de ser gasto na compra de produtos e serviços de empresas brasileiras. A decisão, pragmática, ajuda a internacionalização de empresas do Brasil pela América Latina e África. Perto do canal do Panamá, o porto de Mariel, uma obra da Odebrecht, tem localização estratégica para ser plataforma de exportação mundial.

Comentários
75
  1. Franklin disse:

    Estão, isto sim, a criar as bases de uma China em miniatura, para em futuro breve, superexplorar o povo caribenho e sustentar a elite pós-revolucionária. Só aguardam a morte de Fidel.

    • Mário Moraes disse:

      Por etapa: 400 empresas,mas não com dinheiro público,Porto financiado BNDES pra ser pago como e quando? EUA a distancia não faz diferença quando há embargo,Canada e Espanha para vender charuto e agente comunitário? Perto Panamá e bem localizado, só agora tá liberando carros um pouco mais moderno,mas cidadão cubano sustentado pelo Governo ganhando $20,00 por mês fica difícil melhorar de vida.Enquanto isso…de +- SUAPE e a esperança de modernização do Porto de Itajaí que depois de muitas visitas da Ideli e 2 anos de espera conseguiu a reforma do berço de atracamento causada pela enchente que não houve verba de previsão Federal para prevenção contra enchentes…ufa.Pode trazer risoles,kibes,pasteizinhos porque a CONTA com certeza virá para todos PPista,Psdbista,Pmdmista,POVISTAS das Classes A,B,C,D,E…

    • Alcion Souza disse:

      http://noticias.r7.com/jornal-da-record-news/videos/?idmedia=52f424b30cf2d62c8c5a90ce

      A doutora em direito internacional, Maristela Basso, apontou que fornecer empréstimos sem a aprovação do Congresso é algo inconstitucional. Com base na informação que o governo está emprestando dinheiro para Cuba de maneira inconstitucional, porque o Congresso Nacional, OAB não tomou uma posição?

      PS: Nada justifica injetar dinheiro público Brasileiro em uma ditadura. Este país está afundando em uma ideologia furada.

      • John Gelson Kliper disse:

        Sim . Concordo Também Acredito Que Deveriamos Cortar Relações Comerciais Com a China Que Acredito Que é Para Onde Vai Maioria De Nossas Exportações e De Onde Importamos Em Grande Quantidade.

    • Amauri silva santos disse:

      Bom dia , minha opinião é a seguinte se fosse investido todo o capital no Brasil ,garanto sem especular mercados ou serviços que os lucros seriam infinitamente maiores ,o que me espanta é esta quadrilha administrar o Brasil sem prestar contas a nação e os órgãos que deveriam investigar parecem estarem inertes ou fazem parte da quadrilha é o fim que falta de inteligência tem estes roedores?

  2. Will Maudo disse:

    É possível. Mas será que o investimento na infraestrutura destroçada do Brasil atual não traria mais benefícios às empresas nacionais?

  3. Franklin disse:

    Cuba não tem o câmbio, a alta carga tributária, a legislação trabalhista e nem a “oposição” que tem o Brasil.A ilha dos castro se converterá ao capitalismo de exportação,tal qual a China se converteu.

    • Maria José Rêgo disse:

      O ex Chanceler brasileiro, Celso Amorim previu numa certa ocasião que Cuba em poucos anos se converterá numa Suíça na América Latina. Cuba não tem problemas em relação a saúde e educação que são os maiores problemas dos demais países da AL. Resolvendo o econômica, em poucos anos se tornará uma Suíça. Eu concordo com o ex ministro e torço muito para que isso aconteça.

      • Julliano disse:

        Como você é sem noção e adestrada pelo marxismo cultural com todo respeito, mas vá a cuba minha amiga antes de escrever tamanho descabimento.

        • Marysol Araujo disse:

          Suas palavra me lembra as palavras da globo e da elite brasileira, quando Lula falou sobre a marolinha que sentiríamos com a crise do exterior….. Tenha fé irmao

    • Cláudio Batista disse:

      Pois então Kennedy. A grande indignação vem do seu próprio comentário. Por que o governo do PT, que travou todas as reformas propostas quando era oposiçao, e agora no poder, mesmo tendo feito promessas de implantar as reformas (e com maioria nas casas), não as fez? Já que é pra criar incentivos, por que nao se amplia a zona franca de Manaus, com legislaçoes trabalhistas e encargos de exclusao, e deixamos todo o dinheiro aqui? Estas empresas produzirão em Cuba ou no Brasil? Porque se for aqui o gargalo da saída da produção vai cair em um dos nossos “belíssimos e modernos” portos. Antes de pensarmos em nos internacionalizar, deveríamos fazer o dever de casa. E outra, quem escolheu a empresa que está construindo o porto? Por coincidencia é mais uma das empreiteiras que tem seus vastos braços no Poder executivo. Dessas que financiam campanhas, sabe? Vou fazer uma analogia que fiz ao meu irmão. Na sua proxima reuniao de condominio, pegue o orçamento do predio e nao conserte o seu prédio, que está cheio de consertos a serem realizados, financie a reforma de uma pousada em Cuba!

  4. Gustavo disse:

    Eu até poderia separar os empréstimos da questão ideológica, porém a pergunta é por que tratar com confidencialidade tais contratos?

  5. Montanari disse:

    Isto é ínfimo perto do que esta por traz desta guerrilheira Dilma. Ontem fez curso de guerrilha na ilha hoje quer aparecer dando crédito aos seus professores comunistas.Ao meu ver o que esta ocorrendo e volupia do PT aqinda em continuar com a sana vermelha. Eles não se conformam em ter perdido para os militares que foram últra patriotas.

  6. Leonardo Amando disse:

    Conjectura primária. Se o viés não fosse ideológico, poderiam gastar com infraestrutura de mobilidade urbana, cabotagem,aeroportos e rodovias aqui. Do jeito que está, parece que sobra grana em Terra Brasilis. Deve sobrar mesmo, somos muito generosos.

  7. Pedro Netto disse:

    E os portos brasileiros? Não vejo como financiar um porto na Ilha de Cuba,quando nossos portos são oque são:ineficientes,atrasados e que tornam o Brasil um país não competitivo;existe aí um viés ideológico da presidente Dilma que é comunista;quanto ao embargo praticado pelos Estados Unidos ,é um assunto dos Estados Unidos e não cabe ao Brasil ser à favor ou contra

  8. Com bem salientado pelo Kennedy, financiar projetos em Cuba só traz benefícios ao Brasil, tendo em vista que o Porto de Mariel é estratégico, além do Brasil não sofrer concorrência com os EUA, poidendo assim internacionalizar as empresa brasileiras através da América Latina e África.

    • Wagner disse:

      Ao invés de investir em portos cubanos, deveria investir nos portos brasileiros que são um exemplo de atraso, precariedade e ineficiencia. E vamos falar a verdade : os mercados latino e africano são relevantes ? Tirando o México, o resto é um bando de países com mercados não representativos.

  9. Guilherme disse:

    Bla bla bla….tudo isso só irá ajudar o projeto de poder do PT. Se a Presidente Dilma estivesse tão preocupado com os brasileiros e o Brasil, estaria investindo em nossa infraestrutura que está totalmente sucateada.

  10. Ariovaldo disse:

    Ouço seus comentários na CBN e sigo você no twitter Kennedy, por favor não se curve ao petismo. Você inteligente que é, sabe que Cuba não irá pagar este empréstimo, e há pelo 10 portos brasileiros aguardando investimentos. O petismo está “privatizando” tudo às pressas pois não tem eficiência para investir e agora coloca o dinheiro do Tesouro brasileiro em Cuba??? E nós lá queremos interface com porto cubano??? Sobrevivemos 514 anos sem isto….olha Kennedy….cuidado….

    • Eduardo Ribeiro disse:

      Creio que você nao entendeu o que é pragmatismo. O que por sinal não tem nada a ver com petismo.

    • Passados 40 anos do movimento das diretas já e ainda nos deparamos com patrulhamento ideológico de direita avisando que temos que ter cuidado com o nosso modo de pensar em pleno século XXI em que as liberdade de manifestação é livre e protegida constitucionalmente.

      • SILVIO LOPES ABELLA disse:

        é por estas e outras que o mundo está de cabeça pra baixo, não há limites, a moral e os bons costumes, educação e valores foram para o espaço. Hoje em dia, todos querem fazer o que bem entenderem, pois, são DIREITOS, mas esquecem dos deveres.

    • KASSAREKALKADOS disse:

      TÁ COM MEDINHO DE MAIS UMA LAVADA DO PT, ARIOVALDO?

    • Lin disse:

      Ariovaldo, vc esta certo e tem mais. Estes empréstimos á juros baixo para países ditadores é um péssimo Negócio para o povo, para economia e para o BNDES como banco. TIPO NEGÓCIO DA CHINA KKK

  11. mario disse:

    parabens ao governo brasileiro,pois outros paises nos ajudaram crescer,claro visando sempre lucros é claro.

  12. sebastiao leme disse:

    ESTAMOS MONTANDO UMA ESTRUTURA DE EXPORTAÇÃO INDEPENDENTE DOS GRINGOS

  13. dirceu disse:

    Nao consigo entender porque nossa Presidenta empresta dinhneiro ao cubanos comunistas, e deixa nossas estradas , portos e aeroportos nao falando em saude , etc. Uma vergonha meu voto de repudio. Nao acredito que havera nada de troca em favor do povo brasileiro.

  14. AMAURI CHICARELLI disse:

    O que adianta ver Cuba como uma porta de saída p/ produtos brasileiros se nossos portos, aeroportos, estradas, vias férreas estão caindo aos pedaços?

  15. Mary disse:

    Pode até ser que o comentarista tenha razão , porém não da para entender : porque não diminuir o custo Brasil através da abertura e operação de portos de livre comércio , ou estabelecer acordos de comércio fora do Mercosul ( em 12 anos só fizemos acordo LC com 03 países ) , ou investir na nossa infra-estrutura já existente … É muito trabalho ? Sim , porém o dinheiro fica e cria empregos aquí . Será que é mais arriscado investir nos nossos portos que nos de Cuba ? Não tem como não ver o petismo tirando vantagem (mais uma vez) .

  16. fernando sesti disse:

    Vc deve estar de brincadeira, vc por acaso já foi atendido em um hospital ppúblico? Vc viaja de carro nas nossas estradas? Mandar dinheiro pra outro pais é piada! !!

  17. Antenor disse:

    Um péssimo exemplo de gestão pública.
    Primeiro deve-se cuidar das coisas domésticas e aí, quando tudo estiver à pleno vapor, aqui, pode se pensar em “estratégias de longo prazo” utilizando-se de quintal alheio. Afinal de contas, o que funciona direito no Brasil?
    Fronteiras? Segurança? Hospitais públicos? Escolas públicas? Rodovias? Aeroportos? Portos? Transposição das águas do São Francisco? Habitação popular? Controle de saída de divisas do País? Nada disto está satisfatório! Então, porquê enterrar bilhões de dólares em Cuba quando temos tantas necessidades AQUI??? Deus nos livre dessa turba!

  18. Afonso de Barros Porto disse:

    Não consigo entender tamanha ingenuidade do blogueiro em acreditar que o Brasil um dia vai receber este “empréstimo”
    Será que a maioria do povo brasileiro (exceto os petetistas) concordam em aplicar tanto dinheiro lá fora. Duvido.
    Isso que chamo de cortesia com chapeu alheio.

    • O empréstimo tem sido pago. É um financiamento do Brasil que obriga Cuba a comprar produtos e serviços de empresas brasileiras. O dinheiro volta ao Brasil.
      Grato e boa noite

      • adilson souza disse:

        O brasil, digo o PT só esta especializando em comunismo

      • HENRIQUE disse:

        Pago com q dinheiro, meu prezado Kennedy? Das exportações de charutos ou açúcar? Ou seria com fundos advindos da mais cruel forma de exploração do trabalho humano? Refiro-me ao programa dos médicos, não só exportados para o Brasil mas para todos os países do eixo do mal, a quebrada Venezuela, a pobre Bolívia, o insípido Equador entre outros. Essa forma escravagista de exploração que pagará esses empréstimos, nós mesmo vamos pagá-lo, sem contar q boa parte desses fundos fatalmente será desviado para o próprio PT se sustentar no poder.

      • Yolanda disse:

        Gostaria de entender se empresto $ para uma pessoa obrigando-a a comprar os meus produtos isto não é pagamento, o certo seria além de comprar, devolver o empréstimo.
        Tudo isso é muito bonito no blá,blá,blá mas na prática ninguém melhor que nós brasileiros sabemos o quanto nos custa financiar todos estes delírios dos petistas.

      • Helvio disse:

        Paga com o que ???
        Charuto e escravos travestidos de médico ???
        Nem todos os brasileiros são idiotas meu caro.

      • flAVIO disse:

        Gostaria de um emprestimo com essa garantia de cuba para o brasil…

  19. Antonio disse:

    Prezado Kennedy, não consigo entender a importância da projeção internacional se há dificuldades para os produtos saírem do Brasil. As vezes precisamos ter cuidados com nossas crenças. Desculpe. Abraços.

  20. Antenor disse:

    O governo brasileiro tem que deixar de tomar as dores dos outros e cuidar mais dos nossos “doentes”. E nisto se inclui toda a infraestrutura brasileira que está capenga e carece de investimentos maciços. Além de ser uma burrice política monumental, fazer em Cuba o que mais se precisa fazer no Brasil, mostra que o nosso governo está mais preocupado em “resolver” os problemas dos outros do que os próprios. “Isto é uma vergonha”

  21. Walale disse:

    Será que a memória do brasileiro e administradores do Brasil é tão curta assim? Já se esqueceram do que o Presidente da Bolívia fez com a Petrobrás? Por que o mesmo não pode acontecer com Cuba? Esses países acham o Brasil fraco e incapaz de tomar uma iniciativa fora da área diplomática e por isso estão sempre dando o calote no Brasil. Às vezes, para salvar as aparências, o governo brasileiro diz que perdoou a dívida, mas na verdade é que não tem como receber. O brasileiro precisa deixar de ser babaca.

  22. Reinon disse:

    Kennedy o que acontece com esse Brasil ! Está tudo dominado

  23. lafayette disse:

    O governo brasileiro tem que arrumar primeiro a nossa casa em vez de arrumar a casa dos outros com segundas intenções. O que é nosso é privatizado, pagando-se tarifas irreais.Respeito a opinião de cada um mas com ressalvas.

  24. DELAVI DE GODOY JACINTO disse:

    o DINHEIRO todo aplicado é do Brasileiro e eu quero ele todo aplicado aqui e não lá fora, aqui não tem saúde,segurança, estrada,está tudo sucateado e não me vem dizer que não deu tempo pois já estão no poder 12 anos.

  25. leonardo disse:

    O fato de obrigar cuba a comprar produtos brasileiros não quer dizer nada, se o empréstimo for subsidiado, como são quase todos empréstimos do BNDES, haverá contabilmente uma parcela de dinheiro DOADA a fundo perdido para outro pais ( a diferença entre o juros do empréstimo e o juros que o tesouro paga para criar fundos para o BNDES), as custas dos contribuintes brasileiros.
    e mesmo que não tivesse isso, mesmo que os juros sejam juros selic, não deixa de ser uma transferência de renda do contribuinte brasileiro para as empresas que exportam para cuba. como a base de contribuintes são as camadas mais pobres, é tirar do pobre brasileiro pra esbornia do exportador. não há, em nenhuma hipótese, a chance deste empréstimo ser benéfico para a maioria dos brasileiros, foi puramente ideológico.

  26. Danton Robespierre Machiavelli Mirabeau disse:

    Dois textos (antagônicos?) dão o tom no IG desta data (27/28 de janeiro): este, sobre os INVESTIMENTOS BRASILEIROS EM CUBA, e outro, sobre a REELEIÇÃO DA PRESIDENTE DILMA. Ponho-me a pensar sobre qual será o REGIME POLÍTICO NO BRASIL ATUAL: se LIVRE ou DITATORIAL? Sobre Jânio Quadro, pode-se dizer de tudo, exceto que fora um DITADOR! Isso pela condecoração de “Che” Guevara, referendada pelo Congresso Nacional de então. Hoje, assisto, consternadamente, a esses atos de uma “opera bufa”, governamentais, por certo, que dão um sentido apocalíptico ao futuro desse País maravilhoso, atentando-se que, ninguém, nem mesmo as instituições, vem a público referendá-las ou condená-las, certamente pelo receio de deixar de manter um “canal aberto” com o Governo atual. Não somos democracia (Executivo, Legislativo, Judiciário)? Por que se omitem o STF, o MP federal, a CNI, a ESG, os Sindicatos, a ABI, a ABL, o Itamaraty e, principalmente, o Congresso Nacional atual, que é o representativo maior de todo esse conjunto. E segue o Brasil, isoladamente, tateando com mais erros do que acertos, na tentativa vã de tornar-se a Nação Líder de uma América, que nada tem de Latina, mas, verdadeiramente América “espanhola”, porquanto todas essas tentativas de liderança (Mercosul) são obstaculizadas pelos demais parceiros, todos de origem hispânica. Cadê os seguidores do Barão do Rio Branco para restabelecerem a hegemonia do Brasil em além-fronteiras, deixando o/a Presidente/a do Brasil governando apenas do Oiapoque ao Chuí.-

  27. HENRIQUE disse:

    Prezado Kennedy, vc disse q Cuba paga, com q dinheiro? Da exportação de charutos, de açúcar? Ou seria com dinheiro da exploração, mais vil do q no capitalsimo, da mão de obra dos “médicos” sim, entre aspas, que exporta? Sim, nós mesmos pagaremos esse empréstimo através desse convênio de “médicos” cubanos.
    Outra coisa q duvido é sobre o pragmatismo do PT, NUNCA, a ótica desses elementos é apenas o poder e a locupletação com dinheiro público.
    Boa parte desse empréstimo irá para a perpetuação desse partido no poder.

  28. RONALDO LEITE disse:

    QUEM AUTORIZOU????

  29. Francisco disse:

    Neste exato momento o Brasil está construindo a maior transposição do continente americano, faz dois anos construiu a quarta maior ponte sobre rio do mundo (a primeira sobre o Amazonas), a maior abra ferroviária do planeta, no momento, renovação de aeroportos, renovação de estradas e… construção de portos (tem um miudinho só para “marketing” em Pernambuco…)…

    Vai criar caso porque endivida outro país com o nosso, obrigando-o a comprar no nosso e a se tornar consumidor massivo do que é nosso, sendo cabeça de ponte da nossa indústria debaixo dos bigodes dos EEUU.

    Fico me perguntando quantos empresários estadunidenses não queriam estar nessa jogada…

    PS. Quanto a Cuba pagar o que deve ou não é o seguinte: se não pagar ao Brasil, vai pedir dinheiro a mais quem, no mundo? De leve…

  30. Donizete disse:

    Como vocês são íngênuos.Mandar dinheiro para Cuba, Bolívia, Venezuela.Só significa uma coisa.Não haverá prestação de contas, pois o Brasil não tem autonomia para fiscalizar outro país.Daí,a farra é geral.ROUBAM (dividem)TUDO.

  31. marcelo k disse:

    Totalmente lamentável esse comentário. Ora, o governo deveria ter primeiro cuidado da infraestrutura de nosso país, que está jogado às traças….Nada justifica emprestar dinheiro para Cuba…

  32. ivan disse:

    A estrada de ferro norte-sul já tem 12 anos em construção,a ligação rodoviaria entre cuiba e o porto de santerem p/ escoar pridutos agricolas p/ exportação,enfim entre outras dezenas de obras a serem feitas no pais,e o Dilmão fazendo graça com dinheiro alheio

  33. Emilio Campos Fructuoso disse:

    Bom dia Kennedy, desculpe a intimidade por chama-lo assim. Mas, sinceramente, quer crer que você ñ é um dos tantos ‘blogueiros’ oficiais q temos no Brasil, quero crer q sua opinião ñ contenha este ‘ vicio ‘ tão aceito em nossa democracia ainda juvenil. Acho q ae q mora o perigo. Temos um democracia relativamente jovem e apesar de sermos um dos países do mundo onde mais se voltou, a democracia é jovem. Ñ encontro nenhuma explicação para ser prioritária a construção de um Porto em um país com as características cubanas, até pq no nosso país, se faz necessário portos secos, estradas para escoamento de produção do Centro Oeste, entre tantas coisas. Gostei de saber que quem construiu o Porto em Cuba e a velha e boa Odebrecht, sinal que estamos progredindo na forma de financiar campanhas eleitorais. Emprega-se dinheiro em uma obra em outro país, paga-se em outro país a uma empresa que sempre está nos negócios do governo. Para dizer o mínimo, é amoral.

  34. Fernando Martinez Della Monica disse:

    Estimado Kennedy, sua visão é pertinente porém equivocada. Administrar é estabelecer prioridades, e como moro em São Bernardo e tenho clientes na baixada santista convivo diariamente com uma fila de caminhões de até 40 km que cruza 3 municípios para acessar o porto de Santos via terminal de Cubatão. Tenho segurança em afirmar que os prejuízos contabilizados nos últimos 5 anos entre tempo de carga/descarga, multas por atraso (um navio aportado custa cerca de R$ 90.000,00 por dia), além dos frequentes cancelamentos de contratos (vai entrar a safra de soja a partir de Abril e você verá o caos), esse porto de Mariel sairia de graça. Agora, se a razão for a proximidade com o canal do Panamá (obsoleto) o Haiti fica muito, muito mais próximo e penso que mais necessitado para investimentos. É só dar uma espiadela no mapa. Eles estão cuidando do negócio deles para quando a casa cair (e está caindo). E a Odebrecht está recebendo pelo financiamento da campanha.

  35. Sheila Perdigão de Sá disse:

    Eu achei ótima iniciativa . Os Estados Unidos é um País no qual o passado nos mostrou o quanto é perigoso . Imagine agente com tanto petróleo pra exportar e ele cisma de fazer embargos ou fazer o mesmo que faz\ com cuba . Une os Países que domina e começa a achatar o Brasil . Ele fez isso no Iraque a pouco tempo . Um País que exterminou seus índios e se puder passa por cima de todo mundo . Ta na hora mesmo do Brasil abrir os olhos e procurar outros parceiros que não sejam capachos dos estados unidos .

  36. Onda Vermelha disse:

    Caraca! Os reacinhas piram ao ouvir a palavra mágica “Cuba”. É do conhecimento de “todo o mundo mineral” que o BNDES financia empreendimentos na América Latina, África e Caribe. Recentemente, foi noticiado que o BNDES financiou a expansão de linhas de transmissão de energia elétrica no pobre Paraguai. Já em outro caso foi financiada a construção de uma hidrelétrica no Equador. Esses financiamentos, em geral, tem como contrapartida a contratação de empresas brasileiras, gerando milhares empregos diretos e indiretos para brasileiros. E essas empresas ainda reenviam divisas de volta ao nosso país. Além disso, esses financiamentos recebem garantias governamentais dos países que as contratam e TEM que ser honrados pelos mesmos. Geram “lucro” para o BNDES para ser reinvestido aqui. No caso de Cuba é sabido que os financiamentos estão sendo rigorosamente honrados. E a nossa balança comercial ainda é superavitária com a simpática Ilha de Fidel. Então qual a razão do “chilique” dos reacinhas? Puro preconceito ideológico em pleno século XXI? Quanto aos financiamentos de obras no Paraguai e no Equador não se fez a mesma crítica. Por quê? Está faltando propostas a oposição para fazer um debate mais sério a respeito do país. Ridículo…

  37. Manuel disse:

    Decisão pragmática? Não tem nada a ver com afini-
    dade ideológica?
    Faça-nos um favor, não ofenda nossa inteligência!
    Todas vergonhosas atitudes do governo brasileiro para com Cuba são unicamente esquerdistas. Morro de vergonha sempre que vejo um presidente brasileiro ir
    paparicar aqueles tiranos assassinos proprietários daquela ilha prisão caribenha.

    • Carlão disse:

      Concordo com você Manuel. Eu tinha muito nojo também , quando iam paparicar aquele ditador maldito do Hugo Chavez. Pro nosso povo que passou por uma ditadura horrível, deveria ser proibido manter relações públicas com ditadores. E mais isso deveria estar até na constituição. Do jeito que a coisa está , qual seria o próximo passo? Ir pra Coréia do norte, fazer acordo pra exportar urânio e en troca receber ogivas nucleares?

  38. Gesiel disse:

    O BNDES É UM BANCO, que “COMO TODO BANCO”, FINANCIA E RECEBE JUROS; portanto ele FEZ FINANCIAMENTO À CUBA e NÃO DOAÇÃO.

  39. Carlos Francisco da Silva disse:

    Será que leite com manga mata mesmo, ou meus bisavós foram enganados por alguém que queriam tomar vitamina rica.

  40. Felipe disse:

    Não tenho nada contra bons negócios com Cuba. Mas quando o BNDES empresta dinheiro do contribuinte brasileiro para um país num contrato de sigilo até 2027, é natural que haja suspeita. Se as taxas de juros, garantias  contra inadimplência e retorno ao Brasil forem as de mercado e normais para o banco, ok, bola pra frente. São negócios. Se for tudo subsidiado, sim, é ideologia pura. Dizem por aí que a única garantia pro empréstimo são duas parcelas depositadas na conta do banco. De todos os contratos so BNDES apenas três são sigilosos. Dois em Cuba e um em Angola.

    A “doação” (enquanto eu não vir os termos do contrato) deste dinheiro para Cuba não traz um único benefício para o brasileiro, a não ser pros acionistas da empreiteira,  que está na dela e sim a procura de bons negócios. Nenhum equipamento de porto é fabricado no Brasil e toda mão de obra de construção é local. Cuba não é mais promissora que outros países e o Brasil não precisa contruir um porto lá para exportar pra aquela pequena parcela de mercado global.

    E eu, na pele de um gestor, não compreendo a fixação de negócios em Cuba, com tantas oportunidades no mundo e no próprio Brasil,  onde muitos investimentos ficam travados e não são desembolsados pelo governo. Vide a própria situação dos portos e entornos no Brasil.

  41. Sérgio Alves de Oliveira disse:

    Parece que não se faz mais “fidéis castros” como antigamente. Não sei se esse “papo”da Presidenta é verdadeiro ou é só para consumo interno no Brasil. Se o Fidel de “ontem”ouvisse essa que o Brasil somente teve a intenção de “investir” em Cuba,certamente passaria a apontar os seus canhões não só mais contra os Estados Unidos,mas agora também contra o Brasil.”Imperialista”cretinos,diria Fidel.

  42. Wilmar disse:

    Os benefícios nós já temos … povo sem saúde = Beneficiados as empresas privadas de saúde povo morrendo = Beneficiados as funerárias, lojas de flores e cemitérios … povo sem instrução = Beneficiados os governantes, pois, é mais fácil dominar milhões de ignorantes de que alguém que sabe pensar e tirar conclusões lógicas … só falta agora a Dilma construir hospitais no continente africano e aparecer alguém para dizer que isto também trará benefícios … bando de oportunistas que são melancias … verde por fora e vermelhos por dentro.

  43. Diogo disse:

    Semana passada especialistas discutiram valores que se perdem com a precariedade do serviço público de transporte, o tempo perdido pelo trabalhador e quanto isso impacta na produção. Os problemas do Brasil começam por aí, passando pela falta de estrutura de escoamento da produção, como hidrovias, portos, ferrovias e estradas. Se tudo isso estivesse em ordem o investimento brasileiro, que é considerado uma aposta por muitos especialistas, poderia valer a pena, ou, o risco. Em minha opinião o Brasil não tem força para amenizar o embargo americano a Cuba, uma vez que sua política internacional se mostrou ineficiente em diversas oportunidades no governo Dilma e especialmente, no governo Lula e acho que esse investimento conta com uma flexibilização desse embargo. Entretanto, acho que só o tempo poderá responder a essa questão, se foi ou não um bom investimento.

  44. Luiz Ordonez Daniel disse:

    Essa devolução do empréstimo vai durar 100 encarnações do Fidelidade, e outras tantas revoluções. Jamais vamos ver essa dinheirama de volta. Enquanto isso nossos portos estão sucateados e nossa frota mercante nem se fala. Nunca vi ninguém fugir de qualquer lugar para Cuba (exceto aqueles que nós já sabemos); já o contrário são uns 100 por mês.

  45. Tiago Scariot disse:

    enquanto isso nossos portos …., já vi gente vendendo janta para garantir almoço, nunca o contrario!

  46. BONS TEMPOS, HOJE! disse:

    Houve um tempo em que um governante do Brasil, só em condecorar um líder da revolução cubana, Che Guevara, provocou um início de ” zebra “!
    Hoje até se leva dinheiro para Cuba, mas convenhamos que os tempos são outros.
    Afinal hoje somos um país de 1º mundo, com nossos problemas praticamente quase todos resolvidos, principalmente nas áreas que envolvem as camadas mais carentes da população, como:
    Saúde, Educação, Segurança Pública, Saneamento Básico,Estradas, Portos, Previdência, Aeroportos, Moradias, Alimentação etc etc etc.
    Bons tempos, hoje, e não aquele tempo daquele monte de ” Militares Caxias ” que implicava com tudo!!!

  47. Marcelo Teixeira disse:

    O problema é:
    1. Portos nacionais, aeroportos e estradas aqui mesmo não saem do papel ou atrasam ou não funcionam adequadamente.
    2. Transparência, e respeito a lei.

  48. cleiton disse:

    Quando ouvi pequenos rumores sobre essa noticia fiquei abismado como vocês, fiz as mesmas perguntas, e procurei entender o que estava de fato acontecendo, então uma pessoa com formação me disse, todos se perguntam por que não investir isso no Brasil? e então ela me respondeu:- fato o que ninguém entende é que esse dinheiro é um fundo perdido! como acontece em prefeituras e estados, mas há um porém que muitos não sabem, quando se possuem um fundo perdido não podemos aplica no nosso território, o município não pode se aplicar nele mesmo, nem o estado e nem o país, então se opta por aplica a onde teremos esse retorno. Depois da fala procurei em diversos locais essa informações e nada encontrei. Alguém sabe se essa informação bate com a realidade?

  49. Cassiano disse:

    Que idiotice esse argumento de proximidade do canal do panamá, como se o Brasil não estivesse praticamente dentro do caribe. Usasse essa grana toda pra melhorar as hidrovias que levam a produção do centro-oeste para o litoral norte do Brasil e tudo estaria resolvido!

  50. George Barros disse:

    E as nossas Ferrovias em estado terminal, rodovias em péssimos estado e o estimulo ao transporte apenas rodoviário, onde tudo se atrasa e encarece – vamos sofrer por décadas e décadas ave mariaaaaaaaaaaa. Tamo Lascado

Comments are closed.

2020-09-28 18:33:20