aki

cadastre-se aqui
aki
Política
22-10-2015, 9h08

Ganha força no governo ideia de enfrentar ameaça de Cunha

Indefinição sobre impeachment paralisa administração e piora economia
19

KENNEDY ALENCAR
BRASÍLIA

Vem ganhando força entre integrantes do governo a avaliação de que não é possível ficar prisioneiro da ameaça do presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), de dar seguimento à abertura de um eventual processo de impeachment de Dilma Rousseff.

Ou seja, seria preciso enfrentar essa ameaça que paralisa a administração. Ela também suga a energia do governo para lutar por medidas econômicas que precisam ser adotadas e aprovadas no Congresso. Essa indefinição acelera o agravamento da crise econômica.

A indefinição é boa para a oposição, que desgasta o governo. É muito boa para Cunha, porque lhe dá sobrevida política e tempo para jogar com governo e oposição sobre o melhor caminho a seguir. E é ruim para o governo, que fica refém do presidente da Câmara. Em algum momento, Dilma terá de enfrentar a realidade.

Isso não significa que o governo vá hostilizar Cunha. A presidente Dilma foi aconselhada, por exemplo, a parar de alfinetar o presidente da Câmara. Mas o governo se prepara para agir em duas frentes.

Voltar a recorrer ao STF (Supremo Tribunal Federal), alegando que Dilma não cometeu crime de responsabilidade e que um pedido de impeachment seria inconstitucional. Assim, tentaria travar a abertura de uma comissão especial na Câmara via Supremo.

Noutra frente de ação, o governo busca votos na Câmara para o caso de ter de enfrentar votações. Se obtiver uma decisão favorável no Supremo ou se vencer uma votação sobre impeachment na Câmara, Dilma conseguiria virar a página de um tema que paralisa o governo e causa dano à economia.

*

Se for levar em conta o termômetro do próprio Palácio do Planalto, a oposição tem razão para estar otimista. No governo, a avaliação é que cresceu a chance de Eduardo Cunha aceitar dar seguimento a um pedido de abertura de processo de impeachment.

Ontem, ele foi hostilizado dentro da Câmara. Houve um afastamento do peemedebista em relação ao governo e uma reaproximação com a oposição. Apesar de Cunha manter o comando da Câmara internamente, há pressões externas pela renúncia dele à presidência da Casa, como editoriais de jornais importantes e um desgaste perante a opinião pública devido à gravidade das acusações.

Para tentar sobreviver, que significaria manter o mandato de deputado federal para continuar com foro privilegiado e responder às acusações no Supremo, Cunha tenderia a acender o pavio do impeachment.

*

De madrugada, a CPI da Petrobras votou o relatório do deputado federal Luiz Sérgio (PT-RJ), que não pediu o indiciamento de nenhum político, apenas o do ex-tesoureiro petista João Vaccari, preso em Curitiba.

É um encerramento melancólico. Foi feito um acordo entre PT e PMDB para preservar políticos investigados. A CPI chegou ao absurdo de ignorar o presidente da Câmara, Eduardo Cunha, que disse à comissão que não tinha contas no exterior. Ora, está configurada uma quebra de decoro parlamentar em razão dos documentos que mostram contas na Suíça.

Em resumo, a CPI assou uma pizza, desperdiçou recursos do contribuinte, agiu muitas vezes para constranger a investigação da força-tarefa da Lava Jato e enfraqueceu o instrumento da investigação parlamentar.

Houve apresentação de votos separados do PSOL e do PSDB, mas o que vai valer é a decisão do conjunto da CPI. E essa decisão é apenas o reflexo de um Congresso medíocre, corporativista e irresponsável do ponto de vista fiscal. De certa maneira, essa CPI é um retrato fiel do Congresso Nacional.

Ouça o comentário no “Jornal da CBN”:

Comentários
19
  1. Maria Aparecida Ramos Tinhorão disse:

    Depois que a CPI da Petrobrás deu em NADA, não me surpreenderia ver pelas ruas de Brasilia: Papai Noel, Saci Pererê, A Cegonha, Coelhinho de Páscoa e outros entes do imaginário popular.

  2. Laurindo disse:

    Não dá pra ter esperança ou qualquer expectativa quanto à melhoria moral do país! Quem elegeu o congresso? O povo! Logo, enquanto a Educação não arrancar a maioria dos cidadãos da ignorância social e cultural em que vivem, os Cunhas, Malufs, Agnelos e Serras continuarão a ser eleitos. Grande parte da culpa por essa situação lamentável se deve à grande mídia – Globo, Veja e assemelhados – que atua no sentido de manter esse padrão popular, de acordo com os interesses das empresas transnacionais, financeiras e bancos em geral.

  3. César disse:

    Enquanto o povo continuar a brigar por partidos e não se preocupar em modificar as leis do país, a impunidade continuará a ser regra. Pizzas cada vez maiores e mais frequentes. Depois é só criar uns impostos para o povo pagar e tudo estará resolvido. Nos três Poderes, um ajuda o outro. E todos continuam felizes para sempre vivendo as nossas custas.

  4. Wilson disse:

    Para virar a pagina. só tendo a maioria no congresso.
    Via supremo não dá porque não pode tirar a autoridade do congresso.
    A CPI já era esperado que não daria em nada, visto que os deputados se protegem.
    A solução é implantar o parlamentarismo de vez, assim o primeiro ministro que não
    for bom troca e pronto.
    Tem que ser como nos times de futebol, se o time vai mal(u) troca o técnico.

  5. César disse:

    O abaixo assinado #Não vou pagar o pato, contra o aumento de impostos foi assinado por apenas 822.752 pessoas. Será que os outro brasileiros estão concordando em pagarem mais impostos para manterem a corrupção viva? Ou somos um pais de acomodados que esperam que os outros façam a sua parte? Tem muita gente que está descontente com a situação, mas diz que não vai fazer nada porque não adianta. Nada vai mudar! Somos um país de eternos descontentes conformados.

  6. walter disse:

    caro Kennedy, a pergunta que insiste…a dilma pedalou este ano?
    Se for sim, e tudo indica,o rombo só aumenta; NADA PODERÁ SALVA-LA; não se trata mais do cunha,terá que submeter o impedimento ao conselho; ESTA ACUSAÇÃO É GRAVÍSSIMA, REINCIDÊNCIA, NÃO PODERIA SER PRATICADA COMO REGRA; TENTA CONTRARIAR A CONSTITUIÇÃO, desta vez NÃO…O LULA MANDA E DEPOIS SE ISENTA, NÃO ASSINOU NADA…
    A DILMA É UM SARGENTO, QUE SEGUE SEU LÍDER AS CEGAS; fossemos um País sério já estaria Presa; tenho medo de imaginar o que mais tem as escondidas, nos quatro cantos do Brasil”…

  7. João Alberto Afonso disse:

    Existe uma única verdade em relação ao lamentável estado em que o Brasil se encontra, qual seja: 1. O Sarney e o Collor deram início a corrupção; 2. O FHC, com a sua maldita pasta rosa, comprou o Congresso para ter sua reeleição; 3. Lula, na esteira dele, fez o mesmo, mas para o PT se eternizar no Poder, com a agravante de, não só comprar o Congresso, mas assaltar os cofres públicos plantando seus aliados em locais estratégicos; 4. Dilma é o que é, uma Anta completa a serviço dos ideais petistas. Como o exemplo vem de cima, veja onde futebol brasileiro chegou por conta dos ladrões que comandavam e comandam a CBF, sem prejuízo daqueles que, em proveito próprio e de forma impune, estão destruindo os clubes, basta citar a Lusa, o Vasco e o Guarani (quem desses canalhas que assaltaram os clubes estão presos? Ninguém e, pelo andar da carruagem, também nada acontecerá aos Renans e Cunhas da vida e que Deus nos acuda.

  8. Não adianta prorrogar esta questão.
    O país está totalmente sem nenhum governo na esfera federal.
    O correto seria fechar tudo e uma junta de pessoas decentes e sem ficha suja comandar o país, organizar novas eleições e banir para sempre estes que hoje ocupam cargos importantes tais como:
    Presidente, Vice, Senadores e Deputados Federais.
    A Constituição garante os cargos mas o povo é soberano e poderá mudar esse estado de coisas vergonhosas que esse marginais causaram.
    Para mim se votamos neles para nos representar, não cumprindo as suas obrigações temos o direito de tira-los.

  9. Jose Horacio Phipps disse:

    ora..ora..
    E tambem nao e’ completamente um absurdo e um desperdicio vergonhoso do dinheiro do contribuinte a oposicao estar ja’ ha 1 ano praticamente sem trabalhar! Apenas nessa ladainha de impeachment, impeachment, impeachment?????!!!!

  10. Santos disse:

    Mais do mesmo. É de estarrecer como nada muda na “Ilha da Fantasia”(Brasília). Garanto que se esses vermes dependessem de trabalhar para sustentar suas famílias, já tinham resolvido este descalabro há muito tempo, mas como são nababescamente sustentados pela população que paga os impostos mais absurdos do planeta, não há nenhuma pressa em resolver a situação do pilantra e da incompetente. Quanto a esta ridícula CPI, espero que todos os eleitores se lembrem deste Sr.Luiz Sérgio (PT-RJ) e seus pares, quando vierem pedir votos novamente.

  11. Alberto disse:

    Nenhuma novidade.Assim funciona a terra brasilis.Uma gangorra ou roda gigante,questão de opção.

  12. O crime organizado tomou conta da Câmara dos Deputados.

  13. pedro oliveira disse:

    Paralisado? Quer dizer que essa super máquina “administrativa” só serve para defender a Dilma?

  14. César disse:

    Amanhã chega mais um cumpanheiro. Foi comer uma pizza lá na Itália, mas já voltou! Não gostou do sabor da pizza de lá.

  15. César disse:

    Vale tem o seu inferno, prejuízo de $6,66 bilhões. Melhor parar de investir em minério de ferro e passar a estocar vento.

  16. Pereira disse:

    Essa é a realidade do Brasil em nossa atualidade, muita mentiras, muitas promessas quebradas, energia e combustíveis com preços absurdos, saúde de péssima qualidade, estradas ruins, ruas ruins… Tantas provas referente a esses corruptos, mas continuam no poder, dando ordens e recebendo um bom e gordo salário para não se fazer nada, ha não ser mentir e mentir muito. É triste nossa realidade, alguma coisa tem que ser feito, mais fica claramente claro que quem realmente manda no país, apesar de toda hora se falar em democracia, são os políticos, e políticos estes com muito dinheiro. A cada dia se tem prova que a forma legal na política é do toma lá dá cá. Me dá que eu ti faço isso e te dou tanto em troca. Mais uma vez já vejo nós a população brasileira pagando todas as contas.

  17. DR. WELLINGTON LIMA disse:

    É lamentável que todos os dias se noticia o Cunha está analisando o pedido de impeachment, Cunha diz que não cabe impeachment por pedaladas fiscais.
    A verdade é que vários governantes estão esperando a resposta, se não caracteriza o que fazer com a Lei de Responsabilidade Fiscal – JOGA FORA NO LIXO –
    Então o certo é que Cunha está da UTI DO CONSELHO DE ÉTICA EM ESTADO FINAL DA POLITICA E O SEU DESTINO NÃO SERIA A PRISÃO, EI 9 MILHÕES MEU CAROS LEITORES.
    BEM COM RELAÇÃO A NOSSA ´PRESIDENTE RESTA TÃO SOMENTE ESPERAR IMPEACHMENT OU A LIBERDADE.

  18. robyson andreotti disse:

    depois de tantas denúncias de corruptos ( mil vezes piores que Dilma ), na oposição, os outros deputados ainda não enxergaram o GOLPE?? depois de tantos depoimentos na lava-jato e nada de contas escondidas no nome de Dilma, será que os outros deputados ainda querem o impeachment de Dilma?? usando um artifício que TODOS os outros presidentes fizeram?? será que todos os outros 400 deputados federais devem favores a Eduardo Cunha??.

  19. Luis disse:

    Enquanto não houver uma reforma politica, feita por cidadaos de primeira grandeza do Pais…
    esses estelionatarios vão continuar a se elegerem…
    Pois o circo que estamos presenciando…, envergonha qualquer cidadão do bem…
    Como é que pode? Esse Cunha, a esposa … ainda não foram presos?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados

Não serão liberados comentários com ofensas, afirmações levianas, preconceito e linguagem agressiva, grosseira e obscena, bem como calúnia, injúria ou difamação. Não publicaremos links para outras páginas devido à impossibilidade de checar cada um deles.

2020-09-30 06:51:39