aki

cadastre-se aqui
aki
Política
13-04-2016, 22h41

Pacto de Dilma é última cartada

Ministros defendiam que presidente propusesse diálogo antes
11

Kennedy Alencar
BRASÍLIA

A proposta de pacto e de diálogo com todas as forças políticas e empresariais feita hoje pela presidente Dilma Rousseff  em entrevista foi vista como uma última cartada na guerra do impeachment, mas veio tarde demais. Dilma sempre foi aconselhada por ministros a fazer uma proposta desse tipo, mas se recusava.

A oposição e partidos da base do governo que estão fechando acordo para apoiar um eventual governo Temer duvidam da sinceridade da presidente para dialogar.

Foi uma forma de a presidente mostrar que, se sobreviver ao impedimento, governaria de modo diferente do que fez nos últimos cinco anos. Mas Dilma precisaria derrotar de fato o impeachment para que pudesse prosperar qualquer proposta nesse sentido.

*

No roteiro do governo, PP, PTB e PSD liberariam seus deputados para votar como quisessem, contra ou a favor do pedido de abertura de processo de impeachment contra a presidente Dilma.

Mas os partidos acabaram decidindo pelo voto a favor do impeachment e isso dificulta a negociação que vem sendo feita pelos articuladores petistas e pelo ex-presidente Lula para oferecer ministérios e cargos em troca de apoio no plenário da Câmara.

Agora, a negociação tem de ser feita diretamente com cada deputado, não mais com as bancadas. O chamado “varejinho”, que é arriscado.

No cenário de hoje, a presidente Dilma está cada vez mais perto de perder o poder.

Assista aos temas do “SBT Brasil”:

Comentários
11
  1. CLEITON MENDES disse:

    Era uma vez uma Presidente tresloucada…

  2. ISSO É UMA VERGONHA... É PRECISO PASSAR O PAÍS A LIMPO! disse:

    Esse lula fazendo esse leilão de cargos descaradamente, dentro de um quarto de hotel, é o fim de uma era onde a baixeza, a falta de vergonha na cara, o despudoramento, a falta de honra, a desmoralização completa de um governo chegou ao ápice!
    Como pode a justiça aceitar tanta falta de vergonha na cara de membros de um governo?
    Com certeza o povo haverá de dar a resposta, nas urnas, a todos os que se venderam a esse desgoverno, votando contra o impeachment!
    As listas com os nomes desses corruptos que apoiam esse desgoverno que colocou o país atolado num verdadeiro mar de lama, serão feitas, e serão o meio de alijar para sempre esses inimigos do Brasil da política!

  3. Stanislaw: O POVO NÃO QUER MAIS "JOGO DE BARALHO"... QUER VERGONHA NA CARA! disse:

    É MUITA CARA DE PAU, NESSA ALTURA DO “JOGO DE BARALHO” (QUE É COMO ELA CONSIDERA A POLÍTICA, O GOVERNO, O PAÍS) VIR FALAR EM “PACTO”!
    O POVO NÃO QUER PACTO ENTRE QUADRILHAS, E DEIXOU ISSO BEM CLARO NAS MANIFESTAÇÕES, NÃO ACEITANDO PARTICIPAÇÕES DOS PARTIDOS POLÍTICOS!
    O POVO QUER PARTIDOS POLÍTICOS VERDADEIROS, NÃO QUADRILHAS DE ROUBADORES DOS COFRES PÚBLICOS.
    O POVO QUER REFORMAS SÉRIAS, VERDADEIRAS, MUDANÇAS DE COMPORTAMENTOS – TUDO QUE SEJA EM FAVOR DO PRINCÍPIO INDISPENSÁVEL A TODO CIDADÃO BRASILEIRO, PRINCIPALMENTE AOS QUE OCUPAM CARGO PÚBLICO: “VERGONHA NA CARA”!

  4. Durante as ultimas eleições a ex-Presidente Dilma Rousseff falou que faria o “diabo” para ganhar. E fez! O pacto foi feito com o “diabo”. Agora que vá para o inferno. E leve os “anjos caídos” do PT junto.
    Ps: Não se esqueça de levar a serpente.
    Que zika! Corrupção Mata mais que mosquita!

  5. Brasilpeão disse:

    Alguém aí quer confiar o dinheiro público na mão do PT? Alguém está satisfeito c/ a gestão da economia e dos serviços públicos atualmente?

    Alguém aí quer fazer um pacto c/ Dilma?

  6. Marco Túlio Castro disse:

    Pacto ? Faz me rir! se ela pedir um café no Planalto, o pessoal da copa diz pra ela ir lá buscar.

  7. Romanelli disse:

    PMDB, PP, PSD, PTB ..e foi c/estes ilustres q o PT conseguiu “governar” nos últimos anos. Mas q não se iludam, c/o PSDB e Marina foi, seria ou sera o mesmo.
    .
    FATO, o mod. político continua corrompido, os homens públicos continuam os mesmos e S/perspectiva, o PT ou qq outro “P” não sobrevive se não aderir direta/ou indiretamente aos esquemas
    .
    FATO – DILMA tentou exorcizar-nos os efeitos da crise de 2008. No início veio a marolinha acompanhada de medidas anticíclicas. UM SUCESSO mundial retumbante não fosse a duração da crise diante das limitações do Estado
    .
    Fora os pecados na campanha, tivemos os escândalos desnudados na L.Jato, mais os erros pela manutenção prolongada d dvs medidas q já se mostravam desgastadas desde 2013, ou os remendos casuísticos trazidos por tanto fisiologismo e, IMPORTANTE, a insatisfação de muito CACIQUE pego em flagrante
    .
    De qq forma, nada justifica o impeach, este q é um desserviço ao q a BOA POLÍTICA poderia nos, a distensão e o diálogo

    • Joaquim disse:

      Romanelli, estes pecados da campanhas nos levaram a decifit de 107bi e não vou nem falar da contabilidade criativa para fechar os outros ano, como por exemplo a venda do campo de Libra.
      E a quebra do setor elétrico? Pelo seu raciocínio a culpa deve ser apenas de São Pedro.
      Roamnelli, deixando de lado a corrupção( não vou comentar algo que já esta cristalizado na sociedade brasileira, algo que o brasileiro não irá mais aceitar independente de partido) este governo, ou melhor desgoverno é totalmente inepto, demagogo, ineficiente e atrapalhado. Incapaz de atrair investimento. As PP’s quando aconteceram foram com o nosso dinheiro e com empresas que agora estão afundadas na lava jato.
      E se colocarmos então o traquejo político ai a coisa realmente sai dos eixos, zero, zero e duplo zero.

  8. Alberto disse:

    Sentindo derrota propõe “paquito”.Desfaçatez,obviamente.Hilário.

  9. VITOR BRASI disse:

    Com todos os erros de Dilma, por que você não diz que tirar do poder um presidente eleito pelo voto popular sem que tenha havido crime de responsabilidade é golpe de Estado, Kennedy?

    Um abraço!

    • Alexandre disse:

      O Kennedy não diz isso porque ele é bem-informado e não vai falar besteira. Ele, ao contrário de vc, provavelmente leu a Constituição, a lei 1079 e o parecer do TCU sobre as pedaladas fiscais. Saia das trevas da ignorância, informe-se!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados

Não serão liberados comentários com ofensas, afirmações levianas, preconceito e linguagem agressiva, grosseira e obscena, bem como calúnia, injúria ou difamação. Não publicaremos links para outras páginas devido à impossibilidade de checar cada um deles.

2020-09-25 12:11:14