aki

cadastre-se aqui
aki
Política
20-10-2014, 22h29

PT tenta ferir Aécio com crise de água em SP

23

Postado por: ISABELA HORTA

A falta da água em São Paulo, sobretudo na capital paulista, será um dos principais temas para a campanha da presidente Dilma Rousseff (PT) na reta final da eleição. A crise hídrica é um problema do governador Geraldo Alckmin, mas uma propaganda do PT diz que houve um erro de gerenciamento do PSDB. Os petistas tentam enfraquecer a votação de Aécio Neves (PSDB) no Estado, maior colégio eleitoral do país.

Já o PSDB veiculou uma propaganda em que há elogios de Dilma ao senador tucano em 2009, quando os dois não eram adversários na disputa eleitoral. A campanha de Aécio tenta, desta forma, neutralizar os ataques feitos pela presidente no debate do SBT na semana passada, quando ela criticou a atuação do adversário no governo de Minas Gerais.

O eleitorado mineiro tem sido duramente disputado nesta eleição. No primeiro turno, Dilma ganhou no Estado. Agora, Aécio reforçou a campanha em Minas e tentar vencer a disputa em seu berço político.

Confira o comentário:

Comentários
23
  1. Idalina Rodrigues de Araujo disse:

    Não deveria tentar ferir o Sr. Aécio e sim FERIR mesmo.
    Poxa 10 anos aqui em São Paulo e só promete e as coisas continuam na mesma,o Sr. Geraldo está equivocado em várias coisas que diz e se bem me lembro ele disse: que não haveria crise e racionamento de água em são Paulo.
    Já começou…virão palhaços no que deu vocês confiarem…agora cobrem.

    • walter.nobre disse:

      Cara, o Alkimin não é São Pedro, mesmo assim foi eleito, de forma massacrante, por ser sério e todos sabem…ele fará o necessário, para evitar a FALTA DE ÁGUA…
      Quanto a usarem contra o Aécio, a seca que assola toda a região Sudeste, é COVARDIA…se for isso, a Dilma tem culpa em dobro…falta boa fé, em certas posições.
      Estamos vivendo um momento de crise, internacional; mudanças estão ocorrendo, no mundo todo. Vamos acreditar, que o Brasil, vai sanar sua falta de agua e energia…a Dilma chegou a anunciar contas MAIS BARATA NO INICIO DO ANO; a senhora lembra…Aécio 45, e vamos em frente…

      • renato disse:

        O pt anda distribuindo panfletos com as seguintes mensagens:

        O PSDB tentou fazer de você bobo, na eleição para governador!
        Dê o troco na eleição para presidente…

        No Fim

        Não vote no Aécio

        Puro terrorismo e deslealdade por parte dessa que deveria respeitar o povo brasileiro

        Fora essa raça de ladrão

  2. Ivan Afonso do carmo disse:

    Sinceramente, o Brasil, precisa de mudanças…Mudanças, mudar para pelo menos, tentar diminuir a corrupção,quadrilhas que roubam o Brasil, na sua maior empresa de petróleo. O tesoureiro do PT o ex-tesoureiro PT, sempre a mesma História. A Petrobrás está sendo roubada por 12 anos. O chefe da casa cível do ex-presidente LULA era o chefe da quadrilha. Por que não afastar o atual ex-tesoureiro do PT. Concordo plenamente quando se diz: “Os eleitores na sua maioria pobres e desenformados votam na Dilma”. Muda Brasil

  3. lincoln andrade disse:

    Olha só KENNEDY o próximo a ser canonizado é AÉCIO, a sim você tá brincando com seus leitores.É só olhar no debate da RECORD quem atacou primeiro.

  4. JOAO ALCANTARA NETO disse:

    SE A CRISE DA AGUA, QUE É UM PROBLEMA DA FALTA DE CHUVAS ATINGISSE O PSDB, GERALDO NAO TINHA SIDO REELEITO EM PRIMEIRO TURNO, INCLUSIVE DEIXANDO O PADILHA EM 3º LUGAR, INCLUSIVE SENDO BEM VOTADO NA CAPITAL E ARREDORES. PT NAO SABE NEM CRITICAR.

  5. Djalma disse:

    Caro Kennedy,

    A rejeição de ajuda, por parte do governo São Paulo, no que diz respeito à segurança física nos episódios violentos que atormentaram a grande São Paulo, por si só, retratam o egoísmo do PSDB em relação domínio do tucanato. O Governo Federal, naquela ocasião ofereceu um contingente considerável da Força de Segurança Nacional e o governo paulista disse que não havia necessidade. Isso tudo para não mostrar fragilidade, deu no que deu. Pessoas inocentes foram mortas e vários ônibus incendiados, – o terror, lá se instalou e, mesmo assim, “tudo estava sobre controle”. Assim, do mesmo modo, acredito que foi tratado o “sistema CANTAREIRA”. Em outras circunstâncias e com outro poder institucionalizado, articulava-se A CRIAÇÃO de uma CPI e daria impeachment.

  6. Duarte disse:

    Ferido esta o Paulista que foi enganado antes das eleicoes, uma crise que ja era conhecida, mas que foi escondida da populacao para beneficiar o PSDB, em SP, agora querem fazer o mesmo para que o Aecio tenha chance no 2 turno.

  7. willians disse:

    Kennedy, de tudo isso, me chamou a atenção o seguinte: Aécio se gaba de ter conseguido sair do governo com 92% de aprovação, mas seu candidato tomou um couro e perdeu já no 1º turno agora, e justamente pro PT…Me pergunto então: seriam os eleitores de Minas, ingratos? Pq não votaram na continuidade do partido do Aécio? Não é meio estranha essa história?…Pra finalizar, pesquisa última mostrou um grande avanço da Dilma na região Sudeste (o maior colégio eleitoral do país), que pode garantir vitória a ela. Nem creio que todos que votem nela por aqui, o faça por achar que o PT é um partido honesto, ainda mais com a enxurrada de denúncias dos últimos dias…Mas, o problema pro PSDB é que ele tb aparece como corruptos, então, perde essa vantagem importante. Fora o medo que as pessoas tem do PSDB implantar o que chamam de “choque de gestão”, que geralmente significa mais aperto financeiro pras pessoas…

  8. mauro cezar disse:

    Prezado Kennedy, vamos ser justos, desde 1982, não se constrói um reservatório em São Paulo, neste período a população quase que dobrou, são péssimos administradores, vocês do famigerado “PIG” gostão de colocar panos quentes nestes aproveitadores da fé popular.

  9. Adansil disse:

    Jornalistas mineiros lançam manifesto pela reeleição de Dilma e liberdade de imprensa em Minas _

    São conhecidas por todos os mineiros e, principalmente, pelos profissionais da imprensa de Minas, as manobras de Aécio Neves para ser blindado de notícias em desagravo ao tempo em que foi governador do estado. O tucano já tentou censurar sites de busca, como Google, Yahoo! e Bing, para que não mostrassem notícias negativas sobre ele e, mais recentemente, solicitou que o Twitter divulgasse dados de 66 perfis que supostamente militam na rede contra ele. _

    Por isso, na noite no último dia 15 de outubro, cerca de 100 jornalistas se reuniram em Belo Horizonte para manifestar seu apoio à reeleição de Dilma e pela liberdade de imprensa. Na descrição do evento, chamado de “Jornalistas Com Dilma”, lê-se: “porque o primeiro compromisso de Minas é com a Liberdade”. _ .

    Ao final do encontro, os jornalistas produziram um manifesto, reproduzido abaixo, falando da diferença das coberturas dos principais veículos da mídia sobre a eleição e campanhas dos dois candidatos, e alertam para o perigo da eleição de Aécio e de suas “medidas antidemocráticas”, para toda a sociedade e, em especial para os profissionais da imprensa. _

    A presidenta Dilma já havia alertado para a blindagem que Aécio construiu para si mesmo em Minas Gerais. Na quarta-feira (15), a presidenta declarou, em coletiva de imprensa em São Paulo, que “o candidato, de fato, não está acostumado a críticas, porque, como a imprensa divulga, tinha certa blindagem quando foi governador”. _

    Aloisio Morais, ex-presidente do Sindicato dos Jornalistas Profissionais de Minas Gerais, esteve presente no encontro em Belo Horizonte e comentou, em entrevista ao Muda Mais, o episódio do desaparecimento dos documentos do Tribunal de Contas do Estado que mostram a má gestão de Aécio em Minas, citados pela presidenta Dilma no último debate. Aloísio disse que “esse é mais um episódio que mostra como aqui (em Minas Gerais) está tudo dominado pelos tucanos. O poder Legislativo, Judiciário e Executivo. Eles conseguiram influir em tudo. Mostra o descaramento de como há um complô em favor da eleição do Aécio”, declarou. _

    Veja a íntegra do Manifesto dos jornalistas mineiros pela reeleição de Dilma: _

    Alerta ao Povo Brasileiro _

    – Nós, jornalistas mineiros reunidos na noite de 15 de outubro de 2014, em Belo Horizonte, vimos manifestar à sociedade brasileira as nossas apreensões quanto ao grave momento vivido pelo país às vésperas do segundo turno das eleições presidenciais: _

    1. Estarrecida, a opinião pública mineira e brasileira deparou-se nos últimos meses com uma escalada da cobertura jornalística das eleições pelos meios de comunicação em claro favorecimento de candidaturas à Presidência da República, seja por meio da manipulação de informações políticas e econômicas, seja pela concessão de espaços generosos a um candidato em detrimento dos outros. Tais fatos, públicos e notórios, são sobejamente atestados por instituições de pesquisa e monitoramento da mídia, revelando uma tentativa de corromper a opinião pública e de decidir o resultado das urnas. _

    2. Infelizmente, tais práticas antidemocráticas, que atentam contra os princípios constitucionais da liberdade de expressão e manifestação e do direito à informação, fizeram parte do cotidiano da comunicação em Minas Gerais, atingindo nível intolerável nos governos de Aécio Neves. A atividade jornalística e a atuação dos profissionais foram diretamente atingidas pelo conluio explícito estabelecido entre o governo e os veículos de comunicação, com pressão sobre os jornalistas e a queda brutal da qualidade das informações prestadas ao cidadão mineiro sobre as atividades do governo. Tais pressões provocaram censura e mesmo demissões de profissionais e uma permanente tensão nas redações. E quebraram as históricas vocações e compromissos de Minas com a liberdade de pensamento e de ideias, traços distintivos da formação e das tradições históricas do Estado. _

    3. Diante do exposto e por dever do ofício, nós, jornalistas mineiros, alertamos a sociedade brasileira sobre os riscos que tais práticas representam para a Democracia, para o Estado de Direito e para os direitos individuais e políticos dos cidadãos. Reafirmamos que a essência da atividade do jornalista é a liberdade de expressão e manifestação, assegurando o direito da sociedade à informação, livre e plena. _

    Belo Horizonte, 15 de outubro de 2014

    • Antonio Carlos disse:

      PROFESSORES E ALUNOS DA UFF DECLARAM VOTO EM DILMA
      CARTA ABERTA
      Manifesto de Docentes e Discentes da Ciência Política da UFF em apoio à candidatura de Dilma Rousseff para a Presidência da República
      Os professores e alunos abaixo-assinados, membros do Programa de Pós-Graduação em Ciência Política da Universidade Federal Fluminense (PPGCP/UFF), vêm a público declarar apoio à reeleição de Dilma Rousseff, candidata do Partido dos Trabalhadores (PT) ao cargo de Presidente da República.
      O comprometimento com a redução das desigualdades – concretizado pelas políticas públicas de distribuição de renda, geração de emprego e aumento salarial – representa um inegável avanço sobre a miséria estrutural do País. A candidata Dilma, herdeira deste pacto, seguiu o caminho do desenvolvimento com a inserção de setores marginalizados da população. Mesmo com os efeitos da crise econômica, sequer cogitou colocar em xeque os direitos dos trabalhadores.
      A criação de 18 novas universidades federais nos últimos 12 anos, o aumento do investimento no ensino superior e o respeito à autonomia universitária são esforços marcantes após sucessivos cortes de gastos e sucateamento perpetrado pelas gestões anteriores. Por isso, o governo Dilma é o mais capacitado para tornar realidade as promessas do novo Plano Nacional de Educação (PNE) e fazer progredir a capacitação intelectual dos brasileiros.
      Em âmbito externo, a priorização da América do Sul, América Latina e Caribe e de seus organismos regionais de integração (MERCOSUL, UNASUL, CELAC), é o reconhecimento de que um mundo multipolar favorece a inserção internacional do Brasil e dos demais países em desenvolvimento. Intensificar as relações com a União Europeia e os BRICS amplia oportunidades de cooperação em matéria científica e tecnológica. Ainda com relação ao bloco dos países emergentes, a recente atuação brasileira na criação do Banco dos BRICS demonstrou o compromisso do governo Dilma em atuar conjuntamente para mudar a arquitetura internacional.
      Em suma, nossa visão é a de que a candidata Dilma apresenta um projeto nacional consistente, que fará as conquistas atuais irem adiante. A métrica economicista não pode ser o único parâmetro do desenvolvimento. Façamos do voto em Dilma Rousseff um réquiem para a indiferença, para a miséria degradante, para a debilidade das capacidades estatais. Trata-se do melhor caminho para aprofundar a democracia brasileira.
      Niterói, 16 de outubro de 2014.

    • walter.nobre disse:

      Olha caro, o Aécio pode não ser a opção máxima; não é, o Arcanjo Gabriel…daí a esquecer o que a Dilma fez com a Petrobras, por exemplo, é de uma falta de senso…
      O PT não tem moral pra nada…estamos na lona, desacreditados no EXTERIOR, eles são a salva guarda, de qualquer País…aliás, sem EXPORTAÇÃO, não tem divisas…
      Quando um Petista fanático ESCREVE TANTO, LÁ VEM AS APELAÇÕES…porque meu caro…vc não tenta explicar, como uma Presidenta, assina um CONTRATO SEM LER….causou um prejuízo absurdo…por esta e por outras tantas; querem reelege-la…para que a Dilma não seja CASSADA, E PROCESSADA…PODE AGUARDAR, VCS NÃO TEM SAÍDA…45 na cabeça…

  10. Julio Cesar Santana disse:

    Bom dia Kennedy ! Primeiro o mercado ” marinou “, depois o mercado ” Aeciou “, agora o mercado se ferrou ! O povão quer Dilma Coração Valente ! A bolsa de valores esta apostando contra a Dilma e esta se ferrando !

  11. Aderbal moreira disse:

    Bom dia Kennedy ! Nós não podemos culpar exclusivamente São Pedro pela falta de agua em SP. É de responsabilidade do governador fazer os investimentos necessários para evitar essa situação. Em novembro o estado de SP possivelmente terá que decretar estado de calamidade pública por falta de agua.

  12. Luiz disse:

    Esta crise hídrica em SP, vem sendo alardeada pelos técnicos a 3 anos. A crise é nada mais nada menos que o exemplo prático, que se repete sempre que a iniciativa privada comanda setores essências a população. Quando não há concorrência então a coisa se escancara. Encheram os bolsos, de forma legal, e não executaram os investimentos necessários. Se chovesse seriam competentes, como não choveu o sofrimento do povo é obra do Divino. A direita mostrando, mais uma vez, sua preocupação com o bem estar social.

  13. Pelo andar da carruagem deve dar Aécio. Até mesmo porque o POVO está ansioso por mudança… Esse é um sentimento que tenho!!!! Quem está propenso a votar em branco, ou anular, ou em Dilma ou em Aécio, vai votar e não vai mudar o voto nesses últimos 4 dias.

    • gabriel disse:

      O povo quer mudança, mas que mudança, mudar o que? Quando o Brasil esteve melhor? E para quem? Quando os tucanos governaram o Brasil, a fome matava milhares crianças e jovens nordestinos, de brasileiros, em todos os estados, havia desemprego, fome, desesperança, o povo não tinha mais autoestima o Brasil era uma republiqueta de bananas, sob tutela do FMI, nunca fizeram nada para diminuir a desigualdade social, concentraram renda nas mãos dos poderosos enquanto o povo sofria as mazelas do abandono, e agora vem com essa conversa de mudança, mudança uma ova, pode haver mudança para pior.

  14. Paulo Cesar Diderot disse:

    ‘New York Times’ elogia ajuda de Cuba no combate ao ebola
    O jornal americano “The New York Times” elogiou na edição impressa desta segunda-feira (20) a “impressionante” contribuição de Cuba no combate à epidemia de ebola.
    “A impressionante contribuição de Cuba na luta contra o ebola” é o título do artigo, que destaca os médicos e enfermeiros cubanos enviados aos países da África afetados pelo ebola, apesar dos limitados recursos do país caribenho.
    “A iniciativa do governo cubano sem dúvida faz parte de seus esforços por melhorar seu status no cenário mundial, mas deve ser aplaudida e imitada”, afirma o artigo.
    “Enquanto os EUA e vários outros países ricos têm alegremente oferecido recursos, somente Cuba e umas poucas organizações não governamentais têm oferecido o que é mais necessário: profissionais médicos em campo”, defende o “Times”.
    O diário ainda pediu que os EUA cooperem com Cuba oferecendo assistência a médicos cubanos que venham a se infectar na missão.

  15. Antonio Carlos disse:

    Prezado Jornalista, não entendi!!!!
    Quer dizer que o PT tenta FERIR o Aécio?
    Dilma, diferentemente do Aécio foi “vidraça” no primeiro turno e continua sendo agora. Não é a vidraça que vai de encontro a pedra, é a pedra que vai de encontro a vidraça com o objetivo de quebra-la, o que ocorre quando a mesma é fraca.
    Mas se em 1989, quando o Lula foi vidraça do Collor, a mesma quebrou, agora foi blindada e adquiriu o poder de devolver a pedra atirada.

  16. NORBERTO FRIAS disse:

    Bem, não queria voltar ao mesmo assunto, porém, os “donos da verdade”, Dilma, pt, lula (não merece maiúscula), etc., me forçaram. O lula, para seu primeiro mandato, em campanha pelo NORDESTE, prometeu a TRANSPOSIÇÃO DO RIO SÃO FRANCISCO, para levar água aos nossos irmãos e, 10.000.000 (dez milhões) de empregos, nos primeiros quatro anos de governo. O que aconteceu? o cara se elegeu lá, e o povo continua a esperar pela tal transposição que, nem com milagre do próprio São Francisco, se conseguiria em tão pouco tempo. Afinal, será que já saiu do papel? Será que os NORDESTINOS ESQUECERAM, e vão ajudar o pt novamente? Isso nada mais é do que HUMILHAR e enganar aquela gente já tão sofrida. pt, reduto de H I P O C R I T A S ! Famintos de poder, onde querem ficar, CUSTEO QUE CUSTAR. Vai firme, Aécio, vamos cortar o mal enquanto é tempo.

  17. Alberto disse:

    Pessoal ,tenho sugestões para a culpa da falta de água em SP ; Primeiro , São Pedro , aquele petralha safado insiste em não deixar chover em SP . Segundo , os mananciais ,todos infiltrados pelo marxismo , que resistem em liberar mais água numa abusiva operação tartaruga ; e por último , os peixes , sim , esses seres bolcheviques que agem solertes e ocultos , tramando contra a sede e o banho da honrada , frágil e indefesa família paulista .

  18. SECA EM SÃO PAULO PALCO DE DISPUTA ENTRE POLÍTICOS disse:

    NÃO SE JUSTIFICA MISTURAR FALTA DE ÁGUA EM SÃO PAULO NOS PALANQUES DA CORRIDA PRESIDENCIAL, UMA VEZ QUE TRATA-SE DE UM FENÔMENO NATURAL.CLARO QUE O PROGRAMA DE GOVERNO DEVE PRIORIZAR ÁGUA, SAÚDE, EDUCAÇÃO, SANEAMENTO BÁSICO, SEGURANÇA PÚBLICA, COMBATE A CORRUPÇÃO…MAS É NECESSÁRIOS QUE JUSTIÇA SEJA FEITA, O GOVERNO PAULISTA TEM CULPA, DESSA GRAVÍSSIMA SITUAÇÃO, DE FALTA DÁGUA, POIS, SABIA DA REALIDADE DOS RESERVATÓRIOS, SABE MUITO BEM DA NECESSIDADES DA MAIORIA DA POPULAÇÃO DE SÃO PAULO, SABE MUITO BEM QUE ISSO NÃO É CASO PRA SE DISCUTIR NA HORA DA ELEIÇÃO, MAS SIM CASO SÉRIO. POIS, TRATA-SE DAS NECESSIDADES DO POVO DO SEU DIA A DIA, NÃO PODE DEIXAR PRA ÚLTIMA HORA, PRECISA CUIDAR, PREVENIR FAZER ALGUMA COISA – ISSO É UTILIDADE PÚBLICA.AGORA NÃO ADIANTE CHORAR, SE LAMENTAR E MUITO MENOS DISCURSO VAZIO. O POVO DE SÃO PAULO TEM QUE VOTAR CONSCIENTE, EM QUEM ACHAR MELHOR E PRONTO. AGORA O GOVERNO PAULISTA TEM QUE DESCRUZAR OS BRAÇOS ARREGAÇAR AS MANGAS E RESOLVER ESSA SITUAÇÃO.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados

Não serão liberados comentários com ofensas, afirmações levianas, preconceito e linguagem agressiva, grosseira e obscena, bem como calúnia, injúria ou difamação. Não publicaremos links para outras páginas devido à impossibilidade de checar cada um deles.

2020-09-28 15:43:52