aki

cadastre-se aqui
aki
Política
02-04-2014, 22h01

Governo quer emendar CPI com Copa e eleições

Eventos poderiam esvaziar apuração sobre Petrobras se for inevitável criar comissão
4

Os temas do “SBT Brasil” hoje foram o jogo afinado entre o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), e o Palácio do Planalto para tentar evitar ou adiar CPI da Petrobras. Se investigação parlamentar for inevitável, ideia é esticar ao máximo para tentar emendar apuração com Copa e eleições, eventos que poderiam esvaziar a comissão. Outro tema foi o agrado de Dilma ao PMDB do Rio, seção do partido fundamental para selar aliança entre peemedebistas e petistas em junho. Assista aqui.

Comentários
4
  1. " Vocês ainda vão sentir saudades de mim ", disse um dia, um profeta ". disse:

    O que temos visto no Congresso não é política, é um jogo sujo, onde o povo é simplesmente considerado um monte de estrume, um monte de idiotas que só serve para pagar impostos e votar para legalizar bandidos Padrão Fifa nos governos.
    Onde já se viu ” representantes do povo ” sob suspeita de atos de improbidade “, sem nenhum escrúpulos, negarem-se a dar explicações ao povo, quando deveriam ser os primeiros a terem o interesse de dar as explicações?
    Copa do mundo de futebol, eleições, comissão da verdade (de um lado só) não vão fazer o povo acalmar a ira que vem se acumulando, dia a dia, vendo tanta sujeira dessa ladrãozada distribuída num monte de quadrilhas disfarçadas de partidos políticos, um monte de quadrilheiros que dominou a política do país!

  2. General disse:

    Quem disse isso “vocês ainda vão sentir saudades de mim foi o general presidente João Figueredo, que preferia sentir o cheiro dos seus cavalos, a sentir o cheiro do povo.

    • p/ General: Quando a coisa federia mais, heim?!!! disse:

      Mas governante não precisa sentir o cheiro do povo, que realmente é muito fedorento, principalmente dentro dos ônibus, trens e metrôs super-lotados, nas filas do SUS, nos Prontos Socorros sem condições humanas para os enfermos e acompanhantes etc.
      Governante precisa ” respeitar ” o povo, reconhecendo que está no cargo como ” representante do povo ” e não como seu proprietário.
      A propósito, seria muito interessante uma Comissão da Verdade, juntamente com a Receita Federal, fazer um levantamento das evoluções patrimoniais de todos os presidentes generais do tempo da ditadura militar, e também de todos os presidentes que vieram após aquele período – só para comparar!!!
      Será que a coisa iria feder mais naquele tempo da ditadura, ou no tempo pós ditadura?!

  3. Governante respeitar o povo disse:

    Se for do tipo do deputado Justo Verissimo, aquele personagem de Chico Anisio, que quer mais que o povo se exploda como faz a direita raivosa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados

Não serão liberados comentários com ofensas, afirmações levianas, preconceito e linguagem agressiva, grosseira e obscena, bem como calúnia, injúria ou difamação. Não publicaremos links para outras páginas devido à impossibilidade de checar cada um deles.

2020-10-21 15:38:00