aki

cadastre-se aqui
aki
Política
07-08-2013, 3h43

Temer assume articulação política

5

A presidente Dilma Rousseff pediu ao seu vice-presidente, Michel Temer, que assumisse a articulação política do governo.

Crédito: Sergio Dutti/AE

Crédito: Sergio Dutti/AE

Os grandes temas e principais problemas ficarão a cargo do vice. Escanteada há tempo, a ministra Ideli Salvatti (Relações Institucionais) passará a ser uma coordenadora do varejo, como cuidar do cronograma de pagamento das emendas parlamentares.

Dilma decidiu que era necessária uma mudança na articulação política do governo. Ela disse a Temer que ele seria o encarregado de resolver as grandes pendências políticas entre o Congresso e o Palácio do Planalto.

A presidente prometeu dedicar mais tempo a reuniões com os líderes dos partidos aliados na Câmara e no Senado. Nesta semana, fez dois encontros desse tipo. Pretende realizá-los com regularidade. “A presidente parou de mandar recados pela Gleisi (Hoffmann, ministra da Casa Civil) e pela Ideli. Já mudou de atitude”, diz um cacique do PMDB.

 

Comentários
5
  1. Felliphe disse:

    Ou seja…. trocou 6 por meia duzia

  2. Bethânia Andrade disse:

    Michel Temer sempre fez esse papel,será que a presidente não sabia?

  3. Leandro Andrade disse:

    Toda mudança estratégica se faz necessário em qualquer instituição. E o governo parece encarar a sua articulação política com mais preocupação, acomodando membros da base e aproximando o seu grande aliado, o PMDB, das suas principais decisões. Todos sabemos que o PMDB estava cada vez mais relegado ao segundo plano e a insatisfação do partido, pelo que dizem, é geral. No caso do Michel Temmer, sua atuação estava apagadíssima e o governo quer aproximar os caciques para garantir o PLANO A: reeleger Dilma. Bom isso não é, pois o PMDB é ávido pelo poder e corremos o risco de manter as velhas moscas ao redor do bolo (que já não é mais tão novo assim).

  4. hugo marcelo disse:

    Tudo pela reeleição… Ideli só está ocupando espaço por lá… há tempos é motivo de piada… Tal qual a Miriam Belchior…

  5. Leonardo Miranda disse:

    Temer é um mal necessário. Com a saída do Palocci o Planalto ficou sem articulação con o Congresso, embora na sala ao lado, na vice-presidência, tenhamos um doutor em Congresso. O que me estranha é o tempoque foi gasto para o óbvio acontecer. É claro, essa saída não é ideal, mas é um mal necessário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados

Não serão liberados comentários com ofensas, afirmações levianas, preconceito e linguagem agressiva, grosseira e obscena, bem como calúnia, injúria ou difamação. Não publicaremos links para outras páginas devido à impossibilidade de checar cada um deles.

2020-09-30 05:23:08