aki

cadastre-se aqui
aki
Entrevistas
31-01-2014, 11h56

Prefeitura estava ‘tomada por corrupção’, diz Haddad

Prefeito de SP diz que governa "para quem mais precisa do serviço público"
6

Ao “10 Perguntas”, o prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, diz que “a máquina pública [da capital paulistana] estava tomada por esquemas de corrupção”. Ele fez a afirmação ao responder à pergunta 2, que questionava se ele havia comprado brigas com muitos setores ao mesmo tempo e se isso era responsável pela baixa avaliação do seu governo nas pesquisas. “Não gostaria de passar meus quatro anos sendo mais um prefeito.” Afirma que comprou mais brigas quando era ministro da Educação. Na pergunta 1, diz que sua prioridade é governar “para quem mais precisa do serviço público” e que São Paulo vive uma “crise financeira há 20 anos”, o que a deixa sem capacidade de investir o necessário para atender demandas. Na pergunta 3, nega que a presidente Dilma Rousseff ou o ex-presidente Lula tenham feito pressão para ele suavizar eventual investigação de corrupção da administração anterior, de Gilberto Kassab (PSD), aliado do PT no plano federal.

Pergunta 1 – ‘SP vive crise financeira há 20 anos’

Pergunta 2 – As batalhas de Haddad

Pergunta 3 – Kassab, Dilma e Lula

Comentários
6
  1. LUIZ HIPOLITO GOMES disse:

    Parabéns Kennedy pelo seu blog e pela sua imparcialidade. Sou petista de carteirinha, mas temos de estar com os pés no chão e aceitar as críticas sejam elas positivas ou negativas. Sucesso.

  2. GILSON T BASTOS disse:

    Aqui na cidade de Naviraí eu assisto o Balanço Geral de São Paulo, além de acompanhar notícias no IG e no UOL e o que assisto e leio não condiz com o que afirma o Sr. Prefeito de São Paulo. Casos das enchentes, que se arrasta por muitos anos, mas que aconteceu no ano passado e retrasado e não foram solucionadas por essa administração. Hoje mesmo assisti o caso da Tenda em São Paulo, em pleno centro da cidade, onde moradores de rua estão largados em um espaço público, sem assistência e sem uma política do município para inserí-los na sociedade e dar-lhes cidadania. Hospitais municipais sem médicos, filas imensas e total descaso com os casos urgentes. Pessoas na iminências de perder membros ou algum sentido, até mesmo a vida, que são tratados como se fosse uma virose qualquer, sem qualquer avaliação do poder municipal para dar a devida solução. Isso acontece também em outras capitais, mas se realmente esse Sr. governasse para os mais necessitados, não seria assim tão evidente. Há muito mais. Não adianta culpar os governos anteriores, tem que ter conduta e arcar com o ônus de ser prefeito de uma cidade com o maior orçamento do país, até mesmo de alguns estados brasileiros. Solucionar os problemas e quanto a corrupção, ele como agente público tem que atacar o problema se sabe que existe e criar mecanismos para que eles não aconteçam, ou está fazendo isso por estarmos em ano eleitoral.

    • Carlos Cwb disse:

      Tá. E você acha que o novo prefeito, em pouco mais de um ano, resolve um problema que se arrasta há décadas, devido ao descaso de governos anteriores?
      Se fosse fácil, até você faria…

  3. Zenon Ferreira dos Santos disse:

    Se o senhor prefeito Haddad afirma que a Prefeitura de São Paulo-Capital, estava tomada por esquema de corrupção; que a presidente Dilma e o ex-Lula deixou-o à vontade para tomar a decisão de mandar investigar a fundo essa tal de roubalheira, praticada na gestão de Kassab, por que ele não toma a iniciativa de fazer uma devassa nas contas da entidade.Eu já vi esse filme nos anos 60 na prefeitura de Itabuna-Ba.O prefeito da época, foi impedido, pelos deputados estadual, de efetuar uma investigação policial.

  4. Deborah disse:

    Balanço Geral como referência…

  5. gesiel disse:

    E’ VERDADE. E isso se deve porque TAMBÉM NÃO TINHA CPIs NA PREFEITURA nos mandatos do Serra do PSDB e do KASSAB do DEMO; “”COMO TAMBÉM NÃO TEM CPIs no governo do estado de São Paulo”””. Por isso, é preciso QUE O ALCKMIN NÃO SEJA REELEITO, para que haja CPIs no governo do estado de São Paulo, COMO JA TEM NO GOVERNO FEDERAL e NA PREFEITURA”, de forma “QUE NÓS POSSAMOS SABER O QUE O GOVERNO DE SÃO PAULO FAZ COM O DINHEIRO PUBLICO”. Não precisa ninguém votar no Padilha do PT, mas votar no Alckmin, significa APOIAR A PRATICA do PSDB DE NÃO DEIXAR FAZER CPIs e NÃO PRESTAR CONTA AO POVO, sobre o dinheiro publico em São Paulo. O povo disse NÃO AO SERRA, e foi desmantelada uma quadrilha na prefeitura de São Paulo, que DESVIOU MAIS de 500 milhões. E’ preciso que SE INVESTIGUE O GOVERNO DO ESTADO para ver se não houve desvio também, e isso só será possivel se o ALCKMIN NÃO ESTIVER MAIS LÁ.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados

Não serão liberados comentários com ofensas, afirmações levianas, preconceito e linguagem agressiva, grosseira e obscena, bem como calúnia, injúria ou difamação. Não publicaremos links para outras páginas devido à impossibilidade de checar cada um deles.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

 
2019-10-21 10:07:47