aki

cadastre-se aqui
aki
Política
29-08-2014, 10h06

Recessão técnica exige propostas claras de Dilma, Marina e Aécio

22

Postado por: Daniela Martins

O comentário no “Jornal da CBN”  avaliou a declaração do vice de Marina Silva sobre a questão de propriedade do jato utilizado pela campanha do PSB. “A compra do avião não é problema nosso. Deve-se buscar os proprietários, que têm nome, sobrenome e endereço”, disse Beto Albuquerque.

Não é uma explicação suficiente. Dizer que a propriedade do avião não é problema do PSB é fugir da responsabilidade. No mínimo, o partido deve dizer que não possuía um contrato formal de uso da aeronave. Ou apresentar alguma outra documentação. Não é normal uma campanha política receber um avião como empréstimo apenas com base em acerto verbal. Marina Silva, como defensora de uma “nova política”, precisa tratar a questão com transparência, ou sofrerá prejuízo político.

Outro tema comentado foi a divulgação do resultado do PIB do segundo trimestre. O PIB encolheu por dois trimestres seguidos. Tecnicamente, o Brasil está em recessão. Mas esta é uma recessão atípica, porque o emprego continua num patamar alto. O Brasil cresceu pouco nos últimos anos e continua crescendo pouco. Este problema já está em pauta na campanha eleitoral. O dado de hoje dará ainda mais relevância à discussão, que não é boa para a presidente Dilma Rousseff.

Se o país ficar prisioneiro da armadilha do baixo crescimento com inflação alta, emprego e renda serão afetados em algum momento. O consumo das famílias ainda demonstrou algum fôlego. A indústria sofreu mais. O governo diz que os números do segundo semestre serão melhores. Mas o crescimento do ano todo deve ficar abaixo de 1%.

Um quadro de recessão dificulta ainda mais que os candidatos à Presidência assumam claramente suas propostas para a economia. Ninguém quer falar abertamente em sacrifícios nessa área. É importante o debate eleitoral mais claro sobre o tema.

Comentários
22
  1. Pasquale disse:

    Para os que querem o PT ainda,os EUA a Europa estão em crise,aqui era só uma marolinha mas com a capacidade do Manteiga:Estamos crecendo pra trás.
    A marolinha virou uma enorme onda,e agora o que faremos para crescer.
    Com certeza a Dilma não sabe,já que foi ela que fez a besteira de passar a mandar no banco central e manter o Manteiga,quando o mundo sabe que ele não tem competencia.
    Vários Países de terceiro mundo estão crescendo a taxas invejáveis.
    E nós?????
    Sem crescimento não existe FUTURO.
    Por isso a economia de um país vem antes de qualquer coisa.
    Se alguem se atrever a contrariar isso,vejam o que aconteceu com a Grecia e continua a acontecer.
    Alguem falou que não merecíamos o Armínio Fraga.Falou o que não entende.
    Por isso todo cuidado é pouco quando,quando fomos eleger alguem como salvador da Pátria.
    Pois sem $$ não tem vendas,não tem produção e consequentemente não tem empregos.
    Prometer qualquer um promete,é necesssário saber se o candidato tem um mínmo de preparo para administrar o País.
    Muito cuidado na hora das promessas….

    • Helena/S.André SP disse:

      O Brasil não merece Arminio Fraga mesmo. É só ler o livro “O Brasil de bandeja” do ex-senador Lauro Campos pra se ter uma idéia das peraltices desse Armínio. Xô Arminio!

    • Napoleão T. Iuamoto disse:

      E agora o nosso Super Ministro da Fazenda fala diretamente com São Pedro, pois afirma que vamos querer que pare de chover na próxima temporada. E diz que não estamos em recessão técnica, agora ele é que define o que é recessão e não o mercado. O mercado prevê crescimento do PIB de 2015 em 1,2% e o nosso ministro de 3%. Tudo por causa das eleições, e o povo de menor poder aquisitivo é que paga, com menos saúde, educação e poder aquisitivo.

  2. Antonio Silva disse:

    A indústria brasileira tem custos 23% maiores do que a americana. O que está ocorrendo é que a produtividade no Brasil cresceu pouco; as políticas de governo na última década foram perversas para a produtividade e o investimento; o aumento do intervencionismo do governo na economia, com o uso de instrumentos discricionários que amplificaram o desastre do baixo crescimento da produtividade.

    O resultado é que o Brasil se vê alijado das cadeias globais de produção e nossa indústria se contenta em produzir para um mercado doméstico protegido.

    O aumento das restrições burocráticas e tarifárias para a importação é exemplo típico que ilustra os prejuízos para a competitividade causados pelas intervenções equivocadas do governo. Proliferam os regimes especiais, assim como restrições disfarçadas como “políticas de conteúdo nacional”.

    Políticas equivocadas pioram o crescimento o que, mantido o diagnóstico errado, leva a novas ações negativas para a produtividade e o crescimento.

    Enquanto o governo insistir em ignorar os verdadeiros problemas da economia, as perspectivas de crescimento continuarão ruins.

  3. Yanko Alves Da Silva disse:

    Se falarmos somente em macro economia, vamos nos cegar, para o que já está acontecendo aos nossos olhos. Percebo uma rotatividade muito grande de lojas abrindo e fechando em pouco tempo, em bairros de comércio tradicionais em São Paulo como, Rua Voluntários da Pátria, zona norte e diversas ruas nobres dos Jardins. Isso não é comum!! O comércio varejista está sofrendo muito mais do que a imprensa mostra ou então algo está oculto nas últimas pesquisas sobre tal atividade econômica. O crescimento pífio de 1% projetado não é real, é muito pior pois o Brasil teria um crescimento de mais de 2 ou 3% por sua inércia natural, ou seja, o governo está atrapalhando, bloqueando o crescimento natural e inercial brasileiro.

    • José Nogueira disse:

      Muito bom! Alguém sabe dizer quanto o Brasil cresceu nos anos 1990? Engraçado é que tem gente quer comparar crescimento do Brasil que faz políticas sociais com dos Países que não pensa em cidadania e, tbem se esquecem que o Brasil durante 500 anos foi roubado pelos Europeus e Americans!!! Ninguem fala do desemprego no EUA, em Portual, na Espanha e outros que eram a única oportunidade de trabalho dos brasileiros nos anos 1990, ou seja, na era TUCANA. O Aécio enche o peito para dizer de modelo de gestão em MG, fala da educação mas ninguem vê esses modelo. São Paulo e Minas estão sendo governado pelo PSDB a 20 anos e não é modelo em nada basta vê: a Saúde, a Segurança e a Educação.

      • Tiago disse:

        Realmente, a culpe é das estrelas.

      • Odair disse:

        O engraçado é querer comparar o desemprego na época do FHC com esse de agora….aquela era uma época de transição, estabilização monetária, controle de inflação e etc…..e a contabilização do desemprego era GERAL……hoje as pessoas que recebem Bolsa Familia não entram na conta de desemprego…..engraçado né? Não trabalham, ganham bolsa e por isso não são contabilizados…..fora o pessoal que “deixou” de procurar emprego tambem ficam foram dessa contagem….assim fica facil facil rapaz….logo logo vão tirar da conta do desemprego as pessoas que vão pegar o PIS todo ano……e vão colocar como criação de frente de trabalho as crianças que ganham mesada dos pais…..

  4. ANIR BATISTA BARRETO disse:

    Além do excesso do gasto público e falta de investimentos nos alicerces do setor produtivo, o governo petista voltou a cometer os erros comuns do passado, represando os preços da gasolina e da energia elétrica para conter a inflação criando uma ficção econômica. Qualquer represa quando estoura traz resultados catastróficos e como isso não terá modificação à curto prazo a situação é preocupante.

  5. gesiel disse:

    A explicação dá Marina sobre o jato é uma boa explicação. O problema é que a midia conservadora que apoiou a ditadura militar, que foi sem duvidas o “HOLOCAUSTO BRASILEIRO”; usam dois pesos e duas medidas para o PSDB e para o seus opositores. Meu, no caso do trensalão, o Alckmim do PSDB disse que “NÃO SABIA”, mas iria deixar que tudo fosse apurado. No entanto o Alckmin não demitiu o Zé Anibal, o Andreas Matarazzo e o Edson Aparecido, ACUSADOS DE ENVOLVIMENTO NESSA CORRUPÇÃO DO TRENSALÃO, e também NÃO PEDIU PARA QUE OS DEPUTADOS ESTADUAIS DO PSDB deixassem abrir a CPI do Trensalão na alesp. Nesse caso do Jato, a Marina do PSB também disse que “NÃO SABIA” de como foi a compra desse jato, mas que é a favor da apuração que ja está sendo feita pela policia federal. Ja no caso do mensalão do congresso, que foi O SEGUNDO dos mensalões, ja que o primeiro foi o mensalão mineiro que ocorreu no governo do PSDB do Eduardo Azeredo e que não foi apurado até hoje; o Lula do PT disse que “NÃO SABIA”, mas que tudo seria apurado e os responsaveis seriam punidos, mesmo que fosse preciso cortar da propria carne (cortar do proprio PT). E FOI EXATAMENTE O QUE ACONTECEU, pois dos 22 condenados 4 petistas também foram pra cadeia. Ou seja o “NÃO SABIA do Lula do PT” que puniu e prestou conta ao povo; ESTÁ TENDO MENOS VALOR do que o “NÃO SABIA do Alckmim do PSDB” que “NÃO PUNIU NINGUÉM E SEQUER DEMITIU OS ACUSADOS DE CORRUPÇÃO”; e do que o “NÃO SABIA da Marina do PSB”, que PELO MENOS SE MOSTRA COM VONTADE DE AJUDAR A FAZER JUSTIÇA. No caso da petrobras, a Dilma do PT também disse que o MINISTERIO PUBLICO E A POLICIA FEDERAL ja estavam apurando o caso de pasedina, como diz agora a Marina no caso do Jato; mas o clamor da midia conservadora e do PSDB foi de que houvesse também as CPIs da petrobras. Contudo, quem precisa EXPLICAR MESMO é o Aecio Neves do PSDB, pois mesmo ja figurando como CARTA FORA DO BARALHO DA DISPUTA PRESIDENCIAL, deve sim prestar conta a sociedade sobre o porquê pagou com o dinheiro do estado de Minas 1.000.000 de reais pelas terras do proprio tio dele, quando informações dão conta de que elas valeriam no maximo 250.000 reais.

  6. Orlando Cardoso disse:

    Jose Nogueira, sempre olhando no retrovisor para querer justificar o desastre do governo atual.Estou em dúvida, se defendo Brizola, Quércia, Lulla e outros, pois os anos 90 estão distantes e não estou vendo propaganda desses candidatos.
    Em tempo: O governo FHC estabilizou a economia, definiu novas regras para uma economia moderna, implantou a maioria das ações sóciais que estão aí até hoje, e o crescimento econômico foi maior do que de Dilma, mesmo pegando uma economia toda destroçada.
    Porém, o momento é se discutir 2014 e o futuro, e não anos 90, pois se assim for quero discutir também Juscelino, Getúlio, Jânio, governos militares.
    O futuro do Brasil não existe com PT, LUlla e Dilma.

    • Nuno disse:

      Orlando Cardoso, o professor de filosofia Fernando Henrique Cardoso, que pouco deu aula como professor substituto, e NUNCA HAVIA ADMINISTRADO NADA, recebeu UMA BELA AJUDA de membros da sociedade para não acabar de destruir o ja caotico governo Itamar e Collor (cassado por corrupção). Dessa ajuda surgiu o plano real, que com o apoio do presidente Itamar, e da omissão da midia, o FHC pode se apresentar como um grande ministro e um chefe de familia impoluto. O FHC ganhou a eleição RECEBENDO O GOVERNO DAS MÃOS DO ITAMAR FRANCO, com uma inflação de 1,5% e o dollar valendo 1 real. Depois de 8 anos de governo o FHC do PSDB entregou o governo ao Lula do PT com uma inflação de 12%, o dollar valendo 4 reais, endividado com o FMI e com poucas empresas estatais. Tanto que NÃO CONSEGUIU FAZER O SERRA COMO SEU SUCESSOR.

    • Ancelmo Mineiro de BH/MG disse:

      Orlando se não analisares o passado como entender do presente e se prevenir para o futuro? Ou do passado só tem relevância os dos anti PT? Engraçado não vejo ninguém falando de Itamar Franco/PMDB, pai de FHC, porque será?

  7. Antonio Carlos disse:

    Quando eu leio determinadas críticas imagino que eu sou uma pessoa ingênua ou os críticos alucinados são pessoas no mínimo extremamente superficiais, para não dizer preconceituosos e mal intencionados.
    O cara escreve com a maior convicção que o País está quebrado, aí eu vou no site do Banco Mundial (que eles vão dizer que é do Lula) e vejo que o Ranking de 2014 das maiores economias do Mundo é a seguinte: 1º Estados Unidos; 2º China (quase passando o 1º) (*); 3º Índia; 4º Japão; 5º Alemanha; 6º Rússia; 7º Brasil; 8º França; 9º Inglaterra.
    (*) Seguindo a teoria dos alucinados de plantão, a situação dos USA deve ser desesperadora.
    Convém observar que no Brasil existe uma economia informal absurdamente grande, não contabilizada, é o marceneiro, a manicure, o pedreiro, o taxista, etc., que não entram no calculo do PIB. Na Holanda, até o faturamento da Red Light é contabilizado.
    Segundo eles a inflação esta altíssima, embora esteja dentro da meta. Vejam os valores reais dos últimos anos: 1999 = 9,52% (Teto da meta de 10%); 2000 = 6,59% (Teto da meta de 8%); 2001 = 8,23% (Teto da meta de 6%); 2002 = 12,53% (Teto da meta de 5,5%); 2003 = 9,3% (Teto da meta de 5,25%); 2004 = 7,6% (Teto da meta de 8%); 2005 = 5,69% (Teto da meta de 7%); 2006 = 3,14% (Teto da meta de 6,5%); 2007 = 4,46% (Teto da meta de 6,5%); 2008 = 5,90% (Teto da meta de 6,5%); 2009 = 4,31% (Teto da meta de 6,5%); 2010 = 5,91% (Teto da meta de 6,5%); 2011 = 6,50% (Teto da meta de 6,5%); 2012 = 5,84% (Teto da meta de 6,5%); 2013 = 5,91% (Teto da meta de 6,5%); nos últimos 12 meses = 6,5%.
    Depois vem outro e diz que a Mobilidade Urbana e a Educação estão muito ruins e atribuem 100% de culpa ao Governo Federal, se esquecem, ou mais provavelmente não sabem, que os maiores culpados são os Municípios e os Estados. Com relação à Saúde, a mesma coisa, 95% dos hospitais são Municipais e Estaduais, mas ainda assim o governo lançou o programa “Mais Médicos”, extremamente criticado, eu não consigo entender porque, que tem uma abrangência de atendimento de 50 milhões de pessoas, ¼ da população do Brasil.
    Criou o programa “Bolsa Família” que tirou 30 milhões de pessoas da miséria absoluta.
    Como eu já havia citado em comentário anterior, eu tenho uma empregada que está pagando menos de R$150,00 de prestação por um apartamento do “Minha Casa Minha Vida”. É a única oportunidade que ele teve, agora com 50 anos, de ter a sua casa própria e morar com dignidade.
    Na minha empresa, há 15 anos, apenas 3% dos empregados tinham carro, hoje esse percentual vai a mais de 20%. As pessoas estão vivendo melhor, gente simples, lido com eles e vejo que não têm mais os problemas do passado.
    Com o Mundo vivendo uma crise desde de 2008, numa situação onde mais de 60 milhões perderam o emprego, o Brasil criou 20 milhões de empregos, reduzindo a taxa de 13,5% em 2001, para 4,9% em 2014.
    Assisto o Programa Eleitoral e vejo obras monumentais que não são divulgadas pela Mídia e, consequentemente, o povo não toma conhecimento.
    O Brasil vai muito bem, melhorou em tudo, mas é claro que ainda existem muitas coisas a serem feitas, e a melhor maneira de chegar lá é elegermos deputados e senadores realmente voltados para o bem do Brasil.

  8. CLEITON MENDES disse:

    A Dilma tem sem dúvida a proposta mais ousada e descarada: mesmo sendo responsável pelo PIBinho,ela dirá,na propaganda eleitoral, que, se eleita no próximo ano o Mântega vai bombá-lo e seremos todos felizes para sempre!

  9. Pasquale disse:

    Aquele que não conhece a verdade é simplesmente um ignorante, mas aquele que a conhece e diz que é mentira, este é um criminoso.
    Bertold Brecht

  10. Orlando Cardoso disse:

    Nuno,

    Os seus argumentos são típicos dos companheiros petistas. Vamos esclarecer dois pontos, por enquanto:
    1- A inflação e o aumento do dólar no final do governo FHC foi simplesmente em decorrência do efeito Lulla, que juntamente com seu partido atuou para desestabilizar o governo e o país, tanto é que Lulla teve escrever a tal carta aos brasileiros, lembra-se?
    2 – FHC e o PSDb deram suporte ao governo de transição de Itamar Franco. O PT ao contrário foi um dos poucos que não aceitaram colaborar com o país, a ponto de expulsar Luisa Erondina do partido pelo fato da mesma ter aceitado ser Ministra. O PT não só votou contra o Plano Real como entrou no STF para barra-lo. Portanto, meu amigo vocês pensam que todos os brasileiros são idiotas e continuarão a acreditar em suas inverdades. A cúpula do PT está na cadeia.

    • Nuno disse:

      Orlando ENTÃO VOCÊ JA ESTÁ DEFENDENDO O GOVERNO DILMA, porque pelos seus argumentos esse FRACO INVESTIMENTO DOS EMPRESARIOSNO BRASIL, que acontece agora, pode significar que “OS EMPRESARIOS ESTÃO TEMENDO UMA VITORIA DA MARINA OU DO AECIO”. Orlando, o que eu disse ESTÁ ESTAMPADO NOS JORNAIS DA EPOCA DO FHC. Portanto, SERIA MAIS INTELIGENTE DA SUA PARTE “PESQUISAR PARA SABER SE É VERDADE OU NÃO”, ao invés de simplesmente EM NOME DE UM AMOR INCONDICIONAL AO PSDB, que você criou OUVINDO E ACREDITANDO NUM MONTE DE COISA, sem sequer parar para PENSAR SE AQUILO ERA VERDADE OU NÃO; Ficar TAXANDO QUALQUER PESSOA DE PETISTA, porque buscam a verdade ao invés de defender o que não sabe se é verdade ou não.

    • Nuno disse:

      Mais um coisa Orlando, QUE TAMBÉM ESTÁ NAS PAGINAS DOS JORNAIS DA EPOCA (1989). O PSDB TAMBÉM ERA CONTRA O PLANO REAL, como o PT FOI, pois o Mario Covas foi o terceiro na eleição contra o Lula e o Collor, e por ISSO QUERIA NOVAS ELEIÇÕES DEPOIS QUE O COLLOR FOI CASSADO. No entanto, JA USANDO O SEU ESTILO EM CIMA DO MURO, o PSDB resolveu mandar um membro INEXPRESSIVO para participar do PACTO PROPOSTO PELO ITAMAR, e foi assim que o FHC, um sujeiro INEXPRESSIVO até mesmo no PSDB, para SE BENEFICIAR OU SE DEFENDER no caso de fracasso ou sucesso do PLANO REAL, pois se DESSE ERRADO O PLANO REAL, o discurso do PSDB seria o de QUE TINHA MANDADO UM MEMBRO DO PSDB INEXPRESSIVO, pois os bons não fizeram parte do governo ITAMAR. O Sucesso do Plano real, FOI RUIM PARA O PSDB, porque o FHC TOMOU O LUGAR DO GRANDE MARIO COVAS como candidato a PRESIDENCIA. A midia da epoca plantou o terror dizendo que o LULA IRIA ACABAR COM O PLANO REAL, no entanto QUEM ACABOU COM O PLANO REAL FOI O FHC. Pesquise!

  11. Anticorrupto disse:

    Este ano o Brasil terá recessão de -0,2%. Mas como é que um país que tem tanta roubalheira pode crescer? Há três anos o corajoso senador Mário Couto, disse do Plenário do Senado em alto e bom som, que o PT já havia roubado mais de quarenta bilhões de reais. Isso há 03 anos. Imaginem de lá para cá! Sabem quantos senadores petistas e aliados o apartearam para negar e dizer que ele estava mentindo? Nenhum!!! Meus avós já me diziam: quem cala consente. Fora corruptos.

  12. Edson Marcondes disse:

    Em São Paulo o que mais tem são prédios fechados. As empresas estão demitindo funcionários, e muitas estão encerrando as atividades. A recessão chegou, salve-se quem puder !!!

Deixe uma resposta para Pasquale Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados

Não serão liberados comentários com ofensas, afirmações levianas, preconceito e linguagem agressiva, grosseira e obscena, bem como calúnia, injúria ou difamação. Não publicaremos links para outras páginas devido à impossibilidade de checar cada um deles.

2020-10-29 07:52:29