aki

cadastre-se aqui
aki
Política
23-05-2017, 21h14

Grampo de jornalista e irmã de Aécio é novo abuso da Lava Jato

MP diz que "Buzzfedd" errou; conversa deveria ter sido destruída
10

KENNEDY ALENCAR
SÃO PAULO

O episódio do grampo de uma conversa do jornalista Reinaldo Azevedo com Andrea Neves, irmã de Aécio, entra na lista de abusos da Lava Jato.

Segundo o “Buzzfeed”, o Ministério Público Federal anexou a um inquérito no STF (Supremo Tribunal Federal) a transcrição de dois telefonemas do jornalista com Andrea. O Ministério Público Federal divulgou nota às 20h55 para dizer que “está errada” a reportagem do “Buzzfeed”.

A Procuradoria Geral da República afirmou que “não anexou, não divulgou, não transcreveu, não utilizou como fundamento de nenhum pedido, nem juntou o referido diálogo aos autos da Ação Cautelar 4316, na qual Andrea Neves figura como investigada” no Supremo. Em resumo, a PGR diz que não tornou pública nem usou a conversa como prova.

A lei de interceptação telefônica é clara. Grampo sem relação com o objeto da investigação deve ser destruído. Não pode nem ser transcrito, a não ser que haja indício de eventual crime. Logo, é importante descobrir por que houve a transcrição e divulgação das conversas _interceptadas pela PF (Polícia Federal) com autorização do ministro do STF Edson Fachin.

Reportagem da Folha diz que o STF divulgou conversas interceptadas na investigação sobre a JBS que não foram consideradas relevantes pela PF.

Pelo que se sabe até agora, esse episódio se junta a outros que ocorreram no âmbito da Lava Jato. Em 2016, a divulgação de uma conversa de um filho com dona Mariza, esposa de Lula que morreu em fevereiro, não tinha relação com a investigação. O grampo da conversa entre a então presidente Dilma e o ex-presidente Lula foi considerado ilegal pelo ministro Teori Zavascki, que faleceu em janeiro.

O Ministério Público e o Judiciário são instituições com muito poder. Quem possui tamanha força tem de agir com muita responsabilidade, sob pena de ferir o Estado democrático de direito e de manchar o combate à corrupção com ilegalidades.

PS – A Polícia Federal é bastante poderosa. Logo, também precisa agir com a devida e proporcional cautela.

*

Luta política

O presidente Michel Temer continua pendurado na relação com o Congresso para tentar sobreviver à atual crise política. Apesar da confusão no Senado que envolveu as mudanças na legislação trabalhista e das dificuldades na Câmara em relação à reforma da Previdência, o presidente tenta retomar o controle da agenda de reformas a fim de criar musculatura política.

Mas a prisão de um assessor da Presidência em nova operação da Polícia Federal gerou hoje mais um desgaste para o governo. O ex-vice-governador do Distrito Federal Tadeu Felipelli assessorava o presidente diretamente no Palácio do Planalto.

Assista aos temas do “SBT Brasil”:

Comentários
10
  1. walter disse:

    Em parte caro Kennedy esta certo; o Jornalista tem sim o direito ao sigilo, o que não pode é “meter o Pau no seu chefe”, pelo bem de quem…sinceramente, o que o Reinaldo ganhou, falando mal da veja sua casa a tanto tempo…este são os males, dos jornalistas de plantão…causa uma impressão errada…o que ele esperava com esta entrevista com a Andrea irmã do Aécio; faltou tato e bom senso, ao profissional, esta pagando caro. Temos que admitir, quando as gravações caem nas mãos das autoridades, entra no “buraco negro”, tudo pode acontecer, já que ninguém no fundo, controla nada; tem masi coisa por aí…Esta questão do Aécio é indefensável, mas isto os Advs, já falaram…pode ter sido uma vingança contra o Reinaldo, que sempre foi firme contra a esquerda, pode ser o Troco

  2. Ernesto disse:

    Boa noite. A LavaJato não deve abusar e sim, sempre abusar e re-abusar, “fuçar” ir até o fundo do poço cravar suas unhas em tudo que seja corrupto e continuar abusando para prender os canalhas que ai hoje se descobriu. Parabéns a Lava Jato e ao Juiz Moro e os que trabalham para manter o que é correto. Lava Jato precisa sempre abusar pois tem apoio do povo!

    • Luiz Alves Bezerra Neto disse:

      Concordo plenamente que a Lava Jato tem que ir em frente é por isso que o Brasil está quebrado e também por isso que o Governo tanto precisa reformar a Previdência é porque as empresas não pagam a previdência que é para bancar estes corruptos e depois sobra pra quem pagar a conta o povo principalmente quem menos ganha tem que prender estes corruptos e tomar o dinheiro que roubaram porque eles já ganham o salario que o povo paga por que vão roubar mais.

    • Wellington Alves disse:

      Moro não fez nada para pegar o Aécio ou o Temer…. acorda…

  3. Emílio disse:

    Essa “loucura”, essa “salada de frutas” e esses descalabros deveriam ser utilizados apenas contra o PT. Mas a coisa saiu do controle.

    • Marco disse:

      Discordo, tem que ser usado contra todos os políticos corruptos, temos que parar de torcer por partidos, eles não são times de futebol para ter torcida. Temos que por na berlinda todos, PSDB, PMDB. PSB. PT, ou seja, todos os partidos, temos que limpar nosso pais.

  4. Joaquim disse:

    Só há uma coisa errada em sua colocação o grampo era no telefone de Andrea Neves e nunca foi do telefone do Reinaldo. O texto correto seria: grampo de uma conversa de Andrea Neves com o jornalista Reinaldo Azevedo. Independente que quem ligou.

  5. Glauco Russano disse:

    Do jeito que estamos vivendo neste BRASIL corrupto, cheio de políticos e empresários ladrões, não se deve ter distinção a nada, quem não deve não teme. Todos que possivelmente podem estar envolvidos devem sim ser investigados e punidos. Chega de proteger qualquer tipo de pessoa, político, empresário, jornalista e etc… O povo brasileiro está cansado de tanta safadeza na nossa política. Parabéns à todos envolvidos que estão trabalhando para desmascarar essa corja de LADRÕES que afundam o Brasil e quem sofre somos nós a população sofrida brasileira.

  6. mano disse:

    prezados: eu li a carta do procurador geral da república e concluí que ele é um homem íntegro, corajoso, democrata, patriota, competente e independente, o que o credencia para exercer este cargo no Ministério Público, aliás uma instituição independente e essencial na defesa da ordem jurídica, do regime democrático e dos interesses sociais. Se o MBL, Vem pra Rua, CUT, MST, MTST, Força Sindical e a Sociedade querem mudar o Brasil não devem criticar as ações de Rodrigo Janot, pois elas têm sido imparciais e repubilcanas. Cabe ao STF, a partir do ministro Edson Fachin, apoiar o procurador geral neste desafio. Lembrem que já tivemos um Engavetador Geral da República.

  7. Celso Wistuba disse:

    Creio que devido aos esforços concentrados de toda a classe política e parte da imprensa, em destruir a Lava Jato ,esta vem criando um mecanismo de defesa.
    Essa estória de defender a fonte é piada. Reinaldo já vinha a tempos com um comportamento estranho. Agora sabemos porque. A Lava Jato sai da esfera PT, Lula e Petrobras, e começou a chegar nos caciques do PMDB e PSDB. As conversas com a irmã do Aécio mostra uma certa tendência do jornalista.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados

Não serão liberados comentários com ofensas, afirmações levianas, preconceito e linguagem agressiva, grosseira e obscena, bem como calúnia, injúria ou difamação. Não publicaremos links para outras páginas devido à impossibilidade de checar cada um deles.

2020-09-29 20:14:20