aki

Kennedy Alencar

cadastre-se aqui
aki
Política
17-04-2015, 22h08

Governo sobe tom contra PSDB no duelo do impeachment

16

Postado por: ISABELA HORTA

O governo reagiu rápido a um eventual pedido de impeachment da presidente Dilma Rousseff devido às “pedaladas fiscais”, que são atrasos de repasses do Tesouro para os bancos públicos. O Palácio do Planalto decidiu subir o tom contra os tucanos no duelo político.

Os ministros da Justiça, José Eduardo Cardozo, e da Advocacia-Geral da União, Luís Inácio Adams, foram destacados para fazer a disputa política sobre o assunto. Eles afirmaram que a oposição tem atitude golpista e não aceita o resultado da eleição presidencial.

Contrariando o entendimento do TCU (Tribunal de Contas da União), o governo entende que esse tipo de operação fiscal seria regular e acontece desde o governo Fernando Henrique Cardoso. O PSDB tentaria levar adiante um pedido de impeachment sem fundamento para isso.

Já os tucanos ligados ao senador Aécio Neves avaliam que encontraram um motivo jurídico para dar base à abertura de um processo de impeachment de Dilma. Eles argumentam que houve infração à Lei de Responsabilidade Fiscal e que isso seria um crime de responsabilidade que poderia ser atribuído à presidente.

O líder do PSDB no Senado, Cássio Cunha Lima (PB), diz que, se o presidente da Câmara, Eduardo Cunha, recusar a abrir um processo de impedimento, o partido poderia recorrer ao plenário da Câmara. “Na minha opinião, é ‘game over’ (jogo encerrado) para ela [Dilma].”

*

Já a Dilma tentou hastear a bandeira branca em um jantar no Palácio da Alvorada com o presidente da Câmara.

Eduardo Cunha diz que foi um encontro “só social”, com conversa amena. Mas os dois falaram de temas importantes, como o projeto que amplia a terceirização e o ajuste fiscal.

Dilma tem sofrido derrotas políticas na Câmara por ação de Cunha. Para a presidente da República, interessa ter boa relação com o presidente da Câmara, que é a autoridade no Congresso que pode aceitar ou recusar um eventual pedido de abertura de processo impeachment feito pelo PSDB.

Confira a participação no “SBT Brasil”:

Comentários
16
  1. jose carlos disse:

    o psdb deve se contentar com a derrota eles estao envolvidos nas piores crises que nos brasileiros ja vivemos ,hoje eles estao na lava-jato ,trensalao,e muito mais que vcs da imprensa sabe mas tambem se acovardam pra divulgar .o psdb e sua gang nao tem moral pra falar de ninguem por que nunca investigaram nada .o pais esta cambando pra uma ditadura e vcs da imprensa estao compactuando pra isso .e esse tucano chamado (sergio moro)esta mandando prender quem ele bem entende e hora que quiser.e a oab esta compactuando .o procurador da justiça parece manipulado ,fica dificil acreditar na justiça.um e suspeito igual aos outros que estao soltos.e vcs sabem e tambem tem rabo preso

  2. César disse:

    O Ministro da Justiça José Eduardo Cardoso age como advogado do governo e do PT. Faz a política de ataque a oposição combinada pelo Partido dos Trabalhadores nas últimas reuniões. Como Ministro da Justiça deveria estar mais preocupado com os últimos acontecimentos entre a Polícia Federal e o Procurador Geral da República Sr.Rodrigo Janot que paralisou a Operação Lava-Jato. É lógico que para o PT e para o governo está tudo bem se a Operação Lava-Jato, ficar parada ou for descontinuada. Enquanto isto em outra parte de Brasília…A Presidente Dilma Rousseff se encontra com o Presidente da Câmara dos Deputados Eduardo Cunha para selar a paz. Quanto será que nos custou o aceno da bandeira branca? E pensar que é o fim de semana prolongado pelo feriado de Tiradentes.” E o Brasil continua a ser esquartejado, e os pedaços distribuídos, enquanto o governo exige que o povo pague mais impostos.” Parece até repetição da história…A conta sempre sobra para o povo!

  3. César disse:

    O que eu posso dizer é que: Não existe crime perfeito! E a paciência é uma virtude. Excelentíssimo Juiz Sergio Moro, o Brasil conta com vossa excelência e confia na sua inteligência e astúcia para chegarmos aonde for possível nas investigações. Eu o apoio! E muitos outros assim como eu estão a seu lado e ao lado da Justiça contra o crime e contra a corrupção que invadiram o Brasil. Vossa Excelência é a nossa esperança de limparmos o Brasil.

  4. Luiz Alberto disse:

    Ato cometido em mandato anterior. Estão jogando para a torcida, a oposição sabe que não cabe. Estão fazendo os manifestantes de massa de manobra, pobres inocentes úteis.

  5. Francisco disse:

    A turma do PSDB ainda não se conformou com a derrota, principalmente por ter sido uma derrota imposta pele classe pobre desse país. Essa turma toda tem telhado de vidro e como conseguiram livrar a cara, estão tentando encontrar chifres na cabeça de cavalo.

    • César disse:

      Quem é mais tolo? Quem foi derrotado nas ultimas eleições por não acreditar nas mentiras da candidata, ou quem acreditou em tudo o que a candidata disse é a elegeu, e foi enganado por ela, que depois de eleita, fez tudo o que disse que não faria? Somos todos derrotados nas ultimas eleições! Alguns se dizem vencedores, apenas para não admitir que erraram, visto que, o seu orgulho, os impedem de voltarem à traz.

  6. Getulio disse:

    É o q vc falou mesmo Kennedy; Dilma sofreu derrotas consecutivas não sei se por ser mulher pode ser preconceito tambem por parte da oposição Pateta o propio PT já começou a detona la ;que falta que faz um Lula pra botar ordem na casa queria ver esses mordomos do PMDB com cara de vilões fazer suas armações politicas e se darem bem !
    O que o PT ainda que governo tá esperando não reabre as catacumbas a “caixa preta das privatizações de FHC” do PSDB ; mostrem os fantasmas dessas vendas desse pessoal não precisam leva los a julgamento não; mesmo por que parece que por nossas leis nunca serão julgados apenas mostrem ao povão deixem que esse os julgue e os tribunais democraticos do voto popular tratem de condena los para sempre!

    • isaac disse:

      Aécio,Marina,Dilma e etc. “quem poderá nos ajudar?” sou eu o chapolin colorado!
      na minha humilde e ignorante opinião a culpa é nossa por não exigir com inteligência e

      patriotismo o que pagamos para ter.

  7. Marco Túlio Castro disse:

    O PT não tem moral para pronunciar a palavra ética, o PT não tem moral para falar mal de ninguém, o PT não tem é moral.
    Conseguiram enganar a todos no Brasil por muito tempo. Já não conseguem fazer isto.
    Perderam a moral, perderam a razão, perderam a vergonha e agora perderam a honra.

    O PT deveria é ser extinto.

    • Jorge Silva disse:

      Me indique entao um partido. Com moral suficiente para assumir o comando. Deste pais. Todos tem rabo preso com corrupção, com alguma. falcatrua. Portanto ruim. Com. o PT, pior sem ele.

  8. César disse:

    Esperem pela CPI do BNDES. Quero ver explicarem as doações do frigorifico para a campanha dela. A vaca tosse, e se a vaca falar, a vaca pode ir pro brejo.

  9. Luiz Alberto disse:

    Ministro do STF, Marco Aurélio, ontem disse em alto e bom som para qualquer midiota entender que
    somente ato praticado dentro deste mandato dá base para processo de impedimento. Essa oposição podre está jogando para a galera, aproveitando-se dos inocentes úteis, fazendo-os de massa de manobra. Batam panelas e vão para as ruas e eles morrendo de rir.

    • César disse:

      Sr. Luiz Alberto. Deixe eu ver se entendi o seu pensamento. O Senhor diz que neste mandato da Presidente Dilma Rousseff não há evidencias de crime cometido e por tanto não pode haver processo de impedimento. Isto é fato! Porém o senhor não diz em nenhum momento que no mandato anterior ela(A Presidente da República) não tenha decorrido em crime. O Tribunal de Contas da União diz agora que houve crime fiscal(as pedaladas fiscais)durante o primeiro mandato da Presidente da República Dilma Rousseff. Sendo assim “houve crime” porém o crime foi cometido no primeiro mandato. Pela lei vigente no país, o senhor Excelentíssimo Juiz Marco Aurélio de Mello, citado pelo senhor diz que, “apenas os crimes cometidos no atual mandato, podem ser usados para o pedido de impedimento do mandato da Presidente da República Dilma Rousseff”. Chegamos então a conclusão que houve crime e que pela lei ela está protegida de um processo de impeachment por este crime ter sido feito no mandato anterior. Logo somos governados por alguém que desrespeita as leis. E o senhor defende isto? Deveria rever os seus conceitos ao chamar os outros de “midiotas”.

  10. César disse:

    O problema do Brasil, é mudar esta cultura do “rouba mas faz”. O problema do Brasil é mudar esta cultura da “lei de Gerson” do leve vantagem você também! Enquanto o povo aceitar políticos desonestos nos representando, a corrupção não vai deixar de existir. Só vamos evoluir no processo político, quando mudarmos a nossa forma de pensar e de agir. Enquanto não admitirmos, que também estamos errados, seremos governados por políticos medíocres e sem compromisso com a sociedade. Políticos que roubam mas fazem ou que levam vantagem, aceitos e eleitos por nós. A mudança começa em cada um de nós! Sigla, não é sinônimo de ética. Nome e sobrenome famoso e conhecido,não é sinônimo de honestidade. Teremos o governo que merecermos ter, a partir de nossas escolhas. O governo é só um reflexo da sociedade que representa!

  11. Pasquale disse:

    Poucos anos se passaram e, além da corrupção, se verifica que a Petrobras da era PT foi jogada numa trilha de má gestão e desperdício. Espantosa má gestão: não é fácil, por exemplo, gastar R$ 2,7 bilhões em projetos de duas refinarias para se concluir que, desculpa aí, eram inviáveis.

    Toda essa gestão foi celebrada como a valorização e a defesa da estatal contra a privatização. Pois o que estão fazendo agora? Vendendo partes para fazer caixa, privatizando na bacia das almas, quando o preço do óleo está lá embaixo, assim como a credibilidade da estatal.

    Sim, é um tipo de privatização, pois os compradores serão as grandes petrolíferas globais. A estatal ainda não oficializou nada, mas já contratou bancos para prospectar a venda de ativos. Em tese, até a BR Distribuidora pode ir no pacote

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados

Não serão liberados comentários com ofensas, afirmações levianas, preconceito e linguagem agressiva, grosseira e obscena, bem como calúnia, injúria ou difamação. Não publicaremos links para outras páginas devido à impossibilidade de checar cada um deles.

2020-11-30 08:38:08