aki

cadastre-se aqui
aki
Política
26-06-2017, 22h03

Primeira denúncia contra Temer não tem fato novo

MP e PF elencaram fatos já narrados no pedido de inquérito ao STF
5

KENNEDY ALENCAR
BRASÍLIA

A primeira denúncia apresentada pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, contra o Michel Temer não traz um fato novo em relação ao que o Ministério Público e a Polícia Federal já haviam apresentado ao inquérito que tramita contra o presidente da República no STF (Supremo Tribunal Federal).

Segundo Janot, quando Temer destacou o então deputado federal Rodrigo Rocha Loures como interlocutor do empresário Joesley Batista, houve a partir dali uma ordem para tratarem de eventual propina.

A defesa do presidente afirma que Temer destacou Rocha Loures para conversar sobre assuntos de interesse da JBS no governo e que a empresa não teve sucesso nos pleitos pretendidos. Ou seja, Temer não teria dado aval para Rocha Loures negociar propina com Joesley ou com o executivo Ricardo Saud.

No atual contexto de guerra política, essa denúncia tende a beneficiar a estratégia defesa de Temer na Câmara, pois se aguardava um fato novo que não veio _pelo menos, não nessas 60 páginas da primeira denúncia.

Ouça o comentário no “CBN Noite Total”:

Comentários
5
  1. mano disse:

    prezados: Fachin passou a guilhotina no juiz Sérgio Moro e o congresso vai passar a guilhotina no procurador geral. Gilmar vai passar a guilhotina no judiciário federal de 1º grau. “MANDA QUEM PODE E OBEDECE QUEM TEM JUÍZO DE PRIMEIRO GRAU”

  2. BRAGA - BH disse:

    Em qualquer país dito sério, uma denuncia contra o mandatário maior seria motivo de uma convulsão interna. Seja de partidários apostando numa perseguição política, seja de contrários tentando derrubar do poder aquele que acreditam ser um CORRUPTO! Em nosso país infelizmente isto não ocorre. Nosso povo dito pacifico e ordeiro aguarda a sucessão de coisas como se não tivesse nada com isso, como se estes absurdos não recaíssem todos os dias direto dentro de suas casas nos orçamentos e contas de suas famílias. Triste povo alienado!

  3. Dainis KAREPOVS disse:

    Acho que os fatos são o suficientemente graves para se processar o usurpador Temer. Fato novo penso que seja a pressão que o usurpador tenta fazer, com o anódino consentimento da mídia, para se livrar de processos.

  4. O POVO QUER A LADRÃOZADA NA CADEIA, SEJA DE QUE QUADRILHA FOR, DOA A QUEM DOER! VIVA A LAVA JATO! disse:

    É muita falta de vergonha na cara tentar refutar o que as gravações mostram claramente: Temer é corrupto e é vergonhoso ver deputados querendo defendê-lo do indefensável. Aliás não só defender Temer, mas Aécio também, diante das gravações estarrecedoras divulgadas à exaustão por todas as emissoras de televisão, jornais etc. É querer menosprezar a inteligência dos brasileiros. Esses deputados e senadores que ainda os defendem vão pagar caro nas eleições de 2018, pois o povo não aguenta mais tanta hipocrisia desses políticos. Os políticos que têm se posicionado a favor de Temer, Aécio, Lula, Jucá, Renan etc vão pagar caro nas próximas eleições pois, claramente, estão defendendo corruptos. Não entenderam ainda que bagunçaram tanto a política que, hoje, o povo não se importa de que partido é o ladrão, quer ver todo ladrão na cadeia, seja de que “quadrilha” for, o povo quer a ladrãozada na cadeia, doa a quem doer!

  5. Lourenço Teixeira Cardoso disse:

    O fato novo não está na denúncia, está no atestado da PF de não haver adulteração na gravação da conversa Joesley Temer.

Deixe uma resposta para mano Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados

Não serão liberados comentários com ofensas, afirmações levianas, preconceito e linguagem agressiva, grosseira e obscena, bem como calúnia, injúria ou difamação. Não publicaremos links para outras páginas devido à impossibilidade de checar cada um deles.

2020-09-25 01:25:37