aki

cadastre-se aqui
aki
Política
07-02-2014, 21h46

Pressão petista e menor dano levam João Paulo a renunciar

PT ficou em pânico com ideia de deputado deixar prisão para exercer mandato
12

Prevaleceram o pragmatismo do PT e a avaliação de menor dano a João Paulo Cunha. Essas foram as duas principais razões que levaram o ex-presidente da Câmara a renunciar ao seu mandato na noite desta sexta (07/02).

O PT pressionou João Paulo a renunciar a fim de evitar maior desgaste para o partido no ano eleitoral e no momento em que o PSDB começa a experimentar o veneno que destilou nos últimos anos contra os petistas: o mensalão tucano em Minas caminha de forma célere para ser julgado ainda neste primeiro semestre. E a Procuradoria Geral da República e o Supremo Tribunal Federal já deram sinais de que serão tão duros com o PSDB como foram com o PT.

João Paulo tentou uma articulação para adiar a abertura do processo de cassação enquanto cumpriria pena no regime semiaberto na Papuda. O presidente da Câmara, o peemedebista Henrique Eduardo Alves (RN), foi claro: daria início na próxima semana a um processo para cassar o mandato do petista, o que o deixaria, em caso de condenação, fora das eleições até 2022. Ou seja, na melhor hipótese, ele poderia tentar concorrer no pleito municipal de 2024.

Alberto Zacharias Toron, advogado de João Paulo, tentou uma última cartada. Dizer que seu cliente gostaria de sair da Papuda para exercer o mandato de deputado ao longo de dia e retornar para a cadeia à noite. A repercussão foi péssima. Essa possibilidade deixou o PT em pânico. Seria desastroso para os candidatos do partido nas eleições deste ano. O PT, então, pressionou João Paulo e obteve sucesso.

De todos os parlamentares que participaram do escândalo do mensalão, apenas José Dirceu e Roberto Jefferson foram até o final, enfrentando votações que cassaram os seus mandatos. Caíram de pé. Mas, politicamente, foram os dois que pagaram o preço mais alto.

Comentários
12
  1. Gaudêncio Leal de Brito disse:

    Penso eu que o João Paulo Cunha ao renunciar ao mandato, faz um grande favor ao Povo e ao Parlamento brasileiro. Ele nem nenhum dos mensaleiros, seja de que partido for, não tem condições de exercer nenhum mandato, até que cumpra cumpram integralmente as penas a que foram impostas pela justiça e devolvam os recursos públicos que furtaram, devidamente corrigidos. E o povo, se tiver consciência política não deve dar mais nenhum voto a essas pessoas de personalidade depravada e indigna de representar quem quer que seja.

  2. josé alex barroso leal disse:

    PT e seu falso moralismo

    É, meu amigo, foi-se o tempo (e foi-se mesmo!) em que o PT, na oposição, falava de tanta “coisa boa”, dos “projetos sociais e políticos” para mudar o País, ao mesmo tempo em que botava seus cachorros nos partidos da situação, pelos defeitos que só ele enxergava. Quando o PT estava na oposição (êta tempo bom!), todo mundo era defeituoso. Havia até os “picaretas”. Agora, vem (ou foi) o Mensalão e, com ele, as consequências desastrosas saltitam, especialmente a ética e os bons costumes.
    JP – João Paulo Cunha, agora na condição de preso efetivo da papuda, estava querendo vender a ideia de que gostaria de cumprir sua pena em dois locais: um período na Papuda e outro, na Câmara dos Deputados. Imagine que mistura impensável que nenhuma cabeça boa consegue processar bem!
    Não deu certo o infeliz plano. O PTzão entrou em cena. Mas não foi porque acha falta de ética uma pessoa ser deputado e presidiário, ao mesmo tempo.
    PTzão foi rápido no gatilho. Agiu para não prejudicar seus planos eleitorais.
    Esse PT faz mesmo escola.
    É duro enfrentar esses ‘professores’, mas é essa a nossa realidade: “se correr o bicho come; se ficar o bicho pega”!

  3. robson disse:

    Resumo da ópera:Ostracismo! Será que não vai tentar uma ação rescisória; teria o mesmo efeito de uma delação premiada. Vale lembrar, que a vaquinha é certa, ou será que vão utilizar o saldo de Delúbio.

  4. Edivelton Tadeu Mendes disse:

    A pressão petista, mostrou que o ilícito praticado pelo ex.Dep.João Paulo Cunha, era verdadeiro!

  5. Delmo Oliveira disse:

    Caro Kennedy;
    Eu votei no PT em 2002(Lula) e sinceramente até hoje me arrependo, pois acreditei no operário que vinha trazendo novos rumos para o nosso BRASIL. E o que estamos assistindo desde janeiro de 2003, quando ele chega ao Poder Central e se une ao pior da nossa política, até estourar o maior Escândalo da nossa tenra democracia, o MENSALÃO que era operado dentro da C.Civil da Presidência da República, pelo então ministro da referida pasta, José Dirceu(PT/SP). Vivemos um momento Surreal em nosso BRASIL, nossas Instituições estão desmoralizadas. E diante de tanta lambança, o ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva, começa incorporar o Falastrão/Fanfarrão e dar palpites infelizes, como os ataques aos membros do STF e desqualificar uma empresária que diz ter dado propina ao então ministro do Trabalho Carlos Lupi(PDT/RJ)etc. Precisamos dar uma resposta aos que acreditam serem os donos do nosso BRASIL. PT NUNCA MAIS!!!

  6. Martins disse:

    È um horror saber que Lula/Dirceu, montaram este escandaloso esquema para roubar o nosso rico dinheirinho , a fim de dominar o congresso, com a compra de votos.No emntanto, o mensalão continua agora , com muita mais gravidade;___são as vendas de ministérios para continuar a dominação do PT no congresso.Isto é uma vergonha!

  7. hiperboria disse:

    o pt entrega até a mãe pelo poder

  8. Onoma Entheos disse:

    Os políticos salafrários, desonestos, bandidos deveriam ter sido julgados antes, mas estão livres até hoje. Alguns deles jamais serão julgados e condenados, porque a Justiça injusta deixou prescrever seus crimes.

  9. JOEL disse:

    Àqueles que acham que só o PT aprontou, eu quero lhes dizer que seus problemas acabaram.

  10. LUGAR DE LADRÃO É NA CADEIA: DE MENDIGO A PRESIDENTE DA REPÚBLICA!!! disse:

    Essa ideia de cumprir a pena durante o dia na Câmara Federal e à noite na Penitenciária da Papuda apenas demonstra o que bandidos pensam a respeito do Congresso, do cargo de deputado, do mandato eletivo, do povo que os elegeu: consideram tudo, um nada!
    Só lhes importam seus projetos pessoais – sujos e vergonhosos!
    Perderam o senso do ridículo, do absurdo, e não enxergam que se tornaram um lixo, um zero à esquerda, ladrões safados do dinheiro público, dinheiro dos impostos pagos por um povo que trabalha 5 meses do ano só para pagar os impostos escorchantes que lhe são impostos, com um retorno vergonhoso em todas as áreas!
    É necessário, urgentemente, levar aos tribunais todos os políticos e governantes ladrões, sejam eles do PT, PSDB, DEM, PTB, PDT, PSOL, PCB ou qualquer outro partido que continua a dar abrigo a ladrões em seus quadros partidários!
    O povo precisa refletir e parar de defender político ladrão, partido de bandidos, governantes incompetentes e mentirosos e exigir que todos os ladrões do dinheiro público mofem nas cadeias!

  11. Não fosse 2014 um ano eleitoral, em que o faz qualquer coisa para permanecer no poder, duvida-se se esse desfecho feliz com a renúncia do deputado condenado pelo Supremo Tribunal Federal pelos crimes de corrupção passiva, peculato e outro crime igualmente execrável, abriria mão de continuar envergonhando e indignando a denominada Casa do Povo, que tem sido integrada, nos últimos tempos, por representantes que não fazem muita questão de exercer o dignificante cargo com o devido decoro e na forma preconizada pela Constituição Federal de ser íntegro quanto ao cumprimento das importantes funções de verdadeiros representantes do povo, inclusive tendo por escopo a exclusiva defesa do interesse público, como forma até mesmo de justificar a existência da instituição Congresso Nacional, que não deveria aceitar senão os parlamentares compromissados com a observância dos princípios da ética, moral, do decoro e da probidade. O povo precisa, com urgência, se conscientizar sobre a necessidade de varrer da vida pública não somente os homens públicos, mas, em especial, os partidos inescrupulosos, cuja ideologia programática não tem nenhum compromisso senão com o engrandecimento e crescimento da margem de domínio e de poder, inclusive fazendo coligações com partidos, para igualmente consolidarem a influência sobre os destinos da nação, sem qualquer preocupação com os interesses da sociedade. É lamentável que o país tenha chegado a nível de tamanha decadência dos princípios políticos, que põem em dúvida o futuro da tênue democracia brasileira. Compete ao povo agir com capacidade e inteligência para reverter esse processo de degradação das instituições político-democráticas. Acorda, Brasil!

  12. PRISÃO PERPÉTUA PARA LADRÃO DO DINHEIRO PÚBLICO!!! disse:

    TODOS OS MENSALEIROS ESTAREM NA CADEIA FOI O MENOR DANO PARA O PT, POIS O CHEFE DO MENSALÃO FOI BLINDADO E CONTINUA LIVRE E SOLTO, BLASFEMANDO, MENTINDO E ENGANANDO COMO SEMPRE!
    SE HOUVESSE PENA DE PRISÃO PERPÉTUA PARA LADRÃO DO DINHEIRO PÚBLICO, COM CERTEZA OS CONDENADOS DO MENSALÃO TERIAM FEITO A ” DELAÇÃO PREMIADA ” E DENUNCIADO A VERDADE SOBRE O VERDADEIRO CHEFE DO MENSALÃO, NÃO DEIXANDO O SUB-CHEFE PRESO EM SEU LUGAR!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados

Não serão liberados comentários com ofensas, afirmações levianas, preconceito e linguagem agressiva, grosseira e obscena, bem como calúnia, injúria ou difamação. Não publicaremos links para outras páginas devido à impossibilidade de checar cada um deles.

2020-09-20 14:45:10