aki

cadastre-se aqui
aki
Política
16-08-2018, 14h13

Moro e MPF fazem Operação Delenda Carthago contra Lula

Ações visam calar e isolar ex-presidente na eleição
27

KENNEDY ALENCAR
SÃO PAULO

Em manifestações recentes, o juiz Sergio Moro e o Ministério Público Federal reforçaram mais uma vez a percepção de que tratam o ex-presidente Lula com parcialidade. Atuam como se fosse necessário destruir Lula, uma espécie de Operação Delenda Carthago.

Moro quer adiar depoimentos de Lula à Justiça para depois do segundo turno das eleições. Procuradores da República apresentaram reclamação à Justiça de que o ex-presidente teria transformado a cela na Superintendência da Polícia Federal de Curitiba num comitê político.

Moro e o MP erram. Abrem nova brecha para serem acusados de perseguir Lula.

Afinal, o que o ex-presidente poderia dizer a ponto de causar um impacto eleitoral que possa ser considerado danoso pelo juiz federal? Se é algo tão bombástico, há interesse público, o que justificaria o depoimento em período eleitoral.

Criminosos com sentença transitada em julgado já deram entrevistas da cadeia. Para Moro, Lula não pode ser ouvido durante a eleição num processo em que terá de responder a acusações criminais. O Ministério Público está preocupado com um suposto excesso de visitas do ex-prefeito Fernando Haddad e da senadora Gleisi Hoffman.

Enquanto o PCC comanda o crime organizado de dentro da cadeia, procuradores da República estão horrorizados com as conversas políticas que um político tem com outros políticos autorizados a visitá-lo na prisão.

O procurador Deltan Dallagnol, que faz política divulgando um vídeo por semana com críticas ao Congresso e aos políticos, está incomodado com ações políticas de um político. Parece brincadeira, mas esse tipo de atitude reforça a narrativa de que Lula é vítima de perseguição.

Seria importante ouvir o que ex-presidente tem a dizer, seja numa entrevista autorizada pela Justiça, seja num depoimento a um processo ao qual responde.

O petista não está acima da lei. Tampouco está abaixo. Gostem ou não dele, é um personagem da nossa história. Se participa hoje do jogo eleitoral mesmo preso, isso decorre do peso expressivo num setor da sociedade. Ele é uma força política e social que não pode ser ignorada.

Se Lula cometeu um crime, que pague por isso. Se há abusos nas visitas em Curitiba, que sejam reavaliadas.

Mas tentar calar Lula é interferir no processo eleitoral e no debate público brasileiro. A sentença que o ex-presidente cumpre não lhe tirou os direitos políticos nem lhe ceifou a voz. Ele, inclusive, contesta a possibilidade de inelegibilidade, a sentença e a própria prisão. Está numa fase em que tem direito de recorrer. Não há pena que o obrigue a ficar calado, incomunicável e isolado de outras pessoas.

Com um Judiciário e um Ministério Público que agem abertamente de forma política, é absurda a queixa de que um político esteja fazendo política ainda que de forma limitada por estar na cadeia. O nome disso é autoritarismo.

*

Sem surpresa

Ao registrar Lula, o PT cumpre a sua estratégia eleitoral. O Ministério Público e o Judiciário agiram como já era esperado. Vão acelerar o julgamento de eventual inelegibilidade. Farão um favor ao Plano B petista.

*

Tá certo

O Facebook acerta ao tirar páginas do ar que espalham fake news. A empresa não é apenas uma plataforma tecnológica. É uma companhia de mídia. Tem de ter responsabilidade pelo que divulga.

Não se trata de questão ideológica _de tirar do ar páginas de direita ou de esquerda. Mas de suprimir páginas que mentem, páginas de fake news. É preciso combater o anonimato, pessoas que tentam se passar por outras e supostos movimentos sociais que só fazem mentir, difamar, injuriar e caluniar.

Ouça os comentários feitos ontem no “Jornal da CBN – 2ª Edição”:

Comentários
27
  1. Andre Castanho Xavier disse:

    Kennedy, admiro demais a sua forma profissional de exercer o jornalismo. Você é exemplo de responsabilidade e ética na informação numa época em que está cada vez mais difícil encontrar pessoas comprometidas com a verdade e a imparcialidade.
    Parabéns pelo trabalho de sempre.

  2. Miguel Angelo disse:

    Sinceramente debater Lula, sua prisão e a eleição, começou virar a história de quem nasceu primeiro o ovo ou a galinha. Nesta loucura, mesmo não tendo lado político, tem que se rir da situação da lógica. Oras! Embasados em comentários de jornalistas investigativos de renome, entre eles, Rei Azevedo e o Kennedy. Sabe-se que Moro prendeu o Lula sem provas. Isto é fato. Aí se discute a inelegibilidade. Pouco importante, aparentemente, sua soltura toma um segundo plano. Há a parcialidade? Claro que sim! Se a Curitiba é cega para ver isto. O povo não precisa também perder os olhos para tal condição. Porque se continuar a tentar? Certo? Errado? Perguntamos? E se alguém vira para mídia agora e diz que mentiu e montou provas porque Curitiba quis assim? Que é possível. Já que provas para Lava Jato são anotações, apelidos, planilhas …

  3. Miguel Angelo disse:

    … (confiáveis – ninguém discutiu o momento de produção – se há sustentação do arquivo com veracidade dos arquivos não terem sido criados após alteração da data no sistema do computador) e muito trololó de desesperados. Só porque Moro e a segunda instância parcializaram sua decisão. Com base em nada, pelo conjunto da “obra”. Não pode o ex-presidente discutir se é o ovo ou a galinha da situação? Com isto. Só geram evidências de sua parcialidade bem como ligam o farol que estão defendendo interesses não do Brasil e sim de grupos por trás da cortina da vergonha do judiciário brasileiro.
    Torço mesmo para que o PT ainda tenha juízo (já que não tem juiz e nem Ministro, mesmo nomeando alguns) e apoie o Ciro. Quem sabe que a Marina tenha seus motivos e não queira mais ser Presidente. E juntos, acabem com tudo isto no primeiro turno.

  4. mario perz disse:

    Perfeito, Kennedy, você é um verdadeiro profissional da imprensa, sem rabo preso com ninguém, os brasileiros deveriam abandonar essa tese de que apenas uma rede de televisão é a que pode dar opinião verdadeira, tornam todos burros e o pior é essa classe mais privilegiada do país que quer mandar a qualquer custo nos destinos do país, Lulla tem os direitos açoitados pelo PGR, STF. etc.. e esses juízes e procuradores, o povo não pode permitir isto!

  5. Hermógenes disse:

    Concordo com que o tratamento seja imparcial, inclusive no local do cumprimento da pena. Por que essa excepcionalidade para um criminoso comum, já condenado por colegiado? Enviem-no logo para um presídio comum, para os braços dos companheiros fora da Lei.
    Mas, se o Judiciário acertou em manter o Lula preso na PF, para preservar alguma coisa da dignidade do cargo manchado, por que estaria errado em adiar seu depoimento, para preservar o processo eleitoral de mais confusão? Ou o Lula merece tratamento especial e os cidadãos de bem que se danem? Já não basta o desgaste do Judiciário que o PT está causando com infindáveis idas e vindas atrás de habeas corpus? Tomara que a sua voz seja calada logo pelo próprio povo, nas urnas, e numa administração honesta dos próximos presidentes.

  6. CONDENADO PRESO NÃO PODE SER CANDIDATO! VIVA A LAVA JATO, DOA A QUEM DOER! disse:

    Espera aí, Kennedy: criminosos que deram entrevista na cadeia não tinham objetivo eleitoral. Se a legislação permite chegar ao ponto de se poder discutir a possibilidade de alguém condenado e preso, ser candidato a cargo de Presidente da República, é mais uma prova de como a bandidagem tomou conta do Legislativo no país – leis que deixam brechas a tal tipo de interpretação, são leis ardilosamente feitas com objetivo criminoso, rasteiro, abjeto. E juiz que se curva a tal interpretação a favor de condenado preso, é tão bandido quanto o legislador mal intencionado. O país está de ponta cabeça. No exterior devem estar abismados com tanta falta de vergonha na cara! Rui Barbosa definiu bem o que temos visto: “DE TANTO VER TRIUNFAR AS NULIDADES, DE TANTO VER PROSPERAR A DESONRA, DE TANTO VER CRESCER A INJUSTIÇA, DE TANTO VER AGIGANTAREM-SE OS PODERES NAS MÃOS DOS MAUS, O HOMEM CHEGA A DESANIMAR-SE DA VIRTUDE, A RIR-SE DA HONRA, A TER VERGONHA DE SER HONESTO”.

  7. Marcos RJ disse:

    Não sou contra nem a favor ao Lula…mas um presidiário pode se candidatar a presidente ou a qualquer cargo que seja????????

  8. mas isso é o minimo,imagina se todo presidiário resolvesse fazer oque esse presidiário pretende fazer,no máximo uma visita intima uma vez por mês e acabou.

  9. Laurindo disse:

    É escandaloso como a própria justiça não se respeita. Desce a níveis grosseiros, como se fazer justiça é brigar como qq cidadão no buteco qq da vida. Desde criança foi-me ensinado que se eu não me respeitasse todos os dias da vida, os outros muito menos me respeitariam. É exatamente assim que o judiciário brasileiro, em todas suas instâncias, se encontram. É mais uma das recentes vergonhas pela qual estamos passando em nível nacional. Essa garotada do MF, empolgada, vem comprometendo o pouco de credibilidade de que gozava nosso judiciário, como um todo.

  10. JOSE OTAVIO A SALES SALES disse:

    QUERO REGISTRAR A MINHA REAL ADMIRAÇÃO PELO EXCELENTE TRABALHO APRESENTADO NO BLOG DO KENNEDY ALENCAR!! COMENTÁRIOS INTELIGENTES QUE NOS TRAZEM MENSAGENS PRECISAS E COM MUITA COERÊNCIA!!PARABÉNS PELO BEM QUE NOS FAZEM OS SEUS PRONUNCIAMENTOS!!! J. OTÁVIO A SALES>>> JOJAND

  11. Luiz Rancan disse:

    Parabens pela correta visão da realidade discriminatória criada pelo Dalagnol, Moro e cia, que visa destruir tudo o que um governo popular fez pela classe dos deserdados.

  12. CONDENADO POR CORRUPÇÃO E LAVAGEM DE DINHEIRO JAMAIS PODERÁ VOLTAR A OCUPAR CARGO PÚBLICO! VIVA A LAVA JATO! disse:

    “Enquanto o PCC comanda o crime organizado de dentro da cadeia, procuradores da República estão horrorizados com as conversas políticas que um político tem com outros políticos autorizados a visitá-lo na prisão”, disse você, prezado e admirável Kennedy. Com todo respeito à sua opinião, acho que o corrupto que desvia, se beneficia, permite, faz vista grossa etc, “bilhões de reais” dos cofres públicos, num esquema criminoso sem precedentes, comete crime muito mais grave que os do PCC, tanto pelos valores quanto pelas consequências. Enquanto o PCC mata 10, os corruptos matam 1000! Os corruptos matam na Saúde, Educação, Segurança Pública, Saneamento Básico, Moradias, Alimentação de crianças nas escolas etc. Isso sem falar da gravidade da traição à confiança depositada em “bandidos travestidos de representantes do povo”. Não dá, Kennedy: um lula, cabral, cunha, geddel, dirceu, etc, jamais deveriam voltar a ser candidatos a cargo eletivo!

  13. No meu modo de entender, Lula continua sendo um privilegiado na sede da PF. Veja que outros presos como Sérgio Cabral, Eduardo Cunha, Geddel Vieira Lima, Antônio Palocci, etc, nem podem desfrutar do privilégio que Lula está desfrutando e são obrigados à ficarem recolhidos em penitenciárias comuns!

  14. É vergonhoso como as elites destes País, rasgam a constituição, tentando proteger suas castas dos privilégios que esgotam e exaurem a população brasileira. Não basta prender, acelerar todo o processo para “eliminar” aquele que foi o único nos últimos anos que governou para os mais pobres. Mas todo este movimento injusto, só faz nos o povo brasileiro sofrido acordar, tem que “eliminar” da face da terra. Por tudo isto é que em 2019 teremos um PRESIDENTE DA ESQUERDA, o povo unido jamais será vencido.

  15. JORGE PEREIRA SILVA disse:

    Só Kennedy para falar o que muitos simples mortais gostariam de falar, obrigado por dar voz a uma boa parte da sociedade que assiste, ouve e lê o tempo todo discursos patrióticos. No fundo ta todo mundo defendendo seus interesses, suas classes, suas categorias; povão mesmo que é bom nada. A situação do Brasil está ai escancarada para qualquer um ver, e dá uma solução. E por falar em Brasil parece que a corrupção só aumentou nos últimos anos; se o Lula ta preso e estão todos contra ele, quero nem pensar como vai ser o futuro.

  16. luiz claudio disse:

    mas é claro o cara é um presidiário condenado com um monte de inquérito nas costas ,, estourou o país economicamente e quer acabar com a pouca moral que ainda tem? isso é um absurdo …lugar de bandido é na cadeia …

  17. Pereira disse:

    Parabéns! Você falou tudo aqui, simplesmente mostra com clareza o que muitos brasileiros veem, muita perseguição e autoritarismo em cima de uma pessoa só.

  18. walter disse:

    Caro Kennedy, quem de fato levou todo o judiciário a ter tendências, se manifestar contra os abusos do lula, quiçá, de seus advogados; usam e abusam do “direito” a ter supremo direito; são ladinos, tão logo enxergam uma brecha para forçar, não tenham duvidas, o fazem sem qualquer cerimonia…”os acovardados no supremo”, mexeu com todos do judiciário; esta é uma fama que o lula conquistou; “um sujeito que não admite, se submeter a Lei”; constará em qualquer enciclopedia no futuro…Delenda Carthago, é uma palavra com força suficiente, para ser usada pelo quarto poder, mas que neste caso, não logrará êxito; o plano do Lula, é enganar, ou ludibriar, cansar mesmo a justiça; julga se dono do Brasil, continua acreditando, que é vítima, com tantos milhões a mostra…quanto ao Facebook, tem viés de esquerda; fará tudo, sem se complicar, para anular qualquer suposto Fake news, para livrar alguns mais parecidos que outros…

  19. Douglas Dogol Sucar disse:

    Vejo com muita tristeza a politização sem limites do judiciário. O objeto e fundamento categórico da justiça, é o equilíbrio dos poderes, fazer com que o que pode mais, não ter mais direitos do que o que pode menos. Passei a admirar o Lula depois do êxito do seu governo, para mim o melhor que conheci, e agora vendo o seu martírio e a maneira como é tratado pelos que representam o judiciário.

  20. […] Com um Judiciário e um Ministério Público que agem abertamente de forma política, é absurda a queixa de que um político esteja fazendo política ainda que de forma limitada por estar na cadeia. O nome disso é autoritarismo. (Conteúdo: Blog do Kennedy) […]

  21. rene disse:

    Lula illegivel por lei da ficha limpa.
    Esse lei contradicte o constituacao. Ate o ONU chegou neste conclusao. O comitê com sede em Genebra monitora a conformidade de um Estado membro com o pacto internacional sobre direitos civis e políticos, bem como um texto suplementar chamado protocolo opcional. Como o Brasil ratificou os dois textos, é tecnicamente obrigado a obedecer às conclusões do comitê.
    Mas com certeza justica vai ignorar, provando ela e parte do golpe. E qualquer kennedy, datena, carmem pode negar e ignorar fatos.
    quando
    – tem mais de 15 pessoas condenado em segunda instancia, sem ser preso.
    – casos arquivados todos os dias contra Aecio cs
    – Diretor PF nao achou correr na rua com malas e prova
    – contra Lula nao tem provas, so convicoes
    Ignorar nao faz journalistas, faz propagandistas, golpistas, facistas, etcetera
    Eu sou gringo, nao sou advogado, mas eu sabe o que e certo e o que e errado, o que e justica.
    Desafio qualquer pra entrar em discussao, mas so com fatos (provas)

  22. jose wilson gomes da silva wilson disse:

    Kennedy, sou seu fã, pois você é totalmente imparcial sou do nordeste e gosto de ouvir seus comentários, obrigado por ser esse excelente repórter pois você tem meu respeito.

  23. Adilson Dias da Silva disse:

    Fiquei muito surpreso ouvindo o Kennedy na CBN, comentários muitos verdadeiros. Temo que não ficará muito tempo no ar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados

Não serão liberados comentários com ofensas, afirmações levianas, preconceito e linguagem agressiva, grosseira e obscena, bem como calúnia, injúria ou difamação. Não publicaremos links para outras páginas devido à impossibilidade de checar cada um deles.

2020-09-24 17:33:54