aki

cadastre-se aqui
aki
Política
17-03-2014, 22h48

Dilma banca neutralidade no projeto de lei da internet

3

Na estreia desta segunda no “SBT Brasil”, os assuntos foram o saldo da reforma ministerial e o começo de uma negociação a respeito do Marco Civil da Internet entre articuladores do governo Dilma e o líder do PMDB, Eduardo Cunha (RJ), que capitaneou a rebelião na Câmara. Assista aqui

 

Comentários
3
  1. Boa sorte Kennedy, nessa mais nova empreitada. Muito bom poder ter sua opinião firme e objetiva em mais um veículo de comunicação, que seu jornalismo realizado com lisura e competência continue sendo sua marca registrada, agora nesse jornada no SBT.

  2. Parabéns. A internet deve ser tratada sempre como uma política de estado, é não de governo. Deve ser democrática, com legislação preservando os usuários; extensão do CDC; e defesa da integridade e privacidade dos dados. Poderiam os governos subsidiarem o acesso á rede nos lugares públicos. É um gol da presidente Dilma.

  3. Alexandre Tadeu Raposo disse:

    Parabéns Kennedy por estar em uns dos jornais que assisto.
    Sobre o marco zero da internet mais me parece um modo de controlar e limitar o uso da internet, dando maiores poderes ao judiciário. Caso não fosse isso por que entrariam com o projeto em caráter de urgência, impedindo os demais projetos.

Deixe uma resposta para Mario Afonso Maluf Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados

Não serão liberados comentários com ofensas, afirmações levianas, preconceito e linguagem agressiva, grosseira e obscena, bem como calúnia, injúria ou difamação. Não publicaremos links para outras páginas devido à impossibilidade de checar cada um deles.

2020-10-20 02:46:40