aki

cadastre-se aqui
aki
Geral
28-05-2019, 19h17

Ministro da Cidadania tem de tomar cuidado para não cair da borda da terra

Osmar Terra engaveta pesquisa da Fiocruz
5

Kennedy Alencar
BRASÍLIA

O ministro da Cidadania, Osmar Terra, não tem o direito de engavetar uma pesquisa da Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz) com o 3º Levantamento Nacional sobre Uso de Drogas. Em entrevista ao jornal “O Globo”, Terra disse: “Eu não confio nas pesquisas”.

É um erro um ministro desconsiderar fatos científicos porque eles contrariam uma premissa sua a respeito de suposta “epidemia de drogas” no país. Sem dúvida, o consumo de drogas é um problema nacional relevante. Daí a importância de conhecer em detalhes uma pesquisa que realizou 16 mil entrevistas e mobilizou 500 pesquisadores.

Nessa toada obscurantista, o ministro precisará tomar cuidado para não cair da borda da terra. Além de jogar dinheiro público fora, desconsidera uma pesquisa que poderia orientar o país a formular políticas públicas mais eficientes sobre tema tão delicado.

É triste ter de comentar isso em pleno século 21. A Fiocruz possui reputação de alto nível, reconhecida internacionalmente. Não merece esse tratamento. Detalhe: a Constituição Federal assegura o direito à informação. Osmar Terra joga contra o texto constitucional.

Provavelmente, vai pintar mais um recuo na série de decisões desse tipo na administração Bolsonaro.

*

Movimento pendular

No seu melhor estilo morde e assopra, o presidente Jair Bolsonaro se reuniu hoje com chefes de outros poderes e falou num pacto pró-desenvolvimento.

Obviamente, é uma tentativa de colocar panos quentes após estimular os atos de domingo que demonizaram o Congresso Nacional, o Supremo Tribunal Federal e a política _apesar de ele próprio ser um político tradicional que foi deputado federal por 27 anos.

É preciso aguardar os frutos dessa tentativa de pacto. Por ora, é um gesto correto de tentar diminuir hostilidades que só atrapalham o país.

Ouça o comentário feito hoje no “Jornal da CBN – 2ª Edição”:

Comentários
5
  1. walter disse:

    O Kennedy, o ministro Osmar terra, esta sendo cuidadoso, não tem como contestar a pesquisa da Fiocruz, mas pode fazer verificações relevantes, do que há no mundo, neste sentido; não tem poderes para ignorar o engavetar simplesmente…terá que levar fatos ao presidente…sobre o pacto, com os três poderes, que se diga de passagem, ali ninguém pode ignorar a insatisfação da população; vale seguir com a reforma, deve ser um compromisso escrito, para acabarem com o disse me disse; deve ser uma conquista, esta prática, daqui para a frente…finalmente caro, vamos ver se o pacote caminha; o País, não tem mais lenha para queimar…

  2. Concordo totalmente com sua opinião Kennedy, realmente um absurdo isso acontecer em pleno século 21, e ainda mais nos dias de hoje.

  3. Wellington Alves disse:

    Você só pode questionar um estudo científico se tem um estudo que afirme o contrário, também científico. Não existe essa de não acreditar. Não é religião.
    Apesar que, com o apego as mitologias que esse governo está promovendo, estão agindo mesmo como inquisidores fanáticos.

  4. Lauro Vieira disse:

    Sobre o Pacto, como pode uma coisa dessas, o próprio Toffoli, organizar/propor um pacto, sendo ele o representante defensor da Constituinte. O Bolsonaro vai pedir a ele deixe passar as suas inconstitucionalidades?
    Fosse um pacto com os presidentes do legislativo e executivo seria algo bastante compreensivo, mas o Toffoli no meio, onde vamos parar?

  5. elias marinho disse:

    Considerando se tratar de um ministro de Bolsonaro, só podia pensar na mesma linha do Chefe, afinal de contas ele já disse que quem não seguir a linha dele: “ai fica dificil”

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados

Não serão liberados comentários com ofensas, afirmações levianas, preconceito e linguagem agressiva, grosseira e obscena, bem como calúnia, injúria ou difamação. Não publicaremos links para outras páginas devido à impossibilidade de checar cada um deles.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

 
2019-10-14 16:16:39