aki

cadastre-se aqui
aki
Política
22-01-2018, 9h26

Temer e Torquato discutem tratamento da PF a Cabral

Tratamento desumano contraria súmula do Supremo
16

KENNEDY ALENCAR
BRASÍLIA

O presidente Michel Temer e o ministro da Justiça, Torquato Jardim, discutiram no sábado a forma como o ex-governador Sérgio Cabral foi conduzido para um exame no Instituto Médico Legal de Curitiba, de mãos algemadas e corrente nos pés.

O ministro da Justiça ficou de tomar providências sobre o tratamento contrário à súmula 11 do Supremo Tribunal Federal, que é vinculante (obriga as instâncias inferiores a obedecê-la).

Torquato cobrará do diretor-geral da Polícia Federal, Luiz Fernando Segóvia, que situações assim não se repitam. Essa súmula prevê que só é “lícito o uso de algemas em casos de resistência e de fundado receio de fuga ou de perigo à integridade física própria ou alheia” da parte do preso ou de terceiros. Uma excepcionalidade teria de ser justificada por escrito.

A Polícia Federal do Paraná disse que recorreu ao expediente para evitar agressões a Cabral ou do ex-governador a terceiros durante um momento de exposição pública. Ora, inúmeros outros presos da Lava Jato não foram tratados assim nas mesmas circunstâncias.

Cabral tinha algemas nas mãos que estavam presas a um cinto. Também possuía uma corrente nos pés. É tratamento desumano, que remete a imagens da escravidão.

A reprovação da opinião pública a Cabral, enorme em face dos crimes que ele cometeu, não justifica esse tipo de tratamento. Admitir que Cabral seja tratado assim é estimular a barbárie. É estimular que as pessoas mais pobres na periferia das grandes cidades brasileiras, especialmente jovens e negros, sejam tratadas de forma degradante pela autoridade policial.

Defender os direitos humanos de Cabral é defender os direitos humanos de todos os cidadãos. É defender a civilização.

Ouça o comentário no “Jornal da CBN”:

Comentários
16
  1. Edi Rocha disse:

    É só mais uma amostra do rumo que o país está tomando.Cabe àqueles que estão mais acima na esfera judicial coibir esse tipo de atitude. O STF está falhando muito em defender a Constituição.

  2. GETULIO GONCALVES disse:

    Não concordo com o tratamento dispensado ao ex-governador, mas gostaria que essa preocupação do presidente e seu ministro se estendesse a todos os cidadãos.

  3. Também achei um absurdo, queria que a Polícia Federal explicasse qual o risco que o preso Sergio Cabral representava naquele momento, mesmo porque estava sendo conduzido por escolta extremamente armada, tenho visto as ações da Policia Federal e em praticamente todas elas são cometidos exageros. Sergio Cabral tem que pagar pelos crimes cometidos tem, bem como todos aqueles que cometem crimes sejam pequenos ou grandes, todos são iguais perante a Lei, pelo menos está escrito na Constituição Brasileira se é que ela ainda vale alguma coisa.

  4. Dr Osmar disse:

    Um criminoso que saqueia um estado e o deixa quase falido, e centenas de pessoas sofrem as consequências e até mesmo muitos acabaram morrendo por falta de tratamento na saúde publica e outras situações, em consequência do mal investimento e até mesmo desviado dinheiro público. Dinheiro desviado, que poderia ter salvado a vida de centenas de pessoas…… Será que algemar e até mesmo acorrentar pelos pés um individuo deste é tratamento desumano ? Defender um indivíduo desta magnitude é inverter o juízo e afrouxar a moral dando benesses para corruptos !

  5. essa imundicia tinha inclusive de ir de camburão e enjaulado ate o Parana, e nao o povo ficar gastando dinheiro de jatinho.

  6. CLÁUDIO DA SILVA ROCHA disse:

    Desumano foram as mortes de milhares de Cariocas (crianças e adultos) nos hospitais Estaduais por falta de mínimos recursos causados pela corrupção perpetrada por Sérgio Cabral e seus companheiros de roubo. No Brasil, infelizmente, os políticos ainda tem a mente patrimonialista e que acham que são CIDADÃO ESPECIAIS e que uma simples algema colocada por alguns minutos são motivo de estardalhaço, e que, o episódio é tratado até com mais importância do que os crimes cometidos por aquele político…triste constatação!!!!

  7. jorge alves de souza disse:

    Jamais um representante da populacao poderia ser tratado com tanta desumanidade…..O mesmo deveria ser enviado as cortes Norte Americana que o enviariam a Guantanamo . Com umas bolas de ferro , iguais ao dos piores serem existentes na civilizacao moderna….

  8. Ton Pereira disse:

    É inegável a culpa de Sérgio Cabral e sua relação com os problemas graves que o Rio de Janeiro vem enfrentando, e que deveria ser julgado como um assassino, assim como todo corrupto, pois nos privam de segurança e saúde, o que tem relação direta com mortes, além da educação, da falta de investimentos e outros.
    Mas independente disto, e do repúdio que temos a Sérgio Cabral, o que vimos e vem de Curitiba, ao mesmo tempo que é louvável, é igualmente assustador, pois parecem possuir constituição própria, e que as leis são ditadas por eles.
    Justiça deve ser serena, imparcial, respeitosa e acima de tudo, respeitando e dentro da legalidade da lei.
    Quero ver o senhor Sérgio Cabral e sua esposa presos por muito tempo, mas o que vi a polícia federal de Curitiba fazer foi lamentável.

  9. QUELUZ SARMENTO VILELA disse:

    Segue o texto da médica em resposta à mãe do Cabral
    Dona Magaly Cabral,
    Também sou mãe. E nas horas vagas sou médica. Trabalho em um hospital público. De uma universidade. Estadual. No Rio de Janeiro. Como tal, assisti impotente, a uma enxurrada de solicitações de medicações essenciais para a vida de milhares de pessoas serem negada por falta de compra. Vi, aterrorizada, centenas de leitos serem fechados no HUPE por falta de repasse de verba. E tive desesperada, que negar admissões e internações justamente por falta de leitos.
    O que durante algum tempo parecia ocorrer pela crise financeira se mostrou uma farsa.
    Descobri perplexa, que o dinheiro de merenda escolar e remédio era desviado para que o governador do Estado e sua esposa advogada esbanjassem em iate, quadros, viagens com fotos cafonas, joias e privada automatizada.
    E, não por acaso, este senhor era seu filho.
    Desculpe a minha falta de empatia, mas discordo categoricamente da sua afirmação. Seu filho não “cometeu erros”. Ele

  10. Sergio disse:

    Tratamento desumano com o Cabral?,….piada, esse salafrário, pilantra, ladrão é que algemou milhares de servidores no Rio com tanta falcatrua que vez. Merecia prisão perpétua.

  11. walter disse:

    Sei bem que para você Kennedy, este assunto é um atentado fora da lei, mas este safardana, agiu contra um estado; deveria ser condenado sumariamente, a crimes hediondos…não tenho a menor complacência, este pilantra destruiu muitos sonhos; acabou com segurança pública a educação e finalmente sucateou a saúde um pouco mais…se pensarmos friamente, este homem, manipulou um estado com tantas perspectivas positivas,em função do poderio com as festas promovidas pelos jogos…enfim, não justifica, mas aquela seninha de que as algemas na perna estavam machucando, ao meu entender eram dramas para a imprensa…sou contra a tortura, e maus tratos a qualquer ser; mas este sujeito deve ser humilhado até o último dia de sua Pena…

  12. Paulo Cesar Ventura disse:

    Eu não sei o que é barbaria, super população em presídios, hospitais, sucateamento da segurança, falta de pagamento dos funcionários isso pode, colocar uma algema no causador da barbaria não pode, ele é perigoso sim! ALGEMAS SIM! Vamos parar com essa hipocrisia, rico não pode ser algemado. Não existe barbaria em algemar genocidas, temos que algemar todos sim. EXEMPLO PELA LIDERANÇA.

  13. BRAGA BH disse:

    Abriram a caixa de pandora e dela pode sair agora qualquer tipo de barbarie que a televisão mostra e diz que ta tudo bem, ta tudo certo!!

  14. José Carlos Baleixo disse:

    O problema é o tratamento ou a pessoa à quem ele foi dispensado? Basta ir à qualquer Vara Criminal, em dia de Audiência e observar. Nenhum réu preso chega sem algemas. SEMPRE há risco aos presentes. Mesmo sendo réu primário sem antecedentes criminais. Ou seja, a Súmula só vale para “crimes de colarinho branco”. Mas não são todos iguais perante a Lei?

  15. Francisco Viana disse:

    Barbárie é roubar o futuro das pessoas nobre amigo Kennedy, gente como Cabral tem que ser tratado dessa forma mesmo.

  16. NETO DE PRESO POLÍTICO disse:

    Quem merece os benefícios dos Direitos Humanos são os cidadãos de bem.
    Cadeia nesse vagabundo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados

Não serão liberados comentários com ofensas, afirmações levianas, preconceito e linguagem agressiva, grosseira e obscena, bem como calúnia, injúria ou difamação. Não publicaremos links para outras páginas devido à impossibilidade de checar cada um deles.

2020-07-15 03:15:53