aki

cadastre-se aqui
aki
Política
23-11-2016, 16h06

Lava Jato deve esclarecer suspeita sobre cooperação com EUA

Decreto de FHC diz que parceria deve ocorrer via Ministério da Justiça
27

KENNEDY ALENCAR
BRASÍLIA

A defesa do ex-presidente Lula suspeita que a força-tarefa da Lava Jato esteja colaborando de modo informal com autoridades americanas. O Ministério Público respondeu, por nota, que o assunto é sigiloso e que não se manifestaria. É relevante esclarecer essa questão.

Um decreto do governo FHC diz que essa eventual colaboração tem de ser intermediada pelo Ministério da Justiça e não diretamente pelo Judiciário, o Ministério Público e a Polícia Federal. Se a força-tarefa estiver estimulando delatores a colaborar com autoridades americanas, isso seria ilegal.

Recentemente, o Ministério Público brasileiro ajudou autoridades dos EUA a aplicar multa milionária à Embraer, que compete com a Boeing americana e a Bombardier Canadense no mercado mundial de aeronaves. Já há procedimentos na Justiça americana contra a Petrobras. Logo, é interesse estratégico do Brasil que informações que possam atingir a estatal e nossas empresas privadas sejam feitas de modo transparente.

Os Estados Unidos defendem os interesses e as empresas deles. O Brasil deveria fazer o mesmo.

O Ministério Público precisa responder claramente a essa questão, deixando claro que, se houver alguma cooperação, ela está seguindo a lei. Melhor para a Lava Jato e o Brasil.

Comentários
27
  1. Joaquim José da Silva Xavier disse:

    já to começando a ficar na dúvida, quem mais infringe lei, os investigados ou a própria Lava-Jato?!?

  2. Iedo disse:

    Eles MP.. Polícia Federal e Judiário,, se acham q estão acima de q.q intistituiçao,,Se acham um poder absoluto,, Devemos ficar atentos aos abusos,, E tem q haver,, limites,, ñ q isso seja perseguição a Lava Jato,, mas há lei.. temos nossa constituiçao,, e deve ser respeitada,, ninguém ou orgão algum tá acima das leis,, principalmente a constituição federal..

  3. Wellington Alves disse:

    “Os Estados Unidos defendem os interesses e as empresas deles. O Brasil deveria fazer o mesmo.” É só aqui que os “nacionalistas” vendem nossas riquezas para os estrangeiros. Grande progresso…

    • Itamaraty Em Chamas disse:

      O governo americano defende os interesses das empresas americanas. O mesmo ocorre aqui. A diferença é que enquanto lá, a lei é para todos, e mesmo uma empresa americana que cometer fraude em outro pais é processada também nos EUA pela lei FPCA, por aqui, tem gente dizendo que temos de proteger nossas empresa que cometeram fraudes em outros países… Como se tivéssemos alguma autoridade moral ou justificativa para cometer crimes em outros países e acharmos que devemos ter soberania para sair ilesos…
      Oque é isso, é consciência de gangue? Agora somos sócios de um sindicato do crime? Eu tenho certeza de que não recebí a minha parte da roubalheira, se somos todos sócios, cade a divisão do bolo? Até onde eu sei, para mim só sobrou a perspectiva de trabalhar mais antes de me aposentar, não poder contar com o ensino público ou a saúde pública para mim e para meus filhos, e um provável aumento de impostos… Vou defender a Petrobrás porque? Ela é inocente dos crimes de que é acusada?

  4. jacinto cheiro disse:

    Já acabou a Farsa a Jato, junto com ela os empregos no Brasil vamos para a proxima novela.
    Plim Plim

    • Joaquim José da Silva Xavier disse:

      destruição a jato . . .

    • Fernando disse:

      Quem acredita que a Lava Jato é a causa do desemprego atual também deve acreditar em duendes, papai noel e coelhinho da páscoa.

      • Wellington Alves disse:

        As empreiteiras estão com ativos congelados e não entregando obra. Isso não gera desemprego? Duende é acreditar na isonomia dessa operação…

      • Ricardo disse:

        “Só” dois milhões de empregos foram perdidos por conta da Lava jato. No PIB uma queda de 2%. Destruição da indústria de construção civil e do projeto nuclear brasileiro. A quem isso interessa? Talvez a voce, mas certamente não ao Brasil. Ah! Só falta voce acreditar que a Lava Jato quer “combater a corrupção”..kk!

  5. Carlos disse:

    Enquanto uns levam propinas em real outros estão levando em Dolar.

  6. EM JARARACA TEM QUE BATER NA CABEÇA! disse:

    Quando o lula disse que em “jararaca” não se pode bater no rabo, que tem que bater na cabeça, senão ela fica mais perigosa ainda, todo mundo entendeu que ele estava se referindo a ele mesmo, que só recebeu pancada no rabo, a vida toda, principalmente no Mensalão.
    O STF protegeu a jararaca durante um certo tempo, mas já faz tempo que deixou de fazê-lo.
    O juiz Sergio Moro não pode vacilar, pois a jararaca continua apanhando só no rabo… está passando da hora de levar uma pancada na cabeça… para acordar vendo o sol nascer quadrado!

  7. Nickson disse:

    Algo podre no ar.
    Vergonha está este país

  8. Giovanny disse:

    É impressionante como defendemos os interesses do Brasil. Por alguma grana no próprio bolso estão vendendo tudo. Em breve mudaremos a nossa bandeira, diziam que ela jamais seria vermelha, certo, será vermelha, branca e azul. Estamos entregando tudo e o povão achando que esta tudo bem, quando abrirem os olhos, será tarde e teremos que falar inglês, todos nós. Que legal! Era isso que o povo queria? Bom, se era isso, estão recebendo e nem percebem.

  9. RICARDO disse:

    Isso consegue ser mais grave que a corrupção , entregar as empresas brasileiras de bandeja para processos milionários é crime lesa patria , alias , começa a ficar claro a estratégia , depois de 6 meses o Temer não fez uma ação para recuperar a economia , a arrecadação só cai , vão aproveitar a situação caótica , alterar leis que protegem o povo , como diminuir proventos pagos pela previdencia e vender a Petrobras a preço de banana , pior ainda , entregar a Petrobras dede graça para pagar indenização aos EUA

    • Itamaraty Em Chamas disse:

      Ricardo, quem lesou alguém foram as empresas brasileiras que pagaram propinas, fraudaram contratos, desviaram recursos sob a batuta de políticos safados, e causaram prejuizos a investidores, brasileiros e estrangeiros, por suas atitudes desonestas. Você vai ficar do lado desses políticos ladrões que cometeram os crimes, para defender nosso time dos estrangeiros malvados???? A Embraer, por exemplo, tem uma fábrica nos EUA. Está submetida às leis americanas. E o FCPA, lei americana, fala desde sempre que para TODAS as empresas que operam nos EUA, o pagamento de propinas a agentes de governo estrangeiros é crime, passível de MULTA e penalizações diversas. Toda multinacional americana avisa seus funcionários no mundo inteiro, que não podem pagar propina. E as que o fazem assim mesmo, são investigadas, MULTADAS e processadas pelo DoJ americano.
      Se a Embraer queria continuar pagando propina para os clientes pelo mundo, não deveria ter aberto filial nos EUA…

  10. Alvaro Souza disse:

    Vamos olhar bem a situação. Quem entregou a Petrobras Bolívia de mão beijada ao governo de Evo Morales? Eta povinho com memória curta!

    • Giovanny disse:

      Se entregaram a Petrobras Bolívia antes, agora de raiva os que ai estão entregarão a Petrobras Brasil aos Estados Unidos, só para começar. Eta povinho inteligente e de boa memória. Nunca estivemos tão pobre, (o povo) e as melhoras que viriam quase que imediatamente ficam para 2018. Rsrsrs

  11. euler disse:

    incrível com os justiceiros não perdem tempo em favorecer os cidadãos norte americanos em detrimento da empresa brasileira Petrobrás fornecendo de bandeja as informações para que eles processem a estatal. UMA VERGONHA, além da força a barra em acusações sem provas apenas com convicção. E o MINISTRO TEORI, homem honesto, que acha disso?????????????????????????

  12. Itamaraty Em Chamas disse:

    Kennedy, não há motivos para dar corda à argumentação furada da defesa do Lula. Eles estão apelando para a ONU, para o congresso, para o ET de Varginha… Até querendo processar o Moro eles estão tentando, para “criar” um conflito de interesses e tirar o processo das mãos dele, já que ele não é do time deles.
    Oque o depoimento da testemunha indicou, de forma indireta e velada, é que a testemunha tem algum acordo em andamento com a justiça americana. Isso não implica em dizer que o ministério da justiça brasileiro, ou o MPF, ou o juiz Moro tenham incentivado essa cooperação da testemunha com estrangeiros. Se fosse esse o caso, e o processo ilegal, a própria testemunha, que está se beneficiando de um processo de delação premiada, poderia atacar o processo penal que pesa sobre ela, e escapar de tudo sem precisar delatar ninguém…
    Quanto ao MPF defender as empresas brasileiras, isso só vale se essas empresas não cometerem crimes e fraudes que afetem estrangeiros em seus países…

  13. Itamaraty Em Chamas disse:

    Quanto à Petrobrás, se essa empresa decidiu ter ações na bolsa de Nova Iorque, então tem de se submeter às regras básicas de legalidade e legitimidade nas demonstrações financeiras. Essa transparência e honestidade são exigências do SEC para todas as empresas que negociam ações na bolsa americana. E a Petrobrás, graças à contabilidade criativa da dona Dilma, andou forjando declarações contábeis, a ponto da PwC, empresa contratada para auditar as contas pela própria Petrobras, se negar a assinar um relatório aprovando a lambança(porque nos EUA, se eles assinam uma auditoria falsa, fraudada, eles vão para a cadeia, e podem ser multados e serem impedidos de operar).
    O processo dos investidores americanos contra a Petrobras não é um ataque às empresas nacionais, mas sim a busca por justiça daqueles que foram enganados, fraudados, roubados! Não é porque sou brasileiro que vou defender nossos criminosos perante a acusação justa de estrangeiros…

    • juliano disse:

      Japão derrotado e USA decide jogar duas bombas nucleares em Hiroshima e Nagasaki com intervalo de três dias, segundo a história deles para evitar mortes de americanos. Você também deve acreditar acreditar nisso, eu suponho!

  14. Wellington Alves disse:

    Moro poderia ser responsabilizado em querer entregar repartição pública à dominação estrangeira…

  15. João Grilo disse:

    Lavaram a jato a soberania nacional.

  16. claus casto disse:

    É como disse Eugênio Aragão falando sobre a Força Tarefa da Lava Jato: “Essa garotada do MPF não entende nada de economia”. Pode-se até dizer que Economia é uma coisa, Direito outra, mas o certo é que as áreas têm suas vinculações óbvias e no mundo desenvolvido os operadores sabem trabalhar com essas conexões. Grandes corporações se viram envolvidas em mega-escândalos, sendo bastante citar o caso das empresas alemãs colaboradoras do regime nazista – várias existem até hoje. O que teria sido da Alemanha caso os juristas do pós-guerra tivessem elaborado construções doutrinárias para simplesmente aniquilar o empresariado nacional? Com certeza os alemães teriam um país bem diverso daquele em que vivem nos dias atuais.

  17. ANDRE disse:

    Se isto for verdade é muito grave e precisa ser investigado se houve cooperação em troca de favores. Mesmo não havendo, ainda é grave, pois há prejuízo de interesses do nosso país frente a outros. Não existe por parte dos EUA a mesma cooperação, vide o escândalo da FIFA. Lembremos também do caso envolvendo a volkswagen, e o comportamento de defesa da empresa pelo governo alemão. Sinceramente acho que o ministério público está extrapolando em suas ações, parece que perdeu o senso de avaliação, os procuradores estão cegos pelos holofotes da fama fugaz.

  18. Robson Macedo disse:

    Kennedy, seriam quinta coluna? Às vésperas da segunda grande guerra, o ditador Stalin mandou fuzilar milhares de oficiais do exercito vermelho. Historiadores disseram que isso provocou o colapso inicial das forças soviéticas ante o ataque nazista, mas outros dizem que isso salvou a União Soviética, pois os quinta colunas foram eliminados.

  19. juliano disse:

    Getúlio Vargas morreu porque desagradou interesses estrangeiros no País, criou a Petrobras e a Siderúrgica Nacional, que nos colocou como a quinta potencia econômica mundial. Havia na época uma República do Galeão notaram alguma coincidência? Conhecer história ajuda entender um pouco os acontecimentos e escolher melhor nossos políticos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados

Não serão liberados comentários com ofensas, afirmações levianas, preconceito e linguagem agressiva, grosseira e obscena, bem como calúnia, injúria ou difamação. Não publicaremos links para outras páginas devido à impossibilidade de checar cada um deles.

2020-09-25 19:39:11